Você está na página 1de 27

Apresentação para uso dos membros da CE100

Brasil
A ATUAL ECONOMIA LINEAR
“EXTRAIR-TRANSFORMAR-DESCARTAR”

Novos produtos = novas matérias primas

Reciclagem ao fim de vida (“end-of-pipe”)

Altos volumes crônicos de perdas

2
UMA COMBINAÇÃO DE RISCOS E OPORTUNIDADES

Espera-se que 3 bilhões de consumidores adentrem padrões de


consumo da classe média em 2030 aumentando ainda mais a
demanda por materiais

3
UMA COMBINAÇÃO DE RISCOS E OPORTUNIDADES
Desenvolvimento socioeconômico

4
UMA COMBINAÇÃO DE RISCOS E OPORTUNIDADES
Sistemas vivos

5
UM MODELO INCUTIDO DE PERDAS ESTRUTURAIS
Falhas do modelo linear significam grandes perdas econoômicas e externalidades negativas

AMBIENTE
MOBILIDADE ALIMENTOS
CONSTRUÍDO

• Carros ficam estacionados • 30% do resíduo levado a • >100Mi de toneladas de


92% do tempo aterro na Europa vem da alimentos perdidas
• Em movimento, construção civil (no Brasil, anualmente na Europa
normalmente transportam chega a 50%) • 50% perdidos ao longo da
1,5 pessoas por viagem • Escritórios são ocupados cadeia produtiva
• 30.000 vidas são perdidas somente 40-50% do tempo • 97% dos resíduos globais de
em acidentes e 4 vezes isso em um dia de trabalho alimentos jogados em aterro
resultam em lesões • 11 milhões de casas vazias ou ~USD 300 bn
irreversíveis na Europa • Degradação do solo é de 30-
80% na Europa
FONTE: “Growth Within: A Circular Economy Vision for a Competitive Europe”, Ellen MacArthur Foundation, SUN (Stiftungsfonds für
6 Umweltökonomie und Nachhaltigkeit) and McKinsey Center for Business and Environment, 2015
A NOVA ECONOMIA DOS PLÁSTICOS
Uma abordagem estruturada

A Nova Economia dos Plásticos é uma iniciativa ambiciosa de três anos para criar momentum
em direção a um sistema de plásticos que funcione.
Aplicando os princípios da economia circular, a iniciativa reúne stakeholders chave para repensar e
reprojetar o futuro dos plásticos, a começar por embalagens.
Tendo como objetivos centrais criar uma economia efetiva de pós-uso de plásticos; reduzir
drasticamente o vazamento de plásticos para sistemas naturais e outras externalidades negativas e
dissociar plásticos de fontes de recursos fósseis, a Nova Economia dos Plásticos trabalha com
cinco blocos interligados para criar as condições sistêmicas necessárias para reprojetar o sistema:

MECANISMO DE PROTOCOLO GLOBAL INOVAÇŌES BASE DE EVIDÊNCIAS ENVOLVER


DIÁLOGO DOS PLÁSTICOS AMBICIOSAS EM ECONOMICAS E FORMADORES DE
GRANDE ESCALA CIENTÍFICAS POLÍTICAS
Colaboração através Um alvo comum para
da cadeias de valor é direcionar a inovação, Mobilizando inovações Uma robusta base de Engajar stakeholders
central para a Nova para superar a que possam ser escaladas evidências para guiar para aprender, informar
Economia dos fragmentação existente e através do sistema, para melhorias e informar o e ampliar o que funciona.
Plásticos. para viabilizar a criação de redefinir o que é possível e debate global
mercados efetivos criar as condições para
uma nova economia.

