Você está na página 1de 16

EFA NS

CIDADANIA E PROFISSIONALIDADE

CP_1: LIBERDADE E RESPONSABILIDADE


DEMOCRÁTICAS
CP_1
LIBERDADE E RESPONSABILIDADE DEMOCRÁTICAS

Carga horária: 50 horas

Objetivos

• Reconhece as responsabilidades inerentes à liberdade pessoal em democracia.

• Assume direitos e deveres laborais enquanto cidadão ativo.

• Identifica os direitos fundamentais de um cidadão num estado democrático


contemporâneo.

• Participa consciente e sustentadamente na comunidade global.


CP_1
LIBERDADE E RESPONSABILIDADE DEMOCRÁTICAS

Temas

O 1: Compromisso Cidadão/Estado

O 2: Direitos, liberdades e garantias dos trabalhadores

O 3: Democracia representativa e participada

O 4: Comunidade global
1º TEMA

Compromisso Cidadão/Estado
Conceitos-chave: identidade; liberdade; igualdade; participação; cidadania; Estado; democracia; sociedade civil; organização
política dos estados democráticos.

 
 Conceito de liberdade pessoal em democracia
 Exercício da liberdade e da responsabilidade de cada cidadão
 Direitos/Liberdades e Deveres/Responsabilidades do cidadão no Portugal contemporâneo

 
 Direitos e deveres pessoais, laborais e sociais em confronto
 Papel da sociedade civil na Democracia
- Função reguladora das instituições da sociedade civil na construção da democracia
- Instituições da sociedade civil com impacto na construção da democracia: instituições políticas; associações da defesa
do consumidor; corporações; associações profissionais; associações ambientalistas, entre outras
- Construção social e cultural de novas práticas de cidadania

OBJETIVO: Reconhecer as responsabilidades inerentes à liberdade pessoal em democracia.


O A diferença entre Cidadania e Cidadão

Cidadania – condição da pessoa que exerce as liberdades públicas e


cumpre os deveres sociais
– que se realiza plenamente na igualdade perante a lei
– que assume o conjunto dos seus direitos e deveres perante si e
perante os seus concidadãos.

Cidadão - Individuo pertencente a um estado livre, no gozo dos seus


direitos civis e políticos, e sujeito a todas as obrigações inerentes a
essa condição.

O Dicionário da língua portuguesa 2006 - Porto Editora


Conceitos chave:

Identidade é o conjunto de caracteres próprios e exclusivos com os quais


se podem diferenciar pessoas, animais, plantas e objetos inanimados uns
dos outros, quer diante do conjunto das diversidades, quer ante os seus
semelhantes.

Responsabilidade significa responder e ter a obrigação de prestar contas


pelos atos praticados.
O Responsabilidade Civil – compromisso de ter de responder perante a
autoridade social
O Responsabilidade Moral – obrigação da pessoa de assumir as suas
ações e de responder perante a sua própria consciência.
Liberdade, pode ter dois sentidos:
O Sentido relativo - capacidade humana de autodeterminação, pois a
vontade humana, embora condicionada, pode e tem de fazer opções.
Capacidade/possibilidade de agir num quadro de constrangimentos
externos ou internos.
O Sentido absoluto – agir na ausência de qualquer coação e
constrangimentos, isto é, a possibilidade de fazer o que se quer
independentemente das circunstâncias e condições concretas em que
decorre a nossa integração no mundo.

O Liberdade jurídico-política – possibilidade de agir no quadro das leis


estabelecidas pela sociedade que definem o conjunto de direitos e
deveres e a responsabilidade civil.
O Liberdade moral – o sujeito moral orienta-se pelos valores e ideais que
a razão reconhece como bons e a partir dos quais estabelece os fins
ou as metas que dão sentido á sua existência.
Igualdade significa…
inexistência de desvios ou incongruências entre elementos comparados
(sejam objetos, indivíduos, ideias, conceitos ou quaisquer coisas que
permitam uma comparação.)

O Politicamente ➽ ausência de diferenças de direitos e deveres entre os


membros de uma sociedade.
O Conceção clássica ➽ não haver distinção jurídica entre nobreza,
burguesia, clero e escravos.
O Recentemente ➽ igualdade de direitos entre gêneros, classes,
etnias, orientações sexuais, etc.. .

O Juridicamente, ➽ norma que impõe tratar todos da mesma maneira.


