Você está na página 1de 31

Metodologia da Pesquisa Científica

Docente
Prof. Me. Eraldo Carlos Batista
Rolim de moura – RO
2017
Conceito de Ciência
 Sentido da palavra “Ciência”

 Sentido amplo: conhecimento como na expressão “tomar


ciência” disto ou daquilo.

 Sentido restrito: conhecimento apreendido, registro de


fatos e demonstração das causas determinantes ou
constitutivas.

 Sentido estrito e global: realidade una e total, não como


especialidade em áreas delimitadas.
Conceito de Ciência
 Definições de “Ciência”

 “Conhecimento certo do real pelas suas causas.”

 “Conjunto orgânico de conclusões certas e gerais metodicamente


demonstradas e relacionadas com objeto determinado.”

 “Atividade que se propõe demonstrar a verdade dos fatos experimentais


e suas aplicações práticas.”

 “Conhecimento sistemático dos fenômenos da natureza e das leis que


os regem, obtido através da investigação, pelo raciocínio e pela
experimentação intensiva.”

 “Estudo de problemas solúveis, mediante método científico.”


Conceito de Ciência
 “Uma busca constante de explicações e soluções para os
problemas que afligem e incomodam o ser humano.”

 “É a sistematização de conhecimentos, ou seja, um conjunto de


proposições lógicas correlacionadas sobre um comportamento
de certos fenômenos que se deseja estudar”. (LAKATOS;
MARCONI, 2001, p. 80)

 “É uma investigação disciplinada, e não um conjunto de


procedimentos não relacionados entre si; é realizada de forma
sistemática e padronizada, ou seja, efetivada a partir de um
método específico e controlado.” (THOMAS; NELSON, 2002).
Definição de Metodologia Científica

 “É o estudo ou conhecimento dos métodos utilizados para a


realização de pesquisas científicas ou acadêmicas, que
resultou na denominação da disciplina, que compõe o
currículo dos cursos superiores”

 “É o elemento facilitador da produção de conhecimentos,


capaz de auxiliar e entender os processos de buscas de
respostas, ou seja, um meio para obtenção do conhecimento
(UNI. IBIRAPUERA, 2000)
Conceito de Ciência
 Características da Ciência

 Conhecimento pelas causas


 Profundidades e generalidades de suas conclusões
 Finalidade teórica e prática
 Objetos: formais e factuais
 Método e controle
 Exatidão
 Aspecto social
Conceito de Ciência
 Características da Ciência

 Conhecimento pelas causas


 Profundidades e generalidades de suas conclusões
 Finalidade teórica e prática
 Objetos: formais e factuais
 Método e controle
 Exatidão
 Aspecto social
Metodologia Científica

 É a disciplina que confere os caminhos necessários


para o auto aprendizado em que o aluno é sujeito do
processo, aprendendo a pesquisar e a sistematizar o
conhecimento obtido.

 A metodologia corresponde a um conjunto de


procedimentos a serem utilizados na obtenção do
conhecimento. É a aplicação do método, através de
processos e técnicas, que garante a legitimidade do
saber obtido.
Metodologia Científica
 É importante distinguir metodologia, método e Ciência:

 Método: é o conjunto de etapas, ordenadamente


dispostas, a serem vencidas na investigação da verdade,
no estudo de uma ciência, ou para alcançar um
determinado fim.

 Metodologia: é o estudo crítico dos métodos.

 Ciência: é o conjunto de conhecimentos precisos e


metodologicamente ordenados em relação a um
determinado domínio do saber.

Conhecimento
 Conhecer é incorporar um conceito novo, ou original, sobre um
fato ou fenômeno qualquer.
 O conhecimento não nasce do vazio e sim das experiências que
acumulamos em nossa vida cotidiana, através de experiências,
dos relacionamentos interpessoais, das leituras de livros e artigos
diversos.

 Somos os únicos capazes de criar e transformar o


conhecimento;
 Somos os únicos capazes de aplicar o que aprendemos, por
diversos meios, numa situação de mudança do conhecimento;
 Somos os únicos capazes de criar um sistema de símbolos,
como a linguagem, e com ele registrar nossas próprias
experiências e passar para outros seres humanos
Formas de conhecimento

 Popular (ou Empírico);


 Filosófico;
 Religioso (ou Teológico);
 Técnico-Científico.

