Você está na página 1de 29

COAGULOGRAMA

Larissa dos Santos Pessoa


TESTES DA COAGULAÇÃO

Fonte:http://www.sbpc.org.br/upload/conteudo/320090814145042.pdf
TESTES DA COAGULAÇÃO
Tubos com citrato
- Jejum não necessário
- Centrifugar o mais rápido possível-
• 3 ml
• tubo de plástico ou vidro siliconizado
• Se o teste for realizado em outro laboratório coletar o tubo sem aditivo
antes ou coletar dois tubos de citrato, o primeiro sendo descartado
• Transporte- congelar a amostra

Fonte:http://www.sbpc.org.br/upload/conteudo/320090814145042.pdf
TESTES DA COAGULAÇÃO
Contagem de plaquetas-

Fonte:http://www.sbpc.org.br/upload/conteudo/320090814145042.pdf
TESTES DA COAGULAÇÃO
Contagem de plaquetas-

Fonte:http://www.sbpc.org.br/upload/conteudo/320090814145042.pdf
TESTES DA COAGULAÇÃO
Contagem de plaquetas- trombocitopenia

Fonte:http://www.sbpc.org.br/upload/conteudo/320090814145042.pdf
TESTES DA COAGULAÇÃO
Contagem de plaquetas- trombocitose

Fonte:http://www.sbpc.org.br/upload/conteudo/320090814145042.pdf
TESTES DA COAGULAÇÃO
Tempo de sangramento(sangria)
Coagulograma – Tempo de
Sangramento (TS)

DUKE
x
TESTES DA COAGULAÇÃO
Tempo de sangramento(sangria) Método de IVY:

V.R-até 7 minutos

Mais sensível que a técnica


de duke.

Sofre interferência de
antiagregantes plaquetários
(tipo aspirina) e de
corticóides
TESTES DA COAGULAÇÃO
assepsia da região do antebraço, 3 dedos abaixo do espaço antecubital com álcool 70% e
deixar secar;

Ajustar o esfigmomanômetro no braço, acima do cotovelo e inflar até 40 mmHg

Manter o manguito inflado, selecionar uma área antebraço sem veias superficiais.
Esticar a pele lateralmente e tensionar entre o polegar e o indicador.

• , realizar uma incisão de 3mm de profundidade permitindo que o sangue escoe


livremente; O cronômetro deverá ser acionado no momento da picada;

• Usando o papel filtro, secar de 30 em 30 segundos a gota de sangue que se forma


sem, no entanto, tocar a lesão, utilizando cada vez uma porção limpa do papel

• Quando o sangue deixar de manchar o papel, parar o cronômetro

• Retirar o esfigmomanômetro somente quando o sangramento cessar e tiver se formado o


coágulo. • Registrar a duração da hemorragia
TESTES DA COAGULAÇÃO
Tempo de sangramento(sangria) Método
de Duke:

O técnico seca o local da


incisão cada 30 segundos,
até que a hemorragia pare
. TESTES DA COAGULAÇÃO
Tempo de coagulação

Identificar tubos

Extrair o sangue de modo habitual

Colocar imediatamente 1mL de sangue


nos tubos e colocá-los em banho-maria a
37°C

Posicione suavemente o tubo em um


ângulo de 90o a cada 30 segundos até
que este coagule
. TESTES DA COAGULAÇÃO
Retração de coágulo

Consistência do
coágulo depende
do fator XIII

Pouco sensível

Avalia
grosseiramente a
fase plaquetária.

V.R: 40 a 64 %

Metodologia : Mac-
Farlane
.
Retração de coágulo
TESTES DA COAGULAÇÃO
Colocar um fio de
6 - 7 mL de sangue e cobre, fixo pela rolha,
colocar em um tubo de com a extremidade
determinar o
ensaio cônico, encurvada,
hematócrito
graduado (5mL), sem mergulhada até a
anticoagulante metade da coluna
líquida

• Após 1 hora, retirar


• Deixar o tubo em
com cuidado o • Após a coagulação,
repouso e medir o
coágulo, deixando o colocar o tubo no
volume de soro obtido
líquido escorrer para banho-maria 37°C /1
após a retirada do
dentro do tubo por 1 - hora
coágulo
2 minutos

CÁLCULO:
% de retração = Vol. soro x Hematócrito do paciente
O tubo poderá ficar Vol. total x Hematócrito normal (*) (*)
em repouso ou Consultar tabela.
centrifugá-lo em baixa
rotação (1.000 r.p.m
durante 5 minutos);
. TESTES DA COAGULAÇÃO
PROVA DO LAÇO
. TESTES DA COAGULAÇÃO
PROVA DO LAÇO
.
TESTES DA COAGULAÇÃO
TAP-TEMPO DE PROTOMBINA

Via extrínseca Modelo Clássico Via intrínseca


.
TESTES DA COAGULAÇÃO
TAP-TEMPO DE PROTOMBINA

Função hepática (II, VII, X)

Coagulopatias

Pré-operatório

Deficiência da vit. K

Monitorar Atcs. orais, derivados


cumarínicos, , antagonistas da
.
TESTES DA COAGULAÇÃO
TAP-TEMPO DE PROTOMBINA

TAP

1.Centrifugar a 2. colocar no banho-


amostra maria

controle amostra Reagente 1

4- a 5 minutos

3. Colocar 100 4. Adicionar 200 6. a partir de 9


microlitros da microlitros do R1 na 5. cronometrar segundos tirar do
amostra em um tubo amostra banho-maria

Parar o cronômetro
quando formar o
coágulo
.
TESTES DA COAGULAÇÃO
TTPA-TEMPO DE TROMBOPLASTINA PARCIAL ATIVADA

Via extrínseca Modelo Clássico Via intrínseca


.
TESTES DA COAGULAÇÃO
TTPA-TEMPO DE TROMBOPLASTINA PARCIAL ATIVADA

Fundamental
Avalia a via na avaliação Monitorizar o
Avaliação pré-
intrínseca e a das uso de
operatória
comum coagulopatias heparina
(via intrínseca)

VALORES DEPENDEM DA SENSIBILIDADE DO KIT (NO MERCADO ATUAL


DESDE 28” - 36” a 30 - 45 ”).
RATIO -T PACIENTE/T CONTROLE - até 1.25
.
TESTES DA COAGULAÇÃO
TTPA-TEMPO DE TROMBOPLASTINA PARCIAL ATIVADA

TTPA

1.Centrifugar a 2. colocar no banho-


amostra maria

controle amostra Reagente 2

3. Colocar 100 4. Adicionar 100 6. Adicionar nesse


5. Cronometrar 2 A 3
microlitros da microlitros do R1 na mesmo tubo 100 7. cronometrar
minutos
amostra em um tubo amostra microlitros do R2
Manter no banho-maria Manter no banho-maria Manter no banho-maria Manter no banho-maria manter no banho-maria

8. Em 20 segundo 9.Parar o cronômetro


retirar do banho- quando formar o
maria coágulo
.
TESTES DA COAGULAÇÃO
TTPA-TEMPO DE TROMBOPLASTINA PARCIAL ATIVADA
.
TESTES DA COAGULAÇÃO
TTPA-TEMPO DE TROMBOPLASTINA PARCIAL ATIVADA
.
TESTES DA COAGULAÇÃO
TTPA-TEMPO DE TROMBOPLASTINA PARCIAL ATIVADA
Obrigada!
• Obrigada!

Você também pode gostar