Você está na página 1de 20

Conversando com a irmã Rosangela

Do canal Minhas Flores CCB e outros


Defensores da CCB.
A vovó da CCB, defende a imaculada CCB, dos santos críticos, mas será que ela sabe qual o
Nível de conversa, entre os críticos e a CCB ?

Para respondermos, tal pergunta é necessário ver que tudo o que acontece num sistema religioso, e também
Deve ter diferentes pontos de vista e opiniões, e sempre olhando pela razão e nunca pela emoção.

Denominações Evangélicas, são semelhantes a escolas e faculdades, e estas tem o papel de ensinar disciplinas,
Para que um aluno se conduza corretamente numa profissão.

Mas será mesmo, que a Congregação Cristã no Brasil, ela ensina a bíblia, da forma que ela realmente merece ?

Nesta análise você verá que não. A denominação não ama a bíblia, mas sim sua literatura interna, fomentada
em tópicos de ensinamentos.
Irmã Rosangela acredita em 3 falácias existentes fomentadas dentro do sistema CCB:
1- que a CCB é a graça de Deus.
2- que a CCB é obra de Deus.
3-que a palavra de Deus, é aquilo que o Espírito Santo manda por um pregador atrás do púlpito

Mas será que esse conceitos estão corretos perante a bíblia ?

Vamos analisar isso, nos próximos slides


O que é a graça de Deus ?

Primeiro vamos ver o que significa a palavra graça, consultando um dicionário da língua portuguesa:

Se graça, é um termo referente a favor recebido.

Portanto, a Graça de Deus é o favor recebido do Senhor Jesus Cristo, mediante o pagamento do seu sangue
Derramado no duro madeiro da cruz, para salvar as almas de toda a humanidade.

A CCB nunca poderá ser a graça, onde isso se configura uma HERESIA
O que é a Obra de Deus ?
Para respondermos esta pergunta, devemos reformula-la da seguinte maneira: “Qual é maior obra que Deus realizou
Ou poderia ter realizado nesta terra ?”
Vamos ver no dicionário o significado da palavra obra:

Portanto, a maior obra que Deus podia realizar nesta terra, é enviar o seu próprio filho, Jesus Cristo, para resgatar as
Almas pecadoras, que ficaram transgredidas, por causa do pecado original originado com Adão e Eva.
E a segunda maior obra que Deus realizou, é a conversão do evangelho de Cristo, no coração daquele que se arrepende
Dos seus pecados, e serve a Deus em espírito e verdade
A CCB nunca poderá ser a obra de Deus, onde isso se configura uma HERESIA
Cuidado!
Se você frequentador(a) da CCB, disser que a graça e obra de Deus é a congregação você está dizendo exatamente isto aqui:

Que um prédio construído do pó, pode salvar as


As almas na cruz do madeiro.

onde isso se configura uma BLASFÊMIA


Cuidado!

Esta é verdadeira graça e obra de Deus

Obs.: esta imagem não configura símbolo de idolatria, é apenas uma imagem ilustrativa, para explicação teológica
Dos assuntos que conversamos nos últimos 3 slides.

Aquele que não honrar, o sacrifício de salvação deste homem, não tem parte
Com o criador e nem a vida eterna.
O que é a palavra de Deus ?
Para respondermos essa pergunta, é necessário ver o contexto do velho e do novo testamento.

No Velho Testamento, o termo “palavra de Deus” sempre tinha referencia a alguma fala profética, que Deus enviaria
Ao profeta para falar com o povo judeu.

Porém no próprio velho testamento, se considerava as escrituras como palavra de Deus, que para a época inicial, era a lei
De Moisés, veja o seguinte versículo:

E aquelas tábuas eram obra de Deus; também a escritura era a mesma escritura de Deus, esculpida nas tábuas.

Êxodo 32:16
Já no novo testamento, o termo “Palavra de Deus”, não tem referencia profética, mas sim relacionando tudo que Jesus
Ensinava , recebendo direito do seu Pai, o Deus vivo.
Mas o Apóstolo Paulo também ensinou que as sagradas escrituras, que na época era o velho testamento por inteiro, era a
Palavra de Deus, para ensinar os homens, vejamos alguns versículos:

E que desde a tua meninice sabes as sagradas Escrituras, que podem fazer-te sábio para a salvação, pela fé que há em Cristo Jesus.

Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para redargüir, para corrigir, para instruir em justiça;

2 Timóteo 3:15,16. (obs.: Não confundir a profecia humana da boca do homem como palavra de Deus, é apenas uma profecia)
O que é a palavra de Deus ?
Vamos Relembrar o Artigo 1 de Fé, da capa do Hinário do Sistema Congregacional:

1. Nós cremos na inteira Bíblia e aceitamo-la como infalível Palavra de Deus, inspirada pelo Espírito Santo.
A Palavra de Deus é a única e perfeita guia da nossa fé e conduta, e a Ela nada se pode acrescentar ou dela diminuir.
É também, o poder de Deus para a salvação de todo aquele que crê. (II Pedro 1:21; II Timóteo 3:16-17; Romanos 1:16)

II Pedro 1:21  Porque a profecia nunca foi produzida por vontade de homem algum , mas os homens santos de Deus falaram
Inspirados pelo Espírito Santo.

II Timóteo 3:16-17  Toda a Escritura divinamente inspirada é proveitosa para ensinar, para redarguir , para corrigir, para instruir em
Justiça.
Para que o homem de Deus seja perfeito, e perfeitamente instruído para toda boa obra.

Romanos 1:16  Porque não me envergonho do evangelho de Cristo, pois é o poder de Deus para a salvação de todo aquele que cre;
Primeiro do judeu, e também do grego.
Quem são os críticos da CCB ?
São pessoas que deixaram o sistema religioso, ou migraram para alguma outra denominação, querendo honrar as
Sagradas escrituras, e o nome de Jesus Cristo.

Alguns tiveram cargos, outros chegaram a ter ministério na entidade religiosa.

Mas todos compreenderam uma coisa simples e básica: que a entidade religiosa “Congregação Cristã no Brasil” não
Prega o verdadeiro evangelho de Jesus Cristo, eles pregam parte deste evangelho, e deturpa-o em algumas práticas,
Conhecida como lei dos usos e costumes.

E as suas reflexões, críticas e análises, são de nível de acadêmico, onde envolve: Psicologia, Teologia, Leis Jurídicas,
análise comportamental, política, filosofia, matemática e etc...

Não são apenas críticas que se fala entre amigos no sofá de casa, mas sim de estudos de diversas áreas da sociedade
Brasileira.

Todas as críticas e análises, sempre é baseado no que o pregador “prega e ensina” e quais as consequências negativas
Que tais ensinos, gera na vida material e espiritual das pessoas.

Lembrando sempre, que nas avaliações, nunca se avalia a vida pessoal do pregador, quanto a família, empregos, “crimes”
E etc... As avaliações é sempre referente ao que ensina atrás do púlpito, na figura de um professor/ Ensinador.
Porque se crítica tanto o ministério eclesiástico
da CCB ?
Para entendermos isso, faremos comparações do templo religioso, com o de uma universidade educacional
Quando entramos numa faculdade, entramos com o objetivo de se formar numa profissão, e exercer essa profissão.

E o templo religioso, o que ele tem semelhante ?


R: O templo ele tem objetivo de ensinar a doutrina de Cristo, e os conselhos apostólicos que está no livro sagrado bíblia,
que é a palavra de Deus, e ensinar as pessoas como se aproximar de Deus e Cristo.
Como é o ensino na faculdade ?
R: O ensino de um professor é baseado na sua área de estudo, na sua experiência de vida da sua profissão, e no método de
Ensino , o qual o mesmo ensina uma disciplina de estudo.
O professor sempre deve oferecer pluralidade de ideias e opiniões , sempre oferecendo outras resoluções e opiniões na hora
de resolução de um exercício. E como qualquer escola, o aluno tem o direito de questionar o seu professor em dúvidas.

E no sistema religioso, como é o ensino ?

