Você está na página 1de 14

REFLEXÃO

“ SE TENS UM PROBLEMA E APENAS


DISPÕES DE DEZ MINUTOS PARA
SOLUCIONÁ-LO, RESERVA OS TRÊS
PRIMEIROS MINUTOS PARA PLANEAR A SUA
SOLUÇÃO” (DA FILOSOFIA KUNG FU)

“ NÃO HÁ BONS VENTOS PARA QUEM NÃO


SABE PARA ONDE VAI” (SÉNECA, FILÓSOFO LATINO
DO SÉC.I d.c.)
ALICE NO PAÍS DAS
MARAVILHAS

“ALICE – PODES DIZER-ME, POR FAVOR,


QUE CAMINHO HEI-DE SEGUIR A PARTIR
DAQUI?
GATO – ISSO DEPENDE MUITO DO SÍTIO
AONDE QUERES CHEGAR.
ALICE – NÃO ME PREOCUPA MUITO
ONDE VOU CHEGAR.
GATO – ENTÃO NÃO INTERESSA POR
QUE CAMINHO HÁS-DE SEGUIR.”
PLANO DE SESSÃO

É UM CONJUNTO LÓGICO,
COERENTE, PROGRESSIVO E
ESTRUTURADO DE ACÇÕES,
ORIENTADO PARA OBJECTIVOS
PREVIAMENTE DETERMINADOS.
PLANO DE SESSÃO
ESPECIFICA:

OS RESULTADOS ESPERADOS DA
FORMAÇÃO
AS ESTRATÉGIAS E MEIOS A
UTILIZAR PARA OS OBTER
A FORMA DE CONTROLAR OS
RESULTADOS OBTIDOS
PLANO DE SESSÃO
COMPREENDE:
DEFINIÇÃO DOS OBJECTIVOS
SELECÇÃO DE CONTEÚDOS
ESCOLHA DOS MÉTODOS, TÉCNICAS E
INSTRUMENTOS
FORMAS DE AVALIAÇÃO
MAIS ADEQUADOS PARA FACILITAR A
TRANSFERÊNCIA DE COMPETÊNCIAS
VANTAGENS PARA O FORMADOR
ANTES DA SESSÃO:

ORGANIZA A ACÇÃO, CLARIFICA AS


IDEIAS
AJUDA A PREVER AS METODOLOGIAS A
DESENVOLVER
APOIA-O NA IDENTIFICAÇÃO DOS
OBJECTIVOS E NA TOMADA DE DECISÃO
QUANTO AOS PROCESSOS, ACTIVIDADES
E MATERIAIS PARA OS ATINGIR
VANTAGENS PARA O FORMADOR
DURANTE A SESSÃO:

LIMITA O IMPROVISO E A DISPERSÃO


MINIMIZA ERROS
INSPIRA CONFIANÇA E DÁ SEGURANÇA
PERMITE UMA GESTÃO RACIONAL DO
TEMPO
ASSEGURA UMA APRESENTAÇÃO
ORDENADA
VANTAGENS PARA O FORMADOR
DEPOIS DA SESSÃO:

FACILITA A EFICÁCIA E A
RENTABILIDADE DA ACÇÃO PEDAGÓGICA

DÁ UNIDADE E COERÊNCIA ÀS ACÇÕES

PERMITE INTRODUZIR ADAPTAÇÕES DE


MELHORIA E SER REUTILIZADO NOUTRA
SESSÃO COM OBJECTIVOS IDÊNTICOS
EXECUÇÃO DE UMA ACÇÃO DE
FORMAÇÃO
1) ELABORAÇÃO DO CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

* PREPARAÇÃO DA ESTRUTURA DA MATÉRIA

* SELECÇÃO DO CONTEÚDO
(TER EM CONTA: OS OBJECTIVOS ESPECÍFICOS, AS
CARACTERÍSTICAS DOS FORMANDOS, A APLICABILIDADE DO
CONTEÚDO ÀS SITUAÇÕES DE TRABALHO…)

* REDACÇÃO DO CONTEÚDO (ORGANIZAÇÃO E


SEQUÊNCIA)
ETAPAS DE UM PLANO DE SESSÃO

1) INTRODUÇÃO:

ACOLHIMENTO DOS FORMANDOS


CONTEXTUALIZAÇÃO GERAL DO TEMA
COMUNICAÇÃO DOS OBJECTIVOS
PEDAGÓGICOS
LIGAÇÃO COM A SESSÃO ANTERIOR
EXPLICAR O INTERESSE DA SESSÃO
PARA OS FORMANDOS (MOTIVÁ-LOS)
ETAPAS DE UM PLANO DE SESSÃO

2) DESENVOLVIMENTO:

DESENVOLVIMENTO DO TEMA DE FORMA


SEQUENCIAL
ENVOLVER OS FORMANDOS NO TEMA
(DESENVOLVIMENTO DE ACTIVIDADES DE
APRENDIZAGEM; RECURSO À VIVÊNCIA
DOS FORMANDOS)
FAZER SÍNTESES E REFORMULAÇÕES
ETAPAS DE UM PLANO DE SESSÃO

3) CONCLUSÃO:
ANÁLISE DOS RESULTADOS
AVALIAÇÃO SUMATIVA
ANÁLISE DA INFORMAÇÃO DE
RETORNO
LIGAÇÃO À PRÓXIMA SESSÃO
ESTRUTURA DE UM PLANO DE
SESSÃO
1) TÍTULO DO CURSO
2) TÍTULO DO MÓDULO
3) TÍTULO DA SESSÃO
4) NOME DO FORMADOR
5) DATA, LOCAL, DURAÇÃO DO MÓDULO, DA
SESSÃO E DAS DIFERENTES ETAPAS DE
DESENVOLVIMENTO DA SESSÃO
6)DESTINATÁRIOS (IDADE, HABILITAÇÕES
LITERÁRIAS…)
ESTRUTURA DE UM PLANO DE
SESSÃO
7) PRÉ-REQUISITOS
8) OBJECTIVOS GERAIS
9) OBJECTIVOS ESPECÍFICOS
10) CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS
11) PONTOS-CHAVE
12) MÉTODOS E TÉCNICAS PEDAGÓGICAS
13) RECURSOS DIDÁCTICOS
14) FORMAS DE AVALIAÇÃO