Você está na página 1de 33

Modulo V DRE

Demonstrações do Resutado Dos Exercícios

Curso de Administração
Prof. Maristela Maria Moura
O que há de melhor no que diz respeito
a ser generoso é que recebemos
sempre algo melhor do que damos. A
reação é maior do que a ação.
Orison Swett Marde
Conceitos Demonstração
de Resultado do
Exercício
Demonstração de Resultado do
Exercício

Demonstrativo de resultados
Mostra o fluxo de eventos ocorridos em um
determinado período de tempo.
Quanto a empresa lucrou no ano passado ?

Balanço Patrimonial
Fotografia da situação patrimonial da
empresa em um determinado momento.
Qual o valor de nossos ativos?
• O relatório DRE – Demonstrativo de Resultados do Exercício mostra o desempenho da empresa em

um determinado período (ex: ano de 2010, 1º trimestre, etc) (+) RECEITAS


Vendas de produtos
• No DRE é descrito a operação da empresa: Vendas de serviços
 Quanto a empresa vendeu (-) CUSTOS
Custos dos produtos (CPV)
 Quanto a empresa gastou
Custos dos serviços (CSP)
 Quais foram as despesas da emrpesa
(-) DESPESAS
 Quanto pagou de imposto Despesas operacionais
(funcionários, energia, água,
 Quanto sobrou no final combustível, manutenção)

• A estrutura ao lado mostra um exemplo (=) LUCRO


 Receita é o dinheiro que entra com a venda de produtos ou serviços
Quanto sobrou

 Custo é o dinheiro pago para produzir um produto ou para comprar um produto

para revender ou para desenvolver um serviço a ser prestado

 Despesa é o dinheiro pago na operação que se converterá em receita


Demonstração de Resultado do
Exercício

Resultado
Receita
Despesa
Originária de vendas.
Uma venda ocorre Ocorre quando um Diferença entre
quando um produto é
recurso é usado. Por
vendido a um cliente ou receita e despesa
um determinado serviço exemplo, quando um
é prestado. Ao final o
podendo gerar
treinamento é pago,
cliente paga a empresa
quando um
lucro ou prejuízo.
à vista ou à prazo.

equipamento é usado.
Demonstração de Resultado do
Exercício
RECEITA BRUTA DE VENDAS
(-) Devoluções, Descontos
(-) Impostos sobre Vendas
RECEITA LÍQUIDA
(-) Custo dos Produtos Vendidos
LUCRO BRUTO
(-) Despesas Operacionais(Vendas,Admin.,Financeiras)
Resultado de Equivalência Patrimonial
LUCRO OPERACIONAL
Receitas/Despesas Não Operacionais
LUCRO ANTES DO I. RENDA (LAIR)
(-) Provisão Para I. Renda e CS
LUCRO LÍQUIDO
Demonstração de Resultado do
Exercício
ATIVO PASSIVO
Circulante Circulante
Disponível (Caixa e Bancos) 600 Fornecedores 600
Duplicatas a Receber (Clientes) 1.700 Empréstimos a pagar 1200
Estoques 700 Contas a Pagar 800
Total 3.000 Total 2.600

Realiz. L.P. Exig. L.P.


Títulos a Receber 500
Empréstimos a Coligada 500 Empréstimos a Pagar 1.000
Total 1.000 Total 1.000
Permanente Patrim. Líquido
Investimentos 600 Capital Social 2.000
Imobilizado 1.000 Reservas 100
Diferido 400 Lucro do Exercício 300
Total 2.000 Total 2.400

TOTAL DO ATIVO 6.000 TOTAL DO PASSIVO 6.000


DEMONSTRAÇÃO
DEDUTIVA
DEMONSTRAÇÃO DEDUTIVA

Receitas Sentido Vertical


(-) Despesas (dedutivo)
-------------------
Lucro ou Prejuízo
DEMONSTRAÇÃO DEDUTIVA

Empresas
Micros e Médias e
Pequenas
DRE (simples) Grandes
DRE (completa)

Receitas Receitas
(-) Despesas . V V (-) Deduções
E E (-) Custos
Lucro ou Prejuízo R R
T T (-) Despesas
I I (-) .................
C C
A A ..........................
L L Lucro ou Prejuízo
Ex: Uma Pequena Empresa no ano de 2013, obteve um lucro
no valor de R$ 80.000,00 e durante o mesmo ano obteve uma
despesa de R$ 25.000,00

