Você está na página 1de 50

Lição 2

QUEM ERA JÓ

1
Lições do Trimestre
Lição 1 – O Livro de Jó
Lição 2 – Quem era Jó
Lição 3 – Jó e a Realidade de Satanás
Lição 4 – O Drama de Jó
Lição 5 – O Lamento de Jó
Lição 6 – A Teologia de Elifaz : Só os Pecadores Sofrem ?
Lição 7 – A Teologia de Bildade : Se há Sofrimento, há pecado Oculto ?
Lição 8 – A Teologia de Zofar : O Justo não Passa por Tribulação ?
Lição 9 – Jó e a Inescrutável Sabedoria de Deus
Lição 10 – A Última Defesa de Jó
Lição 11 – A Teologia de Eliú : O Sofrimento é uma correção Divina ?
Lição 12 – Quando Deus se Revela ao Homem
2 Lição 13 – Quando Deus Restaura o Justo
Leitura Bíblica em Classe
Jó 1.1-5
1 - Havia um homem na terra de Uz, cujo nome era
Jó; e este era homem sincero, reto e temente a
Deus; e desviava-se do mal.
2 - E nasceram-lhe sete filhos e três filhas.
3 - E era o seu gado sete mil ovelhas, e três mil
camelos, e quinhentas juntas de bois, e quinhentas
jumentas; era também muitíssima a gente ao seu
serviço, de maneira que este homem era maior do
que todos os do Oriente. 
4 - E iam seus filhos e faziam banquetes em casa de
cada um no seu dia; e enviavam e convidavam as
3suas três irmãs a comerem e beberem com eles.
Leitura Bíblica em Classe
Jó 1.1-5
5 - Sucedia, pois, que, tendo decorrido o turno de
dias de seus banquetes, enviava Jó, e os santificava,
e se levantava de madrugada, e oferecia holocaustos
segundo o número de todos eles; porque dizia Jó:
Porventura, pecaram meus filhos e blasfemaram de
Deus no seu coração. Assim o fazia Jó
continuamente.

4
Texto Áureo

“Havia um homem na terra de Uz,


cujo nome era Jó; e este era homem
sincero, reto e temente a Deus; e
desviava-se do mal.”
(Jó 1.1)

5
Verdade Prática

Quem zela por um caráter


irrepreen­sível obtém
testemunho acerca de sua
integridade.

6
Ponto Central

O temor do Senhor é a base de


uma vida reta e íntegra.

7
Tópicos da Lição
I – Um Homem de Caráter Irretocável
1 – Íntegro (sincero)
2 – Reto
3 – Temente a Deus e Desviava-se do Mal
II – Um Homem Sábio e Próspero
1 – Um Conselheiro Sábio
2 – Um Homem Próspero
3 – Uma Prosperidade Baseada no “ser”
III – Um Homem de Profunda Piedade Pessoal
1 – Um Homem Dedicado à Família
2 – Um Homem de Moral e Piedade
3 – Um Homem de Vida Consagrada
8
Introdução
Introdução

O autor sagrado
não elabora uma
biografia de Jó,
mas traça um
perfil que diz
muito sobre esse
gigante da fé.
10
Introdução

Jó foi um homem .... distinto na espiritualidade


DIFERENCIAL
Próprio Deus
mantinha
Possuía uma Da testemunho de Jó
Possuía bens profunda
materiais família sólida comunhão
com Deus Jó 1:8

nesta lição destacaremos alguns traços da vida


11
e espiritualidade de Jó.
Tópico I
Um Homem de Caráter
Irretocável
Tópico

I 1 – septuaginta
• A septuaginta é uma das primeiras traduções do AT
• Septuaginta é a versão da Bíblia hebraica traduzida
para o grego koiné, entre o século III a.C. e o século I
a.C., em Alexandria.
• Dentre outras tantas, é a mais antiga tradução da
bíblia hebraica para grego.

