Você está na página 1de 36

SECRETARIA DE ESTADO DE

EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS

SUPERINTENDÊNCIA REGIONAL DE ENSINO DE ARAÇUAÍ


DIRE/DIVEP

Reunião de Alinhamento de Ações


do REANP

Sejam bem-vindos!

1
REANP
REGIME ESPECIAL DE ATIVIDADES NÃO
PRESENCIAIS

VÍDEO “Resiliência”
https://www.youtube.com/watch?v=msEQ3cyj-Fc&t=65s

2
3
REANP PARA ALUNOS PÚBLICO DO
ATENDIMENTO EDUCACIONAL
ESPECILIZADO

4
Resolução 4310/2020
CAPÍTULO III

DO ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO

Art. 18 - Os professores do Atendimento Educacional Especializado (AEE)


quais sejam: Professor de Apoio à Comunicação, Linguagem e Tecnologia
Assistivas (ACLTA), Professor da Sala de Recursos, Tradutor Intérprete de
Libras (TILS), Guia-Intérprete (GI), em articulação com o professor regente
e a equipe pedagógica da unidade escolar, ficarão responsáveis pelas
adequações das atividades e dos materiais dos estudantes público da
educação especial, de acordo com o Plano de Desenvolvimento Individual
(PDI), conforme Resolução SEE Nº 4.256/2020.

5
Parágrafo único. Na adequação da atividade, deverão ser
considerados:

I - O Plano de Desenvolvimento Individualizado - PDI;


II - O grau de autonomia para a execução da atividade, com mediação
dos responsáveis;
III - O recurso educacional especializado necessário para a execução
da tarefa em casa.

6
Art. 19 - Parágrafo único. Os Centros de Apoio Pedagógico às Pessoas
com Deficiência Visual (CAP) serão responsáveis pela transcrição das
atividades propostas em Braille, formato ampliado, áudio e poderão ser
acionados pelas Superintendências Regionais de Ensino para a produção
do material.

Art. 20 - O professor da Sala de Recursos e/ou Professor de Apoio à


Comunicação, Linguagem e Tecnologias Assistivas deverá atuar de forma
colaborativa com os professores regentes para definição de estratégias
pedagógicas que favoreçam o acesso do estudante público da educação
especial ao currículo na oferta das atividades não presenciais.

7
Memorando 34 – Detalha ações dos servidores da Educação

1.5.2 - Professor de Apoio à Comunicação Linguagens e Tecnologias


Assistivas, Sala de Recursos, Tradutor e Intérpretes de Libras e Guia
Intérprete:
a) ....

b) participar da implementação do Regime Especial de Atividades Não


Presenciais da escola;

c) acompanhar e orientar junto aos professores regentes a realização do Plano


de Estudos Tutorado (PET) pelos estudantes da escola;

8
d) adaptar as atividades não presenciais para os estudantes da educação
especial utilizando-se de todos os recursos de acessibilidade possíveis e
disponíveis com base nas necessidades identificadas no Plano de
Desenvolvimento Individual (PDI) do estudante;

e) orientar pais e responsáveis acerca dos recursos que podem ser utilizados
no cotidiano para possibilitar a execução das atividades em casa;

f) orientar pais e responsáveis a ampliar o repertório de comunicação dos


estudantes;

9
g) contribuir, de forma integral, com o Gestor Escolar em todas as ações
necessárias para o desenvolvimento das atividades da unidade escolar
durante o Regime Especial de Atividades Não Presenciais/Regime
Especial de Teletrabalho;

h) estar à disposição do Gestor Escolar, durante seu horário de trabalho


regular, para atendimento de eventuais avidades inerentes ao
desempenho de sua função.

10
Documento orientador - ADAPTAÇÃO DOS PETS

2.3 Educação Especial


Será necessária a realização de adaptações nos PETs enviados para vários
estudantes público da educação especial. Para tanto, o professor regente
deve articular com os professores de Apoio à Linguagem, à Comunicação e às
Tecnologias Assistivas, o de Sala de Recursos e o Guia-Intérprete (quando for
o caso) a melhor forma de adaptação e orientação dos responsáveis para
viabilizar a utilização deste material pelos estudantes. Junto ao PET adaptado
deve ser enviado aos pais ou responsáveis instruções acerca das adaptações
razoáveis que podem ser feitas para que o estudante acesse o material com
mais facilidade e orientações para ampliar o repertório de comunicação dos
estudantes. Exemplo: plano inclinado, engrossador de lápis, construção de
rotina visual, caixa sensorial, etc.

11
PET/ CONCLUINDO

ADAPTAÇÕES PET

PROFESSORES
Equipe pedagógica PROFISSIONAIS DO AEE
REGENTES

PDI GRAU DE AUTONOMIA FAMÍLIA

IMPORTANTE É CONHECER MANTER O ELO DO


RECURSOS DISPONÍVEIS
AS NECESSIDADES DOS ESTUDANTE COM A
ESTUDANTES
(em casa)
ESCOLA
Atenção Professores!

Caso optem por gravar e inserir vídeos (via link do youtube) no


aplicativo, lembrem-se de seus estudantes com deficiência. Se há
estudantes surdos na sua turma você deve acionar o intérprete de
Libras para tradução do conteúdo. Se há estudantes cegos ou com
Deficiência visual, as imagens utilizadas devem ser descritas em
detalhes. Fale de forma simples e direta para que os estudantes com
TEA compreendam com facilidade o conteúdo.