 Na ciência, o conhecimento é geralmente transmitido


por escritos técnicos que obedecem uma organização
e forma pré-estabelecidas.
Conhecimento Popular (senso comum)

 “... resulta de repetidas experiências casuais de erro e acerto,


sem observação metódica, nem verificação sistemática. Pode
também resultar de simples transmissão de geração para
geração e, assim, fazer parte das tradições de uma coletividade”
(Galliano, 1986).

 “... É o modo comum, espontâneo, pré-crítico de conhecer. É o


conhecimento do povo que atinge os fatos sem lhes inquirir as
causas” (Ruiz, 1993).
Conhecimento Popular (senso comum)

  É o conhecimento obtido ao acaso, após inúmeras


tentativas, ou seja, o conhecimento adquirido através
de ações não planejadas.

  Exemplo:
     
Conhecimento Filosófico

 É fruto do raciocínio e da reflexão humana.

 É o conhecimento especulativo sobre fenômenos,


gerando conceitos subjetivos. Busca dar sentido aos
fenômenos gerais do universo, ultrapassando os
limites formais da ciência.

      Exemplo:
      "O homem é a ponte entre o animal e o além-
homem" (Friedrich Nietzsche)
Conhecimento Religioso

 Conhecimento revelado pela fé divina ou crença


religiosa.
 Não pode, por sua origem, ser confirmado ou negado.
Depende da formação moral e das crenças de cada
indivíduo.

      Exemplo:
      Acreditar que alguém foi curado por um milagre;
ou acreditar em duende; acreditar em reencarnação;
acreditar em espírito etc.
Conhecimento Científico

 “É o conhecimento produzido pela investigação científica.


Surge não apenas da necessidade de encontrar soluções
para problemas de origem prática da vida diária,
característica esta do conhecimento ordinário, mas do
desejo de fornecer explicações sistemáticas que possam
ser testadas e criticadas através de provas”. (KOCHE,
1984)

 É o conhecimento racional, sistemático, exato e verificável


da realidade.
 Sua origem está nos procedimentos de verificação
baseados na metodologia científica.
Conhecimento Científico

 Podemos então dizer que o Conhecimento Científico:


- É racional e objetivo.
      - Atém-se aos fatos.
      - Transcende aos fatos.
      - É analítico.
      - Requer exatidão e clareza.
      - É comunicável.
      - É verificável.
      - Depende de investigação metódica.
      - Busca e aplica leis.
      - É explicativo.
      - Pode fazer predições.
      - É aberto.
      - É útil
Conhecimento Científico

 Exemplo:

 Descobrir uma vacina que evite uma doença;

 Descobrir como se dá a formação da madeira; etc.. 


Pesquisa
Conceito de Pesquisa
 “É um conjunto de atividades orientadas para a busca
de um determinado conhecimento.” (RUDIO, 1999).
 “O objetivo da pesquisa científica é explicar, prever e /
ou controlar um determinado fato ou fenômeno.
 Pesquisa é o mesmo que busca ou procura.
 Pesquisar, portanto, é buscar ou procurar resposta para
alguma coisa.
 Em se tratando de Ciência a pesquisa é a busca de
solução a um problema que alguém queira saber a
resposta.
Fazer pesquisa é...
 Investigar assunto de interesse e relevância.
 Observar os acontecimentos.
 Conhecer com profundidade.
 Utilizar métodos científicos.
 Responder às questões que surgem no decorrer do
estudo.
 Descobrir respostas.
 Ter curiosidade constante... Busca!
Características do pesquisador
 O espírito científico é, antes de tudo, uma atitude
ou disposição subjetiva do pesquisador que busca
soluções sérias, com métodos adequados, para o
problema que enfrenta.

 Cultiva a honestidade, sensibilidade social,


curiosidade, integridade intelectual, perseverança.