O igualdade formal - os iguais devem ser tratados da mesma
forma(ex: o peso do voto de todos os eleitores é igual). ➠ REGRA
BÁSICA
O Igualdade material -os mais fracos recebem um tratamento especial
no intuito de se aproximar aos mais fortes(ex: taxas de IRS).
Participação

O Na educação - atividade que o aluno realizou durante a aula


ou a tarefa.

O No conceito empresarial - nível de trabalho exercido pelo


funcionário para realizar suas tarefas.

O No conceito nacional - nível de envolvimento do indivíduo


no desenvolvimento da sua sociedade.
Cidadania

Condição da pessoa que:


- exerce as liberdades públicas e cumpre os deveres sociais
- se realiza plenamente na igualdade perante a lei
- assume o conjunto dos seus direitos e deveres perante si e perante os seus concidadãos.
Estado

O instituição organizada política, social e juridicamente


O ocupa um território definido
O normalmente a lei máxima é uma Constituição escrita
O dirigido por um governo com soberania reconhecida interna e
externamente.

Estado soberano ➽ "Um governo, um povo, um território"

↪responsável pela organização e pelo controle social, pois detém o


monopólio legítimo do uso da força (coerção, especialmente a legal).

↪ como unidade política tem vindo a evoluir no sentido de um


supranacionalismo (ex: União Europeia)
Estado = conjunto de instituições que exercem o poder político, tendo em vista a
concretização dos fins que a comunidade decidiu como bons. Constituído por:

a) Sistema Jurídico – (constituição política e códigos jurídico-civil, penal, comercial,


trabalho, etc.)
O Função- regular a vida social
O Objetivos- realização do bem estar coletivo, estabelecer a ordem da
legalidade
O Meios: através de normas reguladoras impostas a todos os cidadãos, define
procedimentos para a resolução de conflitos
b) Governo
O Função: exercer o poder executivo, propor ações para a realização dos fins
definidos pela comunidade, gerir conflitos
c) Tribunais
O Função: julgar os comportamentos individuais e coletivos de forma a verificar se
estão de acordo com as leis
O Objetivos: sancionar os desvios, repor a ordem
d) Polícia
O Função: zelar pela segurança interna, aplicar decisões dos tribunais
e) Forças Armadas
O Função: garantir a segurança externa no quado dos tratados internacionais
Democracia

("demo + kratos")

Regime de governo onde o poder de tomar importantes decisões políticas


está com os cidadãos

A Democracia pode ser:


O presidencialista ou parlamentarista
O republicano ou monárquico.

As Democracias podem ser :


O democracia direta ("democracia pura") ➽ o povo expressa a sua
vontade por voto direto em cada assunto particular

O Democracia representativa ("democracia indireta"), ➽ o povo


expressa a sua vontade através da eleição de representantes que
tomam decisões em nome daqueles que os elegeram - o mais
usual
Sociedade civil
Totalidade das organizações e instituições cívicas voluntárias que
formam a base de uma sociedade em funcionamento, por oposição
às estruturas apoiadas pela força de um estado
(independentemente de seu sistema político).

Definição do Centro para a Sociedade Civil da London School of


Economics:

“Sociedade civil refere-se à arena de acções colectivas voluntárias em torno de


interesses, propósitos e valores. Na teoria, as suas formas institucionais são
distintas daquelas do estado, família e mercado, embora na prática, as
fronteiras entre estado, sociedade civil, família e mercado sejam
frequentemente complexos, indistintos e negociados. A sociedade civil
comumente abraça uma diversidade de espaços, actores e formas
institucionais, variando em grau de formalidade, autonomia e poder.
Sociedades civis são frequentemente povoadas por organizações como
instituições de caridade, organizações não-governamentais de
desenvolvimento, grupos comunitários, organizações femininas, organizações
religiosas, associações profissionais, sindicatos, grupos de auto-ajuda,
movimentos sociais, associações comerciais, coalizões e grupos activistas.”
Direitos Sociais:

O Direitos do indivíduo ➽ reconhecidos através de leis próprias

↪ para assegurar a sua dignidade, independentemente da idade,


sexo, etnia e situação económica.

O Direitos inerentes à pessoa e ao cidadão ➽ direito à paz, à liberdade,


à justiça, à alimentação, à habitação, à educação, a um ambiente
sadio, o direito dos consumidores à qualidade dos produtos e dos
serviços, o direito ao património cultural.