FORUM ECONOMICO MUNDIAL, ELLEN MACARTHUR FOUNDATION, MCKINSEY & COMPANY,


7 A NOVA ECONOMIA DO PLÁSTICO
ELLENMACARTHURFOUNDATION.ORG/PT/PUBLICACOES
SAIBA MAIS SOBRE A INICIATIVA
Visite nosso site: www.newplasticseconomy.org
Siga-nos no Twitter: @newplasticsecon

FORUM ECONOMICO MUNDIAL, ELLEN MACARTHUR FOUNDATION, MCKINSEY & COMPANY,


A8 NOVA ECONOMIA DO PLÁSTICO
ELLENMACARTHURFOUNDATION.ORG/PT/PUBLICACOES
DIRECIONADORES DE MUDANÇAS
Diversos fatores indicam que o sucesso do modelo linear está sendo desafiado

PERDAS VOLATILIDAD PRESSÕES


ECONÔMICAS E E DE PREÇOS DEMOGRAFICAS
ESTRUTURAIS

9
DIRECIONADORES DE MUDANÇAS
Diversos fatores indicam que o sucesso do modelo linear está sendo desafiado

URBANIZAÇÃO ACEITAÇÃO DE AVANÇOS


NOVOS MODELOS DE TECNOLÓGICOS
NEGÓCIOS

10
9
REGENERATIVA E RESTAURATIVA POR PRINCÍPIO

Mantém produtos, componentes e materiais em seu mais


alto nível de utilidade e valor o tempo todo.

...é um ciclo contínuo de desenvolvimento positivo que


elimina a noção de resíduo desde o princípio.

...funciona de forma efetiva em qualquer escala e busca,


em última instância, dissociar o desenvolvimento
econômico global do consumo de recursos finitos.
CONSTRUÍDA A PARTIR DE ESCOLAS DE
PENSAMENTO E PENSADORES VISIONÁRIOS

13
REPENSANDO A GERAÇÃO DE VALOR
Três princípios básicos regem a economia circular

Preservar e aprimorar o capital natural controlando


estoques finitos e equilibrando os fluxos de recursos
renováveis.

Otimizar o rendimento de recursos fazendo circular


produtos, componentes e materiais no mais alto nível de
utilidade o tempo todo, tanto no ciclo técnico quanto no
biológico.

Estimular a efetividade do sistema revelando e excluindo


as externalidades negativas desde o princípio.

14
ECONOMIA
Circular Economy:CIRCULARAn Industrial System that is Restorative by Design
Regenerativa e Restaurativa
In a circular economy, value is retained by cycling por Princípio

Renewables Finite materials

Regenerate Substitute materials Virtualise Restore


Renewables flow management Stock management
Biological Technical
cycles cycles
Farming/
Parts
collection1
Regene- manufacturer

ration Biochemical Product


feedstock manufacturer Recycle

Service provider
Share Refurbish/
remanufacture
Reuse/redistribute
Biogas Cascades
Maintain/
prolong

Extraction of Collection Collection


biochemical feedstock2

Minimise systematic leakage


and negative externalities

1 Hunting and fishing


2 Can take both post-harvest and post-consumer waste as an input
15 SOURCE: Ellen MacArthur Foundation – Adapted from the Cradle to Cradle Design Protocol by Braungart & McDonough
O ATRAENTE RACIONAL ECONÔMICO
Na Europa, €1.8 tri de benefícios anuais até 2030 em mobilidade, alimentos e ambiente
construído em um cenário de desenvolvimento na economia circular
Trajetória de Trajetória de
desenvolvimento desenvolvimento
atual OPORTUNIDADE circular

EUR 0.9 trillion1 EUR 1.8 tri1

INCREMENTO EM RENDA

7% 18%

PIB

4% 11%

RECURSOS E EXTERNALIDADES
31% emissões 48% emissões
22% consumo de matérias primas 32% consumo de matérias primas

1 Reduction in resource, non-resource and externality cost


SOURCE: “Growth Within: A Circular Economy Vision for a Competitive Europe”, Ellen MacArthur Foundation, SUN (Stiftungsfonds für Umweltökonomie
16 und Nachhaltigkeit) and McKinsey Center for Business and Environment, 2015
O ATRAENTE RACIONAL ECONÔMICO
Expressivas oportunidades nos setores de bens de consumo duráveis e não
duráveis