R: numa igreja bíblica comprometida com a bíblia, se faz a leitura de um capítulo inteiro, e depois se explana verso a verso
Sempre trazendo ensinamentos, com fatos culturais, fatos históricos, e outras áreas que agreguem o aprendizado, e o aluno
Sempre deve questionar o professor em dúvidas, dependendo do assunto, o professor pode dizer que não sabe responder
Perguntas mais complexas.
Porque se crítica tanto o ministério eclesiástico
da CCB ?
Numa igreja anti-bíblica, é um sistema totalitário comunista, o aluno não tem direito de questionar nada, e deve aceitar
Tudo o que pregador diz, porque segundo esta crença, tudo o que o pregador diz, é a “boca” do próprio Deus em si mesmo,
E quem questionar o pregador, estará “blasfemando” da palavra do próprio Deus. E normalmente esses professores não
Estudam o que irão ensinar, abre qualquer livro, e ensina por jargões de professores mais antigos, e não cumprem o livro da
Disciplina que irá ministrar, que é um meio de se saber, se a disciplina que está sendo ensinada de maneira correta aos alunos.
Vamos a um exemplo: Em Cálculo Diferencial e Integral (II e II), ou (I,II,III e IV) , sempre tem livros
Que ensinam e dão uma base do que o professor deve ensinar em aula.

 James Stewart, Calculo I e II, são livros que podem ser lidos, para corrigir erros de cálculos diferencias e integrais,
Durante a aula de Cálculo.

E na vida do cristão, qual o seu livro de fé e conduta ?


R: As sagradas escrituras, conhecida por Bíblia Sagrada

Porque os pregadores são criticados ?


R: Porque os pregadores são os professores ensinando a disciplina “Palavra de Deus” para seus alunos.

Qual livro devo ler, para saber se meu professor está ensinando certo na aula ?
R: Bíblia Sagrada.
Atenção: Portanto, se um professor ensina errado, terá que aparecer outro professor e ensinar o correto aos alunos daquela disciplina
Porque se crítica tanto o ministério eclesiástico
da CCB ?
Mas temos outro problema, professores que ensinam a mesma disciplina, vamos analisar o seguinte cenário:

5 professores ensinam disciplina de Cálculo I, 2 deles faz todos os exercícios com todos os detalhes de passagem
Matemática, e mostram gráficos.

Outros 2, eles fazem coisas parciais, as vezes só faz o gráfico, e deixa o aluno se virar no desenvolvimento das contas.
Alguns prefere fazer só as contas, e diz que o gráfico não precisa.

E tem 1, que ele é muito preguiçoso, ele só da teoria, faz um gráfico e uma resolução resumida de conta, e manda os
Alunos se virar, porque na outra aula, já é uma atividade valendo nota, e detalhe, este professor, é o professor chefe da
Disciplina de Calculo I, os outros professores devem obedecer a ele, para não perderem seus empregos.

Pergunta: Qual a probabilidade de alguns dos 4 colegas de profissão, denunciar o professor chefe ?
R: Muito pouca, porque o chefe tem poder, e um sistema educacional, é um sistema de interesses e negócios,
Eles são um sindicato de professores, é um colega defendendo o outro, mesmo que o chefe possa ser um corrupto.

Os 4 colegas, sabe que o chefe ensina errado a disciplina, mas aceitam tudo o que ele faz, porque nas suas avaliações,
Reprova muitos alunos, e os 4 colegas ganham nas aulas de DP (Refazer a Disciplina de Calculo I novamente). Mais
Dinheiro no bolso dos 4 professores.
Porque se crítica tanto o ministério eclesiástico
da CCB ?
Então na CCB é a mesma coisa, os pregadores novos sabem que os pregadores antigos ensinam coisas deturpadas,
e não os criticam por medo, e por não quererem perder negócios familiares, cargo na igreja, e ser bem visto pela irmandade.
Porque os debates entre críticos da CCB e Apoiadores da CCB não acontece ?

R: Simples, porque os defensores da CCB, só querem defender a CCB Teórica do Papel fundamentada em 3 pilares:

1 – 12 artigos de fé, da contracapa do Hinário.


