Você está na página 1de 12

Vacina contra a

có lera
Vacina contra a có lera
• É uma vacina oral contra a cólera que estimula as defesas
imunológicas ao nível do intestino.
• A vacina protege adultos e crianças a partir dos 2 anos de
idade contra a cólera.
Vacina contra a có lera
• É indicado para a imunização ativa contra a doença provocada
pelo Vibrio choleraeserogrupo O1 em adultos e crianças a
partir dos 2 anos de idade que visitam áreas
endémicas/epidémicas.
• A utilização desta vacina deve ser determinada com base nas
recomendações oficiais, tomando em consideração a
variabilidade da epidemiologia e o risco de contrair a doença
em várias áreas geográficas e condições de viagem.
• Esta vacina não deve substituir as medidas protetoras padrão.
No caso de diarreia, devem ser instituídas medidas de
reidratação.
Vacina contra a
hepatite A
Vacina contra a hepatite A
• A hepatite é uma doença grave causada por um vírus.

• A hepatite A é transmitida através do contato com as fezes


(evacuações) de uma pessoa infetada com o vírus da hepatite A.

• Isso geralmente ocorre pela ingestão de alimentos ou água potável


que tenha sido contaminado, como resultado de manipulação por
uma pessoa infetada.

• A hepatite causa inflamação do fígado, vómitos e icterícia


(amarelamento da pele ou olhos).

• A hepatite pode provocar cancro de fígado, cirrose ou morte.


Vacina contra a hepatite A
• A vacina pediátrica hepatite A é utilizada para ajudar a prevenir a doença na
criança.

• A vacina funciona, expondo o indivíduo a uma pequena quantidade do vírus, o


que faz com que o organismo desenvolva imunidade contra a doença.

• Esta vacina não irá tratar uma infeção ativa que já se desenvolveu no corpo.

• A vacinação com vacina contra hepatite A pediátrica é recomendada para todas


as crianças com idades entre 12 meses e 23 meses, e em crianças e adultos que
viajam em certas áreas do mundo onde a hepatite A é uma doença comum.

• Outros fatores de risco para a hepatite em crianças incluem: receber


tratamento para a hemofilia ou outros distúrbios hemorrágicos, ou estar em
uma área onde houve um surto de hepatite A.
Vacina
meningocócica
Vacina meningocócica
• A vacina meningocócica protege contra infecções causadas pela
bactéria Neisseria meningitidis (meningococo).
• As infecções meningocócicas podem causar meningite (uma
infecção do tecido que recobre o cérebro), pressão arterial
perigosamente baixa (choque) e morte.
• Essas bactérias são a causa principal de meningite bacteriana em
crianças e a segunda causa principal de meningite bacteriana em
adultos.
• A infecção pode causar os seguintes sintomas:
• Inicialmente, febre, enjoo, dor de cabeça e dor nas pernas
• Mais tarde, erupção cutânea, queda da pressão arterial e mãos e pés
frios
• A progressão do bem-estar para sensação de estar doente leva horas
• Choque e morte
Vacina meningocócica
• Existem vários grupos de Neisseria meningitidis.
• As vacinas atuais são direcionadas contra alguns, mas não
todos esses grupos.
• Há três formulações da vacina meningocócica disponíveis nos
Estados Unidos:
• A vacina conjugada (MCV4) é preferível para pessoas entre 9
meses e 55 anos de idade e é usada para vacinação infantil de
rotina.
• A vacina polissacarídica (MPSV4) é usada apenas em certas
pessoas com mais de 55 anos.
• A vacina meningocócica do grupo B (MenB) está disponível para
prevenir a infecção por um tipo de bactéria da meningite que se
tornou comum nos surtos entre alunos universitários.
Vacina contra a
hepatite B
Vacina contra a hepatite B
• A hepatite B é uma doença do fígado que se espalha através do sangue
ou fluídos corporais, contato sexual ou partilha de drogas através de
seringas IV de pessoas infetadas, ou durante o parto, quando o bebé
nasce de uma mãe táque es infetada.

• A hepatite causa inflamação do fígado, vómitos e icterícia


(amarelamento da pele ou olhos).

• A hepatite pode levar ao cancro de fígado, cirrose e morte.

• A vacina contra a hepatite B é usado para ajudar a prevenir esta doença.

• Esta vacina atua expondo-a a uma pequena quantidade do vírus,


fazendo com que o corpo desenvolva imunidade contra a doença.
Vacina contra a hepatite B
• Esta vacina não serve para tratar uma infeção ativa que já se desenvolveu
no corpo.

• A vacinação com a vacina contra hepatite B é recomendada para todos os


adultos e crianças que estão em risco de contrair hepatite B.

• Os fatores de risco incluem: ter mais de um parceiro sexual em 6 meses,


sendo um homossexual masculino, ter contato sexual com pessoas
infetadas; ter cirrose ou hepatite C crónica, usando drogas por via
intravenosa (IV), estar em diálise ou receber transfusões de sangue,
trabalhando na área da saúde, da segurança pública e estar exposto a
sangue ou fluidos corporais infetados, estar nas forças armadas ou viajar
para áreas de alto risco e que vivem com pessoas com hepatite B crónica.

Você também pode gostar