Você está na página 1de 9

A CO

IDEN NSTR
TIDA UÇÃ
SURD DE DO O DA
O EM SUJEI
DIGI MEIOS TO
TAIS

Aluno
: Sidcl
Orient ey Silv
ador: M a
arcelo
Sa battini
INTRODUÇÃO

Perlin e Miranda (2003) as imagens são


fundamentais para que os surdos
LDB (9394/96) consigam se comunicar eficazmente
entre eles. Isso culmina como
representação da cultura surda, do seu
modo de ser, de se expressar e de
LEI 10.430/2002 conhecer o mundo.

DECRETO 5.626/2005

Para Vieira (2012, p. 29), as imagens


LIBRAS podem se mover ou se transformar quantas
vezes pudermos fazer ou acharmos
necessário. É no movimento dos olhos que
vamos encontrando caminhos para ler os
signos 2
PERGUNTAS DA PESQUISA

 A era do ciberespaço tem


 De que forma as poesias possibilitado a inclusão ou
em libras, especialmente aprofundado a exclusão dos
nos vídeos do Youtube, têm surdos com o uso das
contribuído para construir tecnologias digitais?
as identidades dos surdos?

Quais são os elementos


linguísticos e culturais da
comunidade surda presentes
 Quem são os produtores de
nas poesias disponíveis no
poesias de libras e quais os
Youtube?
discursos emitidos na rede
social?

 Quais são os sujeitos que


participam das 3
comunidades surdas do
Youtube?
> Youtube. Trata-se de uma plataforma digital, um agregador de
conteúdos, embora não seja uma produtora do conteúdo em si. É
um exemplo do que Weinberger (2007, p. 224) chama de
“metanegócio”.

Nesse formato, os artefatos circulam e fazem com que circulem


os sentidos e as identidades que estão atrelados às relações
sociais, às representações e aos modos de agir conectados à
forma como esses sujeitos narram suas histórias

4
OBJETIVOS:

OBJETIVOS
OBJETIVO GERAL
 Analisar as contribuições das poesias em libras que circulam no Youtube para o processo de
construção da identidade dos surdos.
 
OBJETIVOS ESPECÍFICOS
 Compreender o processo de inclusão e/ou exclusão do surdo no ciberespaço com o uso das
tecnologias digitais;
 Investigar quem são os produtores das poesias em libras e qual o discurso de sentido que é
produzido na rede social;
 Identificar os aspectos linguísticos e culturais da comunidade surda presentes no gênero
poesia e disponíveis no Youtube.
5
 Analisar o perfil dos sujeitos que participam das comunidades surdas no Youtube.
ENT AÇÃO SUTTON-

M
KARNOPP, L. B. SANTAELLA, L STROBEL. K.

ND A
SPENCE, R.
FU
Literatura Surda (2012) L. (2008)
(2006)

TE Ó R ICA PERLIN, G. T.
BRITO, F. F. V. BAKHTIN. M;
Identidades FARACO,
de.; SAMPAIO, VOLOSHINOV
surdas C. A (2009)
M. L. P. (2013) , M (2003)

KRESS, G.
QUADROS, R. M. HALL, S. VAN PINHEIRO
(2006) (1997) LEEUWEN , D. (2011)
(2006)
RAFAELI, K.
ROSA, A. S; SZYMAN
COLACIQUE, R S. C;
(2018)
CRUZ, C. C. SKI, H.
SILVEIRA M.
(2009) (2002)
D. D (2009)
MIGLIOLI
CAMPELLO,
VIEIRA. F. M CASEMIRO, , S;
A. R. S.
(2012) R. R. (2016) SOUZA,
(2008)
R. F (2014)
6
PROCEDIMENTO METODOLOGICOS:

Cenário e participantes - Lócus da pesquisa

Mapearemos dissertações e teses de Youtube. Faremos uma triagem para localizar perfis que tenham
representações com a comunidade surda. > ‘literatura surda’,
Doutorado dos últimos cinco anos, cujos temas ‘literatura sobre libras’, ‘literatura digital’, ‘poesias em língua de
são as poesias em língua de sinais desenvolvidas e sinais’ e ‘identidade do surdo’

postadas na rede social Youtube. Nóbrega-


Abordagem e recrutamento dos participantes
Therrien e Therrien (2004, p. 8) “estado da
A abordagem e o recrutamento dos participantes da pesquisa
questão”. serão realizados por meio dos dados obtidos na rede social
Youtube, em que localizaremos os e-mails e/ou sites pessoais
para manter contato com os sujeitos da pesquisa.
- Número de participantes da pesquisa
05 produtores dos canais do Youtube
o tempo de duração da entrevista > 40 a 50 minutos
Usuários que acessam esses canais do Youtube.

plataforma digital Google Meet


7
Instrumentos de coleta de dados:

Para formar o corpus da pesquisa,


utilizaremos os seguintes
instrumentos a entrevista
reflexiva e o Youtube Analytics
(SZYMANSKI, 2002, p.14)
Procedimentos de análise:

Incialmente, pretendemos analisar as poesias, com base no


critério estético e no visual. Para guiar e uniformizar essa
análise, seguiremos o referencial sobre a Gramática do Design
Visual, proposta por Kress e Van Leeuwen (2006

Em suma, a análise dos discursos encontrados nas poesias será


baseada nos estudos do Círculo de Bakhtin, nas formulações
para além do pensamento de Mikhail Bakhtin (1895 -1975)

Para analisar e interpretar os dados das entrevistas, usaremos os


princípios da Análise de Conteúdo proposta por Bardin (2011 8
g ado !
Obri

Você também pode gostar