13
Tópico

I 1 – septuaginta
• A tradução ficou conhecida como a Versão dos
Setenta (ou Septuaginta, palavra latina que significa
setenta, ou ainda LXX), pois setenta e dois rabinos (seis
de cada uma das doze tribos) trabalharam nela e,
segundo a tradição, teriam completado a tradução em
setenta e dois dias. A Septuaginta, desde o século I, é a
versão clássica da Bíblia hebraica para os cristãos de
língua grega e foi usada como base para diversas
traduções da Bíblia.
14
Tópico

I 1 – Íntegro (sincero)
O caráter O “mau-caráter”
define o que define uma
uma pessoa é pessoa que
de verdade. não merece
Ela é vista a confiança, que é
partir dos desonesta e que,
valores que portanto, não
governam a sua possui valores
vida interior. nobres.
15
Tópico

I 1 – Íntegro (sincero)
“Havia um homem na terra de Uz, cujo nome
era Jó; e este era homem íntegro , reto e
temente a Deus; e desviava-se do mal.” (Jó 1.1)
Hebraico
grego

Tām Alethinós
inocente, Verdadeiro
sem culpa
16
Tópico

I 1 – Onde Jó Viveu

Jó era sincero nas


intenções, afeições e
diligente nos esforços
para cumprir seus
deveres para com Deus
e os homens.

17
Tópico

I 1 – Íntegro (sincero)

Jó era sincero nas


intenções, afeições e
diligente nos esforços
para cumprir seus
deveres para com Deus
e os homens.

18
Tópico

I 2 – Reto
“Havia um homem na terra de Uz, cujo nome
era Jó; e este era homem íntegro, reto e
temente a Deus; e desviava-se do mal.” (Jó 1.1)
Hebraico
grego

Yāšār Amemptos
alguém justo, irrepreensível
direito
19
Tópico

I 2 – Reto

Jó era justo, reto,


direito e se
comportava de
maneira
irrepreensível.

20
Tópico
3 – Temente a Deus e
I Desviava-se do Mal
“Havia um homem na terra de Uz, cujo nome
era Jó; e este era homem íntegro, reto e
temente a Deus; e desviava-se do mal .” (Jó 1.1)
Hebraico grego
Mar Mediterrâneo

sur e yare theosebés e apecho


traduzem a ideia de trazem o sentido de
alguém que prestava alguém devotado ao culto
reverência a Deus e e à adoração a Deus e que,
evitava o mal por isso, mantinha o mal
sempre à distância.
21
Tópico

I 3 – Período que Jó viveu

Mar Mediterrâneo

22
Tópico
3 – Temente a Deus e
I Desviava-se do Mal
Muito antes de Salomão, Jó praticava o
que o homem mais sábio do mundo,
posteriormente, ensinaria:

Mar Mediterrâneo

“Teme ao SENHOR e
aparta-te do mal”
(Pv 3.7).

23
Síntese do Tópico I

Jó era um homem
íntegro, reto, temente a
Deus e desviava-se do
mal.

24
Tópico II
Um Homem
Sábio e Próspero

25
Tópico
I
I 1 – Um Conselheiro Sábio

Mar Mediterrâneo

26
Tópico
I
I 1 – Um Conselheiro Sábio
“E era o seu gado sete mil ovelhas, e três mil
camelos, e quinhentas juntas de bois, e quinhentas
jumentas; era também muitíssima a gente ao seu
serviço, de maneira que este homem era maior do
que
Martodos os do Oriente.” (Jó 1.3)
Mediterrâneo

não pode ser entendido


apenas como uma referência
a bens materiais, mas
também à sua sabedoria.
27
Tópico
I
I 1 – Um Conselheiro Sábio
Estudiosos destacam que Jó era mais importante
em sabedoria, riqueza e piedade do que
qualquer outra pessoa daquela região e
ressaltam o reconhecimento da sabedoria.
Mar Mediterrâneo

As pessoas recorriam
com frequência em
busca de conselho e
orientação
28
(Jó 29.21,22).
Tópico
I
I 2 – Um Homem Próspero
O homem de Uz não era apenas rico, mas,
sobretudo, próspero.
❶ Jó Tinha uma família para os padrões da época:
Esposa, sete filhos e três filhas (Jó 1.2).
❷ Jó também era um fazendeiro bem sucedido tinha :
- Sete mil ovelhas - Três mil camelos
- quinhentas Juntas de boi - Quinhentas jumentas
- muita gente a seu serviço (Jó 1.3)

29
3 – Uma Prosperidade
Tópico
I
I baseada no “ser”
Sua prosperidade se refletia na relação
harmoniosa entre ele, sua família, seus
negócios e, sobretudo, Deus.
Não era uma
prosperidade
estabelecida somente
no “ter”, mas,
principalmente, no
“ser”.
30
Síntese do Tópico II

Jó era um homem
conhecido por sua
sabedoria e
prosperidade.