13
GUIAS
A Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais (SEE/MG) está
elaborando guias para auxiliar e orientar os pais e/ou responsáveis dos
estudantes, que são públicos da educação especial da rede estadual de
ensino, no desenvolvimento das atividades remotas durante esse período em
que as atividades presenciais estão suspensas por tempo indeterminado nas
escolas estaduais como medida de prevenção e enfrentamento à Covid-19.
O primeiro material já está disponível e destaca a importância de estabelecer
uma rotina diária de estudo com os alunos com Transtorno do Espectro Autista
(TEA) e com Deficiência Intelectual.

● Rotina diária de estudo;

● Participação nas atividades diárias da casa


(D.I)

● Estímulo Cognitivo por meio de jogos;


14
.
NOVOS GUIAS

Já está sendo elaborado um guia orientador para as famílias de


estudantes com deficiência visual que ainda não fazem uso do Braille e
estão em processo de aprendizado do sistema de leitura. Além disso, a
Secretaria está em contato com as 23 escolas especiais para que os
materiais que estão sendo construídos por elas possam ser socializados
com as demais unidades de ensino.

15
.

NOVAS AUTORIZAÇÕES DE AEE

Neste momento estão suspensas. Tão logo as atividades


presenciais retornem ao funcionamento normal, as autorizações
retomarão o fluxo de liberação.

16
. ● RESPIRAR...

● ENTENDER QUE TODOS ESTAMOS PASSANDO POR


ISSO JUNTOS;

● NÃO TEMOS RESPOSTAS PRONTAS PARA TODAS AS


PERGUNTAS;

● MOMENTO DE CONSTRUÇÃO COLETIVA POR MEIO


DA COOPERAÇÃO.

17
.

?
PERGUNTAS FREQUENTES

18
● Os
. Profissionais de AEE (Professor de Apoio, Sala de Recursos e
Intérprete de Libras) terão acesso ao aplicativo Conexão Escola uma vez
que eles não possuem DED e portanto não possuem senha de acesso?

● Como será o trabalho específico do professor de sala de recursos?

● No caso da sala de recursos, podemos enviar atividades complementares?

● Em relação aos documentos da Sala de Recursos, o que precisa e o que

não precisa ser preenchido nesse período de pandemia?

● Como fazer o registro da carga horária dos alunos da sala de recursos?

19
● Quem deverá preencher o anexo I do aluno com PET adaptado?

●Quais documentos precisam ser preenchidos pelos professores de ACLTA em

relação ao REANP?

●Escolas que não possuem professor ACLTA e nem professor de Sala de

Recursos, quem será o responsável pela adaptação dos PETs?

●Os Professores de Apoio podem desenvolver seu trabalho com os demais

alunos público da educação especial que não têm autorização para serem
atendidos pelo referido profissional?

20
● O estudante público da educação especial não consegue acompanhar os
conteúdos dos PETs para o ano de escolarização no qual está
matriculado, pode adaptar PETs de outros anos de escolarização?

● Para o aluno da educação especial que não é alfabetizado é necessário


contemplar os componentes curriculares de todas as disciplinas nas
adaptações dos PETs?

● O aluno da Educação Especial é obrigado a assistir a aula online e ter


acesso ao Conexão Escola?

21
● O PDI do aluno deve ser preenchido durante o REANP?

● Quando o aluno é novato na escola e ainda não tem PDI, qual a


orientação a ser seguida (tendo em vista que o PET deve ser
elaborado/adaptado com base no PDI)?

● O que fazer no caso de alunos que os pais não têm condições de orientar
as atividades por não possuírem escolarização?

22
PET ADAPTADO
REGIME DE ESTUDO NÃO PRESENCIAL – 2020

ENSINO MÉDIO

DISCIPLINA: Química
DATA: 25/05/2020
TURMA: ano Verde
PROFESSOR:
CONTÉÚDO: Subtâncias e misturas; processos de separação de
misturas;

23
24
25
26
27
28
REGIME DE ESTUDO NÃO PRESENCIAL – 2020
ENSINO MÉDIO
DISCIPLINA: Química DATA: 25/05/2020 TURMA: 1º ano Verde
PROFESSOR:

CONTÉÚDO: Subtâncias e misturas; processos de separação de


misturas;

29
30
31
32
SUGESTÕES PARA APROFUNDAMENTO DE ESTUDOS

PLATAFORMA DIVERSA

É uma plataforma de compartilhamento de conhecimento e experiências sobre


inclusão de estudantes com Deficiência, Transtorno do Espectro Autista (TEA)
e Altas Habilidades/Superdotação na escola comum. É voltada a educadores,
gestores escolares e públicos, familiares e outros profissionais interessados
em educação inclusiva.
Tem por objetivo apoiar redes de ensino no atendimento de estudantes com
deficiência em escolas comuns.
Endereço eletrônico:https://diversa.org.br/

33
WEBINÁRIOS

34
3º webinar - Estratégias e ferramentas que estimulam o engajamento dos estudantes
no ensino remoto: https://youtu.be/zF-bHHRMuYQ

4º webinar - Como apoiar os estudantes: a contribuição das famílias


https://youtu.be/pM_cZxuhC7U

6º webinar - Educação Especial no Mundo 4.0 https://youtu.be/KMnWeL3STWI

https://www.uol.com.br/ecoa/colunas/rodrigomendes/2020/04/24/recomendacoes-da-
unesco-para-o-ensino-a-distancia.htm

35
• Parâmetros Curriculares Nacionais/Adaptações curriculares;

• Avaliação para a identificação das necessidades educacionais;

• Analisando o currículo escolar estruturado à luz dos Parâmetros


curriculares nacionais e do`Programa TEACCH;

• Escola Viva “ Adaptações curriculares de Pequeno Porte;


•Resolução 4256

36

Você também pode gostar