Você está na página 1de 41

EVOLUÇÃO DA PRÁTICA CLÍNICA DE ENFERMAGEM

Fase
Pré-profissional Fase de Profissionalização

A origem dos
A prática dos
Cuidados/ a A prática dos A prática dos A prática dos
cuidados
prática O Modelo cuidados cuidados cuidados
centrada na
Identificada Religioso centrada no centrada na centrada na
abertura sobre o
com a ambiente doença pessoa
mundo
Mulher

Os princípios científicos As concepções teóricas


As técnicas de enfermagem De enfermagem

Ausência de saber formal O SABER


SABER-FAZER

À procura de diferenciação/da especificidade/da


FLORENCE autonomia funcional
NIGHTINGALE
10/25/2021 (1820-1910)
Epistemologia, Conceição Alegre
Percurso Histórico: Enfermagem uma profissão

Enfermagem Tradicional Enfermagem Moderna

Inicio da profissionalização:

 Formação escolar em Enfermagem

 Reconhecimento da Enfermagem como uma profissão;

 prestação de cuidados profissionais.

10/25/2021 Epistemologia, Conceição Alegre


Percurso Histórico: Enfermagem uma profissão

• PERÍODO PROFISSIONAL:CUIDADOS CENTRADOS NO AMBIENTE


(alguns problemas na saúde, colocados no séc. XIX)

• TRABALHO ESPORÁDICO E DESQUALIFICADO, SOCIALMENTE DESVALORIZADO E


MAL REMUNERADO;

• GROSSEIRA APLICAÇÃO DOS TRATAMENTOS MÉDICOS;

• AUSENCIA DE ESPECIFICIDADE DE FUNÇÕES E DE AUTONOMIA TÉCNICA;

• CONDIÇÕES DE TRABALHO ALTAMENTE PENOSAS NOS HOSPITAIS;

• CONDUTA PESSOAL REPROVÁVEL;

• DIFICULDADE NO RECRUTAMENTO DE PESSOAL;

• AUSÊNCIA DE ESTRUTURAS DE FORMAÇÃO.

10/25/2021 Epistemologia, Conceição Alegre


FLORENCE NIGHTINGALE E A ENFERMAGEM

• ACREDITAVA QUE ERA NECESSÁRIO:

• A PARTICIPAÇÃO DAS ENFERMEIRAS NA ADMINISTRAÇÃO DE SAÚDE;

• UMA FORMAÇÃO ESPECIFICA PARA EXERCER ENFERMAGEM;

• FAZER INVESTIGAÇÃO DOS ELEMENTOS E DA NATUREZA DOS CUIDADOS;

AS ENFERMEIRAS FORMAREM AS NOVAS ENFERMEIRAS;

A OBSERVAÇÃO PARA O PLANEAMENTO DOS CUIDADOS

• A CENTRALIDADE DOS CUIDADOS NA PROMOÇÃO DA SAÚDE E NA PREVENÇÃO DA DOENÇA;

A ORIENTAÇÃO DOS CUIDADOS DE ENFERMAGEM PARA O CONTEXTO HOSPITALAR E EXTRA-


HOSPITALAR;

• OS CUIDADOS DE ENFERMAGEM SEREM REMUNERADOS COMO TRABALHO PROFISSIONAL.

10/25/2021 Epistemologia, Conceição Alegre


UM OLHAR SOBRE OS CUIDADOS (F.N.)

....a tarefa da ENFERMAGEM é proporcionar ao doente as melhores condições


para que a natureza possa agir sobre ele.” (F.N.)

“CUIDAR consiste em procurar favorecer as condições que permitam


ultrapassar a difícil passagem da doença.”
(FLORENCE NIGHTINGALE,1859)

Nos cuidados de enfermagem


Três relações em presença : Doente /Ambiente
Enf./Ambiente
Enf./Doente

10/25/2021 Epistemologia, Conceição Alegre


A ENFERMAGEM E OS CUIDADOS CENTRADOS NA DOENÇA

• Do fim do século XVIII ao início do século XX:

A medicina foi capaz de criar as condições de salubridade


adequadas à nova sociedade e de abrir espaço para que a
prática médica individual viesse gradualmente a ocupar o
lugar central nas práticas de saúde.