DRE – ano de 2013 Em R$


Receita 80.000,00
DESPESAS (-)25.000,00
Lucro Ou Prejuízo 55.000,00
Ex: Uma Grande Empresa no ano de 2013, obteve um lucro no
valor de R$ 50.000.000,00 e durante o mesmo ano obteve
uma despesa de R$ 150.000.00 e custo de 400.000.000

DRE – ano de 2013 Em R$


Receita 1.000.000,00
Custo (-) 400.000,00 Receita - Custo
Lucro Bruto (ou margem bruta) 600.000,00

Despesas com Logística 25.000,00


Despesas administrativas 50.000,00
Despesas com marketing 25.000,00
Soma de Todas
Despesas com funcionários 50.000,00 despesas
TOTAL DE DESPESAS (-) 150.000,00

Lucro Líquido 27.500,00

T. De Despesa – Lucro B
Demonstração dos
Resultados e suas
Contas
D.R.E. e suas Contas
Receitas Bruta
(-) Deduções da Receita A Receita Bruta representa a
= Receita Líquida somatória dos valores
(-) Custos das Vendas das Notas Fiscais emitidas
= Lucro Bruto
(-) Despesas Operacionais
= Lucro Operacional Impostos e Taxas s/ Vendas
. IPI
(-) Despesas não Operacionais . ICMS
+ Receitas não Operacionais . ISS
O fato gerador é
= Lucro Antes do Imposto de . PIS a Receita
Renda (LAIR) . COFINS
(-) Provisão para Imposto de Devoluções (vendas canceladas)
Abatimentos (descontos)
Renda
= Lucro Depois do Imposto de
Renda
D.R.E. e suas Contas
Admita-se que a Cia. Balanceada, indústria, tenha emitido uma nota fiscal de venda cujo
preço do produto seja de $ 10.000 mais 30% de IPI. O ICMS está incluso no preço do produto:

Nota Fiscal___ ______ Cia. Balanceada DRE - Cia. Balanceada


____________ ______ R.......................
____________ _____ S/P - São Paulo Receita Bruta $ 13.000
(-) Deduções IPI  $ (3.000)
Preço do Produto
10.000 ICMS  $
+ IPI (30%) (1.800)
3.000
Preço Total Receita Líquida $
13.000 8.200

ICMS incluso no Preço 18% x


$ 10.000 = $
1.800
D.R.E. e suas Contas
Receitas Financeiras Custos das Vendas representam os gastos de
.. Aplicações
Aplicações financeiras
financeiras “produção” apropriados aos produtos ou serviços v
Receitas Bruta
.. Juros
Juros de
de mora
mora recebido
recebido
) .. Descontos
Deduções da Receita
Descontos obtidos
obtidos Despesas Operacionais são os gastos incorridos
para: vender, administrar e financiar as operações.
= ..Receita
.......
....... Líquida
) Custos das Vendas
= Lucro Bruto Despesas Operacionais
) Despesas Operacionais .. Vendas Vendas
Despesas Financeiras
= Lucro Operacional .. Administrativas
Administrativas
.. Juros
Juros incorridos
incorridos (pagos
(pagos ou
ou não)
não)
.. Financeiras
) Despesas não Operacionais Financeiras
.. Juros
Juros de de mora
mora pagos
pagos
+ Receitas não Operacionais .. Descontos
Descontos concedidos
concedidos
= Lucro Antes do Imposto de Renda ..(LAIR) Comissões
Comissões bancárias
bancárias
) Provisão
Se as para
Receitas Imposto de Renda
Financeiras forem
.. Correção
Correção monetária
maiores monetária sobre
que sobre empréstimos
as empréstimos
Despesas
= Lucro Depois do Imposto de Renda.. CPMF CPMF
Financeiras, o saldo reduzirá a conta .. .......
.......
de Despesas Operaciona
D.R.E. e suas Contas
Receitas Bruta
Despesas e Receitas não Operacionais são variaçõe
(-) Deduções da Receita registradas na D.R.E., que não fazem parte do objeto
= Receita Líquida Social da Empresa
(-) Custos das Vendas
= Lucro Bruto Ganhos ou Perdas ocorridos com venda de Permane
(-) Despesas Operacionais• venda de ações (com lucro ou prejuízo);
• venda de imobilizados (com lucro ou prejuízo
= Lucro Operacional
(-) Despesas não Operacionais
+ Receitas não Operacionais
= Lucro Antes do Imposto de Renda (LAIR)
(-) Provisão para Imposto de Renda
= Lucro Depois do Imposto de Renda
D.R.E. e suas Contas
Receitas Bruta
(-) Deduções da Receita

(-) Doações e Contribuições


= Receita Líquida
(-) Custos das Vendas

Lucro Depois do I.R.