31
Tópico
III
Um Homem de Profunda
Piedade Pessoal
I
Tópico

I 1 – Um Homem dedicado
à Família
I
“Iam seus filhos e faziam banquetes em casa de
cada um no seu dia; e enviavam e convidavam as
suas três irmãs a comerem e beberem com eles”
(Jó 1.4).
Mar Mediterrâneo
De forma alguma o
texto sugere
dissolução, bebedice
ou licenciosidade
nessas comemorações.

33
I
Tópico
2 – Um Homem de
I Moral e Piedade
I “Sucedia, pois, que, tendo
decorrido o turno de dias de
seus banquetes, enviava Jó, e
os santificava, e se levantava
de madrugada, e oferecia
holocaustos segundo o
número de todos eles; porque
dizia Jó: Porventura, pecaram
meus filhos e blasfemaram de
Deus no seu coração. Assim o
fazia Jó continuamente.” (Jó
1.5)
34
I
Tópico
2 – Um Homem de
I Moral e Piedade
OItexto lido deixa claro que :
Jó tinha uma forte
moralidade e
uma sólida
espiritualidade
Jó tinha um caráter
irretocável e uma
vida piedosa

35
I
Tópico
3 – Um Homem de
I Vida Consagrada
I
“Sucedia, pois, que, tendo decorrido o turno de
dias de seus banquetes, enviava Jó,
e os santificava ... ” (Jó 1.5)
Hebraico

Qadash
que possui o sentido
de ser separado ou
consagrado
36
I
Tópico
3 – Um Homem de
I Vida Consagrada
I Portanto, à luz da vida de Jó, somos
instados a viver uma vida consagrada
diante de Deus e dos homens

37
Síntese do Tópico III

Jó tinha uma vida


dedicada à família e
devotada a Deus por
meio de uma vida
consagrada.

38
Conclusão
Conclusão
Destacamos três aspectos ❶ Caráter,
importantes acerca da ❷
vida de Jó: Prosperidade
❸ Piedade

Só compreenderemos devidamente a
vida desse gigante da fé do Antigo
Testamento a partir dessa matriz.  
40
Conclusão

É possível que Mas não


alguém possua
seja Rico Caráter algum

É possível que Sem,


alguém Contudo,
Possua Valores Esboçar
Morais Piedade alguma

41
Conclusão
Conhecer a Deus na SEM Conhecer a Deus
Intimidade a pessoa na Intimidade a
terá : pessoa terá :

Caráter Apenas fragmentos


irretocável
X ético-morais
Prosperidade X Apenas posses
Piedade X Apenas Religiosidade
42
Conclusão
Jó era assim:
Íntegro

Reto

Temente a Deus

Se desviava do mal
43
Para Refletir

O que podemos afirmar acerca de Jó?
Podemos afirmar
que Jó era sincero
nas intenções,
afeições e diligente
nos esforços para
cumprir seus
deveres para com
Deus e os homens.
45

Como Jó é descrito no primeiro
versículo?
Jó é descrito
como alguém
temente a Deus,
que desviava-se
do mal.
46

O que fazia de Jó um homem
proeminente a quem as pessoas recor­
riam com frequência em busca de
conselho e orientação?

O reconhecimento
de sua sabedoria.

47

Em que estava estabelecida a
prosperidade de Jó?

A prosperidade de Jó
não estava
estabelecida somente
no “ter”, mas,
principalmente,
no “ser”.

48

Do que o homem Jó foi possuidor?

Jó foi um homem
possuidor de uma
forte moralidade
e sólida espiritualidade.

49
Obrigado!!

Ótima e abençoada
Semana
Fim
50