Você está na página 1de 13

FACULDADADES INTEGRADAS

DO NORTE DE MINAS FUNORTE

Curso: Engenharia Civil


Disciplina: Introdução a Engenharia Civil

Professora: Eng. Maria Aparecida Patto Graciano Chaves


INFORMAÇÕES GERAIS – 2º SEMESTRE 2012
Tipos de Avaliação do Rendimento Acadêmico
 
•A Avaliação do Rendimento Acadêmico se dá a partir de dois aspectos: o aproveitamento escolar e assiduidade.
– Quanto ao aspecto da assiduidade, permanece a exigência legal, já conhecida por todos: É considerado
aprovado o aluno com frequência igual ou superior a 75% (setenta e cinco por cento) da carga horária
prevista para cada componente curricular:
• O aluno poderá ter, no máximo, 20 faltas para disciplinas de 80 hs e 10 faltas para disciplinas de
40 hs.
– Quanto ao aspecto da avaliação do aproveitamento, é considerado aprovado o acadêmico que obtiver nota
superior a 70 (setenta) pontos, adquiridos pela soma das notas distribuídas nas avaliações e outras atividades,
durante o semestre.
 
•Pontuação e Critérios para Apuração da Avaliação do Rendimento Acadêmico (2º semestre 2012)
– As VAs – Verificações de Aprendizagem serão em número de três (03) no semestre letivo, em cada
componente curricular e com as seguintes pontuações:
– VA 1 = 20 pontos
– VA 2 = 25 pontos
– VA 3 = 30 pontos
– As OAts – Outras Atividades terão o valor total de 25 pontos. Para a disciplina Introdução a Engenharia
Civil: trabalhos e atividades em sala de aula, com pontuação a ser definida pelo professor.

• A apuração dos resultados da avaliação da aprendizagem é assim processada:


– NS – Nota Semestral – resultado obtido pelo somatório das VAs (Verificações de Aprendizagem) +
OAt - Outras Atividades. Será considerado aprovado em cada componente curricular o aluno que, além
da frequência mínima exigida 75% (setenta e cinco por cento), obtiver nota final igual ou superior a 70
(setenta) pontos na somatória das três VAs + OAt.
– Uma vez atendida à frequência mínima exigida, deve ser submetido à VF - Verificação Final, o aluno
que, na soma das VAs + OAt obtiver, nota inferior a 70 e superior a 50 pontos.
– RF – Resultado Final – é o resultado da avaliação da aprendizagem obtido pelo aluno por meio da
média aritmética simples entre os resultados da Nota Semestral (NS) e Verificação Final (VF), em cada
componente curricular, cuja pontuação mínima para aprovação deve ser de 70 (setenta) pontos.
Assim: RF= (NS+VF)/2

OBSERVAÇÃO: PROVA DE SEGUNDA CHAMADA:


A prova de segunda chamada é concedida mediante requerimento no SAE, justificativa com os motivos da
ausência de uma das avaliações e pagamento de taxa. 
SISTEMÁTICA DE AVALIAÇÃO

Da Verificação do Rendimento Escolar

São asseguradas ao professor, na verificação do rendimento


escolar, liberdade de formulação de questões e autoridade de
julgamento, cabendo recurso de suas decisões para o
Colegiado de Curso respectivo.
O Curso de Engenharia da FUNORTE, se pauta em:

– Formar profissionais da Engenharia Civil com um perfil atuante de participação no desenvolvimento


da sociedade brasileira;

– Preparar profissionais aptos a se envolverem na busca de soluções para problemas de Engenharia


Civil;

– Desenvolver o potencial criativo, de raciocínio e a visão crítica do estudante de Engenharia Civil;

– Proporcionar a instrução intelectual e o desenvolvimento da atitude profissional, como meio do alcance


do sucesso;

– Estimular a criação cultural e o desenvolvimento do espírito científico e do pensamento reflexivo;

– Incentivar o trabalho de pesquisa e investigação científica;

– Promover a divulgação de conhecimentos técnicos, científicos e culturais e, comunicar o saber através


do ensino e de publicações;
– Prestar serviços especializados à comunidade e estabelecer com esta uma
relação de reciprocidade;

– Promover a extensão, visando a difusão das conquistas e benefícios


resultantes do aprendizado;

– Envolvimento com a realidade social, levando à reflexão crítica sobre o


quadro que se apresenta, estimulando o desenvolvimento de soluções para o
avanço social, econômico, cultural e político;

– Promover o interesse pelo desenvolvimento de projetos, já à partir dos


primeiros semestres curriculares, com o apoio do corpo docente;

– Estimular o estudante de Engenharia Civil a desenvolver uma consciência e


uma atitude éticas nas suas relações socio-ambientais;

– Incentivo ao trabalho de monitoria, integrando cada vez mais o aluno dentro


da filosofia de desenvolvimento do Projeto Pedagógico.
4. 320 HORAS
4 320
CARGA HORÁRIA
200 HORAS DE ATIVIDADES HORAS
COMPLEMENTARES (extra-classe)
REGIME ESCOLAR SEMESTRAL

VAGAS ANUAIS 100

TURNO DE FUNCIONAMENTO DIURNO E NOTURNO

NÚMERO DE ALUNOS POR 55


TURMA
TURMAS DE 50 ALUNOS PARA AS AULAS
TEÓRICAS
TURMAS DE 25 ALUNOS PARA AS OFICINAS E
DIMENSÃO DAS TURMAS PARA AULAS LABORATORIAIS

MONITORAMENTO DO ALUNO EM SUAS


ATIVIDADES ACADÊMICAS.
PERÍODO MÍNIMO E MÁXIMO DE
INTEGRALIZAÇÃO CURRICULAR

A duração mínima do Curso de Engenharia


Civil da FUNORTE será de dez semestres
(cinco anos) letivos e máxima de dezesseis
semestres (oito anos) letivos, 100 dias letivos
por semestre.
“Curso de Engenharia Civil da
FUNORTE - Prioriza a formação do
aluno na sua totalidade, através do
ensino, pesquisa e extensão, para a
formação de um profissional crítico e
autônomo”.
No Brasil
•Ensino militar (Rio de Janeiro) em 1699 - aula
de fortificação (construção de Fortes para
defesa de invasores).
• Consolidação do ensino (1738) – Criação da
Academia Militar do Rio de Janeiro.
• Séc. 19 - Criação de escolas de engenharia
(públicas e privadas).
PERFIL PROFISSIOGRÁFICO
O Engenheiro Civil é o profissional que atua na
concepção e elaboração de projetos e planejamento
dos diversos tipos de obras de construção civil e nos
estudos de sua viabilidade técnica e econômica.
ATIVIDADES PROFISSIONAIS

Exerce atividades relacionadas com:

• Dimensionamento das construções;


• Escolha e especificação dos materiais de construção;
• Acompanhamento técnico da execução das obras;
• Estuda e propõe soluções para as obras civis necessárias à
habitação, à industria, ao transporte e ao comércio, tais como
edifícios e grandes edificações, estradas, pontes, viadutos e
túneis.
• Obras de infra-estrutura: barragens, drenagem, sistemas de
abastecimento de água, saneamento, fundações, obras de
contenção de encostas e obras de terra.
• Planejamento de meios de transporte e de tráfego urbano.
• Serviços de consultoria técnica, fiscalização e perícia técnica.
MERCADO DE TRABALHO

O Engenheiro Civil possui amplo mercado de trabalho, em


função de suas inúmeras atribuições, tais como:

• Coordenação de projetos, estudos, fiscalização e supervisão


das atividades ligadas à construção de habitações, edifícios,
aeroportos, estradas (rodovias e ferrovias), túneis, geração de
energia, geotecnia, planejamento e gerenciamento de obras.

• Uma grande demanda de atuação do engenheiro civil


provém de escritórios e empresas de construção.

• No setor público, pode desenvolver inúmeras atividades


ligadas ao saneamento , construção civil e transportes.

Você também pode gostar