Você está na página 1de 25

Resistência dos

Materiais II

Aula 1

Professor Iran Aragão


Apresentação do docente:

- Iran Aragão
- Engenheiro Mecânico (IME-RJ)
- Mestrado em Engenharia Mecânica (IME-
RJ)
- Atuação na área de ensino – desde
1990;
- Docência no Ensino Superior da Univ.
Estácio de Sá – desde 2000; 2
Objetivos da Aula:
Ao final desta aula, você será capaz de:
• Compreender o processo de determinação
do Momento Estático de uma área plana;
• Compreender o processo de determinação
do posicionamento do Centroide de uma
área plana;
• Compreender o processo de determinação
do Momento de Inércia de uma área plana. 3
INTRODUÇÃO
Para que se decida tanto a forma quanto as
dimensões adequadas a uma barra, torna-se
necessário conhecer a influência das propriedades
geométricas da seção no seu comportamento.
Por isso esta aula se concentra na determinação
das seguintes propriedades de uma área plana:
• Momento estático
• Centro Geométrico (centroide)
• Momento de Inércia
4
Momento Estático
Definimos o momento estático de uma área
como o produto entre o valor da área e a
distância do centroide da área considerada até
o eixo de referência que escolhemos para
determinar o momento estático.

5
Momento Estático
O momento estático da área infinitesimal dA em
relação aos eixos x e y são obtidos através do
produto entre a área dA e a distância medida entre
o centroide da referida área e o eixo de referência.
Assim, os momentos estáticos podem ser obtidos
da seguinte forma:
• dMsx = y . dA
• dMsy = x . dA
6
Momento Estático
• 

7
Momento Estático
• 

Seja um retângulo genérico


de base b e altura h. Os
momentos estáticos do
retângulo em relação ao
eixo x e em relação ao eixo
y.
8
Momento Estático
•  cálculo de Msx:

9
Momento Estático
•  cálculo de Msy:

10
Momento Estático
• Uma seção em forma de I composta por 3
retângulos:
O momento da figura será a soma dos
momentos das figuras conhecidas,
que são os 3 retângulos.

11
Momento Estático
 

12
Momento Estático
A posição do eixo de
referência influencia no
cálculo do momento
estático.

13
Centro Geométrico (Centroide)
•O  momento estático de uma figura geométrica
em relação a um eixo referencial é igual ao
produto da área total da figura pela distância
de seu centro geométrico até o eixo
referencial.
• =
• =
14
Centro Geométrico (Centroide)
•localização
  do centro geométrico de uma figura
genérica, pode-se dizer que:

15
Momento de Inércia
O momento de inércia representa a inércia
(resistência) associada à tentativa de giro de uma
área em torno de um eixo e pode ser representado
numericamente através do produto da área pelo
quadrado da distância entre a área e o eixo de
referência.

16
Momento de Inércia
Portanto, a diferença entre o momento estático e o
momento de inércia é que no momento de inércia,
a área é multiplicada pelo quadrado distância e não
simplesmente pela distância como já vimos.

17
Momento de Inércia
Dessa forma, podemos escrever diretamente as
equações para o momento de inércia:

18
Teorema de Steiner ou eixos paralelos
O teorema dos Eixos Paralelos determina que o
momento de inércia I de uma área relativamente
a um eixo arbitrário AA’ é igual ao momento de
inércia I segundo o eixo que passa no centróide
da área (BB’) mais o produto da área pelo
quadrado da distância entre eixos.

19
Propriedades das Áreas Planas

20
Propriedades das Áreas Planas

21
Resistência dos
Materiais II

Aula 1

Professor Iran Aragão


EXEMPLO
•Determinando
  a altura do centroide já que
a figura é simétrica se considerarmos um
eixo vertical no centro da peça.
 

23
EXEMPLO
•Determinando
  o momento de inércia.
 
+ 24 x+ + = 645 cm4

24
Bom Estudo!

Até a próxima aula!

25

Você também pode gostar