Você está na página 1de 37

UFCD 8902

É T I C A E D E O N TO L O G I A E M
GERIATRIA

Curso: Técnico de Geriatria


Formador: Álvaro Cadima
4 - Ética e Deontologia
4.1 Conceitos de Ética e Deontologia
4.2 Alguns aspetos inerentes à ética e deontologia
(responsabilidade, sigilo profissional, etc.)
CONCEITOS DE ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Deontologia é um termo que surge da junção de duas


palavras

gregas: “déon” e “logos”.

Para os gregos “déon” significa dever, enquanto “logos” se traduzia

por tratado.
CONCEITOS DE ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Então, deontologia é um conjunto de deveres, princípios ou


normas adaptadas com um fim determinado (regular ou
orientar determinado grupo de indivíduos no âmbito de uma
atividade laboral, para o exercício de uma profissão).
CONCEITOS DE ÉTICA E D E O N T O L O G I A

A par desta ideia de tratado, associado à regulamentação de uma

profissão estava implícita uma certa ética, aquilo a que posteriormente

viria a ser entendido como a ciência do comportamento moral dos

homens em sociedade.
CONCEITOS DE ÉTICA E D E O N T O L O G I A

A deontologia é um conjunto de comportamentos exigíveis aos

profissionais, muitas vezes não codificados em regulamentação

jurídica. Ou seja, é uma ética profissional das obrigações

práticas, baseada na livre ação da pessoa e no seu carácter

moral.
CONCEITOS DE ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Para compreender melhor as questões subjacentes à


ética profissional, é preciso entender o conceito de profissão.

A palavra profissão deriva do latim e significa pessoa que se dedica


a cultivar uma arte.
CONCEITOS DE ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Uma profissão é a prática de uma ocupação que influencia diretamente o bem-


estar humano e requer o domínio de um conjunto de conhecimentos e
capacidades especializadas.

Desta forma, a profissão beneficia quem a exerce mas também está dirigida a
outros, que serão igualmente beneficiados.
CONCEITOS DE ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Neste sentido, a profissão tem como finalidade o bem comum ou o

interesse público, pois todas as profissões tem uma dimensão social,

de serviço à comunidade.
CONCEITOS DE ÉTICA E D E O N T O L O G I A

O conceito mais alargado de profissão indica-nos que ter uma


determinado profissão não significa apenas um vencimento ao final
do mês ou um determinado conjunto de conhecimentos e saberes:
uma profissão é sempre uma forma de servir a sociedade com
uma finalidade que ultrapassa os meros interesses pessoais.
CONCEITOS DE ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Por outro lado, a profissão implica uma ideia de grupo: é partilhada

por vários indivíduos, voluntariamente organizados, que

partilham uma ocupação, que trabalham de forma

eticamente admissível.
CONCEITOS DE ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Ajuda a tomar decisões profissionais que sejam acertadas do ponto


de vista ético.

A boa reputação que um grupo profissional consegue alcançar com a


sua conduta ética, vai ajudar a equipa a poder exercer as suas
funções na área em que tem mais conhecimentos.
CONCEITOS DE ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Ética profissional é o conjunto de normas


morais pelas quais um indivíduo deve orientar seu
comportamento profissional.

A Ética é importante em todas as profissões, e


para todo ser humano, para que todos possam
viver bem em sociedade.
CONCEITOS DE ÉTICA E D E O N T O L O G I A

O Código de Ética é um instrumento criado para orientar o


desempenho das organizações nas suas ações e na interação
com seus públicos.
CONCEITOS DE ÉTICA E D E O N T O L O G I A

https://www.youtube.com/watch?v=uvdigcyYgz0
https://www.youtube.com/watch?v=WJXQZTaNNVA
A LG U N S A SPETO S INERE N T ES À
ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Respeito pela dignidade da pessoa humana

 Os Direitos Humanos são uma peça fundamental no quadro da Responsabilidade


social das organizações.
 Os Funcionários não podem aceitar ou pactuar com qualquer forma de
discriminação, seja em razão da raça, etnia, sexo, idade, deficiência física, orientação
ou convicção religiosa, tendência sexual, opinião ou filiação política e bem assim
como qualquer forma de assédio sexual ou psicológico, de conduta verbal ou física
de humilhação, de coação ou ameaça.
A LG U N S A SPETO S INERE N T ES À
ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Respeito pela dignidade da pessoa humana

 Os funcionários devem demonstrar sensibilidade e respeito mútuo e


abster-se de qualquer comportamento tido como ofensivo por outra
pessoa, assim que esta se manifestar nesse sentido.
 Em todas as tomadas de decisão devem os funcionários garantir o
respeito pelo princípio da igualdade de tratamento.
A LG U N S A SPETO S INERE N T ES À
ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Respeito pela dignidade da pessoa humana

 Os funcionários devem garantir o respeito do princípio da igualdade no


tratamento de pedidos de terceiros, na instrução de processos ou
tomada de decisões, salvo justificação relevante.
A LG U N S A SPETO S INERE N T ES À
ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Exercício da liberdade com responsabilidade no trabalho

 Os funcionários devem pautar a sua atuação pelo envolvimento e


participação, pela manutenção de um clima de confiança e urbanidade,
no respeito pela estrutura hierárquica, colaborando proactivamente,
partilhando o conhecimento e a informação e cultivando o espírito de
equipa.
A LG U N S A SPETO S INERE N T ES À
ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Exercício da liberdade com responsabilidade no trabalho

 O(a) funcionário (a) deve abster-se de qualquer concorrência desleal


em relação aos seus colegas. A discrição é um elemento específico nas
relações externas e fundamento essencial da sua capacidade de
salvaguarda do sigilo profissional.

 O(a) funcionário (a) deve ter consciência de que a discrição é de uma


importância fundamental.
A LG U N S A SPETO S INERE N T ES À
ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Exercício da liberdade com responsabilidade no trabalho

 O que para outros membros do coletivo podem ser leves faltas de


respeito ou problemas de convivência (comentários de desprezo para
com colegas, comentários ofensivos, jocosos ou em tom de
brincadeira; ou duvidar publicamente da qualidade técnica de um
superior), para o(a) funcionário(a) é algo que está vinculado ao seu
comportamento profissional.
A LG U N S A SPETO S INERE N T ES À
ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Exercício da liberdade com responsabilidade no trabalho

 É obrigação de qualquer funcionário (a) oferecer a sua colaboração a


todos os seus colegas, quando a sua intervenção for necessária, para
que não se produzam atrasos no trabalho e não se prejudique o
funcionamento normal da entidade onde presta os seus serviços.
A LG U N S A SPETO S INERE N T ES À
ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Responsabilidade na tomada de decisões e ações

 A responsabilidade traduz uma obrigação que o indivíduo tem em dar


conta dos seus atos e suportar as consequências dele.
 Um indivíduo responsável – é aquele que age com conhecimento e
liberdade suficiente para com os seus atos possam ser considerados
como dignos, devendo responder por eles, é ainda um indivíduo que
dentro de um grupo pode tomar decisões.
A LG U N S A SPETO S INERE N T ES À
ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Responsabilidade na tomada de decisões e ações

 Os funcionários devem exercer as suas funções profissionais,


exclusivamente, para os fins para que foram atribuídas, abstendo-se
de as utilizar, nomeadamente, em interesse próprio ou para fins que
não sejam motivados por interesse da organização.
 Os funcionários não devem aceitar ou recorrer a ofertas, pagamentos
ou outros favores pelo exercício de qualquer atividade no cumprimento
das suas funções.
A LG U N S A SPETO S INERE N T ES À
ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Responsabilidade na tomada de decisões e ações

