Você está na página 1de 15

DISCIPLINA: NOÇÕES DE

EMPREENDEDORISMO.
Tema: Ponto de equilibrio.
Docente: dr. Eufrásio dos Anjos António José.

Discentes: Bruce Carimo Marrão;


Jessica Amboret Alfane;
Gerson Vicente;
Noelsi Moises Ruiz Domingos;
Introdução
 Neste presente trabalho de investigação da disciplina de
Noções de Empreendedorismo abordaremos acerca de
um indicador de viabilidade de projecto, que designa-se
por Ponto de Equilíbrio. Mundialmente, este é mais
conhecido por BreakevenPoint.
 Antes de iniciarmos qualquer negócio, devemos saber se
o produto/serviço terá retorno de investimento (se será
aceite no mercado, se dará para satisfazer as ambições
pessoais). Contudo, para termos a certeza de que o
negócio será de sucesso há que utilizar os indicadores
de viabilidade de projectos.
Objectivos:

 É necessário frisar que objectivo é tudo aquilo que


pretendemos atingir com a elaboração ou prática de algo.
 Assim sendo, os objectivos deste trabalho são:
 Definir os indicadores de viabilidade;
 Citar a função dos indicadores de viabilidade;
 Explicitar de uma forma aprofundada acerca de um tipo de
indicador de viabilidade, concretamente o ponto de
equilíbrio.
Metodologias de investigação

Os métodos usados para fazer este trabalho são:


 Leitura de modo a compreender o tema;
 Organização de ideias;
 Colocação da informação (ideias) na folha do Microsoft
Word.
 Colocação da informação (ideias) nos slides do Microsoft
PowerPoint
Indicadores de viabilidade de projectos

 Primeiramente, é fundamental saber que Indicadores de viabilidade de


projectos são métodos utilizados por todas as pessoas que queiram iniciar
um determinado projecto, através dele podemos determinar se o mesmo
será de sucesso, isto é, se será viável.
 No uso do rendimento, destacamos três formas principais: o consumo, a
poupança e o investimento. Diz-se que alguém está a investir quando
aplica os seus recursos ou fundos para gerar mais rendimentos, durante
um determinado período, o que se traduz no aumento da riqueza de quem
investe. Enquanto o objectivo da aplicação dos fundos for de gerar
rendimento, terá que escolher a opção viável, isto é, em que oportunidade
de projecto aplicar os seus fundos. Neste caso, cabe a si escolher qual é a
alternativa de projecto de investimento que quer implementar.
 Para assessorar a decisão, utiliza-se os indicadores de viabilidade de
projectos.
Ponto de Equilíbrio
 O  ponto de equilíbrio de um negócio é um dos principais factores
que o farão manter dentro de um mercado específico, sem afectar sua
saúde financeira.
 De certa forma, podemos definir este como o equilíbrio entre gastos e
ganhos do empreendimento. 
 Esse factor é fundamental para que a empresa consiga calcular com
maior precisão a partir de que ponto ela começará a gerar lucro. E,
por isso, serve como parâmetro para muitos estabelecimentos.
 Para alcançar o ponto de equilíbrio é preciso, primeiramente, ter
organização. Sustentar um planeamento financeiro atualizado da
receita gerada e das despesas do empreendimento é crucial.
 Além disso, é muito conveniente ter um controle restrito de todas as
operações de venda do negócio, por menores que elas sejam.
 Adiante, apresentamos a formula para o cálculo do ponto de
equilíbrio:
PE
Custo fixo total:

É considerado como as despesas que se mantêm, independentemente


do seu volume de vendas.
À título de exemplo temos:
 Aluguéis de escritórios, lojas, armazéns, fábricas ou outras

instalações;
 Salários base e os salários dos empregados, planos de benefícios a

empregados, contractos de manutenção, contractos de serviços de


limpeza e segurança, contractos de publicidade;
 Seguros;

 Custos de utilidades, como electricidade, gás, água, etc;

 Custos telefónicos;

 Conexão com a internet, o custo mensal de um domínio e site;

 Impostos de bens móveis e imóveis;

 Licenças e autorizações.
Custo variável (CV)
São todas as despesas necessárias para que haja produção e execução de
um serviço. Ou seja, relacionam-se em proporção directa ao
desempenho das suas vendas: quanto mais você vender, maiores serão
seus custos variáveis. Os exemplos de custos variáveis são:
 Matérias-primas e suprimentos;

 Aluguel de máquina, equipamentos e ferramentas para trabalhos

específicos;
 Combustível;

 Horas extras do salário de empregado;

 Contracto de trabalho temporário;

 Reparos e manuntenção, material de escritório;

 Chamadas telefônicas;

 Despesas de viagem;

 Comissões de vendas.
Receita total (Rt).

É o somatório de todo o preço de venda unitário, ou seja, é o


montante obtido pela comercialização dos seus produtos ou
serviços.
Margem de contribuição (MC)

  
Pode ser definido como a quantia em dinheiro que sobra
do preço de venda de um produto, serviço ou mercadoria
após retirar o valor do custo variável unitário. Esta quantia é
que irá garantir a cobertura do custo fixo e o lucro, após a
empresa ter atingido o ponto de equilíbrio, ou ponto crítico
de vendas (Breakeven point).
 A margem de contribuição é obtida através da seguinte
formula:
Índice de margem de contribuição (IMC)


 
Índice de margem de contribuição é a relação entre a
margem de contribuição e a receita total. Em seguida
apresentamos a formula para o cálculo do índice de margem
de contribuição:

IMC
Exemplo de cálculo de ponto de equilíbrio:

Custo fixo
Despesas Preços

Aluguel de fábricas 50,000,00mt


Salário dos funcionários 15,000,000mt
Seguros 2,000,00mt
Licença 7,500,00mt
Total: 74,500,00mt

Custo variável
Despesas Preços
Matérias-primas 3,000,00mt
Combustível 1,500,000mt
Manuntenção 2,000,00mt
Comissão de vendas 1,500,00mt
Total: 8,000,00mt
Cont.
  total:
Receita

Vendas Preços
Camisa 1,500,00mt
Sapatos de napa 3,500,000mt
Casaco 5,000,00mt
Calças 2,000,00mt
Total: 12,000,00mt

 Resolução:
MC= receita total – custo variável total
 MC= 12,000mt – 8,000mt
 MC= 4,000mt
 PE
Conclusão

 Este presente trabalho de investigação foi importantíssimo


para nós, pois este permitiu o desenvolvimento do
conhecimento acerca de um indicador de viabilidade de
projecto, concretamente o ponto de equilíbrio.
 O ponto de equilíbrio é uma das ferramentas utilizadas para
assessorar na decisão da oportunidade de projecto viável,
rentável e de sucesso.
 Apesar de tudo, na sociedade, os empreendedores não
utilizam demasiado esta ferramenta, mas respondem a certas
perguntas (relacionados ao plano de negócio) para
determinar se o negócio será lucrativo.
 Contudo, com a elaboração do presente trabalho, afirmamos
que as nossas competências de investigação aumentaram.
Grato pela vossa atenção

FIM
Tete, aos 23 de março de 2018

Você também pode gostar