Você está na página 1de 18

Empreendedorismo Corporativo

Estratégia para a Sistematização da Inovação e o


Crescimento das Organizações

José Dornelas

www.josedornelas.com.br
Empreendedorismo

Inovação

Prosperidade
ESTRUTURA ORGANIZACIONAL
VELHA ORGANIZAÇÃO NOVA ORGANIZAÇÃO

A hierarquia proporciona eficiência e Desmantele a hierarquia para aumentar a


controle flexibilidade

Jornadas de trabalho definidas, como de 9 Os expedientes não possuem nenhum


às 18 h limite de tempo

O trabalho é definido pelos cargos O trabalho é definido em termos das


tarefas a serem realizadas

O pagamento é estável e relacionado ao O pagamento é flexível e de ampla faixa


tempo de serviço e nível do cargo

Os gerentes tomam decisões sozinhos Os funcionários participam das decisões

A tomada de decisão é motivada pelo Os critérios de decisão são ampliados para


utilitarismo incluir direitos e justiça
ESTRUTURA ORGANIZACIONAL
VELHA ORGANIZAÇÃO NOVA ORGANIZAÇÃO

Fronteiras nacionais limitam a As fronteiras nacionais são quase


competição insignificantes na definição dos limites de
operação de uma organização

Empregos estáveis Cargos temporários

Mão-de-obra relativamente homogênea Mão-de-obra diversificada

A qualidade é uma reflexão tardia O aprimoramento contínuo e a satisfação


do cliente são essenciais

As grandes corporações fornecem As grandes corporações estão reduzindo


segurança no emprego drasticamente o número de funcionários

Se não quebrou, não conserte Redesenhe todos os processos

Disperse os riscos pela participação em Concentre-se em competências centrais


múltiplos negócios
ESTRUTURA ORGANIZACIONAL
Empreendedorismo

Estilo gerencial

Forma de agir

Busca de oportunidades

Mudança

Inconformismo

Fazer diferente
Porque estamos falando de empreendedorismo
agora se a história está repleta de ações
empreendedoras?
1. Cenário mudou (custos x receita)

2. Competição aumentou (novos entrantes)

3. Os negócios não serão mais os mesmos em poucos anos


(velocidade)

4. Precisamos nos preparar para os desafios


O “velho” modelo econômico
(a era da manufatura)

O “novo” modelo econômico


(a era da inovação empreendedora)
Empreendedorismo

Pessoas

Processos
Processo empreendedor
Comunicação

Oportunidade Recursos

Liderança Criatividade

Pessoas
Como algumas pessoas vêem empreendedorismo

Acabar
identificando uma
oportunidade? Oportunidade Orçamento

Mesmos
componentes, atitude
diferente!!!
Evitar riscos Iniciar com um
orçamento

Subordinados Estabelecer uma base


operacional
Quem é o empreendedor?

“É aquele que faz acontecer,


se antecipa aos fatos e
tem uma visão futura da organização”

José Dornelas (2001)


Empreendedores de sucesso
Tipos de empreendedores corporativos

Tipo 1 – Clássico
(busca resultados; necessidade de realização)

Tipo 2 – O grande vendedor


(rede de relacionamentos;
habilidade de vender; persuasivo)

Tipo 3 - O gerente
(boas habilidades gerenciais;
orientado ao crescimento profissional)

Tipo 4 - O criativo
(gerador de idéias)
O Empreendedorismo Corporativo é
“um pouco” diferente do start-up...
Características organizacionais
•Suporte gerencial
•Tipo de trabalho
•Recompensas/incentivos
Disponibilidade
•Disponibilidade de tempo
de recursos
•Limites organizacionais

Decisão para agir Planejamento


Evento de forma Viabilidade Implementação
inicial empreendedora do negócio da idéia

Características individuais
•Propensão de assumir riscos Habilidade
•Desejo de autonomia de superar
•Necessidade de realização barreiras
•Orientação a metas
•Auto-controle
Restrições organizacionais
Sistemas Estruturas Direcionamento Políticas e Pessoas Cultura
estratégico procedimentos

Sistemas de Muitos níveis Falta de metas Ciclos de Medo da falha Valores mal
avaliação e hierárquicos de inovação aprovação longos definidos
recompensa mal e complexos
dirigidos

Sistemas de Estrutura de Falta de Muita Resistência à Falta de


controle controle estreita estratégia formal documentação, mudança consenso em
opressivos para o excesso de relação as
empreendedoris burocracia prioridades
mo
Sistemas Responsabilidade Falta de visão da Excessiva Complacência Falta de
inflexíveis de sem autoridade alta direção segurança ou adequação da
definição de fixação nas oportunidade
orçamentos regras atuais com os valores
atuais
Sistemas de Gerenciamento Falta de Critérios de Orientação ou Valores conflitam
planejamento top-down comprometiment performance não foco no curto com os requisitos
exageradamente o dos executivos realistas prazo necessários ao
formais e rígidos sênior empreendedoris
mo
  Canais de Falta de   Talentos e  
comunicação referências habilidades
restritos (pessoas) inapropriados
empreendedoras
na direção
Empreendedorismo Corporativo

Corporate venturing

Criação de novo negócio dentro da organização


Influência das core competences
Crescimento e spin-off
Associado com indivíduos empreendedores dentro da organização

Intrapreneurship

É o empreendedorismo aplicado dentro da organização


Criação de uma cultura e clima inovadores
Gerentes agindo como se fossem proprietários

© N. Thornberry, Babson College