Economia de custos líquidos materiais em


bilhões de USD por ano1

Bens de Consumo Duráveis Bens de Consumo Não Duráveis

$145 Veículos a Motor


$194 Comida Embalada
$ 98 Equip. e Máquinas
$ 111 Vestuário
$ 67 Maquinário Elétrico
$ 630 $ 706 $ 87 Bebidas
$ 39 Outros Transportes
$ 70 Alimentos Frescos
$ 29 Móveis
$ 45 Outros
$ 82 Outros

1 Net material cost savings


SOURCE: “Towards the Circular Economy – vol. 1 and 2, Ellen MacArthur Foundation and McKinsey Center for Business and Environment, 2011, 2013
17
VALOR NOS CIRCULOS

O poder dos círculos O poder dos círculos mais


menores longos

O poder do uso em cascata O poder dos insumos puros


BLOCOS DE CONSTRUÇAO DA ECONOMIA CIRCULAR

Re-desenho Modelos de Capacidades de Condições sistêmicas


radical negócios inovadores ciclo reverso para desempenho
inter-setorial
O FRAMEWORK ReSOLVE
Acelerando o pensamento dos negócios

ReGENERATE
Regenerar e restaurar
capital natural

EXCHANGE SHARE
Selecionar recursos e Maximizar utilização de
tecnologias apropriados ativos

VIRTUALISE OPTIMISE
Evitar uso de recursos e Otimizar performance
entregar utilidade do sistema
virtualmente

LOOP
Manter produtos e materiais
em ciclos produtivos

SOURCE: Adopted from: ‘Growth Within: a circular economy vision for a competitive Europe’, Ellen
20 MacArthur Foundation, SUN, McKinsey Center for Business and Environment
COMO OS NEGOCIOS PODEM SE ENVOLVER
ReSOLVE framework

• Mudar para energia e materiais renováveis


• Recuperar, reter e restaurar a saúde dos ecossistemas
• Devolver recursos biológicos recuperados à biosfera

• Compartilhar ativos (p. ex.: automóveis, salas, eletrodomésticos)


• Reutilizar/usar produtos de segunda mão
• Prolongar a vida dos produtos por meio de manutenção, projetar visando à durabilidade, possibilidade
atualização, etc.
• Aumentar o desempenho/eficiência do produto
• Remover resíduos na produção e na cadeia de suprimentos
• Alavancar big data, automação, sensoriamento e direção remotos

• Remanufaturar produtos ou componentes


• Reciclar materiais
• Usar digestão anaeróbia
• Extrair substâncias bioquímicas dos resíduos orgânicos
• Entregar valor virtualmente
• Desmaterializar diretamente (p. ex.: livros, CDs, DVDs, viagens)
• Desmaterializar indiretamente (p. ex.: compras on-line)

• Substituir materiais não renováveis antigos por outros mais avançados


• Aplicar novas tecnologias (p. ex.: impressão 3D)
• Optar por novos produtos/serviços (p. ex.: transporte multimodal)
A ELLEN MACARTHUR FOUNDATION
A Ellen MacArthur Foundation trabalha em quatro áreas com o objetivo de acelerar a
transição para uma economia circular.

INSIGHT & EDUCAÇÃO & EMPRESAS & COMUNICAÇÃO


ANÁLISES TREINAMENTO GOVERNOS & PUBLICAÇÕES
fornecer evidências robustas inspirar os aprendizes a catalisar a inovação divulgar a economia
dos benefícios da transição repensar o futuro por circular e criar as condições circular para um público
para que ela prospere
meio da estrutura da global
economia circular

