Você está na página 1de 37

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES

AULA 5 – A FAMÍLIA DE PROTOCOLOS TCP/IP


REDES DE COMPUTADORES

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

1. Explicar a importância do uso de uma família de protocolos


para a comunicação de dados;
2. Listar e descrever os protocolos que compõem as famílias
de protocolos TCP/IP.
3. Explicar a importância do uso dos protocolos tcp, udp e ip
para a comunicação de dados;
4. Comparar e confrontar recursos e serviços oferecidos pelos
protocolos TCP, UDP e IP;
5. Descrever como os dados são transmitidos através dos
protocolos TCP, UDP e IP.

Aula 5 - Redes de Computadores Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 2


REDES DE COMPUTADORES

HISTÓRIA DO MODELO INTERNET

• Amadurecimento da “Suite TCP/IP”


– 1969 – ARPANET
– 1972 – TELNET
– 1973 – FTP
– 1974 – TCP
– 1981 – IP
– 1982 – Modelo TCP/IP
– 1984 – DNS
– 2012 – IPV6
– 2020 - ?

Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 3


REDES DE COMPUTADORES

PROTOCOLOS DA SUITE TCP/IP

Camadas

HTTP DNS SMTP DHCP FTP Aplicação

Protocolos TCP UDP Transporte

IP ARP ICMP IGMP Rede

Acesso ao
LAN (IEEE) MPLS ATM Física
Meio

Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 4


REDES DE COMPUTADORES

CAMADAS TCP/IP

Aula 5 - Redes de Computadores Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 5


REDES DE COMPUTADORES

Modelo TCP/IP Encapsulamento


Camadas
Mensagem
Aplicação

Mensagem
Transporte E
Cabeçalho de transporte Segmento

Cabeçalho
Mensagem
Rede Cabeçalho de transporte
de
rede
Pacote

Cabeçalho Cabeçalho
Mensagem
Física Cabeçalho de transporte
de de Quadro
rede enlace

Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 6


REDES DE COMPUTADORES

TCP/IP
APLICAÇÃO
• Ao desenvolver uma aplicação o desenvolvedor utilizará
uma as duas arquiteturas mais utilizadas em aplicações de
rede:
– cliente servidor ou
– ponto a ponto (P2P)
• A maior parte dos protocolos da camada de aplicação da
pilha TCP/IP utilizam a arquitetura cliente servidor.  
• Nestas aplicações o servidor deve ser capaz de atender a
todas as requisições de seus clientes.

Aula 5 - Redes de Computadores Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 7


REDES DE COMPUTADORES

TCP/IP
TRANSPORTE
• A camada de transporte é fundamental  na arquitetura de
rede em camadas, pois desempenha o papel de fornecer
serviços de comunicação direta entre os processos de
aplicação que rodam em máquinas diferentes.
• A camada de transporte fornece uma comunicação lógica
entre estes  processos.  
• Os processos de aplicação utilizam a comunicação lógica
sem a preocupação com os detalhes da infraestrutura física
utilizada para transportar as mensagens

Aula 5 - Redes de Computadores Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 8


REDES DE COMPUTADORES

TCP/IP
TRANSPORTE
• Os dados que chegam da camada de aplicação são divididos
em segmentos e passados com o endereço de destino para
a camada de rede.
• Fornece uma comunicação lógica entre os processos do
aplicativo em execução entre hosts diferentes, que pode
ser  orientada à conexão e não orientada à conexão.  
• A transferência de dados na camada de transporte também
pode ser categorizada como confiável ou não confiável,
com informações de estado ou sem informações de estado;

Aula 5 - Redes de Computadores Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 9


REDES DE COMPUTADORES

TCP/IP
TRANSPORTE
• Utiliza o conceito de porta para a identificação dos
processos de aplicação;
• Especifica 2 tipos de protocolos e a utilização de um ou de
outro depende das necessidades da aplicação
– TCP (Transmission Control Protocol) ou
– UDP (User Datagram Protocol):

Aula 5 - Redes de Computadores Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 10


REDES DE COMPUTADORES

SEGMENTO TCP

0 4 10 16 24 31

Porta de Origem Porta de Destino


Número de Sequência
Número de Reconhecimento
HLen Reservado Code Bits janela
Checksum Urgent Pointer
Opções (se existir) Padding
DATA
. . .

Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 11


REDES DE COMPUTADORES

TCP/IP
TRANSPORTE

• TCP
– Orientado a conexão
– Entrega confiável pois o destinatário confirma o recebimento
do segmento

Aula 5 - Redes de Computadores Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 12


REDES DE COMPUTADORES

UDP

• Sem conexão

Porta de Origem UDP Porta de Destino UDP

Tamanho do Segmento UDP Checksum


UDP
DATA

. . .

Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 13


REDES DE COMPUTADORES

TCP/IP
TRANSPORTE
• UDP
– Entrega não confiável pois o destinatário não confirma o
recebimento do segmento

Aula 5 - Redes de Computadores Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 14


REDES DE COMPUTADORES

TCP/IP
REDE
• A camada de rede é um das camadas mais complexas da
pilha de protocolo, pois implementa o serviço de
comunicação entre dois hosts A e B e que há um pedaço da
camada de rede em cada um  dos hosts e roteadores da
rede.
• Os roteadores ao longo do enlace examinam campos de
cabeçalho em todos os datagramas IP que passam por ele.
A camada de rede transporta segmentos do hospedeiro
transmissor para o receptor.

Aula 5 - Redes de Computadores Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 15


REDES DE COMPUTADORES

DATAGRAMA IP

0 4 8 16 19 24 31

Versão HLEN Tipo de Serviço Comprimento Total


Identificação FLAGS Fragment Offset
Tempo de Vida Protocolo Header Checksum
Endereço IP de Origem
Endereço IP de Destino
Opções do IP Padding
Dados
. . .

Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 16


REDES DE COMPUTADORES

TCP/IP
REDE
• No lado transmissor, encapsula os segmentos em
datagramas e
• No  lado receptor, entrega os segmentos à camada de
transporte.

Aula 5 - Redes de Computadores Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 17


REDES DE COMPUTADORES

TCP/IP
REDE
• As funções mais importantes desta camada são:
– A comutação dos pacotes, ou seja, ao chegar um pacote no
enlace de entrada de um roteador, ele deve ser conduzido
para a saída  apropriada do roteador
– O  roteamento, a camada de rede, deve  determinar a rota a
ser seguida pelos pacotes desde a origem até o destino.

Aula 5 - Redes de Computadores Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 18


REDES DE COMPUTADORES

TCP/IP
REDE
• Componentes essenciais da camada de redes:
– O componente de roteamento que determina o caminho que
um datagrama segue desde a origem até o destino
– Dispositivo para comunicação de erros de datagramas e para
atender requisições de certas informações da camada de
rede, o protocolo ICMP;
– O protocolo IP, que cuida das questões de endereçamento

Aula 5 - Redes de Computadores Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 19


REDES DE COMPUTADORES

INTERNET PROTOCOL STANDARDTIZATION


REQUEST FOR COMENTS - RFC

• Ninguém é o proprietário da tecnologia TCP/IP


• Internet Network Information Center (INTERNIC)
• Comitês da INTERNIC
• IANA

Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 20


REDES DE COMPUTADORES

MODELO INTERNET

• Objetivo: Interligar duas máquinas de forma


transparente para o usuário!
– Diferentes aplicações
– TCP
– IP
– Diferentes Enlaces e Canais

Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 21


REDES DE COMPUTADORES

ALGUNS PROTOCOLOS TCP/IP


TELNET
• O protocolo Telnet, padronizado pela RFC´s 854 a 861  é
um protocolo simples de terminal remoto. Ele permite que
um usuário em determinado site estabeleça um conexão
TCP com um servidor login situado em outro site.
• A partir do momento que se inicia a sessão de trabalho
remoto, qualquer coisa que é digitada é enviada
diretamente para o computador remoto.  

Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 22


REDES DE COMPUTADORES

ALGUNS PROTOCOLOS TCP/IP


TELNET
• Apesar do usuário continuar  ainda no seu próprio
computador, o telnet torna seu computador invisível
enquanto estiver rodando.
• O servidor recebe o nome transparente, porque faz com
que o teclado e o monitor do usuário pareçam estar
conectados diretamente à máquina remota.

Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 23


REDES DE COMPUTADORES

ALGUNS PROTOCOLOS TCP/IP


TELNET
• O protocolo Telnet oferece três serviços básicos:
– Terminal virtual de rede, que proporciona uma interface
padrão para sistemas remotos; programas clientes não têm
que compreender os detalhes detodos os possíveis sistemas
remotos, eles são feitos para usar a interface padrão;
– Mecanismo de Negociação que permite ao cliente e ao
servidor negociarem opções e proporcionar um conjunto de
opções padrão
– Tratamento simétrico da conexão. Assim, ao invés de forçar o
cliente para conectar-se a um terminal de usuário, o
protocolo  permite um programa arbitrário tornar-se um
cliente.    

Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 24


REDES DE COMPUTADORES

ALGUNS PROTOCOLOS TCP/IP


FTP

• O FTP (File transfer Protocol), padronizado pela RFC 959,


  está entre os protocolos de aplicativos mais antigos ainda
em uso na internet.
• Ele precede o TCP e o IP.  
• Foi projetado para permitir o uso interativo ou em lote.
Porém a maioria dos usuários invoca o FTP
interativamente, através da execução de um cliente FTP
que estabelece uma comunicação com um servidor
especificado para transferir arquivo.

Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 25


REDES DE COMPUTADORES

ALGUNS PROTOCOLOS TCP/IP


TFTP

• O protocolo TFTP (Trivial File Transfer Protocol) é


direcionado para aplicativos que não necessitam de
interações complexas entre o cliente e servidor.
• Ele restringe operações para simples transferências de
arquivos e não fornece autenticação. Por ser mais
restritivo, o software do TFTP é muito menor que o FTP.

Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 26


REDES DE COMPUTADORES

ALGUNS PROTOCOLOS TCP/IP


TFTP

• O TFTP não requer um serviço de stream confiável,


utilizando então o  protocolo UDP. O lado transmissor
transmite um arquivo em blocos de tamanho fixo (512)
bytes e aguarda a confirmação de cada bloco antes de
enviar o próximo.
• O receptor confirma cada bloco mediante recibo. Uma vez
enviada uma solicitação de escrita ou leitura, o servidor
usa o endereço IP e o número de porta de protocolo UDP do
cliente para identificar as operações subsequentes.

Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 27


REDES DE COMPUTADORES

ALGUNS PROTOCOLOS TCP/IP


SMTP
• O protocolo SMTP (Simple  Mail Transfer Protocol), definido
pela RFC 5321, está no centro do correio eletrônico. Antes
de detalharmos o funcionamento do protocolo SMTP é
importante que tenhamos a compreensão do
funcionamento de  um  sistema de correio eletrônico.
• Um sistema de correio da Internet utiliza três
componentes:
– agentes de usuários,
– servidores de correios e o
– protocolo SMTP.

Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 28


REDES DE COMPUTADORES

ALGUNS PROTOCOLOS TCP/IP


SMTP

• Agente de usuário
– Permitem que os usuários leiam, respondam,
retransmitam, salvem e componham mensagens.
– O Outlook da Microsoft, Apple Mail e o Mozilla
Thunderbird são exemplos de agentes de usuários com
interface gráfica.

Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 29


REDES DE COMPUTADORES

ALGUNS PROTOCOLOS TCP/IP


SMTP

• Servidores de correio
– Forma o núcleo da infraestrutura do e-mail.
– Cada destinatário tem uma caixa postal localizada em
um dos servidores do correio.

Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 30


REDES DE COMPUTADORES

ALGUNS PROTOCOLOS TCP/IP


SMTP

• Protocolos SMTP
– É o protocolo da camada de aplicação do correio
eletrônico da Internet, utiliza o serviço confiável de
dados do TCP para transferir mensagens do servidor de
correio do remetente para o destinatário.

Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 31


REDES DE COMPUTADORES

ALGUNS PROTOCOLOS TCP/IP


SNMP

• O protcolo SNMP (Simple Network Management Protocol) é


o protocolo padrão para administrar uma rede.
• Ele define como um gerente se comunica com o agente.
Possui  três versões 1, 2 e 3.
• A versão 3, a mais atual, difere das demais, por possuir
recursos de segurança capazes de criptografar a string da
comunidade SNMP.

Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 32


REDES DE COMPUTADORES

ALGUNS PROTOCOLOS TCP/IP


SNMP

• Apesar disso, a versão mais utilizada do SNMP ainda é a


versão 2c. Antes de conhecermos os detalhes do
 funcionamento do protocolo é imprescindível que
respondamos a seguinte pergunta: 
– Como uma administrador de rede pode descobrir problemas e isolar
suas causas ?  

Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 33


REDES DE COMPUTADORES

ALGUNS PROTOCOLOS TCP/IP


SNMP

•  Através da utilização de software de gerência de rede que


permite a um gerente monitorar e controlar componentes
da rede.
• Ele permite a um gerente interrogar dispositivos como
hosts, roteadores, comutadores e bridges para determinar
seu status, bem como obter estatísticas sobre as redes as
quais se ligam.

Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 34


REDES DE COMPUTADORES

ALGUNS PROTOCOLOS TCP/IP


ICMP

• O Internet Control Message Protocol – ICMP, padronizado


pela RFC 792,  é o protocolo que o IP utiliza para enviar
mensagens de erro  e mensagens informativas.
• E o ICMP usa o protocolo IP para enviar suas mensagens.  
• Quando um roteador tem uma mensagem ICP para enviar,
ele cria um datagrama IP e encapsula a mensagem do ICMP
no datagrama.
• A mensagem ICMP é colocada na área de dados do
datagrama.  

Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 35


REDES DE COMPUTADORES

CONCEITO TCP/IP
SOCKET
• A associação entre 2 processos cooperantes (cliente/servidor) é
identificada por um par de sockets (socket1, socket2), uma vez
estabelecida uma conexão, cada socket corresponde a um ponto final
dessa conexão.

Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 36


REDES DE COMPUTADORES

RESUMO DA AULA 5:

Nesta aula você:


•Explicou a importância do uso de uma família de protocolos
para a comunicação de dados;
•Listou e descreveu os protocolos que compõem as famílias de
protocolos TCP/IP.
•Explicou a importância do uso dos protocolos tcp, udp e ip para
a comunicação de dados;
•Comparou e confrontou recursos e serviços oferecidos pelos
protocolos TCP, UDP e IP;
•Descreveu como os dados são transmitidos através dos
protocolos TCP, UDP e IP.

Aula 5 – A família de protocolos TCP/IP - 37