Você está na página 1de 24

CONTROLO

DE
GESTÃO

UFCD 0620
ELEMENTO INTEGRANTE DA
GESTÃO

OU

PROCESSO DE DETERMINAR
ANTECIPADAMENTE O QUE DEVE SER
FEITO E COMO FAZÊ-LO.
Processo de se conseguir obter resultados (bens
e/ou serviços) com o esforço das pessoas.
A GESTÃO ABARCA QUATRO FUNÇÕES

Planeamento

Controlo Gestão Organização

Direção
QUE
IMPORTÂNCIA
TEM O
PLANEAMENTO?
PLANEAMENTO

Necessidade indispensável para que a empresa possa


sobreviver e desenvolver, em consequência do alargamento
dos mercados e dos espaços económicos que exigem novos
processos de fabrico e novos produtos.

Técnica que visa combater a incerteza e permitir uma gestão


racional de recursos postos a disposição da empresa.
As empresas elaboram sistematicamente
planos que estabelecem o quadro em que se PLANEAMENTO
devem desenvolver as suas atividades
futuras.
PLANO ESTRATÉGICO
Indica o rumo a seguir e a orientação geral adotar
definindo a estratégia que se considera mais adequada
para empresa.

Por outro lado, o plano representa um instrumento


fundamental para gestão, possibilita-a estabelecer padrões
de orientação nas decisões futuras.
PLANO A MÉDIO PRAZO

Define a forma como atingir os objetivos estabelecidos no


piano estratégico e fixa os recursos necessários.

Torna-se necessário proceder a implementação da estratégia,


deve-se promover a reflexão estratégica antes da tomada de
decisão.
PLANO OPERACIONAL E ANUAL
Engloba, os programas das atividades a desenvolver e a sua
quantificação em Kwanzas (orçamentos), com vista a facilitar
a coordenação e o controlo.

Antes de prosseguir, é importante estabelecer que este difere


do piano estratégico pelo facto de ser mais curto em termos
temporais, mas por outro lado ser mais abrangente e
detalhado.
O QUE ACONTECE
QUANDO NÃO
PLANEAMOS!!!
EXISTE DIFICULDADES DE
PLANEAMENTO???
As principais dificuldades são as
seguintes: RESPONDEMOS A
•Exige que a estrutura esteja bem QUESTÃO
definida, tal como as funções de cada um ANTERIOR COM
dentro da organização;
UM GRANDE SIM

•O processo do planeamento é visto


como uma forma de controlo da atividade
do pessoal. Estes não gostam de ser
responsabilizados pelos desvios
negativos que possam ocorrer.
PORQUE TORNA-SE
NECESSÁRIO ELABORAR O
PLANEAMENTO
FINANCEIRO???
GESTÃO ORÇAMENTAL

O Planeamento financeiro insere-se na Gestão Orçamental.

Este tipo de gestão caracteriza-se pelo planeamento


sistemático das atividades das organizações e que se traduz em
programas e orçamentos.

Dai surge a questão... Como diferencia-los?


GESTÃO ORÇAMENTAL
Programa: é um quadro onde se fixam em quantidades e
prazos as atividades previsionais a desenvolver.

Orçamento: representa a expressão quantitativa de um plano


de ação.

Fixam-se em quadros os gastos, rendimentos e fluxos


financeiros decorrentes.
GESTÃO
O Orçamento baseia-se no facto do ORÇAMENTAL

futuro ser a base de controlo,


havendo um conjunto de elementos
que o condiciona, tais como:

Previsões;

Objetivos;

Definição de programas.
PROGRAMA DE VENDAS

ORÇAMENTO DE VENDAS
GESTÃO
INVENTÁRIO DE
PRODUTOS ACABADOS
ORÇAMENTAL
PROGRAMA DE PRODUÇÃO ORÇAMENTO DE PRODUÇÃO

INVENTÁRIO DE MATÉRIAS-PRIMAS

PROGRAMA DE COMPRAS ORÇAMENTO DE COMPRAS

PROGRAMA DE COMPRAS ORÇAMENTO DE INVESTIMENTOS

DEMOSNTRAÇÃO DE RESULTADOS
(1ª Aproximação)

BALANÇO (1ª Aproximação)

ORÇAMENTO DE TESOURARIA ORÇAMENTO FINANCEIRO

BALANÇO DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS


GESTÃO ORÇAMENTAL
Em suma:
Os orçamentos devem ser sempre fixados para cada nível de
decisão;
Os orçamentos devem ser reduzidos a documento escrito e
assinada a sua aprovação;
O orçamento deve integrar objetivos sérios e tangíveis;
O orçamento é flexível se é definido para diversos níveis de
atividade de um centro de custos. Pois facilita o ajustamento
entre a atividade real e a prevista (desvios).
TIPOS DE
ORÇAMENTOS
ORÇAMENTO ORÇAMENTO
OPERACIONAL FINANCEIRO

FOCO NO IMPACTO
FOCO NA ATIVIDADE
FINANCEIRO DO
OPERACIONAL DA
ORÇAMENTO
EMPRESA, RESULTADO
OPERACIONAL
ESQUEMA DO PLANO PARA
O ORÇAMENTO
OBJETIVOS

PLANO ANUAL QUALIFICAÇÃO ORÇAMENTOS

PLANO DE AÇÃO
ALGUMAS VANTAGENS DA
ELABORAÇÃO DO ORÇAMENTO
Antever o futuro;
Promove a reavaliação de todas atividades da organização;
Aumenta a motivação do pessoal;
Promoção do diálogo a todos os níveis;
Permite apurar os desvios;
Melhor aproveitamento dos recursos;
Criação de condições para o cumprimento dos objetivos;
Aproveitamento das oportunidades de novos mercados ou a diversificação de
produtos/serviços;
Planeamento das compras e a obtenção de uma gestão de stocks que minimize os
gastos;
Controlo permanente;

Evolução das necessidades de fundo de maneio.