Você está na página 1de 13

SEGURANÇA E

CONFORTO DO
PACIENTE
Instrutor: BC Bruno Lopes
PROPORCIONAR CONFORTO AO
PACIENTE
• COLOCAR EM POSIÇÃO CONFORTÁVEL
• EVITAR CONTROLE DE VENTILAÇÃO E TEMPERATURA DO AMBIENTE
• MANTER A CAMA SEMPRE LIMPA
• RETIRAR MIGALHAS DA CAMA
• ESTICAR LENÇÓIS
• COBRIR DE ACORDO COM A TEMPERATURA AMBIENTE
• MANTER AMBIENTE AREJADO, LIMPO, SEM RUÍDOS DESNECESSÁRIOS
REPOUSO
• REPOUSO ABSOLUTO: PERMANECER 24HS NO LEITO

• REPOUSO RELATIVO: RESTRIÇÃO QUANTO AO TEMPO FORA DO LEITO


E QUANTO A REALIZAR DETERMINADAS ATIVIDADES
FOWLER

USADA PARA ALIMENTAR PACIENTE COM SONDA ENTERAL


SENTADA
Massagem de Conforto 

É a manipulação sistemática dos tecidos do corpo, geralmente feita na


região dorsal, para estimular a circulação, proporcionar relaxamento
muscular, conforto e bem-estar e prevenir úlceras de pressão.
Os movimentos básicos que devem ser observados durante a
massagem são: deslizamento leve e pesado, amassamento e fricção. 
Essas manobras geralmente são feitas durante a higienização do
paciente ou em mudanças de decúbito programadas.
Observações importantes

• Observe com atenção as condições da pele nas regiões escapular,


ilíaca e sacrococcígea; 
• Antes de prosseguir, comunicar se houver eritema, edema, flictema
ou solução de continuidade;
• Executar movimentos contínuos, longos e circulares e exercer pressão
firme nos deslizamentos pesados e suaves nos deslizamentos leves.
MUDANÇA DE DECÚBITO

• DECÚBITO LATERAL ESQUERDO

• DECÚBITO LATERAL DIREITO

• DECÚBITO DORSAL
RECURSOS DE POSICIONAMENTO
• CAMA AJUSTÁVEL - CABEÇA, JOELHO E PÉS
• COLCHÃO - FIRME E FLEXÍVEL
• TRAVESSEIROS
• LENÇOL MÓVEL
• COXINS
PREVENÇÃO DE QUEDAS
6 ªMETA INTERNACIONAl DE SEGURANÇA DO PACIENTE OMS

ELEVAR AS GRADES DA CAMA DO PACIENTE


Mudança de decúbito

• A mudança de decúbito é uma ação preventiva de enfermagem relacionada


à lesão por pressão.
• O procedimento ocorre em pacientes hospitalizados, institucionalizados e
também naquelas pessoas no âmbito domiciliar que tem a dificuldade de se
movimentar.
• É um procedimento que auxilia no favorecimento do conforto e possível
bem estar do paciente, pois faz uma alternância da pele que fica expostas às
extremidades ósseas.
• O objetivo desse procedimento é evitar a formação de lesão por pressão
através da avaliação do risco do cliente e de ações preventivas relacionadas
à pressão, fricção, cisalhamento e maceração  em pacientes acamados.
Descrição do Procedimento
• Lavar as mãos;
• Preparar o material;
• Orientar o cliente e/ou acompanhante quanto ao procedimento;
• Calçar luvas;
• Colocar o braço oposto sobre o tórax do paciente
• Fletir o membro inferior oposto do paciente ao qual ele ficará;
• Colocar uma das mãos no ombro do cliente e a outra na flexão do joelho, puxando-o para
cima;
• Colocar o coxim, previamente protegido por um lençol nas costas do mesmo evitando que
retorne à posição anterior;
• Proteger a articulação dos joelhos colocando coxim entre eles;
• Levantar as grades de proteção;
• Deixar o cliente confortável;
• Deixar o ambiente em ordem;
• Lavar as mãos;
• Realizar as anotações do procedimento no prontuário.