(Sanitarismo, higienismo) Medicina moderna

10/25/2021 Conceição Alegre


Com o conhecimento adquirido nos finais sec. XIX nas áreas das
ciências, como a química a física e a microbiologia foi possível
novas formas diagnóstico e de tratamento da doença.
A medicina moderna

Direciona a sua actuação para a doença, na


procura de seu tratamento, exigindo, desse
modo alta tecnologia.

10/25/2021 Conceição Alegre


A ENFERMAGEM E OS CUIDADOS CENTRADOS NA DOENÇA

O SISTEMA HOSPITALAR (marcadamente biomédico) ORGANIZA-SE EM


TORNO DA INVESTIGAÇÃO E DA REPARAÇÃO DA DOENÇA.

A taxa de mortalidade é tido como indicador prioritário

Objetivo principal em saúde: Diminuição da taxa de mortalidade por doença

O Critério de Sucesso da Medicina passa a ser a Cura da doença

Os enfermeiros centram a sua prática clínica em torno das prescrições


médicas.

10/25/2021 Conceição Alegre


ENFERMAGEM E OS CUIDADOS CENTRADOS NA DOENÇA

OS CUIDADOS DE ENFERMAGEM ORGANIZAM-SE EM TORNO DAS TAREFAS PRESCRITAS PELO

MÉDICO.

Valorização da Técnica
(Formação: Conhecimento técnico; anatomia e fisiopatologia))

É A DOENÇA QUE CONDUZ A ACÇÃO DOS ENFERMEIROS.


Valorização dos cuidados curativos e uma Desvalorização progressiva dos cuidados de
manutenção de vida (bem estar e conforto).
Trabalho é normalizado, pela sobrevalorização da técnica
(são exigidas apenas competências técnicas de baixo nível)
Na perspetiva do utente: apenas o corpo é valorizado pois é parte observável
Do corpo, apenas tem enfoque aquilo que está afetado.
O utente não participa nos cuidados e não toma decisões.

10/25/2021 Conceição Alegre


ENFERMAGEM E OS CUIDADOS CENTRADOS NA DOENÇA

A saúde está organizada em duas grandes áreas:


Saúde Pública e Hospitalar
• Duas orientações na enfermagem:
• Centrada na saúde pública: a
• (controlo das doenças infecciosas);
• Centrada na prática médica hospitalar:
(técnica de assepsia medica e cirúrgica, e gestão de sinais e
sintomas.)

10/25/2021 Conceição Alegre


A ENFERMAGEM OS SEUS INDEFINIDOS PAPEIS

• Na década de 50 do séc.. XX…


• Os papeis da enfermagem (quer da área Hospitalar, quer da Saúde Pública)

São condicionados pelos seguintes fatores:


* O Controle da Profissão de Enfermagem pela classe médica;

* A afirmação da medicina no campo técnico e deontológico, reforçando a ideia da


enfermagem como força de trabalho auxiliar dos médicos;

* O papel social secundário da profissão por ser “predominantemente feminino”;

* A “paragem no tempo” da imagem do enfermeiro como profissional obediente,


permissivo, em que a sua assistência só tem valor social aliado ao tratamento médico.

10/25/2021 Conceição Alegre


A ENFERMAGEM E A TRANSIÇÃO DOS CUIDADOS CENTRADOS NA DOENÇA
PARA OS CUIDADOS CENTRADOS NA PESSOA

• A partir da década de 50 do séc.. XX…


• O contexto torna-se favorável a uma nova visão da enfermagem e
consequentemente à sua afirmação como profissão autónoma…
– Evolução social, económica, política…

– Estudo internacional do ensino superior de enfermagem realizado pela OMS


(1967):

• AFIRMA O MAL-ESTAR DOS ENFERMEIROS NA PRESTAÇÃO DE CUIDADOS,


MUITO LIGADO Á TÉCNICA E SALIENTA A NECESSIDADE DE REENCONTRAR
O SENTIDO DOS CUIDADOS AOS DOENTES.

10/25/2021 Conceição Alegre


O crescimento teórico observado na década 50 do século XX
incrementado pelas teóricas da Escola das Necessidades…

• Deu os primeiros contributos para a clarificação e definição do papel


profissional (Kérouac, 1994).

