Você está na página 1de 184

FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO

LEONARDO DE ARRUDA DELGADO


CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Aula 07: Cinesiologia Aplicada a


Musculação
Leonardo de Arruda Delgado
CREF. 001764-G/MA

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Conceito de Movimento

• É o fenômeno caracterizado pela mudança de um corpo


no espaço. O corpo está em movimento quando esse
corpo se desloca com o tempo em relação a outros
tomados como referência.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Termos de Movimento
• PLANO: Sagital EIXO: Frontal ou transversal
– Flexão: Curvatura ou diminuição do ângulo entre os ossos ou
partes do corpo.
– Extensão: Endireitar ou aumentar o ângulo entre os ossos ou
partes do corpo.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Flexão Lateral

• PLANO: Frontal
• EIXO: Sagital

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Flexão e Extensão Horizontal

• PLANO: Transversal /
Horizontal
• EIXO: Longitudinal /
Vertical

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PLANO: Frontal
EIXO:Sagital
• Adução: Movimento na direção do plano mediano em
um plano coronal.
• Abdução: Afastar-se do plano mediano no plano
coronal.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PLANO: Horizontal / Transversal


EIXO:Longitudinal / Vertical
– Rotação Medial: Traz a face anterior de um membro para mais
perto do plano mediano.
–  Rotação Lateral: Leva a face anterior para longe do plano
mediano.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PLANO: Transversal /Horizontal


EIXO: Longitudinal / Vertical
– Supinação: Termo usado
habitualmente para antebraço e mão;
corresponde ao movimento em que a
palma da mão volta-se anteriormente,
enquanto seu dorso aparece
posteriormente;
– Pronação: Termo usado
habitualmente para antebraço e mão;
corresponde ao movimento em que a
palma da mão volta-se posteriormente,
enquanto seu dorso aparece
anteriormente;

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PLANO: Transversal /Horizontal


EIXO: Longitudinal / Vertical
– Abdução Horizontal:
movimento no plano horizontal
afastando-se da linha mediana
do corpo.
– Adução Horizontal: movimento
no plano horizontal
aproximando-se da linha média
do corpo.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Movimentos do Pé
• PLANO: frontal
• EIXO: sagital
– Eversão: Termo que
indica o movimento que
faz a planta do pé para
longe do plano mediano,
– Inversão: Termo que
indica o movimento que
faz a planta do pé para
longe do plano mediano.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Adução / Abdução (do pé)

• PLANO: transversal
• EIXO: longitudinal / vertical

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PLANO:sagital
EIXO: frontal ou transversal
– Dorsi-flexão (flexão dorsal):
Movimento de flexão na
articulação do tornozelo,
como acontece quando se
caminha morro acima ou se
levantam os dedos do solo.
– Planti-flexão (flexão
plantar): Dobra o pé ou
dedos em direção à face
plantar, quando se fica em pé
na ponta dos dedos.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Hiper Movimentos

Hiperflexão É o movimento de flexão além dos 180º graus ou


da metade de um círculo.
Hipextensão É o movimento de extensão que vai além e passada
posição zero.
Hiperadução É o movimento de continuação da adução, indo além
da posição zero e
cruza o corpo
Hiperabdução É o movimento de continuação da abdução, indo além
da linha média do
corpo

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Movimentos Escápula
• MOVIMENTO: elevação /
depressão
– PLANO: frontal
– EIXO: sagital
• MOVIMENTO: retração / protração
– PLANO: transversal
– EIXO: longitudinal
• MOVIMENTO: rotação pra baixo e
pra cima
– PLANO: frontal
– EIXO: sagital

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Circundução

• Combinação de flexão, abdução, extensão e adução

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Quais os Movimentos são Realizados

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

A Coluna Vertebral

• É composta por 33 ossos, que são denominados


vértebras.
• Estas estão dispostas umas sobre as outras no sentido
longitudinal, formando um conjunto que se estende pela
nuca, tórax, abdome e pelve.
• As vértebras recebem então o nome de acordo com a
região em que estão atravessando.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

A Coluna Vertebral

• Assim temos:
• Sete vértebras cervicais
• Doze torácicas
• Cinco lombares
• Cinco sacrais  osso sacro
• Quatro coccígeas  osso cóccix

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Curvas Normais da Coluna Vertebral

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Deformidades da Coluna

As deformidades da coluna podem ser classificadas da


seguinte maneira:
• Escolioses: A escoliose é um desvio lateral da coluna,
que pode ser funcional ou estrutural.
• Hipercifose: Aumento da convexidade posterior da
curva torácica
• Hiperlordose: Um aumento excessivo em uma das
convexidades anteriores da coluna vertebral

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Membros Superior

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

ARTICULAÇÕES DO ESQUELETO
APENDICULAR SUPERIOR
• Ombro
• Cotovelo
• Punho
• Articulação dos dedos
• Articulação do polegar

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Ombro
O ombro é a articulação complexa que envolve
a cintura escapular (ou cintura peitoral, que é
uma cintura aberta que liga a coluna vertebral
ao membro superior) e a articulação
glenoumeral.
 
