Você está na página 1de 22

 A deficiência em iodo é um grande problema de

saúde pública, devido a grande quantidade de


comunidades em risco de deficiência.

 Este facto deve-se a escasses de iodo em certos


solos.
 Os distúrbios da deficiência de Iodo(DDI)
podem ser definidos como doenças
nutricionais resultantes do consumo alimentar
de iodo baixo dos níveis recomendados;

 A deficiência do iodo provoca uma serie de


manifestações orgânicas tais como alteração
do crescimento e desenvolvimento,
deficiência mental, cretinismo, hipotiroidismo
e bócio.
 Deficiência de estatura;
 Aumento da tiróide (bocio);
 Alterações psicomotoras (apatia);
 Iodo encontra-se no corpo em duas formas: inorgânica e orgânica

 O corpo tem 15 - 50 mg de iodo, dos quais 70-80% se encontram na


glândula tiroide.

 A função principal da glândula tiróide é de sintetizar as hormonas


T4 e o T3;

 O único papel conhecido do Iodo é na síntese desses hormonios


tiroxina(T4) e tri-iodotrionina(T3);


 Hormonas T3 eT4 são importantes para:

 O crescimento e desenvolvimento tecidular do


sistema nervoso central

 A maturação de todo o corpo

 Produção de energia

 O consumo de oxigênio pelas células

 A manutenção do metabolismo do corpo


 O iodo pode ser encontrado nos mariscos e nos
alimentos de origem vegetal.

 A quantidade de iodo nas plantas e animais


dependem da quantidade de iodo no solo/mar

 Alimentos do mar: peixe, ostras, mariscos


 Consumo limitado de iodo;
 Consumo excessivo de bociogênicos;
 Infecções,
 desordens do sistema imunológico,
 desequilíbrios hormonais,
 tumores,
 problemas hereditários,
 exposição à radiações, etc.
Tamanho/grau da tiróide (bócio) Classificação

Grau 0 Bócio Não visível e não palpável

Grau 1 Bócio palpável mas não visível

Grau 2 Bócio visível e palpável


 A dieta recomendada de Iodo para:

 Lactentes: 30 mg/kg/24 horas

 Crianças maiores: 70-120 mg/kg/24 horas

 Adolescentes e adultos: 150 mg/kg/24 horas


Deficiência de iodo é considerada a causa de lesão
cerebral e atraso mental, com maior capacidade de
prevenção.

OMS estima:

 Cerca de 1.6 biliões de pessoas estejam em risco de


deficiência de iodo

 Cerca de 20 milhões de pessoas sofrem de atraso


mental que pode ser prevenido com o simples uso de
iodo
 Em Moçambique→ deficiência de iodo afecta
cerca de 16% da população escolar nas regiões
endêmicas do país, nomeadamente Niassa e Tete,
em que mais de 70% desta população apresenta
bócio total.
 A deficiência de iodo: refere-se a vários aspectos
da deficiência de iodo que afecta o crescimento e
desenvolvimento.

 Bócio, é a forma mais familiar de deficiência de


iodo, onde há tumrfação /hiperplasia da glândula
tiróide.
Cretinismo

 O maior efeito da deficiência de iodo no período


fetal em áreas endémicas (onde a deficiência de
iodo é severa) é o cretinismo endémico.

 As manifestaçãoes clínicas do cretinismo podem


incluem: falência de crescimento, atraso mental
e anomalias físicas.
 Em Moçambique, na província de Niassa foram
realizados vários estudos entre 1980 e 1992 que
mostraram que a prevalência de bócio ao nível
da província de Niassa era bastante elevada
(media de bócio total superior a 50%) reflectindo
uma situação endémica.

 O estudo o mais completo foi realizado em


Fevereiro de 1992 a nível de população escolar
do ensino primário dos distrito de Lichinga,
Sanga, Cuamba, Maúa e Marrupa.
 Objectivo do estudo:
 determinar o nivel de Iodo em população escolar a
nível dos cinco distritos situados a diferentes
altitudes, de modo a servir de informação de base
para futura avaliação de impacto do programa de
controlo desta deficiência, a ser implementado na
província de Niassa.

 Os resultados deste estudo mostraram uma


prevalência de bócio total (PBT=76,4%),
prevalência de bócio visível igual 13,0% e o nível
médio de Iodo urinário igual a 2,74mg/dl.
 Em 1998 um estudo efectuado em 4 províncias (Cabo
Delgado, Manica, Gaza e Maputo) mostrou que.
 2/3 das criancas em idade escolar tinham niveis de Iodo
na urina abaixo do normal

 1/5 dessas criancas revelavam bocio total

 As provincias que apresentaram maior prevalencia


de BT foram as de Cabo Delgado (34,5%) e de Manica
(18,2%).
RDI
É baseado na quantidade de iodo para evitar o
bócio =100-200 µg/dia

Toxicidade
 Ingestão de mais de 2000µg pode ser fatal

 É pouco provável que esta quantidade seja


obtida através da dieta, excepto quando ha
contaminação de alimentos com grandes
quantidades de iodo
 O excesso de iodo pode causar aumento da
glândula tiróide,Tiroxocicose
 % de escolares = total de escolares com bócio com grau 1+2 X 100
Com bócio total de escolares com bócio de 6 a 12 anos examinados

Interpretação segundo a OMS:

≥ a 5 % problema de saúde publica;


Entre 5 a 19,9 % leve;
Entre 20 a 29.9% moderado;
≥ 30 % grave.
 Essentials of Human Nutrition 2nd Edition- Jim Mann e
A.Stewart Truswell

 Diseases of Children in the Subtropics and Tropics 4th


edition- Stanfield, Brueton, Chan, Parkin, Waterston

 Nelson, Tratado de Pediatria 17ª Edição

 Artigos da internet
OBRIGADO PELA ATENÇÃO DISPENSADA

Você também pode gostar