Você está na página 1de 25

II FORMAÇÃO CONTINUADA PARA COORDENADORES MUNICIPAIS E

PROFESSORES FORMADORES DA EDUCAÇÃO INFANTIL

O GRANDE ENCONTRO DAS MÃOS


O GRANDE ENCONTRO DAS MÃOS
Finalmente daremos início ao
grande encontro das mãos, aqui e
agora.
Chegam mãos
de todas as
cores
Todos os
tamanhos e
formas diversas
Vibrando,

vibrando,

vibrando.
Fazendo uma
Afinal elas estão juntas
Para uma grande
missão...
Fazerem os homens
despertarem para o
verdadeiro sentido das mãos!
Velhas e
novas amigas
começam a
se saudar.
Quantos
apertos
gostosos...
E carinhos
pra trocar...
As mãos pretas com
as mãos brancas...
Ah! Não perderam
tempo.
Foram se achando e
se juntando.
Deixando rolar
sentimento.
Uma apertadinha
aqui,
uma alisadinha acolá,
ficava explícito o
prazer
que sentiam ao se
encontrar.
Mãos azuis e amarelas
Também foram se encontrando
E o mesmo clima afetivo
Entre elas foi rolando...
Eram dedos tocando dedos
Eram dedos se entrelaçando
Mais adiante
em forma
de trio,
mãos
vermelhas,
verdes e
rosas, se
juntaram
feito
crianças...
E saíram a
brincar
de roda.
CIRANDA, CIRANDINHA
VAMOS TODOS CIRANDAR
VAMOS DAR A MEIA VOLTA
VOLTA E MEIA VAMOS
DAR.
O momento é realmente, de
alegria e muita emoção, afinal
não è todo dia que acontece
o encontro das mãos .
E para abrir esse encontro, que
já está sendo um sucesso, as
mãos erguidas cantam e
dançam
“Emoções” do Rei Roberto
Carlos...
Quando eu estou aqui / eu vivo esse
momento lindo /
Olhando pra vocês / e as mesmas
emoções sentindo /
São tantas já vividas /
São momentos que eu não me esqueci /
Detalhes de uma vida / histórias que eu
contei aqui /
Amigos eu ganhei / saudades eu senti
partindo / E às vezes eu deixei / você me ver
chorar / sorrindo /
Sei tudo que o amor / é capaz de me
dar / Eu sei já sofri /
Mas não deixo de
amar / Se chorei ou se
sorri /
O importante é que emoções eu
E PARA CONTINUAR NA EMOÇÃO,
ESTÁ NA HORA DE ESCUTAR O QUE
CADA GRUPO DE MÃOS VEIO
HOJE AQUI PRA FALAR.
COM A PALAVRA, MÃOS PRETAS...

É com imensa
alegria
Que estamos saindo
na frente
Pra falarmos de
alguns assuntos
Que são realmente
urgentes!
Falaremos sobre
desenvolvimento
infantil, um dos
assuntos mais
importantes da
humanidade.
Precisamos que todos
reconheçam e não
esqueçam que as
crianças precisam de
atenção e que sejam
garantidos seus
direitos.
COM A PALAVRA, MÃOS AMARELAS:
Enquanto nos ocuparem, para educar,
brincar, alimentar, acompanhar, dar
carinho, segurar, abraçar, daremos um
grande passo, para preservar a vida e o
bem estar das crianças.
COM A PALAVRA, MÃOS VERMELHAS:
(Leiam como se estivessem numa passeata)
Mãos vermelhas, unidas,
lutando pela vida!
Mãos vermelhas, unidas,
lutando pela infância!
Mãos pra cuidar!
Mãos para orientar!
Mãos para acudir!
Mãos para salvar!
Não queremos mais insegurança!
Não queremos mais fome!
Não queremos mais abandono!
Não queremos mais violência!
Mãos vermelhas, unidas, Lutando pela
infância! (Bis)
COM A PALAVRA, MÃOS COR DE ROSA:

Nós, as mãos cor de rosa, trataremos de um


assunto delicado, falaremos sobre afeto,
sobre o tocar e ser tocado.
O toque é essencial!
Preenche e aproxima.
Alimenta o corpo e a alma.
Cuida e educa.
Procure alguém do seu
lado Pra tocar e ser
tocado.
COM A PALAVRA, MÃOS AZUIS:
A nossa cor azul lembra algo especial...
É momento de estender as mãos num
movimento de acolhida, para transmitir que
estamos disponíveis ao outro.

Mãos estendidas
chamam para segurar,
orientar, elevar,
cuidar, para acolher, e
pra tocar.

Veja alguém que está


mais distante,
estenda suas mãos
para ela e a acolha
com um abraço.
COM A PALAVRA , AS MÃOS VERDES:

Temos a cor que os homens,


batizaram como cor da
esperança.
Esperança lembra futuro.
Futuro lembra criança.
E é em nome das mãos
infantis, que faremos nosso
pronunciamento, para
mostrar nossa indignação
diante de tanto sofrimento.
Todas juntas mãos verdes possamos
então dizer:
Chega de mãos de
criança, calejadas de
trabalhar, de
mendigar um pedaço
de pão, de roubar e
até matar.
Mãos de criança só
deveriam:
Brincar, criar,
escrever, fazer um
carinho gostoso,
segurar um livro pra
ler...
COM A PALAVRA FINAL , MÃOS BRANCAS:
Finalmente! Finalmente!
Chegou nossa vez de falar:
Depois de tudo que foi dito
Temos pouco a acrescentar.
Pedimos que se levantem
E formem uma imensa
corrente e que a energia pura
do amor possa brotar por
entre os dedos da gente.

E assim unidos, por essa


energia maior, uma
mão ajudando a outra...
Construiremos um mundo
melhor!...
Depois que cada grupo falou, deu
sua valiosa contribuição, chegou
ao final com sucesso
O grande encontro das mãos.
E pra fechar com chave de ouro,
Vamos cantar com emoção...
UMA MÃO AJUDA A OUTRA

PRECISAMOS UNS DOS OUTROS PRA VIVER...


UMA MÃO AJUDA A OUTRA PODE VER.
VOCÊ PRECISA DE MIM... EU PRECISO DE VOCÊ
UMA MÃO AJUDA A OUTRA PODE VER... (BIS)
SÃO NAS TROCAS COM O OUTRO
QUE APRENDEMOS A VIVER
UM VAI ENSINANDO AO OUTRO
UMA AJUDA O OUTRO A CRESCER
CADA SER É IMPORTANTE CADA UM COM SUA MISSÃO
FAÇA O MELHOR QUE PODE VEM JUNTAR AS SUAS
MÃOS.