2- Hinos Sacros (Que em sua maioria é dos outros evangélicos de outras denominações, CCB não cria música, copia
De autores internacionais mortos entre 50 a 200 anos atrás).
3- Placa da Constituição da Igreja de Deus, revelação de uma mensagem divina a Louis Francescon em 1948 no Panamá,
com o seguinte texto:
Jesus é a cabeça da Igreja. O Espírito Santo é a lei para guia-la em toda a verdade. A sua organização
É a caridade de Deus nos corações de seus membros, que é o vinculo da perfeição. Onde esses três não governam,
É satanás que governa em forma de homem para seduzir o povo de Deus com sabedoria humana.
E como em qualquer empresa, nem sempre a teoria anda com a prática, o que manda no dia-a-dia é prática, ou seja
Na CCB a prática que manda lá, é os jargões linguísticos dos pregadores mais antigos, tópicos de ensinamento.
A Teoria do Papel, nem sempre é executada a rigor.
E até alguns se dizendo de professores da bíblia, em versículos isolados, eles não tem coragem de defender a fala do
Seu professor chefe na empresa religiosa. Mesmo sabendo que ele ensina errado, pois tem medo dele tirar o ministério
ou liberdade.
Será que a vovó Rosangela, tem condições de
defender a CCB ?
E a reposta é : NÃO, Veja porque:

1- Vovó não tem estudo bíblico, não tem como argumentar doutrinas sem estudar a bíblia, pois os críticos tudo o que
Eles falam é baseado na bíblia.

2- Vovó vive do sentimentalismo e emocionalismo, como vários dentro da CCB, então ela só vai conseguir defender
Partes de coisas espirituais que cumpriu com ela mesmo, e amigos ao redor, mas sem a bíblia continua sem argumentos
Sólidos para as suposta defesa.

3- Vovó não é membro dentro da CCB, o povo conhecido por “Irmandade” não tem valor jurídico , só é membro quem
Tem carteirinha de ministério, que é os pregadores. Então o povo vive num sistema comunista, 1 líder manda e outros
Obedecem.

4- Os líderes da CCB eles não seguem a risca , a CCB Teórica (12 artigos de fé, Hinos, e Constituição da Igreja de Deus), e
A bíblia também. O seu ensino prático acaba sendo os jargões linguísticos dos pregadores antigos, e os tópicos de
ensinamento. Ou seja, não adianta o ouvinte da CCB pregar a verdade, e o seu ministério pregar diferente de modo a mentir.
5- Mesmo alguns tendo estudo bíblico, é um estudo raso, baseado em dicionário, e alguns mesmo estudando grego e hebraico,
Eles vivem da crise do recitativo, que é o ensino por versículo isolados, sempre tentando sustentar as falácias do sistema
religioso congregacional.
6- O Próprio sistema CCB, diz que quem deve defender a CCB, não é os ouvintes, e sim o corpo jurídico da entidade religiosa.
Importante!
Os críticos reformistas, não misturam razão e emoção.

A Vida Espiritual de cada pessoa , pertence a cada pessoa, os reformistas


Não se intrometem em assuntos espirituais, o que cada um crê, apenas dá
Opiniões quando um exagero do sentimentalismo, chega a trazer Pensamentos e
Heresias que vão contra as sagradas escrituras, apenas isto.

Porque os milagres e as bênçãos que cada um recebe, provém de Deus, e do que cada pessoa pede a Deus, na sua
Oração particular, entre ela e Deus, e se alguém atribuir isso ao espírito contrário, poderá cometer o pecado de
Blasfêmia contra o Espírito Santo, que não tem perdão.
Todas as Críticas, Reflexões e Opiniões, é contra o ensinamento material, entre aquilo que o pregador ensina, e se está
de acordo com a bíblia sagrada. E uma vez a CCB sendo uma entidade religiosa que não estuda a bíblia, está a sujeita a
Críticas.
Os formadores de opinião da reforma, em suas críticas , não fazem a avaliação pessoal e material da vida de ninguém,
Quanto a vida matrimonial, vida empresarial, se tem trabalho honesto, se tem crimes pesados com a lei (morte, sexual,etc)
Todas estas questões, já existem a lei da terra para julgar, e os próprios veículos de comunicação expõem tal informações.
Como órgãos públicos do governo também.
Os críticos da CCB, tem o direito
de criticar a CCB ?
A resposta é: SIM, veja porque:

