Você está na página 1de 28

 A empresa deve ter uma cultura que

incentiva a pessoa, que valoriza a


mesma.
 Para ser líder é necessário
autoconhecimento.
 Promove uma relação entre a empresa
e o funcionário, com o objetivo de fazer
o funcionário dar resultado a empresa
e levar ao funcionário as necessidades
da empresa.

Empresa líder Funcionário


 A empresa deve lidar de forma
diferente com os funcionários,
percebendo que não é o controle das
pessoas que gera resultados.
 Na maioria das vezes o melhor
vendedor não é o melhor líder. Ser líder
é tomar decisões.
 A gestão de pessoas deve estabelecer
uma relação justa e saudável.
 Nas relações de trabalho não
escolhemos as pessoas, não podemos
falar o que queremos, porém deve
haver respeito. A relação no trabalho é
de profissionalismo. O problema de
uma equipe, deve ser colocado para a
equipe.
 São diversos fatores que interferem
nesta relação, alguns são controlados,
outros não.
 Temos que diminuir os impactos
daquilo que é controlado.
 Não podemos querer que as pessoas
sejam iguais dentro de uma equipe.
 Devemos parar e ouvir, dar voz a
equipe.
 Sair do lugar de fazedor e passar a ser
um pensador, discutir os porquês para
descobrir a raiz do problema.
 Ser pontual em situações especifica.
 Desenvolver não é o resultado e sim o
percurso.
 Valores pessoais:
Cada um tem seu valor
 Valores da organização:
Na maior parte não são iguais aos dos
funcionários.
 Devemos buscar um consenso, entre os
valores da empresa e4 os valores dos
funcionários.
 Quanto mais alinhados estivermos, mais
iremos nos desenvolver.
 Se eu não acredito no que a empresa
acredita isso é massacrante.
 As empresas atuais buscam o
desenvolvimento de seus funcionários,
sendo que as pessoas se desenvolvem
independente de serem lideres.
 O conhecimento se busca e a
habilidade se treina, as empresas vêm
buscando atitude.
 Os lideres tem a função de desenvolver
seus funcionários.
 A comunicação é uma via de mão
dupla, o líder faz o canal de
comunicação.
 Sempre elogiando em publico e
criticando em particular.
 Escutar sem interromper;
 Não fazer outra coisa;
 Evitar distrair;
 Permanecer focado e
 Estar focado em compreender.
 Realizar uma serie de caminhos,
sempre chegando aos resultados.
 A meta não pode ser impossível, mas
também não pode ser fácil.
 Devemos ouvir mais a equipe.
 Trazer o problema a tona, dar voz ao problema;
 Recolher todas as informações possíveis;
 Identificar as causas do problema;
 As possibilidades para solucionar;
 Descobrir nas alternativas as que são mais viáveis;
 Escolher a melhor;
 Abro um precedente para o futuro, quais as
consequências desta decisão.
 Com o tempo essas analise fica automática e
assim não nos precipitamos nas decisões.
 Quanto mais analiso, mais a chance de acertar.
 Quanto mais imediata, mais corremos o risco de
errar.
 É importante sempre medir as opções.
 Grupo – Tem objetivos comuns, o
resultado é a soma das contribuições
individuais.
 Equipe – O resultado é maior que a
soma individual, potencializa um
resultado extra.
 Qual a melhor forma, grupo ou equipe?
 Depende da situação, pois mesmo em
uma equipe podemos formar grupos
para determinadas situações, como por
exemplo, quando o tempo é pequeno.
 Quando as pessoas só fazem o que
mandamos são grupos e não equipe.
 A equipe é composta de pequenos
grupos, as equipes têm que ser
setorizadas.
 A pressão atrapalha o trabalho em
equipe.
 Uma equipe deve ser formada quando
algo novo será inserido e os
participantes ganharão conhecimento.
Estar disposto a correr risco, pois pode
dar errado da primeira vez.
 Uma equipe tolera mais, pois se
conversa sobre a forma de trabalhar.
 Inclusão

 Controle

 Abertura

 Separação
 O líder é quem mobiliza.
 Dentro de uma equipe existem papeis
deferentes.
 Alguns cumprem a tarefa de dar suporte,
o fazedor da equipe.
 Outros de manutenção, dissolvem
problemas, apaziguar contornam as
situações.
 E existem ainda os não construtivos, a
laranja podre, que atrapalha o
andamento.
 Todos grupos tem pessoas que fazem
esses pápeis.
 Temos que ser os dois.
 Gerenciar é ter controle, é operacional,
é fazer.
 Liderar é o jeito de fazer, a forma.
 O melhor é fazer o papel do gerente,
da forma que o líder faz.
 Fazer de uma forma com que as
pessoas te sigam.
 O desafio é encontrar o equilíbrio, pois
os dois não são complementarem.
 Não é um processo imposto, não precisa
ser rude.
 Temos que estar juntos, envolvidos com o
processo.
 Um líder promove.
 Mostrar o caminho a seguir, da o caminho
certo.
 Mostra os pontos a melhorar, conversa se
a pessoa concorda.
 Quanto mais envolvido a pessoa, melhor
ela vai realizar seu papel.
 Líder inseguro, vai atrapalhar a equipe.
 Sempre elogiar.
 Em alguns momentos tem que haver
ordem e comando;
 O líder pensa as alternativas;
 Ajudar a superar os obstáculos e não
expor as pessoas;
 Encorajar as pessoas;
 Fazer junto, envolver a equipe.
 Motivação = motivo / ação
 A motivação é intrínseca, conseguimos
incentivar, mas não motivar.
 Temos que tentar despertar a
motivação.
 Enxergar além dos números.
 Se você perceber a falta de motivação
e não faz nada isso não é gerenciar.
 Fazer uma lista de tudo, pessoal e
profissional.
 Agendar hora para responder emails e
whatssap.
 Se não sou vendedora não é minha
prioridade atender.
 Estabelecer os horários que estou
disponível para as pessoas.
 Reunião com ata é muito chata;
 Guardião do tempo e da pauta;
 Pensar em melhoria e
desenvolvimento;
 Não é só para reclamar.
 Embutido confiança;
 Pode virar rotina;
 Você não pode exigir que o método
seja igual e sim o resultado;
 Escolher pessoas que queira, fazer e
saibam.
 Entender o nível de responsabilidade;
 Trabalhar comportamento;
 Além dos números existem os porquês;
 Sempre particular, pois dói;
 Sempre começar com os positivos e
depois negativos;
 Tem que ser útil e imparcial;
 Não colocar seus valores;
 Nunca acusar.

Você também pode gostar