22
INSIGHT & ANALISE
Fornecem evidências robustas dos benefícios da transição

Primeiras pesquisas e análises mostram oportunidades de até USD 1 trilhão: Pesquisas publicadas em 2015 confirmaram o efeito positivo de
modelos circulares na economia, na sociedade e no meio
ambiente, olhando para os fatores viabilizadores:
• 1o relatório focou nos bens de consumo de
vida média e detalhou uma economia • Growth within – A circular economy vision for a
líquida de USD 630 billion em materiais competitive Europe: Descreve oportunidades para três
por ano na Europa. setores relevantes (habitação, mobilidade e alimentos),
com potencial de adicionar 7% ao PIB europeu até
• 2o relatório focuou no setor de bens de
2030 em relação à trajetória atual de desenvolvimento,
consumo não duráveis e detalhou uma reduzindo, ainda, emissões de CO2 em 48% em relação
economia líquida de USD 706 billion em a 2012.
materiais por ano, globalmente.
• Delivering the circular economy – a toolkit for
• 3o relatório, em parceria com o World
policymakers: Provê ferramentas a formuladores de
Economic Forum, focou em ações para polííticas públicas que desejam embarcar em uma
acelerar a transição em cadeias globais de transição para a economia circular, incluindo o caso
suprimentos. prático da Dinamarca.
• The New Plastics Economy – lançado em Davos, no WEF
de 2016, como um dos resultados da parceria com WEF e
• Ciclo Biológico: Oportunidades e racional econômico para o ciclo McKinsey no Project Mainstream, mostra o futuro dos
biológico, com ênfase nas cidades como concentradores de nutrientes. plásticos em uma economia circular
• Brasil: Uma visão inicial para a economia circular no Brasil, ênfase em • Intelligent Assets: unlocking the potential of a circular
três setores: economia da biodiversidade, EEE e mineração urbana e economy - um dos resultados da parceria com WEF e
construção. McKinsey no Project Mainstream, analisa as
oportunidades da digitalização da 4ª revolução industrial
na transição para uma economia circular.
EDUCAÇAO & TREINAMENTO
Inspirando uma geração a re-pensar o futuro

Pioneer Universities
Pioneiras em novas abordagens de ensino, aprendizado & pesquisa em economia circular

Schmidt MacArthur Fellowship Programme


Construção de uma rede global de excelência de universidades parceiras em escolas de design, engenharia e negócios,
com bolsas de estudos.

Disruptive Innovation Festival


Explora a educação informar e um modelo de disseminação global de ideias em um festival online de um mês de duração.
EMPRESAS & GOVERNOS
Catalisando a inovação circular e criar as condições para que ela prospere

Global Partners
Colaboração próxima entre a Fundação e seus Global Partners Cisco, Kingfisher,
Philips, Renault, Unilever, Google, H&M, Nike e Intesa Sanpaolo.
Objetivo: Demonstratar soluções circulares em escala.

Programa CE100 (Internacional e Redes Locais)


Plataforma de inovação global reunindo corporações líderes, inovadores emergentes, governos &e cidades,
PMEs e instituições acadêmicas, trabalhando tanto internacionalmente (CE100) quanto regionalmente no
modelo local (CE100 Brasil e CE100 USA)
Meta: Construir capacidade, compartilhar conhecimento e melhores práticas, desenvolver
iniciativas em colaboração pré competitiva entre empresas e entre setores.

Project MainStream
Uma iniciativa multissetorial anfitriada pelo World Economic Forum em colaboração com a Ellen MacArthur
Foundation e apoio da McKinsey & Co.
Meta: Desbloquear os impasses que as organizações não conseguem resolver individualmente.
COMUNICAÇAO & PUBLICAÇOES
Desenvolver o framework conceitual e celebrar melhores práticas

Publicações
Uma série de publicações escritas pelo Head of Innovation da Fundação, Ken
Webster que explora e desenvolve o framework conceitual da economia circular.
Esses livros propõem que o momento é ideal para transitar para uma economia circular promovendo
uma visão estimulante sobre os frameworks emergentes para a reinvenção da prosperidade
econômica.

Circulate
Um site online para notícias, editorias e insights na economia circular e temas
relacionados. Circulate é o local exato para encontrar notícias e insights relativos à economia
circular. Publicação de artigos temáticos quinzenais, updates regulares do time de correspondentes
internacionais, notícias diárias e recomendações de leituras de outros escritores e publicações.
Global Partners of the Ellen MacArthur Foundation: