Você está na página 1de 45

CÉLULAS DO SANGUE E

HEMATOPOIESE

Prof. Marcos Correa Dias


SANGUE – FUNÇÕES GERAIS
 TRANSPORTE - Nutrientes e gases

- Produtos do metabolismo

- Metabólitos

- Hormônios e outras moléculas


sinalizadoras

- Eletrólitos (sais)
SANGUE – FUNÇÕES GERAIS
 Nutrição e eliminação de metabólitos

Hormonal (gls. endócrinas)

Regulação térmica

 Trocas gasosas (O2 e CO2)


SANGUE – FUNÇÕES GERAIS
 Defesa imunológica (LEUCÓCITOS)

Microorganismos
(QUIMIOTAXIA)
COMPOSIÇÃO SANGUÍNEA
HEMATÓCRITO
PLASMA + CÉLULAS

1%

35-50%
COMPOSIÇÃO SANGUÍNEA
(PLASMA)
90% Água

9% Proteínas (albumina,   e  globulinas e proteínas


da coagulação)

~1% Compostos orgânicos (aminoácidos, vitaminas,


hormônios, glicose

Sais inorgânicos, íons, gases


COMPOSIÇÃO SANGUÍNEA
(CÉLULAS)

CÉLULAS VERMELHAS + CÉLULAS BRANCAS

ERITRÓCITOS LEUCÓCITOS
RETICULÓCITOS

PLAQUETAS

GRANULÓCITOS AGRANULÓCITOS
Origem HEMOCITOPOESE
MEDULA ÓSSEA
MEDULA ÓSSEA VERMELHA
Crânio
Esterno
Clavícula

Costelas

Fêmur

Tíbia
MEDULA ÓSSEA VERMELHA
Células Tronco Hemocitopoéticas

• Céls. Reticulares
• Cap. Sinusóides
• Céls. Sangue
• Macrófagos

FUNÇÕES: Síntese e destruição de células sanguíneas


DIFERENCIAÇÃO

1. Céls. Tronco 2. Céls. Progenitoras


Potencialidade Mitose
Autorenovação

4. Céls. Maduras 3. Céls. Precursoras


Atividade funcional Influência dos fatores
diferenciada de crescimento
MEDULA ÓSSEA VERMELHA
Cordões de hematopoiese (4 linhagens)

ERITROPOESE
GRANULOCITOPOESE
AGRANULOCITOPOESE
PLAQUETOPOESE
ESTUDO HISTOLÓGICO
DAS CÉLULAS SANGUÍNEAS
Esfregaço histológico
CÉLULAS VERMELHAS

ERITRÓCITOS
(HEMÁCIAS)
RETICULÓCITOS
ERITRÓCITOS
Discos bicôncavos (↑superfície)

7 a 8 µm diâmetro

120 dias de vida

Flexíveis

HEMOGLOBINA
ERITRÓCITOS
FUNÇÃO: Transporte de O2 e CO2 (HEMOGLOBINA)

• Hb A1 (97%)
Oxi-hemoglobina
• Hb A2 (2%)
Carboxi-hemogloina
• Hb F (1%)
RETICULÓCITOS
 ERITRÓCITOS jovens → Anucleadas

 1% dos eritrócitos

 Ribossomos (RNA)

Azul brilhante de cresil


ERITROPOESE
Célula
PROERITROBLASTO progenitora

Célula
ERITROBLASTO BASÓFILO precursora

ERITROBLASTO POLICROMATÓFILO

ERITROBLASTO ORTOCROMATÓFILO

RETICULÓCITO

Célula
HEMÁCIA madura
ERITROPOESE
2. Picnose

6. Expulsão nuclear
E

TO
G
AG

M
CÉLULAS BRANCAS (LEUCÓCITOS)

Incolores e esféricos
DEFESA IMUNOLÓGICA
ÉLULAS BRANCAS (LEUCÓCITOS)

Granulócitos (PMN)
NEUTRÓFILOS
EOSINÓFILOS
BASÓFILOS

Agranulócitos
LINFÓCITOS
MONÓCITOS
CÉLULAS BRANCAS: GRANULÓCITOS

- Neutrófilos: 60-70%

- Eosinófilos: 2-4%

- Basófilos: 0,5-1%
CÉLULAS BRANCAS
NEUTRÓFILOS GRANULÓCITOS

Polimorfonucleares: 2-5 lóbulos


9 a 12 µm de diâmetro

GRÂNULOS: BASTONETES

ESPECÍFICOS (colagenase, lactoferrina, lisozima, etc)