= Lucro Bruto

= LUCRO LÍQUIDO
(-) Despesas Operacionais

(-) Participações
= Lucro Operacional

DIVIDENDOS
RETENÇÕES
(-) Despesas não Operacionais
+ Receitas não Operacionais
= Lucro Antes do Imposto de


Renda (LAIR)
(-) Provisão para Imposto de
Renda
= Lucro Depois do Imposto de
Renda
É a sobra líquida à disposição dos
proprietários da empresa.
Como Apurar o
Lucro Depois do IR.
Como Apurar o Lucro
Depois do IR.

O exerc. social em que é gerado lucro (ano X) denomina-se “ano


base”. O exercício em que se paga o IRPJ (ano X+1) denomina-
se “exerc. financeiro”. Pelo regime de competência considera-se
o IRPJ no período em que foi gerado (ano base). Portanto
calcula-se (provisão) o valor do IRPJ a pagar e deduz-se tal
quantia do “Lucro Antes do Imposto de Renda”. Pela Legislação
do IRPJ, a base de cálculo (lucro ajustado) é calculada em um
livro extracontábil denominado “Livro de Apuração do Lucro
Real” – LALUR.
Como Apurar o
Lucro Líquido
Como Apurar o Lucro Líquido

Lucro Depois do Imposto de Renda


(-) Doações e Contribuições
(-) Participações
Lucro Líquido

Debenturistas
Empregados
Administradores
Partes Beneficiárias
Fundos de Assistência aos Empregados
Exemplo de DRE
DRE – ano de 2010 Em R$
Receita de vendas 500.000,00
Custo dos produtos (CPV) (-) 350.000,00
Lucro Bruto (ou margem bruta) 150.000,00

Despesas com frota 10.000,00


Despesas administrativas 25.000,00
Despesas com marketing 15.000,00
Despesas com funcionários 50.000,00
TOTAL DE DESPESAS (-) 100.000,00

EBITDA - Lucro antes de juros, IR, Depreciação e amortização 50.000,00


IR – Imposto de renda (35%) (-) 17.500,00
Juros, depreciação e amortização (-) 5.000,00

Lucro Líquido 27.500,00


Ex: Uma Grande Empresa no ano de 2013, obteve um lucro no
valor de R$ 50.000.000,00 e durante o mesmo ano obteve
uma despesa de R$ 150.000.00 e custo de 400.000.000

DRE – ano de 2013 Em R$


Receita 1.000.000,00
Custo (-) 400.000,00 Receita - Custo
Lucro Bruto (ou margem bruta) 600.000,00

Despesas com Logística 25.000,00


Despesas administrativas 50.000,00
Despesas com marketing 25.000,00
Soma de Todas
Despesas com funcionários 50.000,00 despesas
TOTAL DE DESPESAS (-) 150.000,00

Lucro Líquido 27.500,00

T. De Despesa – Lucro B
• Imagine que durante todo o ano de 2010 você:
 Recebeu salário de R$ 3 mil por mês como funcionário CLT
(total de R$ 36 mil)
 Teve descontos de R$ 500,00 por mês no salário (total de
R$ 6.000,00)
 Despesas mensais:
▪ Combustível: R$ 600,00 (total de R$ 7.200,00)
▪ Alimentação: R$ 300,00 (total de R$ 3.600,00)
▪ Educação: R$ 500,00 (total de R$ 6.000,00)
▪ Impostos: R$ 200,00 (total de R$ 2.400,00)
▪ Lazer: R$ 400,00 (total de R$ 4.800,00)
▪ Total de despesas mensais: R$ 2.000,00 (total de R$ 24.000,00 em
2010)
 Veja o DRE no próximo slide
DRE – ano de 2010 Em R$
Receita de salários 36.000,00
Descontos (INSS, IRRF, etc) (-) 6.000,00 10% Receita de Salário
Lucro Bruto 30.000,00

Despesas com combustível 7.200,00


Despesas com alimentação 3.600,00
Despesas com educação 6.000,00
Despesas com impostos 2.400,00 Soma de Todas
Despesas com lazer 4.800,00 Despesas
TOTAL DE DESPESAS (-) 24.000,00

Lucro Líquido 6.000,00

T. De Despesa – Lucro B
Para pessoa física, o imposto de renda incide sobre o salário (receita), enquanto para
pessoa jurídica incide sobre o lucro.
Relação entre Balanço e DRE
DRE – ano de 2010 Em R$