 Evita o plágio.
Tipos de Pesquisa
As pesquisas científicas podem ser classificadas quanto
à:

Natureza;
Método de investigação;
Abordagem do problema;
Abordagem dos objetivos;
Abordagem dos procedimentos de coleta e análise de
dados.
Tipos de Pesquisa

Pesquisa Bibliográfica
Pesquisa Histórica
P
Qualitativa
Pesquisa Documental
E Natureza e/ou
Quantitativa Pesquisa Descritiva
S
Pesquisa Experimental
Q

U
Testes/Experimentos de Laboratório
I História Documental, História Oral, História de Vida
Pesquisa de Campo/Realidade
S Método
Revisão de Literatura/Análise da Literatura
A Análise de Conteúdo, Grupo de Foco, Discurso do Sujeito
Coletivo (DSC), Estudo de Caso, Análise de Redes Sociais,
Pesquisa Ação/Pesquisa Participante, Protocolo Verbal etc.
Tipos de Pesquisa
 Pesquisa Qualitativa:
 “O termo qualitativo implica uma partilha densa com
pessoas, fatos e locais que constituem objetos de
pesquisa, para extrair desse convívio os significados
visíveis e latentes que somente são perceptíveis a uma
atenção sensível” (CHIZZOTTI, 2006).
 Fornece uma compreensão profunda de certos
fenômenos sociais, apoiados no pressuposto da maior
relevância do aspecto subjetivo da ação social, visto
que foca fenômenos complexos e/ou fenômenos únicos.
Tipos de Pesquisa
 Pesquisa Quantitativa:
 A pesquisa quantitativa supõe uma população de
objetos de observação comparável entre si;
 A pesquisa quantitativa enfatiza os indicadores
numéricos e percentuais sobre determinado fenômeno
pesquisado;
 A pesquisa quantitativa apresenta gráficos e tabelas,
comparativas ou não, sobre determinado
objeto/fenômenos pesquisados.
Tipos de Pesquisa
 Pesquisa Experimental:

 Este tipo de pesquisa, geralmente realizados em


laboratórios, os pesquisadores controlam as
condições que irão prevalecer na investigação. Os
valores de uma ou mais variáveis dependentes são
manipuladas e, são observados, os efeitos dessa
manipulação em um ou mais grupos de controle.
Tipos de Pesquisa
 Pesquisa Histórica
 Trabalha com dados, registros ou documentos de
fatos, acontecimentos que pertencem a história da
humanidade.

 Tipos de Estudo
 Pessoa: Física ou Jurídica;
 Movimento: Político, Social, Econômico etc.;
 Eventos: Históricos, Científicos, Tecnológicos etc.
Tipos de Pesquisa
 Pesquisa Bibliográfica:
 Este tipo de pesquisa, elege uma problemática de
pesquisa e, a partir disso, estabelece um escopo para
ser pesquisado na literatura (livros, periódicos,
monografias, dissertações, teses, anais de eventos
impressos, eletrônicos/digitais etc.).
 A pesquisa bibliográfica requer atenção, disciplina,
sistematização e aprofundamento por parte do
pesquisador.
Tipos de Pesquisa
 Pesquisa Descritiva:
 A pesquisa descritiva observa, registra, correlaciona e
descreve fatos ou fenômenos de uma determinada
realidade sem manipulá-los. Procura conhecer e
entender as diversas situações e relações que
ocorrem na vida social, política, econômica e demais
aspectos que ocorrem na sociedade.
 Caracteriza-se pela seleção de amostras aleatórias de
grandes ou pequenas populações sujeitas à pesquisa,
visando obter conhecimentos empíricos atuais.
Tipos de Pesquisa
 Pesquisa Documental:
 É muito próxima a pesquisa bibliográfica. A diferença
está na natureza das fontes primárias (manuscritas ou
não), pois vale-se de materiais que ainda não
receberam um tratamento analítico ou que, ainda,
podem ser reelaborados de acordo com a
problemática da pesquisa. Os documentos primários
podem ser obtidos em: arquivos, igrejas, sindicatos,
instituições etc.) (GIL, 1999) e (MARCONI; LAKATOS,
2007).

Você também pode gostar