• Desta perspetiva teórica foram percursoras:

• Virgínia Henderson (1957), postulando sobre o desequilíbrio da pessoa que se


manifestava através de necessidades humanas fundamentais não satisfeitas;

• Dorothea Orem (1956), postulando sobre a incapacidade para cuidar de si próprio


e de respostas inadequadas aos problemas de saúde (Meleis, 1997).

10/25/2021 Conceição Alegre


A ENFERMAGEM CENTRADA NA PESSOA

Observa-se uma mudança no papel do enfermeiro e este passa


a reconhecer como necessário uma:

Aproximação relacional entre quem cuida (O enfermeiro) e quem é cuidada


(utente) que prossegue um duplo objectivo:

• “Conhecer melhor a pessoa cuidada, reconhecê-la naquilo que ela


representa e reconhecê-la como agente ativo na ação terapêutica”

10/25/2021 Conceição Alegre


A ENFERMAGEM CENTRADA NA PESSOA

• O contributo da psicologia e da psiquiatria nomeadamente no


campo da psicanálise e das teorias do desenvolvimento vieram
contribuir para uma melhor compreensão da importância da
relações para o desenvolvimento humano.

 No contexto dos cuidados de enfermagem tornou-se mais evidente a


revalorização da relação entre quem cuida e quem é cuidado.

 Surgem novos desafios no tratamento de doenças crónicas e outras


doenças de origem psicossocial (EX. LUTO,STRESS)

10/25/2021 Conceição Alegre


A ENFERMAGEM CENTRADA NA PESSOA

• VIRGINIA HENDERSON DEFINE CUIDADOS DE ENFERMAGEM

– A enfermagem não trata as doenças…


– A enfermagem cuida de pessoas…

A doença dá lugar à pessoa :

O enfermeiro passa de um profissional de tarefa para um profissional autónomo

• É necessário a adoção de um método de trabalho cientifico

• INTRODUZ-SE O PROCESSO DE ENFERMAGEM

• A ENFERMAGEM CENTRA-SE NA PESSOA QUE É CUIDADA

10/25/2021 Conceição Alegre


Evolução histórica: Enfermagem uma Profissão

Período profissional: Cuidados Centrados na Pessoa

Os conceitos centrais da enfermagem neste período

Conceitos Cuidados centrados na pessoa


Intervenção:
- Agir com;
- Determinar as necessidades de ajuda tendo em conta
Cuidados
a perceção ou a globalidade do outro;
- O enfermeiro é um conselheiro que ajuda a escolher
os comportamentos de saúde mais adaptados.
- É um todo formado pela soma das suas partes que são
inter-relacionadas (ser bio-psico-socio-cultural-
Pessoa
espiritual);
- Participa nos seus cuidados.
- Saúde e doença: distintos mas em interação dinâmica;
Saúde - Ideal que se espera segundo o contexto na qual a
pessoa vive.
Evolução histórica: Enfermagem uma Profissão

Período profissional: Cuidados Centrados na Pessoa

Os campos de atividade da enfermagem e a influencia deste período.

Campo Cuidados centrados na pessoa


- Avanço tecnológico para manter a vida;
- Início dos conhecimentos próprios aplicados à prática;
Prática
- Planos de cuidados segundo o processo de resolução de
problemas aplicado aos cuidados.
- Conhecimentos de outras disciplinas das ciências humanas
Formação sociais;
- Processo de resolução de problemas aplicado aos cuidados.
- Objeto de pesquisa: o utente e o seu ambiente; o
Investigação desenvolvimento de uma base específica de conhecimentos; a
experimentação de quadros teóricos de outras disciplinas.
- Gestão centralizada, sistema de equipa;
Gestão
- Orientação para a pessoa.
OS CUIDADOS CENTRADOS NA ABERTURA SOBRE O MUNDO

• “A SAÚDE E A DOENÇA NÃO SÃO CONSIDERADAS APENAS EM RELAÇÃO À


INDIVIDUALIDADE DE CADA PESSOA, NÃO É SUFICIENTE RESPONDER ÀS
NECESSIDADES SANITÁRIAS POR UM PESADO SISTEMA DE REPARAÇÃO, A SAÚDE E
A DOENÇA SÃO O REFLEXO DE UM FACTO SOCIAL.” (OMS, 1986)