• Lucro não representa dinheiro! Receita de salários 36.000,00


Descontos (INSS, IRRF, etc) (-) 6.000,00
• Lucro é aumento de patrimônio Lucro Bruto 30.000,00
• Note que o lucro no DRE foi de R$ 6 mil,
mas a conta corrente tem apenas R$ 1 mil Despesas com combustível 7.200,00

(não considere a poupança) Despesas com alimentação 3.600,00


Despesas com educação 6.000,00
• Para entender a relação entre o Lucro e o Despesas com impostos 2.400,00
caixa (ou conta corrente neste caso), é Despesas com lazer 4.800,00
necessário mais um relatório: Fluxo de Caixa TOTAL DE DESPESAS (-) 24.000,00

Lucro Líquido 6.000,00


Balanço Patrimonial em 31/12/2010
ATIVOS PASSIVOS
Conta Corrente 1.000,00 Banco (financiamento apto) 150.000,00
Poupança 10.000,00
Carro 30.000,00
Apartamento 200.000,00 PATRIMÔNIO LÍQUIDO
Capital 85.000,00
Resultados acumulados 6.000,00

241.000,00 241.000,00
CIA. Estrela apresenta os seguintes saldos do DRE: Receita bruta de vendas= $215.600, abatimento de
vendas= $5.500, ICMS sobre vendas 18%, custo das mercadorias vendidas= $ 101.400, salário do
pessoal administrativo= $ 8.000, aluguel área de vendas $ 1.800, comissão sobre vendas =$3.800,
Despesas Financeiras R$ 4.500 Receitas Financeiras = $3.800 impostos sobre 15% contribuição social
= 9%.

Receitas Brutas 215.600,00


Abatimentos de Vendas -5.500,00 Receita – Abatimento =
(-) Deduções 210.100,00
ICMS de Vendas 18% Receita - Abatimento
-37.818,00 Deduções
Lucro Liquido 172.282,00
Custo Mercadoria Vendida -101.400,00
Lucro Bruto 70.882,00 Custo MV – Lucro
(-) Despesas Operacionais -13.600,00 Liquido = Lucro Bruto
Salário do Pesoal Administrativo -8.000,00
Soma de Todas Despesas
Aluguel do Imóvel -1.800,00
Comissão sobre vendas -3.800,00
D. Operacional - Lucro
(=)Lucro Operacional  57.282,00
Receitas Financeiras 3.800,00 Bruto = Lucro Operacional
Despesas Financeiras -4.500,00
(=)LAIR 56.582,00
Contribuição Social 9% -5.092,38 D. Operacional - Lucro
Imposto de Renda 15% -8.487,30
Lucro Depois do Lair 43.002,32
Bruto = Lucro Operacional
Participações 15% -6.450,35 Lair – Contribuição Social -
Lucro Liquido 36.551,97
Imposto de Renda 15% =
L.D.L
L.D.L – Participação =
D.R.E.
Capital de Roteiro Contábil Receita
Terceiros
1. Apuração do (-) Desp/Custo
Lucro Lucro Líquido
D.L.P.Ac
Saldo de Ano(s) anterior(es) 2. Transferência p/
Lucros Acumulados
+ Lucro Líquido deste Exerc.
Balanço Patrimonial
ATIVO PASSIVO
D
i
v
i
d
Aplicação e
Patrimônio n
de d
Líquido o
Recursos s

3. Canalização de
lucro retido
Investidores
Fonte: Marion
(Sócios ou Acionistas)
32
BIBLIOGRAFIA
• FERREIRA, A. B. H. Novo dicionário da língua portuguesa. 2ª edição.
Rio de Janeiro. Nova Fronteira. 1986. p. 462.
• O que é contabilidade - USP DECRETO N. 21.033 DE 8 DE
FEVEREIRO DE 1932 - Senado Federal Brasil Estatística do CFC
• FERREIRA, A. B. H. Novo dicionário da língua portuguesa. 2ª edição.
Rio de Janeiro. Nova Fronteira. 1986. p. 462. Silva, Bernardino José
da - Contabilidade pública, 4.ed. - Palhoça: UnisulVirtual, 2011
• Dep. Giovani Cherini, RS, registra da tribuna Dia do Contabilista,
Porto Alegre, RS, BR: Assembléia legislativa. História da
contabilidade SP, BR: CRC.
• DECRETO-LEI Nº 9.295, DE 27 DE MAIO DE 1946. Cria o CFC.
Planalto, Brasil Resolução n°1/46 do CFC