“Uma ausência de contenções ósseas
permite uma grande amplitude de movimento
à custa da estabilidade que é fornecida pelas
várias estruturas ligamentares e musculares.”
Nordin e Frankel, 2003

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Complexo Articular do Ombro

• Primeiro grupo:
1. Articulação escápulo-umeral
2. Articulação subdeltóide.
 
• Segundo grupo (Cintura
Escapular):
3. Articulação acrômio-clavicular
4. Articulação escápulo-torácica
5. Articulação esternocostoclavicular

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Cintura Escapular
• Dois ossos estão implicados de forma prioritária nos
movimentos da cintura escapular. São a escápula e a
clavícula, que geralmente se movem como uma
unidade.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Articulações da Cintura Escapular


– Articulação Esternoclavicular
(EC)
– Articulação Acrômio-Clavicular
(AC)
– Articulação Escapulocostal (ou
Escapulo-Torácica)

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Articulação Esterno Clavicular

• Entre a ponta medial da clavícula e o manúbrio do


esterno.
• E uma articulação sinovial em sela.
• Há um disco cartilaginoso entre as duas faces, que
ajuda a articulação a mover-se melhor, reduzindo a
incongruência das superfícies e absorvendo o choque
transmitido através do membro superior para o
esqueleto axial.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Movimentos Esterno Clavicular

• Elevação (45°) e depressão (15°) associados à elevação


+ rotação lateral da escápula ou depressão da escápula
• Protração (15°) e retração (15°) associados à protração
(abdução) ou retração (adução) da escápula
• Rotação longitudinal posterior: a sua face inferior volta-
se anteriormente (30-45°)
– Associada à rotação da escápula
– Ocorre quando o ombro foi abduzido ou fletido a 90°

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Articulação Acrômio-clavicular

– A articulação AC une a
escápula à clavícula.
– É uma articulação sinovial
plana com 3° de liberdade.
– Ela tem uma cápsula e
dois ligamentos principais.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Articulação Escapulo-costal

• É o espaço entre escápula e parede torácica, onde


ocorre o deslizamento da escápula;
• Não é uma articulação verdadeira em termos
anatômicos, sendo uma articulação funcional;
• Seu movimento depende totalmente das articulações
esterno-clavicular e acrômio-clavicular;
• FUNÇÕES: orientar otimamente a fossa glenóide para
melhorar contato com úmero e aumentar amplitude de
elevação do MS.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Músculos que agem na Cintura


Escapular
Estes músculos têm a função de fixar a cintura
escapular ao tronco e de colocar a cintura escapular na
posição necessária para os movimentos do braço. São
eles:
– Trapézio;
– Rombóides Maior e Menor;
– Levantado (ou Elevador) da Escápula;
– Peitoral Menor;
– Subclávio;
– Serrátil Anterior

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Movimentos da Escapula
– Abdução: movimento da escapula em direção lateral separando-se da
coluna vertebral.
– Adução: movimento da escapula em direção medial para a coluna vertebral.
– Rotação descendente: retorno do ângulo inferior em direção medial e
inferior para a coluna vertebral e da cavidade glenóidea a sua posição
normal.
– Rotação ascendente: giro da cavidade glenóidea para cima e movimento
do ângulo inferior superior e exteriormente, separando-se da coluna
vertebral.
– Depressão: movimento descida ou inferior, em direção à posição normal.
– Elevação: movimento ascendente ou superior, como quando nos
encolhemos de ombros.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Trapézio
– Juntamente com o músculo
grande dorsal, o músculo trapézio
reveste quase todo o dorso;
Possui forma plana e triangular;
– É o músculo mais superficial e
superior da região posterior do
tórax;
– Recobre o elevador da escápula e
os rombóides;
– De acordo com sua função e
localização pode ser dividido em
quatro partes: Trapézio I, Trapézio
II, Trapézio III e Trapézio IV.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Feixes do Trapézio

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Ação do Trapézio

– Trapézio I: elevação da escápula e participa da rotação da


escápula;
– Trapézio II: auxilia o trapézio I na elevação da escápula e
contribui para a inspiração;
– Trapézio III: aproxima as escápulas da coluna vertebral
(adução da escápula);
– Trapézio IV: depressão e contribui para os movimentos de
rotação da escápula, juntamente com a porção superior. Impede
a queda do tronco, quando os braços se encontram apoiados.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Exercícios
• Encolhimento de ombros (Trapézio I e II)

