Você está na página 1de 15

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO

NORTE
DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA DE
MATERIAIS
MTR0451 - QUÍMICA E SÍNTESE DE POLÍMEROS -
T01

POLIMERIZAÇÃO EM SUSPENSÃO: OBTENÇÃO DO


POLICLORETO DE VINILA (PVC)

ALUNOS: ALEXANDRE
ALVES
ERICK VALE
Introdução
2

Policloreto de Vinila (PVC)


Introdução
3

Policloreto de Vinila (PVC)


4 Policloreto de Vinila (PVC)
5 Policloreto de Vinila (PVC)
6 Policloreto de Vinila (PVC)
Armazenamento das perolas (ou contas) de PVC
7 Características químicas do PVC

 A polimerização por adição

 A polimerização em cadeia

 Iniciação

 Propagação

 Terminação
8 Polimerização em cadeia

 Iniciação

Decomposição do iniciador para a formação de radicais

Reação com o monômero


9 Polimerização em cadeia

 Propagação

O radical formado ataca um novo monômero


10 Polimerização em cadeia
 Terminação

A terminação pode ocorrer por combinação ou desproporcionamento


11 Processo de polimerização por suspensão do
PVC
 Polimerização por suspensão do MVC (monômero cloreto de vinila)
 A homogeneização ou mistura do sistema reacional
 Agentes dispersantes
 A agitação do sistema
 Os iniciadores
Representação esquemática das fases envolvidas na
12 reação de polimerização

a) b)

c) d)
13 Vantagens e desvantagens do PVC

 Vantagens
 Características físico-químicas
 Resistente à maioria dos reagentes químicos
 Bom isolante térmico, elétrico e acústico
 Leve (1,4 g/cm³)
 Atóxico, inerte e seguro
 Impermeável a gases e líquidos

 Desvantagens
 Dificuldade de reciclagem
 Liberação de HCl durante a incineração
14 Vantagens e desvantagens da polimerização
em suspensão
 Vantagens
 Facilidade de separação do polímero na forma de partículas
 Fácil remoção de calor e controle de temperatura
 Baixos níveis de impureza e de aditivação no produto final

 Desvantagens
 Alta sensibilidade à agitação do sistema
 Difícil controle do tamanho das partículas
15 Referências

 LOPES, Hiuquem Monteiro. MODELAGEM E SIMULAÇÃO DE UM REATOR DE


POLIMERIZAÇÃO DO MONOCLORETO DE VINILA. Campina Grande – PB 2019.
 Instituto Brasileiro do PVC. O PVC É UM PLÁSTICO COM CARACTERÍSTICAS
ÚNICAS. Disponível em: < https://pvc.org.br/o-que-e-pvc>. Acessado em 17/04/2021.
 Biblioteca Digital Brasileira De Teses E Dissertações (BDTD). Modelagem e simulação de
fornos de craqueamento de 1,2-dicloroetano: determinação da conversão. Disponível
em: <https://bdtd.ibict.br/vufind/Record/UFCG_886e58441f4cf7a057c7f273c838ef44>.
Acessado em 18/04/2021.
 S. V. CANEVAROLO, Ciência dos Polímeros, 2 ed., Artiber Editora, 2006.
 SOLOMONS, T. W. G.; FRYHLE, Organic chemistry, 10th
edition, John Wiley & Sons, 2011.

Você também pode gostar