Você está na página 1de 29

UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA

ESCOLA DE MÚSICA
DISCIPLINA: Fundamentos da Educação Musical I
DOCENTE: Ms. Jaqueline Leite

TECA ALENCAR DE BRITO

Discentes: Beatriz Schramm


Jadson Matos

Salvador – BA
2019
TECA ALENCAR DE BRITO

“Uma educação musical que


privilegie a criatividade”
OBRA E VIDA
• Maria Tereza Alencar de Brito, Nasceu no dia 08/10/1954, em São
Paulo. Tendo hoje 64 anos.
• É doutora e mestre em Comunicação e Semiótica pela PUC-SP.
• Bacharel em piano.
• Licenciada em Educação Artística (habilitação em Música).
• Professora e pesquisadora no Departamento de Música da ECA-
USP.
• Criou, há 34 anos, a Teca Oficina de Música, núcleo de educação
musical em São Paulo voltado à formação de crianças, jovens e
adultos.
• Produziu sete CDs documentando o trabalho musical
desenvolvido com crianças e adolescentes: Canto do povo
daqui. Cantos de vários cantos. Nós que fizemos. Música pra
todo lado. Um bolo? Musical. Ondas e Passarinhada e Outros
voos.

• É autora de livros e vários artigos na área da Educação


Musical.

• É membro do Fórum Latino-americano de Educação Musical


(FLADEM), tendo sido representante nacional do movimento
e também vice-presidente do FLADEM Internacional. Lançou
TECA POR ELA MESMA

Teca Alencar de Brito, Doutora e Mestre em Comunicação e Semiótica


pela PUC- SP, Bacharel em Piano e Licenciada em Ed. Artística com
habilitação em Música. Professora e pesquisadora no CMU/ECA/USP,
Teca criou, há trinta e quatro anos, a Teca Oficina de Música, núcleo
de educação musical voltado à formação de crianças, adolescentes,
adultos e educadores, em São Paulo, Brasil. Autora de vários artigos e
livros, produziu oito CDs que documentam a produção musical de
crianças e adolescentes da Teca Oficina de Música.
TRAJETÓRIA
Teca iniciou os estudos de música pela prática do piano, ainda
criança. Cedo ela percebeu que o estudo rígido e tradicional do
instrumento não era o que procurava, nem o que considerava
importante para o fazer musical.
Sua professora de piano, por outro lado, deu-lhe liberdade para
descobrir e experimentar a improvisação por conta própria,
entendeu que a menina tinha condições e curiosidade para ir além
do estudo técnico do instrumento.
Teca lecionou em diversas escolas antes de ter a sua. De uma delas
foi demitida porque a coordenação disse que a escola não tinha seu
perfil. E Teca agradece a este fato, pois em outras escolas encontrou
KOELLREUTTER

Seu relacionamento com o flautista, educador, agitador cultural


e músico em geral foi fundamental. Teca estudou e trabalhou
com Koellreutter por muitos anos. Chegou a fazer uma viagem
com ele e outras (os) pesquisadoras (os)/músicas (os) para a
Índia. Teca participou desta imersão com o mestre, assistindo
aos indianos improvisar – o que lhes é culturalmente natural.
OFICINA DE MÚSICA

Em sua escola, Teca oferece liberdade para as crianças


escolherem que instrumentos querem tocar, como e quando.
Ela critica o ensino que impede que as crianças se coloquem,
exponham suas ideias, componham suas músicas. O mais
importante, segundo ela, é escutá-las, acolher suas
contribuições e trabalhar com elas a partir disso.
São processos auto poéticos, como ela diz.
ESPAÇO DE CRIAÇÃO

Hoje, Teca crê que esteja havendo um retrocesso muito


grande na educação musical. Ainda que professores usem
materiais novos, técnicas inovadoras, entre outros, raramente
há espaço para a criação. Materiais vem com instruções,
roteiros e regras. Desta forma, por mais que materiais e
técnicas sejam “modernos”, o processo é arcaico. E isso vem
aumentando dia a dia, infelizmente.
O SENTIDO DE SE FAZER MÚSICA

Crianças fazem música com letra, abrem a boca e saem


cantando. Quando a música é criada, Teca aponta o que está
ali, cria pontes com o pensamento humano de forma,
elementos, estrutura.
Nos territórios da educação musical, é preciso abrir espaço e
dar tempo para que emerjam as ideias das crianças. E não
ouvir com espírito e ouvidos já pré-estabelecidos. O que um
entende como música não é necessariamente o que
entendem os demais.
EXEMPLOS

Composição coletiva de crianças da Teca Oficina de Música ( 5


e 6 anos). Parte do cd "Um bolo... musical" gravado em 2005.

A gravação teve as participações especiais do Pedro Werneck


e da Mairah Rocha, cantando.
PRINCÍPIOS FUNDAMENTAIS

• Detectar e descobrir habilidades criativas dos alunos.


• Conhecer e avaliar o ambiente no qual o aluno está inserido
(A sensibilidade auditiva funciona ouvindo o universo dos
sons que nos cercam).
• Interdisciplinaridade (Descobrir um nexo ou ponto de
encontro onde todas as artes possam se reunir e
desenvolver harmoniosamente, tornando a aprendizagem
uma experiência multissensorial que supera a fragmentação
clássica que caracteriza a educação formal).
• A música é um meio de comunicação que se serve de uma
linguagem para comunicar à cultura novidades do pensamento.

• Apreender dos alunos o que ensinar

• Questionamento constante: PORQUÊ? (alfa e ômega; princípio e


fim da ciência e da arte)

• A atualização de conceitos musicais e o contato com a música


nova, sem negar a presença e a importância da produção
musical de todas as épocas, culturas, gêneros e estilos.
• A atualização de conceitos musicais e o contato com a
música nova, sem negar a presença e a importância da
produção musical de todas as épocas, culturas, gêneros e
estilos.

• O relacionamento e a interdependência entre a música, as


demais artes, a ciência e a vida cotidiana, entendendo que o
acontecimento musical está vinculado e conectado com o
todo do viver como, de resto, acontece com todas as
manifestações do pensamento e da cultura humana.
LIVROS:

De Roda em Roda:
Brincando e cantando no Brasil : 2013
Música na educação infantil:
Propostas para a formação integral da criança
Hans Joachim Koellreuter:
Ideias de música, de mundo e de educação: 2015
Koellreutter Educador:
O humano como objetivo da educação musical
Quantas músicas tem a música?
Ou algo estranho no museu! 2009
Um jogo chamado musica:
escuta, experiência, criação, educação: 2019
TECA OFICINA DE MÚSICA
A escola oferece cursos para crianças, adolescentes e adultos, bem como,
para educadores, destacando: Musicalização, Formação em Instrumentos
Musicais (piano, violão, guitarra, contrabaixo, flauta, bateria etc), Canto e
também Teatro para Crianças.
FORMAÇÃO EM INSTRUMENTOS MUSICAIS:

Piano, violão, guitarra, bateria, saxofone, flauta, gaita, violino,


violoncelo, contrabaixo, canto, acordeom, entre outros
instrumentos musicais.
MUSICALIZAÇÃO INFANTIL

As crianças desenvolvem atividades que incluem prática de conjunto, jogos de


improvisação e composição, elaboração de arranjos, construção de instrumentos
musicais, registro gráfico etc. trabalhando com a voz, corpo e instrumentos
musicais diversos.
CURSO DE TEATRO

Desde 2005, a escola ampliou suas atividades oferecendo também,


cursos de TEATRO para crianças e adolescentes a partir de 4 anos.
FORMAÇÃO DE PROFESSORES

Oficinas para educadores da Teca Oficina de Música podem


ser realizadas na sua escola. É possível contratar uma única
oficina ou um pacote com várias oficinas no ano.
UM DIA NA TECA OFICINA DE MÚSICA

Vivência musical, contato com diferentes instrumentos musicais.


Oficinas utilizando diversos instrumentos musicais,
apresentações e outras atividades de acordo com a faixa etária
e necessidades de cada escola.
ESPAÇO PRA DISCUSSÃO
ATIVIDADE
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

• BRITO, Teca Alencar De. Música na educação infantil: Propostas para a


formação integral das crianças. Editora Peirópolis, 2003.
• BRITO, Teca Alencar De. “O ser humano como objetivo da educação Musical”
do livro: Koellreutter Educador. Editora Peirópolis, 1999.
• Revista Crescer. Por uma vida com mais música: entrevista com Teca
Alencar de Brito. <
http://revistacrescer.globo.com/Revista/Crescer/0,,EMI127675-]10538,00-PO
R+UMA+VIDA+COM+MAIS+MUSICA+ENTREVISTA+COM+TECA+ALENCAR+
DE+BRITO.html
> Disponível Em 09/06/2019.
• Teca Oficina de Música. < https://www.tecaoficinademusica.com.br/ >