10/25/2021 Conceição Alegre


OS CUIDADOS CENTRADOS NA ABERTURA SOBRE O MUNDO

• CONTRIBUTOS DA ANTROLOGIA, SOCIOLOGIA,DEMOGRAFIA


• NOVOS PROBLEMAS DE SAÚDE.
• EX: ACIDENTES DE TRABALHO; POBREZA; VIOLENCIA; ENVELHECIMENTO

• NECESSIDADE DE DAR NOVAS RESPOSTAS AOS PROBLEMAS DE SAÚDE

• A DIMENSÃO ECONÓMICA DOS CUIDADOS PASSA A ESTAR NA AGENDA


POLITICA.

10/25/2021 Conceição Alegre


CONFERÊNCIA INTERNACIONAL SOBRE CUIDADOS PRIMÁRIOS DE SAÚDE
Alma-Ata, URSS, 6-12 de setembro de 1978

10/25/2021 Conceição Alegre


OS CUIDADOS CENTRADOS NA ABERTURA SOBRE O MUNDO
Com a Conferência de Alma-Ata:

• Foi criado o Movimento de “SAÚDE PARA TODOS” ampliou os objetivos em saúde, como
resultado de um crescente desenvolvimento económico e social.

• Foram enfatizadas as enormes desigualdades em saúde entre os países mais ou menos


desenvolvidos;
• Destacou-se a responsabilidade dos Estados e a importância da participação das pessoas e
das comunidades nos cuidados de saúde;

• Os serviços de saúde são integrados no processo de desenvolvimento social e económico,


onde a saúde é uma entidade essencial ao desenvolvimento;

• A saúde é vista como um recurso que deve estar ao alcance de todos, para o
desenvolvimento progressivo das populações (WHO, 2001).

10/25/2021 Conceição Alegre


OS CUIDADOS CENTRADOS NA ABERTURA SOBRE O MUNDO

• No entanto , só mais tarde …


• Em 1998 a estratégia da OMS “Saúde 21” substitui a Estratégia “Saúde
para todos” Trazendo como objetivo:

– Reduzir a doença com o aumento do potencial de saúde, através da equidade,


segurança ambiental e parcerias.

-A saúde passa a ser considerada como a capacidade de desenvolver o


potencial individual e responder positivamente aos estímulos
ambientais, e encarada como uma componente indissociável do
desenvolvimento económico (OMS, 2004).

10/25/2021 Conceição Alegre


OS CUIDADOS CENTRADOS NA ABERTURA SOBRE O MUNDO

• Séc. XXI
• Em 2000 a “Declaração para o Desenvolvimento do Milénio” coloca a
saúde no centro do desenvolvimento humano.
• Assume a corresponsabilidade dos Estados na defesa dos princípios da
dignidade humana, com igualdade e equidade, com particular atenção aos
mais vulneráveis, e em particular, as crianças (United Nations, 2002).
• Atualmente…
• O entendimento da saúde como um fenómeno social, exige
formas complexas de ação política intersectorial (WHO, 2010).

10/25/2021 Conceição Alegre


OS CUIDADOS CENTRADOS NA ABERTURA SOBRE O MUNDO
Séc. XXI

 A saúde resulta das dimensões: pessoal e social, enquanto


individuo e enquanto membro de uma família e da comunidade,
através das suas ações, nos seus diversos papéis, de modo a
promover, preservar e recuperar a sua saúde e a dos que dele
depende (PNS, 2012).

 Hoje, é esperado que os serviços de saúde assumam a responsabilidade


de promover a saúde do cidadão, reconhecendo o seu potencial
individual, ao longo do ciclo vital e em cada momento e contexto,
garantindo as condições que permitam aos cidadãos desenvolver o seu
potencial de saúde (PNS, 2012).

10/25/2021 Conceição Alegre


A enfermagem hoje…
Cuidar em enfermagem….

 Hoje, a enfermagem é reconhecida como uma profissão que se


carateriza pela interação com o utente, inserido no seu contexto
sociocultural, e que vive transições decorrentes da sua situação de
saúde/doença.

 Hoje, as interações resultantes da relação terapêutica estão


organizadas em torno de um fim: a resolução de problemas ou
avaliação das respostas aos problemas de saúde /doença,
numa perspetiva bioecológica, para os quais os enfermeiros
recorrem a diferentes ações para promover a saúde (Meleis, 1997).

