Você está na página 1de 15

Efeitos da corrente elétrica

6
Unidade

e energia elétrica
Efeitos da corrente elétrica
6
Unidade

e energia elétrica

6.3 Eletricidade e segurança


A corrente elétrica pode provocar danos irreparáveis
no nosso corpo, podendo mesmo ser fatal.

O perigo associado a um choque elétrico depende:

da intensidade da corrente elétrica que percorre o corpo;

da parte do corpo que é atravessada por corrente elétrica;

do intervalo de tempo durante o qual o corpo está exposto à


corrente elétrica.
A corrente elétrica pode provocar danos irreparáveis
no nosso corpo, podendo mesmo ser fatal.

Intensidade de corrente…

… inferior a 0,001 A é impercetível ou provoca uma leve


sensação de formigueiro;

… próxima de 0,005 A provoca uma sensação incómoda mas


sem dor;

… entre 0,006 A e 0,016 A provoca uma sensação dolorosa e


algum descontrolo muscular;

… entre 0,017 A e 0,099 A provoca uma forte sensação dolorosa,


paragem respiratória e descontrolo muscular e pode ser mortal;

… superior a 0,100 A provoca descontrolo ou paragem


cardíaca com morte provável.
A corrente elétrica pode provocar danos irreparáveis
no nosso corpo, podendo mesmo ser fatal.

Na rede doméstica, a tensão é de 230 V, pelo que a corrente elétrica


que pode atravessar o corpo humano em caso de choque é substancial.
Por isso, é indispensável cumprir certas regras de segurança.

Quando o choque elétrico provoca contração muscular, a pessoa atingida


fica incapaz de se retirar do contacto com a corrente, e para
a auxiliar tem de se usar um material isolador como a madeira.
Regras de segurança no manuseamento de equipamentos elétricos

Nunca mexer nos equipamentos elétricos Nunca utilizar equipamentos elétricos Nunca trabalhar numa instalação elétrica
ligados à corrente com as mãos molhadas. que apresentem fios mal isolados. sem desligar o quadro e nunca arranjar
equipamentos elétricos sem os desligar
da corrente.

Nunca ligar demasiados equipamentos Nunca deixar as crianças brincar perto Nunca desligar os equipamentos elétricos
elétricos na mesma tomada, pois de tomadas elétricas e utilizar de puxando o fio — deve puxar-se sempre pela
a sobrecarga pode causar um incêndio. preferência tomadas ou fichas de proteção. ficha.
Fase, neutro e terra
As instalações elétricas das nossas casas incluem
sempre três fios com funções que devemos conhecer:

Fio terra

Fio de fase
(castanho ou vermelho)

V U = 230 V

Fio neutro
(azul)

A tensão (diferença de potencial) entre os fios de fase e neutro é de 230 V.

O contacto simultâneo com a fase e com o neutro provoca choque.

O contacto apenas com o fio de fase pode ser muito perigoso,


pois a tensão que se estabelece entre uma pessoa e a fase é de 230 V.
As instalações elétricas das nossas casas incluem
sempre três fios com funções que devemos conhecer:

Fio terra

Fio de fase
(castanho ou vermelho)

V U = 230 V

Fio neutro
(azul)

Em caso de rutura do isolamento dos fios, a corrente elétrica pode circular


pelas partes metálicas de uma máquina, o que se torna perigoso para os utilizadores.

O fio de terra é um fio de proteção, pois permite que, nesses casos, a corrente
flua para a terra, evitando choques elétricos graves para o utilizador.
Curto-circuitos
Um curto-circuito ocorre quando os fios de fase
e neutro estabelecem contacto entre si.

O contacto entre os dois condutores origina um «caminho»


de baixa resistência para a corrente elétrica.

Devido à baixa resistência, a intensidade de corrente elétrica


que atravessa os condutores é muito elevada.

Ocorre um sobreaquecimento dos condutores,


podendo originar faíscas.

Os curto-circuitos são a causa de inúmeros incêndios.


Fusíveis e disjuntores
Para proteger as instalações e os equipamentos,
há dispositivos que cortam a corrente elétrica
caso esta atinja valores muito elevados.

Fusíveis

Funcionam com base no efeito térmico da corrente elétrica.

Têm na sua constituição um fio metálico condutor cuja fusão


ocorre quando a corrente elétrica atinge valores acima dos projetados.

O circuito fica aberto e deixa de haver passagem de corrente.

Após a resolução do problema, é necessário substituir o fusível.


Para proteger as instalações e os equipamentos,
há dispositivos que cortam a corrente elétrica
caso esta atinja valores muito elevados.

Disjuntores

Funcionam como interruptores automáticos que desligam o circuito quando


este entra em sobrecarga, ou seja, quando a corrente elétrica ultrapassa o valor máximo.

Relativamente aos fusíveis, têm a vantagem de se poderem voltar


a ligar assim que já não se verifique a sobrecarga.
Conclusão

A corrente elétrica pode provocar danos irreparáveis


no nosso corpo, podendo mesmo ser fatal.

As instalações elétricas das nossas casas incluem sempre


três fios: o fio de fase, o fio neutro e o fio terra.

Para proteger as instalações e os equipamentos, há


dispositivos que cortam a corrente elétrica caso esta
atinja valores muito elevados: os fusíveis e os disjuntores.