 Os funcionários têm a responsabilidade e devem evitar qualquer situação


suscetível de originar, direta ou indiretamente, conflitos de interesses com
a organização.
 Existe conflito de interesses atual ou potencial, sempre que os
funcionários tenham um interesse pessoal ou privado, em determinada
matéria que possa influenciar o desempenho imparcial e objetivo das suas
funções profissionais.
A LG U N S A SPETO S INERE N T ES À
ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Responsabilidade na tomada de decisões e ações

 Os eventuais conflitos de interesses de qualquer funcionário deverão


ser imediatamente comunicados, à Direção, com o objetivo de
assegurar o desempenho imparcial e transparente.
A LG U N S A SPETO S INERE N T ES À
ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Sigilo profissional

 O sigilo profissional faz parte dos valores éticos que devem ser
seguidos por todos os profissionais.
 O dever de sigilo obriga o funcionário a “guardar segredo profissional
relativamente aos factos de que tenha conhecimento em virtude de
exercício das suas funções e que não se destinem a ser do domínio
público”.
A LG U N S A SPETO S INERE N T ES À
ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Sigilo profissional

 Os fundamentos do sigilo profissional assentam no facto de haver


informação e conhecimentos pertencentes a um indivíduo de que os
profissionais tomam conhecimento durante o exercício da sua profissão.
 Um indivíduo tem direito a que todas as informações que lhe pertencem
sejam mantidas em segredo, em confidencialidade, assegurando assim os
seus interesses.
A LG U N S A SPETO S INERE N T ES À
ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Sigilo profissional

 O profissional deverá sempre atuar no sentido de ao revelar a


informação ter em conta a ponderação de valores expostas ao risco, e
que quebrar o segredo profissional é o último recurso depois de
ponderar todas as alternativas.
 O sigilo é referido à difusão oral ou escrita da informação.
A LG U N S A SPETO S INERE N T ES À
ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Sigilo profissional

 O sigilo profissional não deve entrar em conflito com a lealdade à


entidade para a qual trabalha o(a) funcionário(a), que deve
corresponder à confiança que o seu superior deposita nele(a) ao
confiar-lhe e partilhar com ele(a) informação confidencial.
A LG U N S A SPETO S INERE N T ES À
ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Sigilo profissional

 Por isso, deve comunicar ao seu superior qualquer informação que


possa prejudicá-lo ou beneficiá-lo a ele próprio ou à entidade para a
qual trabalha.
 Os limites desta divulgação são marcados pelo sentido de lealdade e
pela integridade que conformam o perfil pessoal do(a) funcionário(a).
A LG U N S A SPETO S INERE N T ES À
ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Vivência do sentido da solidariedade social

 Uma organização socialmente responsável satisfaz as necessidades dos


clientes, atua com eficiência, cria valor para membros e sociedade e
assegura a continuidade da organização.
 Os valores da organização são, em última análise, construídos pela
atuação dos seus funcionários e as inter-relações que estes estabelecem
entre si.
A LG U N S A SPETO S INERE N T ES À
ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Vivência do sentido da solidariedade social

 Todos os funcionários devem trabalhar em prol da solidariedade


comprometendo-se com responsabilidade e determinação na
atenuação dos problemas dos seus clientes, conscientes que,
enquanto cidadãos, são também parte desses problemas.
A LG U N S A SPETO S INERE N T ES À
ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Vivência do sentido da solidariedade social

 As relações no ambiente de trabalho devem pautar-se por cortesia e


respeito mútuo, empenhando-se administradores e funcionários para a
defesa dos direitos humanos e para que entre si predomine o espírito
de equipa, a lealdade, a franqueza e a confiança.
A LG U N S A SPETO S INERE N T ES À
ÉTICA E D E O N T O L O G I A

Vivência do sentido da solidariedade social

 A instituição e os funcionários devem estar atentos às problemáticas


sociais da comunidade, orientado a sua ação no sentido de dar
resposta a essas problemáticas, no âmbito da sua missão, ou
encaminhando para outras entidades competentes, fomentando desta
forma a cultura do trabalho em parceria.

Você também pode gostar