10/25/2021 Conceição Alegre


A enfermagem hoje…

 Hoje, o conhecimento necessário á compreensão das pessoas no seu


todo, exige dos enfermeiros uma atitude global perante a pessoa e
perante as suas circunstancias que, em grande parte têm influencia do
ambiente onde o cliente está inserido e do qual faz parte (Meleis, 2007).

10/25/2021 Conceição Alegre


A enfermagem hoje…
De quem se cuida…

• Os enfermeiros cuidam de pessoas que vivem em constante


interação com os seus ambientes e que:
– Têm necessidades insatisfeitas relacionadas com situações de saúde ou
doença (Virgínia Henderson, 1957);
– São incapazes de cuidar de si próprias (Orem, 1956);

ou que:
– Não estão a adaptar-se ao seu ambiente ou em risco ou
vulnerabilidade, de sofrer um desequilíbrio devido a alterações no
estado de saúde (Roy, 1999).

10/25/2021 Conceição Alegre


A ENFERMAGEM HOJE…
PRÁTICA CLÍNICA/DISCIPLINA

• A disciplina de Enfermagem interessa-se pelo cuidado da


pessoa em interacção contínua com o ambiente, que vive
experiências de saúde (Kérouac, 1994).

• Cuidados de Enfermagem tomam como foco de Atenção:

• → Promoção dos projectos de saúde que cada pessoa vive e


persegue.

10/25/2021 Conceição Alegre


A enfermagem hoje…
Como se cuida…

• A enfermagem como um processo interativo (King, 1981).

• Das propriedades da relação enfermeiro/utente, são destacados as


seguintes componentes da interação:
– Sensibilidade; perceção; validação das necessidades de ajuda; partilha
de informação.
• O utente está em permanente interação com o ambiente.
• Daí que a enfermagem se concentre na:

– Monotorização; regulação; manutenção; e alteração de fatores


ambientais (Meleis, 2007)

10/25/2021 Conceição Alegre


A enfermagem hoje…
o que se espera do cuidar…

• Hoje, espera-se que os enfermeiros sejam um recurso para as pessoas,


no sentido de proporcionar um aumento do seu reportório de recursos
internos e externos para lidarem com as situações de saúde que
requerem adaptação e autocontrolo (OMS, 2005).

10/25/2021 Conceição Alegre


A enfermagem hoje…
cuidados de enfermagem

• CUIDADOS DE ENFERMAGEM: (Ordem dos Enfermeiros Portugueses)

• → Pretende-se prevenir a doença e promover os processos de


readaptação,

• → Procura-se a satisfação das necessidades humanas fundamentais e a


máxima independência na realização das actividades de vida,

• → Procura-se a adaptação funcional aos défices,

• → Procura-se a adaptação a múltiplos factores – frequentemente através


de processos de aprendizagem do cliente.

10/25/2021 Conceição Alegre


A enfermagem hoje…
cuidados de enfermagem

• CUIDADOS DE ENFERMAGEM: (Ordem dos Enfermeiros Portugueses, 2012)

• A relação terapêutica promovida no âmbito dos cuidados de enfermagem


caracteriza-se por uma:
 Parceria estabelecida com o cliente, no respeito pelas suas capacidades, crenças e
valores, e na valorização do seu papel.

• A relação de parceria tem por objetivo:

 Ajudar o cliente a ser proactivo na consecução do seu projeto de saúde.

• Em muitas circunstâncias, a parceria deve ser estabelecida envolvendo:


as pessoas significativas para o cliente individual, tais como:

 A família e o convivente significativo.

10/25/2021 Conceição Alegre


Evolução histórica: Enfermagem uma Profissão

Paradigma da Categorização

Os fenómenos são divisíveis em categorias, classes ou grupos definidos,


considerados como elementos isoláveis ou manifestações simplificáveis).
Uma alteração num fenómeno é consequência de condições anteriores.
Assim, os elementos e as suas manifestações conservam entre si
relações lineares e causais. Sob o ângulo deste paradigma, o
desenvolvimento dos conhecimentos orienta-se para a descoberta de
leis universais.
Kerouac et’al (2001).
 Duas orientações na enfermagem (séc. XIII e XX):
Surgem com a necessidade de melhorar a salubridade e o controle das
doenças infeciosas.
 Centrada na saúde pública
 Centrada na prática médica.
Evolução histórica: Enfermagem uma Profissão

Paradigma da Categorização

Estrutura Característica
Fenómeno Divisível
Definidos;
Mensuráveis;
Elementos
Ordenados
sequencialmente.
Linear;
Relação
Causal.
O estadio do conhecimento e o seu contributo para a enfermagem
PARADIGMA DA INTEGRAÇÃO

• Este paradigma influenciou a orientação da enfermagem para a pessoa.

