Você está na página 1de 9

História da Educação

Prof. Julina Valentini


juliana.Valentini@ifpr.edu.br

Instituto Federal do Paraná


IFPR

Aula 8

1
SÉCULO V ao XV
O rei está presente em
PERÍODO MEDIEVAL
todos os reinos medievais,
no entanto, nem sempre
concentra o poder em suas
mãos. Cede aos demais
nobres a autonomia sobre
os feudos;

PENSAMENTO
IGREJA

Camponeses
NOBREZA artesãos
Burguês (XI)
Aula passada
• Os mosteiros passaram a monopolizar a educação;

• Patrística baseada na corrente filosófica cristã da época medieval que surgiu no século IV (moral
cristã).

• Poucas pessoas liam, logo a memória era tudo: sermões mais lembravam verdades já sabidas do
que transmitiam novos conhecimentos, seguindo a missão de educadora do povo, tomada pela
Igreja.

• Ensinando as Sete Artes Liberais divididas em Trivium (gramática, retórica e lógica) e Quadrivium
(aritmética, geometria, astronomia e música) somente propunham-se a preparar clérigos para o
ingresso na carreira eclesiástica, privilégio de poucos naquele período.

• Com exceção do ensino direto dos ofícios (corporações de ofício);

3
Educação na Baixa Idade Média São Tomás de Aquino
(a partir do séc. XI) (1225-1274)
Escolástica: Concordância da razão e da fé por •Representante da Escolástica
meio da análise lógica (União de crenças cristãs •Obra: O Mestre
+ Lógica Aristotélica); Síntese tomista:
Acabar com todas as dúvidas e controvérsias
“A educação é uma atividade que
por meio da argumentação.
torna realidade aquilo que é
potencial. [...] é a atualização das
potencialidades da criança,
processo que o próprio educando
desenvolve com o auxílio do
mestre.” p. 116

4
5
• A Escolástica, filosofia das escolas cristãs ou dos
doutores da Igreja, do século IX até o XIV, é a
mais alta expressão da filosofia cristã medieval.

• Método escolástico é constituído por várias


etapas: a leitura (lectio), o comentário (glossa), as
questões (quaestio) e a discussão (disputation)”
(ARANHA: 1998; p.73).

• A figura do professor que ensina a um determinado


número de alunos, respondendo por sua atividade,
seja disciplinar ou de avaliação, tem sua origem
nas escolas-catedrais e nas universidades

Thomas Aquinas (c.1225-1274)


Mudanças sociais e mudanças na
1. Universidade de Bolonha,
Itália. Fundada em 1088

educação (XI-XV)
2. Universidade de Oxford, Reino
Surgimento das escolas seculares para atender aos Unido Fundada entre 1096-1167

interesses da burguesia, educação não-religiosa.

•O latim foi substituído pela língua local; as sete artes 3. Universidade de Salamanca,
Espanha. Fundada em 1134
liberais por história, geografia e ciências naturais; a
instrução religiosa pela instrução da vida prática.
•Surgimento das universidades: filosofia, teologia, leis, 4. Universidade de Paris,
França. Fundada entre 1160-
medicina… 1250
• Salerno e Bolonha (Itália); Cambridge e Oxford
(Inglaterra), Paris (França) etc.
• Método: Escolástica - leitura, comentário,
5. Universidade de Cambridge, Reino
discussão. Unido. Fundada em 1209
•Os primeiros cursos estavam associados a carreiras que
ainda hoje desfrutam de grande prestígio, como o curso
6. Universidade de Pádua, Itália
jurídico e o médico. Fundada em 1222

8
1. Nos séculos XIV e XV, as universidades continuavam a expandir-se passando a ser
fundadas por soberanos de vários reinados;

2. A Universidade agregava prestígio intelectual e proporcionava uma formação utilitária


que se realizaria no trabalho do futuro profissional formado.

3. Com a formação dos estado Modernos após o período medieval os vínculos do Estado
com a Igreja vai se manter, pois os interesses de ambos convergiam e muitos
funcionários públicos são eclesiásticos e os interesses da Igreja estão em consonância
com os dos Estados.

9
10

Você também pode gostar