Você está na página 1de 11

3.

Gil Vicente

A Farsa de
Inês Pereira
Ilustrações de João Caetano, in Viagens, Literatura
Outras Expressões, 10.º ano Portuguesa – 10.º ano. Porto: Porto Editora
A Farsa de Inês Pereira
“O seu argumento é um exemplo comum que
dizem: mais quero asno que me leve que
cavalo que me derrube.”

Inês Pereira

“O auto só chegará ao fim


quando Inês tiver levado a
bom termo o seu projeto de
libertação.” (Cristina A. Ribeiro)
Outras Expressões, 10.º ano
A Farsa de Inês Pereira
Inês, a mãe e Lianor Vaz

Diferentes interesses e
diferentes conceções de vida

Outras Expressões, 10.º ano


A Farsa de Inês Pereira
Casamento

Segurança Negócio Emancipação


Outras Expressões, 10.º ano
A Farsa de Inês Pereira
“mais quero asno que me leve
que cavalo que me derrube.”

Pêro Marques Escudeiro Brás da Mata


▪ “fala, e como ora fala” (v. 476)
▪“rico, honrado” (v. 186)
▪ “tange, e como ora tange” (v. 478)
▪“eu em meu siso estou” (v. 261)
▪ “Homem que não tem nem
▪“João das bestas” (v. 274)
preto” (v. 532)
▪“homem de bom pecado” (v.
342) ▪ “um homem avisado” (v. 619)

Outras Expressões, 10.º ano


A Farsa de Inês Pereira
Casamento com o Escudeiro

Inês:
“Folgastes vós na verdade
casar à vossa vontade?
Eu quero casar à minha.”
(vv. 675-677)

Mãe:
“Casa, filha, muit’ embora.”
(v. 678)

Outras Expressões, 10.º ano


A Farsa de Inês Pereira
Casamento com o Escudeiro

Escudeiro:
“Vós buscastes discrição,
que culpa vos tenho eu? […]
Vós não haveis de mandar
em casa somente um pelo.”
(vv. 782-783 e 789-790)

Inês:
“Havia
“Quem m’ eutem
bem de vingar
e mal escolhe,
deste mal
por mal e lhe
que deste dano!”
venha não s’
(vv. 861-862)
anoje.”
Outras Expressões, 10.º ano (vv. 834-835)
A Farsa de Inês Pereira

Outras Expressões, 10.º ano


A Farsa de Inês Pereira

Saber Saber
Experiência
teórico prático
Cultura cortês: Cultura popular:
o “marido avisado” o “homem de bom
recado”

Escudeiro Casamento Pêro Marques

Inês –Reformulação dosmestres


“Sobre quantos ideais, são
modo de ser
Experiência e de agir
dá lição.” de Inês.
(vv. 935-936)
(Cristina Almeida Ribeiro)
Outras Expressões, 10.º ano
A Farsa de Inês Pereira
Casamento com Pêro Marques

Inês:
“(Não lhe quero mais saber; / já me quero contentar…)”
(vv. 956-957)

“O auto só chegará ao
fim quando Inês tiver
levado a bom termo o
seu projeto de
libertação.”
(Cristina Almeida Ribeiro)

Outras Expressões, 10.º ano


A Farsa de Inês Pereira

Ridicularização de “um
mundo de leviandades, de
mentiras e de libertinagem”,
para “desviar dele”,
“acautelar contra os perigos,
morais e materiais”, e fazer
“rir ao mesmo tempo”.
(Pierre Blasco)

Peça com “valor de documento sociológico”.


(Pierre Blasco)

Outras Expressões, 10.º ano

Você também pode gostar