• Surge nos Estados Unidos nos anos 50, no pós 2ª Guerra, com o elevado número de
pessoas com carências de vária ordem.
Colocando-se em questão a exclusividade da interpretação linear do processo
saúde/doença…

• Os fenómenos em saúde são vistos como multidimensionais e os


acontecimentos como contextuais.
• Saúde e doença passaram a ser perspectivadas como entidades distintas que
coexistem e que estão em interacção dinâmica.
• São valorizados tanto os dados objetivos quanto os subjetivos.

10/25/2021 Conceição Alegre


PARADIGMA DA INTEGRAÇÃO

• A maioria das concepções de enfermagem foram criadas a


partir da orientação para a pessoa. Surgiram durante este
período os primeiros modelos conceptuais para precisar a
prática dos cuidados de enfermagem e para orientar a
formação e a investigação. (Kérouac et al., 1994)

10/25/2021 Conceição Alegre


PARADIGMA DA TRANSFORMAÇÃO

• Este paradigma perspectiva os fenómenos como únicos mas em interacção com tudo o

que os rodeia. As mudanças ocorrem por estádios de organização e de desorganização,

mas sempre para níveis de organização superior (Newman, 1992).

• O início deste paradigma deu-se nos anos 70 e representa a base de uma abertura das

ciências de enfermagem sobre o mundo.

Engloba autores como Watson (1988), Rogers (1989, 1992), Newman (1992) e Parse

(1992).

10/25/2021 Conceição Alegre


PARADIGMA DA TRANSFORMAÇÃO

• “…um fenómeno é único no sentido em que ele não pode jamais parecer-
se totalmente com outro. Alguns apresentam algumas semelhanças, mas
nenhum se parece completamente. Cada fenómeno pode ser definido por
uma estrutura, um padrão único; é uma unidade global em interacção
recíproca e simultânea com uma unidade global maior, o mundo que o
rodeia" (Kérouac et al., 1996:13).

10/25/2021 Conceição Alegre


Evolução histórica: Enfermagem uma Profissão

Período profissional: Abertura sobre o mundo

Os conceitos centrais da disciplina de enfermagem neste período

Abertura sobre o mundo


Conceitos
Intervenção:
- Estar com;
Cuidados - Acompanhar a pessoa nas suas experiências de saúde;
- Individualizar os cuidados;
- O Enfermeiro e a pessoa são parceiros nos cuidados.
- É um todo indissociável, maior que a soma das partes, em
relação mútua e simultânea com a ambiente, em contínua
Pessoa
mudança;
- Orienta os cuidados segundo as suas prioridades.
- Valor e experiência vivenciada segundo a perspetiva de
Saúde cada pessoa;
- Realização do potencial de criação da pessoa.
Evolução histórica: Enfermagem uma Profissão
Período profissional: Abertura sobre o mundo
Os campos de atividade da enfermagem neste periodo

Campo Abertura sobre o mundo


- Utilização da tecnologia que respeita os recursos disponíveis e a
dignidade do ser humano;
- Conhecimentos com vista à qualidade de vida segundo o ponto
Prática
de vista da pessoa;
- Parceria pessoa/enfermeiro;
- Cuidados globais segundo um modelo conceptual.
Base científica que permite aplicar os conhecimentos próprios da
Formação
disciplina de forma criativa
- Objeto de pesquisa;
- Comportamentos ligados à saúde e às experiências de saúde;
Investigação
- Diversidade de métodos de investigação para a compreensão
dos fenómenos.
- Gestão descentralizada (cuidados globais, cuidados integrais,
Gestão
sistema modular e, gestão de caso; - Abertura para o mundo.

Você também pode gostar