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Remada Vertical

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Remada Posição Sentada

– Trapézio III e Grande


Dorsal

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Remada Unilateral Haltere


– Trapézio III e Grande Dorsal

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Puxada Anterior pegada Aberta e


Fechada
– Trapézio IV e Grande Dorsal

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Rombóides

– São cobertos pelo trapézio;


Difícil distinção entre um e
outro, sendo o menor mais
superior e o maior mais inferior.
É inervado pelo nervo
escapular dorsal e tem direção
obliqua para o alto e para
dentro.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Ação dos Rombóides

• Os dois músculos rombóides puxam a escápula para


cima, em direção à coluna vertebral realizando a
elevação e retração da escápula Sobretudo o músculo
rombóide maior funciona como antagonista do músculo
serrátil anterior, voltando a cavidade glenóide para
inferior e contribuindo para a rotação do ângulo inferior
da escápula.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Exercícios para os Rombóides

– Cruzamento de Cabos com inversão

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Crucifixo Posterior

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Extensão Horizontal

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Elevador da Escápula

– Tem direção obliqua para o


alto e para dentro. Situa-se
na parte dorsal e lateral do
pescoço, abaixo do
trapézio. É inervado pelo
nervo escapular dorsal.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Ação do Levantador da Escápula

– O elevador da escápula é o
músculo que ajuda a porção
superior do trapézio durante a
elevação da escápula, ou seja,
traciona a escápula para cima e
para dentro, em direção à coluna
(por exemplo, ao encolhermos os
ombros); opera sempre em
colaboração com outros
músculos.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Serrátil Anterior

– É uma lamina delgada,


parcialmente recoberto pelo
peitoral menor, com
digitações carnudas da 1ª a
9ª costela, compõe-se de
três partes, a média sendo a
mais fraca e a inferior a
mais forte.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Ação do Serrátil Anterior

• Como tem uma linha de tração quase horizontal para


lateral na parte inferior da escápula, é eficiente na
rotação da escápula para cima, uma outra função deste
músculo é manter a margem medial da escápula contra
a caixa torácica.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Exercícios para os Serrateis Anteriores

– Crunch

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Abdominal Grupado

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Elevação de Pernas em Barra Fixa

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Puxada Anterior Unilateral

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Pullover

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Músculo Peitoral Menor

– Situa-se abaixo do músculo


peitoral maior, delgado e
triangular, é o único músculo
do cíngulo do membro
superior localizado totalmente
na face anterior do corpo.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Ação do Peitoral Menor

• Abaixa e adianta as cinturas escapulares, produzindo


indiretamente a flexão do braço, pode através da
elevação das costelas, agir na inspiração. Raramente
opera de forma isolada.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Articulação do Ombro (Gleno-Umeral)

– A articulação GU é uma articulação


sinovial esferóide com 3° de
liberdade. Ela tem uma cápsula e
diversos ligamentos e bursas.
– A articulação é formada pela
grande cabeça do úmero e pela
pequena fossa glenóide.
– A articulação GU tem congruência
sacrificada para servir à mobilidade
necessária para a mão.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Músculos da Articulação do Ombro

• Os músculos que agem na articulação do ombro são:


– Peitoral Maior,
– Grande Dorsal,
– Deltóide,
– Supraespinhal,
– Infraespinhal,
– Redondo Maior,
– Redondo Menor,
– Subescapular,
– Córacobraquial.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Peitoral Maior

– Situado na parede torácica


anterior (sobre as costelas),
formando a parede anterior da
axila, é espesso e em forma de
leque, podendo apresentar
quanto a sua origem três
porções: Clavicular, Esternal e
Abdominal.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Ação do Peitoral Maior

– Aduz e roda medialmente o


braço. Puxa o braço
medialmente de todas as
posições, à frente do tórax é
ativo na expiração forçada.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Grande Dorsal

– Vasto músculo
triangular que recobre a
região lombar e metade
inferior da região
torácica póstero-lateral.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Ação do Grande Dorsal

– Aduz o braço (abaixa o


braço levantado), estende-
o (puxa-o em direção
dorsal, gira-o em direção
medial, abaixa o gínglimo
peitoral e puxa o ombro
para trás).

