Você está na página 1de 44

Tipos de manutenção de acordo com a NBR 5462

A NBR 5462 de Novembro de 1994 trata a respeito dos principais conceitos e terminologias
que rodeiam a Confiabilidade e Mantenabilidade, e dentre esses conceitos estão os tipos de
manutenção. 

Existem basicamente três tipos de manutenção:

• Manutenção corretiva (não planejada e planejada).


• Manutenção preventiva.
• Manutenção preditiva / detectiva.
Indicadores de manutenção
É impossível gerenciar um setor de manutenção sem os devidos Indicadores de
Manutenção. Um bom gestor deve estar municiado de números que refletem à realidade
do setor e com bases nesses números, tomar decisões estratégicas.

Indicadores de manutenção devem informar dados estratégicos que servirão como base
para que o gestor se apoie no processo de tomada de decisão.
Indicadores de manutenção – O que são?
Indicadores de manutenção
É importante ressaltar aqui o ciclo da informação:
Indicadores de manutenção
Não confunda indicadores com metas.
Um indicador é uma métrica. Ou seja, um indicador é um dado quantitativo que lhe
informa como está a performance de um determinado processo, ativo ou setor, quando
comparado com alguns outros dados de benchmarking. 

Você mede uma coisa para aprender algo sobre ela. Para saber o quão pesado é um item,
você o pesa. As métricas ajudam você a entender melhor uma coisa, como ela funciona e
como você precisa trabalhar com isso.
Indicadores de manutenção
Os Indicadores de Manutenção estão divididos em duas categorias principais:

 Indicadores de manutenção que evidenciam o efeito de manutenção no desempenho


dos negócios;
 Indicadores de Manutenção que estão ligados diretamente à Confiabilidade e
Disponibilidade dos ativos.


Indicadores de manutenção
Os principais Indicadores de Manutenção são:

 MTBF;
 MTTR;
 Disponibilidade Inerente;
 Confiabilidade;
 Custo de Manutenção / Faturamento;
 Custo de Manutenção / ERV;
 Custo de Manutenção/ Unidade Produzida;
 Backlog;
 HH empregado por Tipo de Manutenção;
 Fator de Produtividade da Mão de Obra;


KPi’s: Pacotes de Indicadores de Performance na
Manutenção
Os KPI’s (Keys Performance Indicators) - Indicadores Chaves de Performance são os pacotes de indicadores
que você irá usar para gerenciar a sua manutenção. 

O setor de manutenção de uma usina hidroelétrica terá KPI’s de manutenção diferentes de uma indústria
alimentícia, por exemplo.
Indicadores de manutenção - Benchmarking
É o processo de melhoria contínua pela identificação, compreensão e adaptação de práticas e
processos encontrados dentro e fora da empresa.

Consiste basicamente na comparação de resultados entre empresas e setores.


Ex da utilização do Benchmarking para obtenção de dados sobre Custos Anuais de Manutenção.
Indicadores de manutenção - MTBF
Podemos considerar que o MTBF - Tempo Médio Entre Falhas (Mean Time Between Failures) é
um dos indicadores mais importantes para o setor de manutenção.

Esse indicador consiste basicamente em medir o tempo médio entre uma falha e outra e deve
ser aplicado a cada equipamento.
Indicadores de manutenção - MTBF

Ex: Se durante um ano o equipamento operou 200 horas, depois 450 horas, depois 4000 horas e finalmente 1400 horas, o
MTBF será:
Indicadores de manutenção - MTBF
Vantagens:

1. Manutenção preventiva: O cálculo de MTBF ajuda, a identificar com clareza as ações mais
adequadas para cada máquina ou equipamento, e a definir os prazos para as inspeções
preventivas.
2. Estabelecimento de metas: É possível medir a confiabilidade dos ativos e definir metas
coerentes com a demanda de trabalho dos colaboradores.

Ex: se uma máquina possui um maior número de falhas em certa


época do ano, significa que a demanda de manutenções
preventivas precisa ser ajustada naquele período.
Indicadores de manutenção - MTBF
Vantagens:

3. Criação de processos: O cálculo de MTBF permite ter um conhecimento aprofundado


sobre as máquinas e equipamentos da empresa.

Por meio dele, você consegue controlar informações sobre:


 Os ativos que mais apresentam falhas;
 O período mais indicado para a realização de manutenções
preventivas e preditivas.

Dessa forma, o gestor consegue estabelecer processos para a empresa


e tomar decisões de forma mais assertiva.
Indicadores de manutenção - MTBF
Vantagens:

4. Identificação de padrões: Utilização dos resultados para identificar falhas recorrentes em


máquinas e equipamentos.

Com esse indicador é possível detectar padrões, como:


 Marcas e modelos de ativos com maior histórico de defeitos;
 Nomes de peças que precisam ser trocadas regularmente;
 O período de funcionamento de um ativo novo até a primeira falha;
 Se as falhas são originadas por condições de conservação.
Indicadores de manutenção - MTTR
O MTTR - Tempo Médio para Reparo (Mean Time To Repair) é um indicador menor/melhor, ou
seja, devemos trabalhar para mantê-lo baixo. Mas, com algumas ressalvas:

 Não existe uma referência de valor ideal para MTTR. Cada empresa terá equipamentos,
máquinas, situações, equipes e realidades diferentes. Portanto, terão MTTR diferentes. 
 Ao exigir que as equipes mantenham um MTTR baixo, podemos induzi-las ao erro. As
equipes podem começar a realizar as manutenções corretivas mais rapidamente, mas
negligenciando pontos importantes para eliminar a causa raiz do problema.
 Obviamente, o MTTR  é um indicador usado apenas em equipamentos reparáveis.
Indicadores de manutenção - MTTR
O MTTR é Somatório dos Tempos para Reparo (Tempo Total de Manutenção Corretiva) dividido
pelo número total de ações de manutenção corretiva durante um determinado período de
tempo.
Indicadores de manutenção - MTTR
Ex: Em uma determinada indústria de plásticos, temos uma Injetora de Plástico.
Essa injetora tem um acionamento por motor elétrico em seu sistema de injeção e esse motor elétrico apresentou
algumas falhas durante o mês.
Supervisor da Manutenção e quer saber qual o Tempo Médio para Reparo daquele determinado motor elétrico
para tomar algumas ações.

O primeiro foi levantado o número de falhas. Sendo 4 falhas durante o mês apresentadas pelo
motor.
Após isso foi levantado o tempo para reparo de cada uma dessas falhas.

Analisando as Ordens de Serviço, ele encontrou:

FALHA 1: 2 horas


FALHA 2: 8 horas
FALHA 3: 3 horas
FALHA 4: 12 horas
Indicadores de manutenção - MTTR
Indicadores de manutenção - MTTR
Mas o que fazer para tornar o número de MTTR menor? Quais medidas de manutenção devo
tomar?
Indicadores de manutenção - Disponibilidade
O MTBR e o MTTR são indicadores ligados a disponibilidade das máquinas, pois, apenas
sabendo os resultados de ambos, é possível fazer o cálculo de Disponibilidade.

Disponibilidade, é o tempo em que o equipamento, sistema ou instalação está disponível para


operar ou em condições de produzir.

A disponibilidade pode ser dividida em três tipos:

 Inerente
 Obtida
 Operacional
Indicadores de manutenção - Disponibilidade
Disponibilidade inerente: Trata-se da probabilidade de um equipamento ou máquina estar
disponível, em determinado período de tempo em uma ambiente de suporte logístico
ideal. Esse suporte logístico ideal significa disponibilidade das equipes, equipamentos,
peças e reposição, enfim, toda a logística necessária.

Disponibilidade obtida: Trata-se da probabilidade que um item estará em bom


funcionamento.

Disponibilidade operacional: A probabilidade de um sistema estar


disponível quando necessaria.
Indicadores de manutenção - Disponibilidade
A Disponibilidade Inerente é o tipo mais utilizado na gestão da manutenção. Nesse caso,
quanto maior o número de disponibilidade, melhor.

Ex: Conforme os exemplos anteriores, temos o MTBF de 1512 e o MTTR de 6,25 . Sendo
assim:
% Disponibilidade = 1512/1512+6,25 * 100 = 99,58%

Isso significa que em cada 100 vezes que acionamos o sistema, ele
provavelmente estará disponível em cerca de 99,58 das vezes.
Indicadores de manutenção - Disponibilidade
Neste nosso exemplo a disponibilidade da máquina está boa, pois, os padrões
mundiais de disponibilidade indicam que o ideal é acima de 90%

Quanto maior esse número, melhor está sendo mantida a qualidade daquele sistema
ou máquina.
Indicadores de manutenção - Disponibilidade
Mas, como aumentar a disponibilidade dos equipamentos/máquinas?

Entre as ações de manutenção que podem ser realizadas para que a disponibilidade
se eleve, estão:

 Definir, manter e acompanhar os indicadores de desempenho;


 Atualizar os cadastros de sistemas e de fichas técnicas dos equipamentos;
 Revisar os Planos de Manutenção existentes;
 Rever as Ordens de Serviço e se estão de acordo com o plano
de manutenção vigente;
Indicadores de manutenção - Disponibilidade
Mas, como aumentar a disponibilidade dos equipamentos/máquinas?

 Conduzir os planos de manutenção contemplando os dados necessários para a análise


dos indicadores, como checklists, histórico e relatórios técnicos.
 Orientar colaboradores e gerentes a fim de que o plano de manutenção seja seguido
rigorosamente;
 Organizar o almoxarifado para que as peças mais utilizadas estejam de fácil
acesso;
Tipos de manutenção - Atividade
Individualmente Responder formulário
disponibilizado no classroom e responder ao
professor.

Atentar da necessidade apresentar a memoria de


calculo em cada uma das questões.
Indicadores de manutenção - Confiabilidade
Confiabilidade é a capacidade de uma máquina ou equipamento de desempenhar uma
função requerida sob condições especificas, durante um dado intervalo de tempo.

Ou seja, quando falamos de confiabilidade sempre devemos atrelar a um período de


tempo. Por exemplo, se queremos falar da confiabilidade de uma bomba centrífuga,
devemos faze-lo da seguinte forma.

Certo: A probabilidade dessa bomba operar, de acordo com a suas especificações de


projeto, é de 99,8% nas próximas 5000 horas.

Errado: A confiabilidade dessa bomba é de 99,8%.


Indicadores de manutenção - Confiabilidade
1º Passo - Calcule o MTBF

2º Passo - Calcule a taxa de falhas

3º Passo - Calcule a confiabilidade

R: Confiabilidade
t: Tempo
e: Base dos Algoritmos Neperianos (2,71828)
λ : taxa de falhas
Indicadores de manutenção - Confiabilidade
Ex:
MTBF
 
MTBF MTBF

λ λ λ

R (t) R (100)
R (100)

A probabilidade da máquina funcionar em


perfeito estado nos próximos100 dias é de
8,21%
Indicadores de manutenção - Distribuição de Atividades
por Tipo de Manutenção
Esse indicador revela qual o percentual da aplicação de cada tipo de manutenção está
sendo desenvolvido. Nos países de primeiro mundo, considera-se que a manutenção
corretiva não planejada deve ficar restrita a, no máximo, 20%.
Indicadores de manutenção - Backlog de Manutenção
O backlog é um indicador de tempo, usado na Gestão da Manutenção. Podemos classificar
o backlog como o indicador que mede o acúmulo de atividades pendentes de finalização.

Imagine que a porta da oficina de manutenção foi fechada nesse momento. Por quanto
tempo a equipe de manutenção trabalharia para finalizar todas as pendencias que estão lá
dentro? A resposta para essa pergunta é o backlog.

Backlog não são serviços que estão atrasados, backlog é soma


da carga horária dos serviços planejados, programados,
executados e pendentes.
Indicadores de manutenção - Backlog de Manutenção
Backlog é um indicador de tempo e o seu cálculo devem ser dados em minutos, horas, dias,
semanas, meses, etc.
Indicadores de manutenção - Backlog de Manutenção
Ex: Supondo que em nosso setor de manutenção, após um levantamento foram
identificados que atualmente na carteira de atividades do setor encontram-se 120h de OS
Planejadas, 30h de OS Pendentes, 80h de OS Programadas e 160h de OS em execução. Essa
equipe conta com 18 profissionais de manutenção apresentando uma produtividade media
de 80%.

 𝐻𝐻 𝐷𝑖𝑠𝑝𝑜𝑛𝑖𝑣𝑒𝑙=144 ∗80 %=115,2 h

  Backlog = = = 3,38 semanas


Indicadores de manutenção - Backlog de Manutenção
Os objetivos do gerenciamento do backlog são:

 Gerenciamento das Ordens de Serviço.


 Desenvolvimento das ordens de serviço, preparação do trabalho e procedimentos de
reparo.
 Programação das atividades.
 Execução do trabalho e acompanhamento dos trabalhos em andamento.

Devemos nos recordar que o backlog mede o volume de


trabalho pendente de finalização. Logo, podemos usa-lo
para medir se a nossa equipe está sobrecarregada ou está
com tempo ocioso.
Indicadores de manutenção - Backlog de Manutenção
Um bom objetivo inicial para o backlog seria cerca de três a  quatro semanas (1 mês).
Indicadores de manutenção - Backlog de Manutenção
Boas Práticas para Gestão do Backlog

 Medir o Fator de Produtividade da equipe, dividindo por disciplinas e áreas de atuação


(Manutenção Mecânica, Manutenção Elétrica, Manutenção Preditiva, Solda, etc.)
 Definir quem aprovará solicitações de manutenção;
 Definir quais são os tipos e estratégias de manutenção disponíveis para trabalho;
 Medir o Backlog total;
 Medir o Backlog por disciplinas (manutenção mecânica,
manutenção elétrica, instrumentação, etc.)
 Medir o Backlog por tipos de manutenção (manutenção
preventiva, manutenção corretiva, manutenção preditiva)
 Definir uma meta para o Backlog;
Indicadores de manutenção - Custo de
Manutenção/Faturamento
Os indicadores de manutenção ligados a custo são os que tem maior notoriedade por parte
da gerência. Uma forma simples de enxergar se o setor de manutenção está fazendo uma
boa gestão financeira é conflitar o total gasto em manutenção no último ano com o
faturamento bruto da empresa.

O nome desse indicador é CMF.


Indicadores de manutenção - Custo de
Manutenção/Faturamento
Ex: Uma determinada indústria farmacêutica teve um gasto total de R$1,5 milhões com
manutenção no último ano. Esse número engloba todas as despesas com manutenções
preventivas, corretivas, preditivas, peças, materiais, serviços e mão de obra. 
No mesmo período, a empresa teve um faturamento bruto de R$30 milhões. Logo, o CMF é
de 5%.
Indicadores de manutenção - Custo de
Manutenção/Faturamento
A média brasileira para esse indicador é de 3,56%.
Ou seja, em média, 3,56% do faturamento das
empresas brasileiras é empregado em
manutenção.

No nosso exemplo, essa indústria farmacêutica


estaria gastando 5 vezes do que média das
indústrias farmacêuticas brasileiras. Conforme a
tabela:
Indicadores de manutenção - Custo de
Manutenção/ERV
Esse indicador analisa o custo de manutenção empregado em cada ativo e compara se
seria mais vantajoso continuar mantendo o ativo ou comprar um novo. 

A sigla ERV significa (Estimated Replace Value) valor Estimado de Troca. Iremos comparar o
total gasto em manutenção com o ativo no último ano com o valor de compra de um ativo
novo. 

O nome de indicador é CMPR


Indicadores de manutenção - Custo de
Manutenção/ERV
Ex: Em uma mineradora, foram gastos R$95 mil coma a manutenção de uma Retomadora
de Minério. Enquanto o valor de uma retomadora nova seria R$4,4 milhões. Logo, o CPMR
é de 2,15%.

*O valor máximo aceitável para esse


indicador é de 2,5%. Se encontrarmos um
número maior, significa que é mais
vantajoso comprar um novo equipamento
do que continuar mantendo o antigo.
Tipos de manutenção - Atividade
Individualmente Responder formulário
disponibilizado no classroom e enviar ao professor.

Atentar da necessidade apresentar a memoria de


calculo em cada uma das questões.

Você também pode gostar