Você está na página 1de 8

Teste do Antígeno (Covid-19 Ag)

• Permite a detecção rápida e qualitativa do antígeno SARS-CoV-2


em secreções nasofaríngeas. 

• A técnica utilizada é a imunocromatografia detecta o antígeno N do


nucleocapsídeo do SARS-CoV e SARS-CoV-2.

• É uma metodologia direta


Interpretação do Resultado
Pontos Positivos
 Resultado de 15-30min

 Rápida detecção de indivíduos possivelmente contagiosos, o que


permite tomar medidas de isolamento preventivo para reduzir a
disseminação do vírus.

 Pode ser utilizado em uma ampla variedade de instalações não


laboratoriais: aeroportos, locais de trabalho

 Não exige nenhum instrumento especial/adicional

 O swab é descartado dentro do tubo de extração, o que minimiza


a exposição dos profissionais

 Baixo custo R$ em relação ao RT-PCR


Pontos Negativos

 106 amostras RT-qPCR positivas, 32 foram detectadas pelo teste rápido de


antígeno (sensibilidade de 30,2%).

 Todas as amostras detectadas positivas com o teste rápido de antígeno também


foram positivas com RT-qPCR.

 Cargas virais mais altas estão associadas a melhores taxas de detecção de


antígenos. Infelizmente, a baixa sensibilidade geral do COVID-19 Ag não
permite usá-lo sozinho como teste de linha de frente para o diagnóstico COVID-
19.
 Entre as 94 amostras positivas para RT-PCR, o teste rápido
detectou apenas 47 amostras (sensibilidade de 50,0%).

 O teste era mais sensível para altas cargas virais e talvez


pudesse ser usado para pacientes alguns dias após o início dos
sintomas, quando a carga no trato respiratório superior está no
pico.
Quando precisa de confirmação com o RT-PCR?

• caso suspeito (seja em qualquer


fase da infecção)

• contexto clínico-epidemiológico do
paciente

Adaptado de: Pan American Health Organization (PAHO).


Laboratory Guidelines for the Detection and Diagnosis of COVID-19 Virus Infection.

• Devida a baixa sensibilidade do teste, mesmo o resultado


dando negativo, o teste molecular deve ser realizado para
confirmação do resultado.
Bibliografia
1. https://primahometest.com/en/covid-19_antigen_rapid_test

2. Pan American Health Organization (PAHO). Laboratory Guidelines for the Detection and Diagnosis of

COVID-19 Virus Infection [Internet]. (Acessado em 03/04/2021).

https://iris.paho.org/bitstream/handle/10665.2/52458/PAHOIMSPHECOVID-19200038_eng.pdf?

sequence=1&isAllowed=y

3. https://pebmed.com.br/covid-19-como-usar-os-teste-de-antigenos-na-pratica-diaria

4. Scohy A, Anantharajah A, Bodéus M, Kabamba-Mukadi B, Verroken A, Rodriguez-Villalobos H. Low

performance of rapid antigen detection test as frontline testing for COVID-19 diagnosis. J Clin Virol.

2020 Aug;129:104455. doi: 10.1016/j.jcv.2020.104455. Epub 2020 May 21. PMID: 32485618; PMCID:

PMC7240272.

5. Lambert-Niclot S, Cuffel A, Le Pape S, Vauloup-Fellous C, Morand-Joubert L, Roque-Afonso AM, Le

Goff J, Delaugerre C. Evaluation of a Rapid Diagnostic Assay for Detection of SARS-CoV-2 Antigen in

Nasopharyngeal Swabs. J Clin Microbiol. 2020 Jul 23;58(8):e00977-20. doi: 10.1128/JCM.00977-20.

PMID: 32404480; PMCID: PMC7383555.