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Deltóide

– É um músculo volumoso e
espesso de forma triangular
que recobre a articulação do
ombro ventral, dorsal e
lateralmente. É o mais
superficial dos músculos
intrínsecos do ombro,
modela o ombro e divide-se
em três partes de acordo
com os pontos de origem:
Anterior, Medial e Posterior.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Ações do Deltóide

– Anterior: levanta o
braço para diante e o
roda medialmente.
– Medial: abdução do
braço.
– Posterior: executa a
rotação externa do
braço.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Supra Espinhal

– Ocupa toda fossa


supraespinhal da escápula
passando por baixo do
deltóide.
– Ação: Ajuda o deltóide a
abduzir o braço e atua com
músculos do manguito
rotador.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Infra Espinhal

– Especo músculo triangular que


ocupa a parte principal da fossa
infraespinhal
– Ação: Este músculo realiza a
abdução do braço, colaborando
nesta função com o músculo
deltóide; as suas porções
posteriores executam a rotação
externa do braço.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Movimentos da Articulação do Ombro

• Flexão Anterior, Anteversão ou Elevação Frontal


• Flexão Posterior, Retroversão
• Flexão Lateral, Abdução
• Flexão Medial, Adução
• Circundução
• Retroposição
• Anterposição
• Flexão ou Adução Horizontal
• Extensão ou abdução Horizontal

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Flexão do Ombro

– Movimento de grande
amplitude, 180°;
observar que a mesma
posição de flexão a 180°
pode ser definida
também como uma
abdução de 180°.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

AS TRÊS FASES DA FLEXÃO


• Pode ser dividida em fases:

– Primeira fase da flexão: de 0° a 50-60°, onde os músculos motores


desta primeira fase são: Fascículo anterior, clavicular, do deltóide;
Córaco-braquial; Fascículo superior, clavicular, do peitoral maior.

– Segunda fase da flexão: de 60° a 120°, os músculos motores são os


mesmos que participam da abdução: Trapézio; Serrátil anterior.
–  Terceira fase da flexão: de 120° a 180°, o fim do movimento é
idêntico ao da abdução associada a uma hiperlordose por ação dos
músculos lombares

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Desenvolvimento de Ombros

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Levantamento Frontal

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Remada em Pé ou Alta

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Extensão

– O braço pode levar-se para trás.


É um movimento de escassa
amplitude, 45 a 50°.
– Os músculos motores da flexão
posterior são: deltóide posterior
(porção escapular); peitoral
maior (porção esternal); grande
dorsal; redondo maior.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Exercícios de Musculação

– Encolhimento dos
ombros, haltere por trás
do corpo

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Extensão de tríceps com haltere fixo,


curvado

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Abdução

• É o resultado da ação de
dois músculos, o deltóide e o
supra-espinhal.
• Permite-nos levar a mão até
seu limite, alcançado aos
180º de abertura.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Exercícios de Musculação

• Levantamento Lateral

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Remada Inclinada

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Levantamento lateral, corpo inclinado

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Membros Inferior

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

OSSOS DO MEMBRO INFERIOR

• Quadril
• Fêmur
• Tíbia e Fíbula
• Patela
• Pé - Tarso – Tálus, Calcâneo, Navicular, Cubóide e
Cuneiformes (Medial, Lateral E Intermédio)
• Metatarso
• Falanges – Proximal, Média E Distal

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

osso do cíngulo
quadril do QUADRIL
membro
inferior

fêmur COXA MEMBRO


INFERIOR
patela
Vista anterior
fíbula
tíbia PERNA

tarso
metatarso PÉ
dedos do pé

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Osso do Quadril
– O osso do quadril é formado a partir de três ossos, o ísquio, o
púbis e o ílio
– Cada homem possui um par de ossos do quadril, dispostos
simetricamente e ligados entre si pela sínfise púbica

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Osso do Quadril

ÍLIO

ÍSQUIO

PÚBIS

vista lateral vista medial

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Cont...

– O osso do quadril articula-se com o


fêmur através da chamada face
semi-lunar do acetábulo, sendo
que a fossa do acetábulo serve
para passagem do ligamento da
cabeça do fêmur
– Suas principais funções,
sustentação, estabilização do
tronco, manter o centro de
gravidade(equilíbrio), proteger o
sistema reprodutor e o sistema
digestivo inferiormente

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Acetábulo

– Côncavo, formado por 1/5 púbis,


2/5 ísquio,2/5 ílio.
– Parte superior é mais recoberta
com cartilagem hialina.
– Incisura acetabular na base
interrompe aporção
cartilaginosa.
– Fossa acetabular: central e
profunda, possui uma camada
de gordura fibroelástica
recoberta p/ membrana sinovial.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Vista anterior

Cintura pélvica
feminina

Cintura pélvica
masculina

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Fêmur

• O fêmur é o osso mais longo e mais volumoso do corpo


humano, e localiza-se na coxa.
• Também é o osso mais resistente, suportando uma
pressão de 1.230 Kg por centímetro quadrado sem se
ferir.
• O fêmur consiste da diáfise, da epífise proximal que se
prolonga, através de um pescoço, até uma cabeça
(esférica) - que o articula com o osso do quadril ou osso
coxal - e da epífise distal que se divide em dois côndilos,
que se ligam à tíbia, à patela e à fíbula.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Cont...