AZURÓFILOS (lisossomos com hidrolases ácidas)
CÉLULAS BRANCAS
NEUTRÓFILOS GRANULÓCITOS

-Fagócitos ávidos

-Defesa imunocelular
FUNÇÕES
contra bactérias

GRÂNULOS ESPECÍFICOS
•Lisozima → perfura a parede
•Lactoferrina → seqüestra Fe2+
•Síntese de H2O2 e O2-
CÉLULAS BRANCAS
EOSINÓFILOS GRANULÓCITOS

Polimorfonuclear: 2-3 lóbulos

12 a 15 µm de diâmetro

Muitos grânulos eosinofílicos

ESPECÍFICOS (Internum + Externum)


AZURÓFLOS (lisossomos com hidrolases ácidas)
CÉLULAS BRANCAS
EOSINÓFILOS GRANULÓCITOS

Internum ou Cristalóide
Proteínas básicas (arginina)
GRANULOS
ESPECÍFICOS
Externum ou Matrix
Enzimas típicas dos lisossomos

Internum

Externum
CÉLULAS BRANCAS
EOSINÓFILOS GRANULÓCITOS

FUNÇÕES

-Defesa contra parasitoses


-Fagocita complexos Ag-Ac (IgE)

-Participa dos processos alérgicos


CÉLULAS BRANCAS
BASÓFILOS GRANULÓCITOS

Núcleo irregular e retorcido (“S”)

Grânulos específicos intensamente basófilos


(HISTAMINA e HEPARINA)

Receptores para IgE

Função ~ MASTÓCITOS
(resposta alérgica)
GRANULOCITOPOESE
 Neutrófilo, eosinófilo e basófilo
E

TO
G
AG

M
CÉLULAS BRANCAS: AGRANULÓCITOS

- Linfócitos 20-30%

- Monócitos 3-8%
CÉLULAS BRANCAS
LINFÓCITOS AGRANULÓCITOS

6 a 8 µm de diâmetro

Núcleo esférico e bem corado


(grumos grosseiros de cromatina)

Citoplasma escasso e periférico (ribossomos)


CÉLULAS BRANCAS
LINFÓCITOS AGRANULÓCITOS

• DIFERENCIAÇÃO: Linfócito B, T, NK e NKT


NK

Plasmócitos (Ac), Célula T auxiliar,


Célula B de memória Célula T supressora,
Célula T citotóxica
CÉLULAS BRANCAS
MONÓCITOS AGRANULÓCITOS

 Monócitos TECIDOS
Macrófagos

Ovais com núcleo reniforme e


excêntrico (cromatina frouxa)

↓RER e ribossomos; ↑CG e Mit.

12 a 20 µm de diâmetro
CÉLULAS BRANCAS
MONÓCITOS AGRANULÓCITOS

 Microvilosidades e vesículas de pinocitose


AGRANULOCITOPOESE

LINFÓCITOS
• Pp em órgãos e tecidos linfóides
(Timo, baço, linfonodos, tonsilas, nódulos linfóides)

LINFOBLASTO PROLINFÓCITO LINFÓCITO

MONÓCITOS
• Circulam cerca de 8 horas e então entram nos tecidos
E

TO
G
AG

M
PLAQUETAS
Corpúsculos anucleados de 2 a 4 µm

Fragmentos do citoplasma (400.000/ml) VM= 10 dias

Citoplasma com grânulos (GRANULÔMERO)

Feixes de microtúbulos periféricos


(HIALÔMERO)

FILOPÓDIOS e
CONTRAÇÃO
PLAQUETAS
Grânulos alfa:
Granulômero

Fatores de
coagulação

Grânulos lambda:
Lisossomos
Hialômero

Grânulos delta:
ATP, Ca, 5-OH
PLAQUETAS
Ativação do plasminogênio endotelial → FIBRINA

COAGULAÇÃO: adesão e agregação plaquetária


PLAQUETAS
Retração do coágulo (actina e miosina)

Remoção do coágulo (plasmina e enz. lisossomais)


PLAQUETOPOESE
MEGACARIÓCITO
35 a 100 µm de diâmetro
Núcleo lobulado, cromatina grosseira
Citoplasma com grânulos
E

TO
G
AG