Você está na página 1de 10

Apresentação

pessoal
Apresentação pessoal
O texto de apresentação pessoal é um gênero textual em que o autor se
apresenta para o leitor, relatando situações e acontecimentos reais e
significativos de sua trajetória de vida. Ao se apresentar para um leitor é
também apresentar-se para si mesmo, aprofundar o conhecimento que se
tem de si e do que se julga ser. Um tempo de apresentação pessoal fixa a
autoimagem momentânea de quem o escreve, e pode funcionar como
ponto de partida para um maior autoconhecimento. Isso quer dizer que o
autor do texto mostra as características que ele tem em comum com os
demais seres humanos e, ao mesmo tempo, aponta as peculiaridades
que o tornam um ser único, diferente dos demais.
O texto de apresentação pessoa de apresentação pessoal pertence
à ordem de relatar e tem a narração como tipologia textual de base .
Possui estrutura livre, mas pode constituir-se de apresentação, corpo e
fechamento. Veja:
a) apresentação: o autor coloca a questão ao leitor, relatando fatos
importantes que contará;
b) corpo: o produtor do texto se apresenta ao leitor, relatando fatos
importantes de sua vida;
c) fechamento: o autor expõe seus comentários e sua apreciação crítica
a respeito de si mesmo e de sua vida.
Esse gênero textual vale-se da primeira pessoa do discurso (eu).
Geralmente, utiliza a linguagem comum com vocabulário simples.
O produtor do texto faz uso so
presente do indicativo, ao
apontar fatos de momento em
que vive, e de pretérito perfeito
do indicativo, ao se referir a
acontecimentos do passado.
Normalmente, estabelece
relação entre os fatos do
passado e os do presente.
unidade
objetividade,
temática,
Existem quatro
qualidades
discursivas
essenciais de
um texto:
concretude questionamento.
e

Acompanhe a explicação:
Unidade
temática
todo texto com possui uma, e apenas
uma, questão predominante, deixando-a
clara ao leitor. Um texto não consegue
dar conta de tudo, e, se não for
estabelecido um tema específico, não
passará de uma série de dados
incompletos que não comporão um todo.
Para garantir a unidade temática, o texto
estabelece relação entre os parágrafos,
e entre os parágrafos, a conclusão e o
título.
Objetividade
um texto expõe ideias de forma clara, a
fim de que se torne mais compreensível
ao leitor. O texto precisa mostrar mais do
que apenas dizer. Ou seja, o autor que
preza pela objetividade procura
transmitir ao leitor a verdadeira imagem
que construiu em sua mente,
descrevendo-a e apresentando detalhes.
Assim, dar ao leitor todos os dados
necessários para o entendimento do que
pretende dizer.
Questionamento
todo texto com possui uma, e apenas
uma, questão predominante, deixando-a
clara ao leitor. Um texto não consegue
dar conta de tudo, e, se não for
estabelecido um tema específico, não
passará de uma série de dados
incompletos que não comporão um todo.
Para garantir a unidade temática, o texto
estabelece relação entre os parágrafos,
e entre os parágrafos, a conclusão e o
título.
Concretude
o texto com concretude define os
conceitos com clareza, isto é,
transforma o abstrato de o concreto.
Quando o produtor utiliza categorias
abstratas, esclarece seu sentido, de
modo que o leitor possa construir o
significado exato que o autor quis
dar ao seu texto.
Resumindo:

- Consiste em - Fixa a - Pertence à ordem do


gênero textual autoimagem relatar;
em que o momentânea
autor se de seu autor;
apresenta ao
leitor;
- Usa a - Emprega a - Utiliza a linguagem comum;
narração primeira -Estrutura-se em
como base pessoa do apresentação, corpo e
textual; discurso (eu); fechamento.

Você também pode gostar