• Uma pessoa de 1,80 m tem um fêmur de


aproximadamente 50 cm. Geralmente, o fêmur direito é
ligeiramente menor do que o esquerdo.
• O fêmur divide-se basicamente em cabeça do fêmur,
colo do fêmur, trocanter maior e trocanter menor, linha
áspera e côndilos femorais.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Patela

– A patela é um osso pequeno e


triangular, localizado
anteriormente à articulação do
joelho.
– É um osso sesamóide.
– É dividida em: base (larga e
superior) e ápice (pontiaguda e
inferior). Articula-se somente
com o fêmur.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Função Patelar

• Aumentar o braço do momento de


força do músculo quadríceps em
sua função extensora do joelho.
Redireciona as forças exercidas
pelo quadríceps.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Tíbia

• Exceto pelo fêmur, a tíbia é o maior osso no corpo que


suporta peso.
• Está localizada no lado ântero-medial da perna.
• Apresenta duas epífises e uma diáfise.
• Articula-se proximalmente com o fêmur e a fíbula e
distalmente com o tálus e a fíbula.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Fíbula

– A fina fíbula situa-se póstero-


lateralmente à tíbia e serve
principalmente para fixação
de músculos.
– Não possui função de
sustentação de peso.
– Articula-se com a tíbia
(proximalmente e
distalmente) e o tálus
distalmente.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Ossos do Pé
• O pé se divide em: tarso, metatarso e falanges.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Articulações do Quadril

• O quadril é composto por três articulações:

– Articulação Sacroilíaca
– Sínfise Púbica
– Coxo Femoral

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Articulação Sacroilíaca

• Movimentos dessa articulação são pequenos (1 a 3 mm)


e difíceis de medir.
• É considerada uma articulação diartrodial livremente
móvel.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Sínfise Púbica

• Pequenos movimentos da
articulação sacrilíaca são
acompanhados por movimentos
da sínfise púbica,
• Há poucos movimentos nessa
articulação.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Coxo Femoral

• É uma juntura sinovial (diartrose) esferóide,


• Une o quadril ao fêmur,
• Articulação mais estável,
• Essa estabilidade é explicada por suas funções de
sustentação de toda estrutura corporal situada acima e
de transmissão de todas as forças provenientes do solo.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Cont...

• O osso do quadril articula-se com o fêmur através da


chamada face semi-lunar do acetábulo, sendo que a
fossa do acetábulo serve para passagem do ligamento
da cabeça do fêmur
• Suas principais funções, sustentação, estabilização do
tronco, manter o centro de gravidade(equilíbrio),
proteger o sistema reprodutor e o sistema digestivo
inferiormente

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Fisiologia Articular

• Diartrose sinovial tipo esferóidal


• Articulação triaxial (3 graus de movimento), tipo bola-
soquete
• Possui três eixos e três graus de liberdade.
– Um eixo transversal: situado no plano, onde se efetuam os
movimentos de flexão e extensão;
– Um eixo vertical: este eixo longitudinal permite os movimentos
de rotação externa e rotação interna.
– Um eixo ântero: posterior: situado no plano sagital , onde
efetua-se de abdução e adução.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Estruturas e Ligamentos

– Cápsula fibrosa
– Membrana sinovial
– Ligamento ileofemoral
– Ligamento pubofemoral
– Ligamento isquiofemoral
– Ligamento da cabeça do fêmur
– Ligamento transverso do acetábulo

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Bursas
– Trocanteriana: Localiza-se entre o tendão do glúteo máximo e o
grande trocanter
– Isquiática: Situa-se sobre a tuberosidade isquiática
– Ileopectinea: Maior bursa do quadril, fica localizada
anteriormente sob o tendão do músculo ilio-psoas

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Bursite
– Quase sempre provocada por trauma direto, ou estresse causado
por sobrecarga ou excesso de uso.
– A causa provável desta bursite é o atrito provocado pela banda íleo
iliotibial
– Entre outras causas encontradas destaca-se o ângulo Q
aumentado com ou sem discrepância no comprimento dos
membros.
– Aqueles que têm o pé supinado(pé cavo), apresentam maior
tendência para adquirir bursite trocantérica devido à imposição do
estresse na área.
– Nos esportes de contato pode haver bursite hemorrágica, devido
exatamente o contato físico com a área.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Ângulo de Inclinação
– Situa-se entre 90 a 135º;
– Determina: a eficácia dos abdutores do quadril;
– O comprimento do membro;
– As forças impostas na articulação;
– Â > que 125: coxa valga, o comprimento do MI, a eficácia do
abdutores; a carga na cabeça do fêmur, a carga no colo do
fêmur.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Coxa Valga e Vara

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

A) Normal B) Vara C) Valga

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Fraturas
• As principais fraturas são as trocanterianas e as do colo
do femur. Podem estar associadas a traumas e
osteoporose.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Movimentos do Quadril
– Flexão/Extensão;
– Adução/Abdução;
– Rotação Interna/Rotação Externa.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Movimento de Flexão do Quadril

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Músculos da Região Anteriores do


Quadril (Flexores)
• Iliopsoa
• Tensor da Fascia Lata
• Reto Femoral
• Sartório
• Adutor Longo
• Pectineo

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Músculo Iliopsoas

• Este músculo se compõe de


duas partes distintas que
possuem diferentes pontos
de origem, a saber: do
músculo psoas e do
músculo ilíaco.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Função Iliopsoas

• Este músculo é solicitado principalmente durante a


corrida, pois ele levanta a coxa para frente;
• Esta mesma função faz dele um dos músculos mais
importantes chute direto do futebol.
• Na ginástica de aparelhos, o músculo iliopsoas
desempenha função de destaque nos exercícios que
exigem a passagem dos membros inferiores estendidos
para a posição em ângulo adiante do tronco (por
exemplo, na suspensão horizontal sobre as barras,
estando os braços apoiados sobre as paralelas).

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Tensor da Fáscia Lata

– Origem: espinha ilíaca ântero-superíor.


– Inserção: tuberosidade do tracto iliotibial,
no côndilo lateral da tíbia.
– Inervação: nervo glúteo superior.
–  Função: Na perna não fixada, o músculo
tensor da fáscia lata produz flexão e
abdução da coxa. Estando a perna fixada,
este músculo contribui para a flexão do
tronco, respectivamente, para a rotação da
pelve para diante.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Reto Femoral

– O músculo reto do fêmur


constitui parte do músculo
quadríceps femoral;
transpondo duas
articulações, este
músculo participa da
flexão na articulação do
quadril e, por
conseguinte, da rotação
da pelve para diante e da
estabilização da sua
posição.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Músculo Sartório

– Trata-se de outro músculo que


transpõe duas articulações,
razão pela qual será discutido de
forma pormenorizada no
parágrafo que trata da
musculatura do joelho. A sua
ação sobre o quadril consiste em
flexão, rotação externa e
abdução.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Elevação do joelho

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Elevação de Pernas na Vertical

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Extensão do Quadril

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Extensores do Quadril (Posterior)

– Glúteo Máximo;
– Bíceps Femoral;
– Semi tendinoso; e
– Semi membranoso.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

“Músculos biarticulares funcionam de modo


mais efetivo em uma das articulações quando
a outra estende ligeiramente o músculo.”

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Glúteo solo –Seis Apoios

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Adutores do Quadril

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Músculos Adutores

• Pectíneo
• Adutor Longo
• Grácil
• Adutor Curto
• Adutor Magno

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Músculo Pectíneo

– Origem: pécten do osso púbico.


– Inserção: linha pectínea do fêmur.
– Inervação: nervo femoral e nervo
obtura-tório.
– Função: adução da coxa, além da
participação nos movimentos de
flexão e rotação externa do
quadril.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Abdução do Quadril

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Músculos Abdutores (Laterais)

– A contração dos abdutores do


quadril é necessário durante a fase
de balanço da marcha para evitar
que a perna que oscila se arraste
no chão.
– Glúteo Máximo;
– Glúteo Médio

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Rotação do Quadril

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Músculos Rotadores do Quadril


• MEDIAL
– Tensor da fáscia lata;
– Glúteo médio e mínimo;
– Pectíneo.

• LATERAL
– Sartório
– Gluteo Máximo
– Adutor mágno
– Adutor curto
– Pelve trocanterianos

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Limitação dos movimentos:

• Flexão - mm isquiotibiais;
• Hiperextensão – cápsula anterior, mm flexores do
quadril e lig. ilio femural;
• Adução – mm tensor da fáscia lata;
• Abdução – mm adutores;
• Rotação interna e externa – mm antagonistas e
ligamentos.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Complexo do joelho

Composto por 2
articulações distintas
envoltas por uma única
cápsula articular:


Articulação
Tibiofemoral

Articulação
Patelofemoral

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Articulação Tibio-Femoral

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Características

• Articulação condilar com dois graus de liberdade.


– flexão – extensão
– rotação Medial (interna) – rotação Lateral (externa)

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Superfície Articular Femoral

• Os côndilos não ficam abaixo da cabeça do fêmur


devido a inclinação da diáfise.
• O côndilo lateral é mais alinhado que o medial.
• O côndilo medial é mais longo do que o lateral o que
contribui para o mecanismo de trava do joelho.
• Apesar das diferenças, a superfície distal do fêmur é
horizontal.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Meniscos

• São discos articulares cartilaginosos assimétricos


• Menisco medial – semicírculo
• Menisco lateral - quase um anel
P

L M

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Funções dos Meniscos

• Diminui o stress compressivo na articulação Tibio-


femoral.
• Estabilizar a articulação durante o movimento,
diminuindo a fricção e guiando a artrocinemática do
joelho.
• Diminui pressão na cartilagem.
• Suporta cerca de 50% da carga total imposta aos
joelhos.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Estruturas ligamentar:

– Lig. da patela
– Lig. colaterais
(medial e lateral)
– Lig. cruzados
(anterior e posterior)

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Cont...

• Quando o joelho se encontra em extensão, todos os


ligamentos estão tensos.
• Em flexão os ligamentos colaterais permitem rotação
lateral e os ligamentos cruzados permitem a rotação
medial.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Ligamento Colateral Fibular ou LCL

– Origem: epicôndilo femoral e se


insere abaixo da fíbula;
– Função: estabilizar lateralmente o
joelho e impede o bocejo lateral.
– Lesões de lateralidade medial do
joelho indica uma lesão do LCL,
com bocejo lateral e movimento
medial da tíbia;
– Não é aderido ao menisco, pois
entre eles passa o poplíteo.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Ligamento Colateral Tibial ou LCM

– Ligamento largo e achatado;


– Origem: epicôndilo femoral medial
e se insere abaixo dos tendões da
pata de ganso.
– Função: estabilizar medialmente o
joelho e impede o bocejo medial;
– Nas lesões de lateralidade lateral
do joelho indica uma lesão do
LCM, bocejo lateral da tíbia.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Ligamento Cruzado Anterior


( LCA )
– Sai da região anterior – medial da tíbia em direção superior
posteriormente para se fixar na região medial posterior do
côndilo lateral do fêmur.
– As fibras de colágeno do LCA giram umas sobre as outras
formando um espiral, ou feixe.
– Auxilia a estabilizar a extensão do joelho.
– Ligamento + lesado;
– Pode ocorrer associada a lesões de outras estruturas, como
– LCM e Menisco Medial;
– LCA gera 85% de resistência total passiva à translação anterior
da tíbia.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Ligamento Cruzado Posterior (LCP)

– Sai da região intercondilar posterior da tíbia em direção anterior


para a região lateral do côndilo femoral medial.
– O LCP gera 95% de resistência total passiva durante a
translação posterior da tíbia.
– 50% das lesões de LCP estão associadas à lesão em outras
estruturas, sendo as + freqüentes LCA e cápsula posterior.
– Limita a quantidade de translação anterior do fêmur sobre uma
tíbia fixa como, por exemplo, em atividades como agachamento
ou aterrissagem de um salto com o Joelho parcialmente
flexionado.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Bursa

– Bursa suprapatelar;
– Bursa infrapatelar
– Bursa subfascial pré-
patelar;

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Deformidades do Joelho
Nos joelhos podem ocorrer quatro tipos de
deformidade: joelho geno valgo, geno varo, geno
recurvado e geno flexo. Os exercícios de alongamento
e fortalecimento são muito importantes para minimizar
ou até eliminar esses desequilíbrios.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Geno Varo ou Pernas Varas

– Conhecido como “penas


curvas” ou “pernas de
Cowboy”, consiste em
angulação externa do
joelho, com o eixo do
Fêmur e da Tíbia
desviando medialmente.
Pode desequilibrar os
arcos plantares,
ocasionando o pé
supinado e o tendão
calcâneo varo.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Cont...

• O joelho varo afeta a da articulação da tíbia, à diáfise do


fêmur e da tíbia também.
• Entre as causas mais comuns em nosso meio de
desenvolvimento de joelho varo é o raquitismo
(deficiência carencial de vitamina D).

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Geno Valgo ou Pernas Valgas

– Consiste em uma angulação medial do joelho e desvio para fora


do eixo longitudinal da tíbia e do fêmur. No desequilíbrio do arco
plantar, ocasiona o pé pronado e plano.
– É um desvio sobre o plano frontal, no qual os côndilos tendem a
tocar-se e os maléolos têm, ao contrário, uma distância mais ou
menos significativa.
– É normal o caso em que a distância intermaleolar, que vai de
1,5 a 3 cm nas crianças entre 2 e 5 anos, não supere os 5 cm;
uma distância intermaleolar superior a 5 cm é, ao contrário, de
se considerar patológica e a evolução acaba freqüentemente
num joelho valgo no adulto.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Possíveis Causas

– Há muito tempo esteve associada ao raquitismo.


– Um delicado equilíbrio entre uma hipotonia muscular e o peso
corpóreo criariam condições que favorecem o aparecimento de
um joelho valgo e um pé chato.
– Geralmente estão relacionadas ao fenômeno crianças
distróficas, mais adiposas, com abdome volumoso e que
tendem a caminhar com as pernas abertas;
– Não estão isentas crianças magras que apresentam notas de
raquitismo, hiperflacidez ligamentar e hipotonia muscular.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Tratamento

– Joelho Valgo benigno, onde a distância entre os maléolos


supera 5 cm, basta uma vigilância periódica, e pode ser útil um
tratamento cinesiológico que busque uma tonificação muscular
geral das pernas e dos pés.
– Joelho valgo grave, em que a distância interlamelar supera 5
cm, impõe-se um tratamento ortopédico em tenra idade (2-3
anos), com talas de gesso ou protetores ortopédicos aplicados
segundo princípio dos três pontos, isto é, agindo com forças
desviantes à altura dos joelhos e forças de depressão à altura
dos tornozelos.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Ao mesmo tempo será efetuada a cinesioterapia, praticada


regularmente e por longo tempo, mesmo comas proteções
eliminadas.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Geno Flexo ou Joelhos Fletidos


– Apresenta flexão da articulação do
joelho, ou seja, ocorre limitação da
extensão completa do joelho.
– A linha da gravidade passa por
traz dos joelhos.
– É causado pela hipertrofia da
musculatura flexora dos joelhos
(semitendinoso,
semimembranoso, poplíteo,
bíceps da coxa, plantar delgado,
reto interno, gastrocnêmio,
sartório).

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Cont...

• Fortalecer: Quadríceps (reto femoral, vasto lateral,


v.medial e v. intermédio)
• Alongar: Flexores de joelhos (semitendinoso,
semimembranoso, bíceps femoral e poplíteo), inclusive
gastrocnêmio e sartório.
• Exercícios: Extensão dos joelhos com mesa extensora
ou caneleira.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Etiologia:
• Desequilíbrio funcional músculo-ligamentar;
• Congênita;
• Fraturas;
• Lesões paralíticas;
• Assimetria dos membros inferiores.
Tratamento cinesiológico:

• Exercícios de alongamento dos isquitibiais (da coxa);


musculatura posterior da coxa;

• Tonificação do quadríceps contra-resistência.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Geno Recurvado

– Curvamento para trás da


articulação do joelho, ou seja ,
ocorre hiperextensão da
articulação do joelho.
– Faz com que a linha da
gravidade passe a frente dos
joelhos.
– CAUSA: Hipertrofia da
musculatura extensora dos
joelhos (Reto femoral, Vasto
medial, vasto intermédio, vasto
lateral)

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Tratamento

• Fortalecer: Os flexores do joelho (semitendíneo,


semimembranoso, bíceps femoral, popilíteo) inclusive
gastocnêmio e Sartório.
• Alongar: Quadríceps
• Exercícios: Flexão de joelho na mesa flexora ou com
caneleira, flexão concentrada dos joelhos no puxador
baixo

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Músculos Flexores dos Joelhos

– Bíceps da Coxa;
– Semitendinoso,
– Semimembranoso

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Músculos Extensores dos Joelhos

– Iliopsoas (ilíaco e psoas


maior)
– Quadríceps femoral ( recto
femoral, vastos intermédio,
medial e lateral)
– Sartório
– Articular do joelho

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Músculos Rotadores Mediais dos Joelhos

• Poplíteo
• Semitendineo
• Semimembranoso

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Músculos Rotadores Laterais dos


Joelhos
• Biceps da Coxa
• Reto Femoral

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Articulações do Tornozelo

• A articulação tíbio-társica compõe-se dos seguintes


ossos: tíbia, fíbula e tróclea do talo.
• A tíbia e a fíbula formam um alicate ósseo com os seus
maléolos mediai e lateral (a assim chamada
"forquilha dos maléolos"), o qual segura a tróclea do
talo.
• Esta articulação em dobradiça permite exclusivamente
movimentos de flexão e extensão.

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Músculos da Face Posterior da Perna

– Gastrocnêmio Medial
– Gastrocnêmio Lateral
– Soleo

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

PÓLO DE BARRA DO CORDA/MA


FUNDAMENTOS DO TREINAMENTO DA MUSCULAÇÃO
LEONARDO DE ARRUDA DELGADO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

LEONARDO DE ARRUDA DELGADO

Você também pode gostar