Você está na página 1de 16

MENU PÁS CARREGADEIRAS

LINHA C
MENU PÁS CARREGADEIRAS
LINHA C
CABOS
FLEXÍVEL O SUFICIENTE PARA
NÃO UTILIZADO RESISTIR A VIBRAÇÕES
EXTREMAS NO VEÍCULO

MENOR RESISTÊNCIA

MAIOR
RESISTÊNCIA

MULTIFILAR OU DE
SÓLIDO FIOS TORCIDOS
MENU PÁS CARREGADEIRAS
LINHA C
B
I ÁREA DO
CABO EM Classificação AWG não é
mm2 mais usada
T
O
L MENOR RESISTÊNCIA

A
FATOR DE SEGURANÇA : PARA ESCOLHER UM CABO CALCULE
S 25% A MAIS SOBRE A MÁXIMA CORRENTE QUE CIRCULA.

MAIOR RESISTÊNCIA
MENU PÁS CARREGADEIRAS
LINHA C
FUSÍVEIS

SÃO DISPOSITIVOS DE PROTEÇÃO QUE SÃO INSTALADOS NO


CIRCUITO PARA PREVENIR DANOS NOS FIOS ELÉTRICOS E
COMPONENTES.
OS FUSÍVEIS SÃO“ INTERROMPIDOS ” PELA GERAÇÃO DE CALOR.
ASSIM QUE A CORRENTE QUE FLUI PELO FUSÍVEL EXCEDE O LIMITE
DO FUSÍVEL, E GERADO CALOR QUE “ CORTA ” O FLUXO DE
CORRENTE
MENU PÁS CARREGADEIRAS
LINHA C
INTERRUPTORES

SÃO ELEMENTOS ACIONADOS MANUALMENTE.


ELES SIMPLESMENTE ABREM E FECHAM ATRAVÉS DE
CONTATOS QUE GERAM PEQUENAS RESISTÊNCIAS
MENU PÁS CARREGADEIRAS
LINHA C
INTERRUPTOR DE IGNIÇÃO
(INTERRUPTOR DE MÚLTIPLA POSIÇÃO)
MENU PÁS CARREGADEIRAS
LINHA C
SENSORES

NTC = COEFICIENTE DE TEMPERATURA NEGATIVO


MENU PÁS CARREGADEIRAS
LINHA C
RELÉ - PRINCÍPIO DE FUNCIONAMENTO

UMA CORRENTE
85 FLUINDO ATRAVÉS DA
BOBINA, PRODUZ UM
CAMPO MAGNÉTICO.
EM CONSEQUENCIA O
86 DISCO DE CONTATO É
ATRAIDO PELO NÚCLEO
DA BOBINA, DADO O
EFEITO DE IMÃ QUE SE
PRODUZ NESTE.
MENU PÁS CARREGADEIRAS
RELÉ LINHA C
- PRINCÍPIO DE FUNCIONAMENTO

ENQUANTO A BOBINA
85 PERMANECE ENERGIZADA, OS
CONTATOS MANTÉM SUA
POSIÇÃO DE ACIONAMENTO.

AO SER DESCONECTADA A
86 TENSÃO, CESSA O CAMPO
MAGNÉTICO QUE ATRAÍA O
DISCO DE CONTATO.

30 87
ESTE ENTÃO RETORNA A
SUA POSIÇÃO INICIAL POR
EFEITO DE UMA MOLA.
MENU PÁS CARREGADEIRAS
LINHA C
RELÉS = INTERRUPTOR MAGNÉTICO = SOLENÓIDE
MENU PÁS CARREGADEIRAS
LINHA C
RELÉS
NA REALIDADE O RELÉ NADA MAIS É DO QUE UM INTERRUPTOR ACIONADO
ELETROMAGNÉTICAMENTE, PARA DETERMINADAS CAPACIDADES DE LIGAÇÃO.

NA PRÁTICA UM RELÉ DEVE SATISFAZER ALGUMAS EXIGÊNCIAS:


 POUCA NECESSIDADE DE MANUTENÇÃO
 ELEVADO NÚMERO DE CONTATOS
TEMPOS CURTOS DE CONTATOS
ENERGIZA A BOBINA

87

87A
86 85
30
MENU PÁS CARREGADEIRAS
LINHA C
VANTAGENS DO RELÉ

• FÁCIL ADAPTAÇÃO A DIVERSAS TENSÕES DE OPERAÇÃO

•AMPLA INDEPENDÊNCIA TÉRMICA EM RELAÇÃO AO MEIO AMBIENTE


(EM TEMPERATURAS DE - 40 C
0
ATÉ 80ºC, OS RELÉS TRABALHAM COM

TODA SEGURANÇA)

• ALTA RESISTÊNCIA ENTRE CONTATOS DESLIGADOS

• PODEM SER COMANDADOS VÁRIOS CIRCUITOS DE CORRENTE,


INDEPENDENTES, DE MANEIRA SIMULTÂNEA
MENU PÁS CARREGADEIRAS
LINHA C
DESVANTAGENS DO RELÉ

 DESGASTE DOS CONTATOS, POR CENTELHAMENTO E TAMBÉM POR OXIDAÇÃO

 OCUPAM MUITO ESPAÇO QUANDO COMPARADOS COM OS TRANSISTORES

 SEU ACIONAMENTO PRODUZ RUÍDO

 VELOCIDADES LIMITADAS DOS CONTATOS, DE 3 À 17 M / S

 INFLUÊNCIAS EXTERNAS NOS CONTATOS, COMO POEIRA, ÁGUA, ETC ...


MENU PÁS CARREGADEIRAS
LINHA C
CLASSIFICAÇÃO DOS RELÉS

• RELÉS DE CORRENTE CONTÍNUA (NÚCLEO


MACIÇO DE FERRO)

• RELÉS DE CORRENTE ALTERNADA (ARMADURA E


NÚCLEO FORMADOS POR CHAPAS LAMELADAS)

• RELÉ DE IMPULSO DE CORRENTE


( INSTALAÇÃO PREDIAL, POR EXEMPLO ESCADAS)

• RELÉ DE REMANÊNCIA
(ELEVADO MAGNETISMO RESIDUAL, MANTÉM O RELÉ ATIVADO)

• RELÉ TEMPORIZADOR
(RETARDAMENTO DE LIGAÇÃO OU RETARDAMENTO DE DESLIGAR)

• RELÉ CONTATOR( PARA POTÊNCIAS ELEVADAS COMO


MOTORES, AQUECEDORES, ETC ...)
MENU PÁS CARREGADEIRAS
LINHA C
RELÉ DE PARTIDA
MENU PÁS CARREGADEIRAS
LINHA C
RELÉ DE COMBUSTÍVEL