Artigo 5 da Constituição Federal de 1988, inciso 9, mas colocaremos mais alguns que são importantes também:
I - homens e mulheres são iguais em direitos e obrigações, nos termos desta Constituição ;
III - ninguém será submetido a tortura nem a tratamento desumano ou degradante;
IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;
V - é assegurado o direito de resposta, proporcional ao agravo, além da indenização por dano material, moral ou à imagem;
VI - e inviolável a liberdade de consciência e de crença, sendo assegurado o livre exercício dos cultos religiosos
e garantida, na forma da lei, a proteção aos locais de culto e a suas liturgias;
VIII - ninguém será privado de direitos por motivo de crença religiosa ou de convicção filosófica ou política,
salvo se as invocar para eximir-se de obrigação legal a todos imposta e recusar-se a cumprir prestação alternativa, fixada em lei;
IX - 👉é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação,
independentemente de censura ou licença;👈
X - são invioláveis a intimidade, a vida privada, a honra e a imagem das pessoas,
assegurado o direito a indenização pelo dano material ou moral decorrente de sua violação;
XII - e inviolável o sigilo da correspondência e das comunicações telegráficas, de dados e das comunicações telefônicas,
salvo, no último caso, por ordem judicial, nas hipóteses e na forma que a lei estabelecer para fins de investigação
criminal ou instrução processual penal; (Vide Lei nº 9.296, de 1996)
XIV - e assegurado a todos o acesso à informação e resguardado o sigilo da fonte, quando necessário ao exercício profissional;
Os críticos da CCB, tem o direito
de criticar a CCB ?
A resposta é: SIM, veja porque:

Artigo 220, da Constituição Federal:

A manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma,


processo ou veículo não sofrerão qualquer restrição, observado o disposto nesta Constituição .

§ 1º Nenhuma lei conterá dispositivo que possa constituir embaraço à plena liberdade de informação
jornalística em qualquer veículo de comunicação social, observado o disposto no art. 5º, IV, V, X, XIII e XIV.

§ 2º É vedada toda e qualquer censura de natureza política, ideológica e artística.


§ 5º Os meios de comunicação social não podem, direta ou indiretamente, ser objeto de monopólio ou oligopólio.
§ 6º A publicação de veículo impresso de comunicação independe de licença de autoridade.
Os críticos da CCB, tem o direito
de criticar a CCB ?
A resposta é: SIM, veja porque:

Ministério dos Direitos Humanos, Artigos 18 e 19:

Artigo 18
Todos os seres humanos têm direito à liberdade de pensamento, consciência e religião;
este direito inclui a liberdade de mudar de religião ou crença
e a liberdade de manifestar essa religião ou crença, pelo ensino,
pela prática, pelo culto e pela observância, isolada ou coletivamente, em público ou em particular.

Artigo 19
Todos os seres humanos têm direito à liberdade de opinião e expressão; este direito inclui a liberdade de,
sem interferência, ter opiniões e de procurar, receber e transmitir informações
e ideias por quaisquer meios e independentemente de fronteiras.
Conclusão:
A vovó não tem estrutura material para defender, o indefensável, se os líderes religiosos,
seguissem
A risca as escrituras sagradas, e cumprissem dentro da fala oral, aquilo que está nos 3
pilares compilados
Dentro da instituição e honrasse , o que se prega em hinos, 12 artigos de fé do hinário, e
placa da constituição
Da igreja de Deus.

E uma vez que a entidade religiosa, tem em espírito separatista, exclusivista, e não
conseguem dialogar com
Lideres de outras denominações, então você participa de um segmento sectário.

E como bons comunistas, eles acusam os outros, daquilo que eles mesmo praticam, o
sectarismo e exclusivismo,
As vezes querendo se diferenciar de outros grupos evangélicos, acabam se afastando da

Você também pode gostar