Você está na página 1de 31

Formação Inicial

TUTORIA
Fevereiro
educacional

2022
2022
OBJETIVOS DA FORMAÇÃO:

 Subsidiar às equipes escolares visando ao desenvolvimento dos


conceitos, estrutura e funcionamento da Tutoria nas Escolas
Estaduais do Programa Ensino Integral;
 Promover o alinhamento conceitual sobre Tutoria;
 Compreender que a Tutoria tem como propósito acompanhar
o desenvolvimento do aluno com vistas a potencializar a sua
formação acadêmica para a construção de seu Projeto de
Convivência e/ou de Vida.
INTINERÁRIO FORMATIVO:

1. O que é Tutoria?
2. Como atuar com presença pedagógica e apoiar o Projeto de
Convivência e/ou de Vida;
3. Conceitos sobre Tutoria;
4. Definições de Tutoria;
5. O que é o Tutor?
6. Como atua um Tutor?
7. Campos de atuação do Tutor;
8. Tutoria – EFAI, EFAF e/ou EM.
SIGNIFICADOS:

Como termo jurídico, Tutor é “indivíduo que exerce uma


tutela (tb. dita tutoria)”; por extensão de sentido, é “aquele que
ampara; protege; defende; guardião”. Trata-se ainda de “quem
ou o que supervisiona; dirige; governa”.
[Fonte: Dicionário Eletrônico Houaiss <http://www.dicio.com.br/houaiss> Acesso em 02/03/2021]

A tutoria também chamada de “mentoring” que é um método


muito utilizado para efetivar uma interação pedagógica.
[Fonte: Wikipédia Dicionário Eletrônico <http://pt.wikipedia.org> Acesso em 02/03/2021]
Não é conversa
aleatória!

O QUE É TUTORIA?

É um método para efetivação de uma interação pedagógica.

Uma atitude
pedagógica com
intenção!
DEFINIÇÃO DE TUTORIA1:

A Tutoria é uma das metodologias que compõem o Modelo


Pedagógico do Programa Ensino Integral, a qual se caracteriza
pelo atendimento e acompanhamento dos alunos em sua
formação integral, tendo em vista seu pleno desenvolvimento
nas atividades promovidas pela escola.
1 [Fonte: Caderno
A Tutoria é orientada pelosdo princípios
Professor de Tutoria
dos 4ePilares
Orientação
dadeEducação
Estudos (2014), p. 6]
(aprender a conhecer, aprender a fazer, aprender a conviver e aprender a
ser), do Protagonismo Infanto-juvenil, da Educação Interdimensional e
da Pedagogia da Presença.
Escuta ativa e
respeitosa ao aluno!

O QUE É O TUTOR?

É aquele que oferece apoio e que se encarrega de atender


através da escuta e da orientação, diversos aspectos da própria
ação docente e paralelamente à ela.

Não é decidir pelo


aluno!
COMO DESENVOLVER UMA ESCUTA ATIVA?

1. Procure ser acolhedor, buscando compreender os


pensamentos e sentimentos do aluno.
2. Esteja disponível para ouvir seu tutorado, sem interrompê-lo
ou criticá-lo. Ele deve perceber que você se interessa pelo que
ele fala. Não cabe ao Tutor pautar-se em uma perspectiva
3. Mesmo que você moralista, masopiniões
discorde das ter uma postura
e/ou dasética
açõese acolhedora
do que
tutorado, respeiteincentive no tutorado
o que ele pensa. uma curiosidade crítica e uma
prática reflexiva sobre suas próprias opiniões a partir
de outra perspectiva.
O TUTOR É...

O responsável pelo acompanhamento pedagógico do aluno.


Aquele que deve considerar a trajetória escolar e potencializar a
formação acadêmica para a realização do seu Projeto de
Convivência e/ou de Vida.
O Tutor deve apoiar seus alunos, ele deve considerar
os princípios da Educação Interdimensional e da
Pedagogia da Presença, direcionando-os a ter como
foco a construção do seus Projetos de Convivência e/ou
de Vida.
O TUTOR É...

O Tutor acompanha e comunica-se com o seu Tutorado de


forma sistemática, planejando, dentre outras ações, o seu
desenvolvimento, avaliando a eficiência da sua orientação e
ajustando-a às necessidades e possibilidades identificadas.

Não agir
impulsivamente!
DEFINIÇÃO DE ATUAÇÃO2:

A atuação do Tutor deve contemplar todas as atividades do


aluno no ambiente escolar; portanto, a tutoria extrapola o
encontro periódico com os estudantes nos encontros de tutoria.
Esta é mais uma estratégia para a prática da Pedagogia da
Presença e para a promoção do Protagonismo Infanto-juvenil.
Como uma metodologia
2 [Fonte: Caderno do de trabalho
Professor de Tutoria pedagógico, a (2014),
e Orientação de Estudos tutoriap. 7].
representa o pleno e constante apoio dos educadores ao aluno,
visando ao alcance de seu sucesso escolar (Excelência Acadêmica) e
à realização de seu Projeto de Convivência e/ou de Vida.
Como afirma o professor Ricardo Argüís3:

A tutoria é uma atividade inerente à função do professor, que


se realiza individual e/ou coletivamente com os alunos de uma
sala de aula, a fim de facilitar a integração pessoal nos processos
de aprendizagem. [...] A tutoria é a ação de ajuda ou orientação ao
aluno que o professor pode realizar além da sua própria ação
docente e paralelamente a ela.
3 [ARGÜÍS, Ricardo et al. Tutoria, com a palavra, o aluno. Tradução Fátima Murad. Porto Alegre, RS: Artmed, 2002, p.

16].
QUAIS SÃO OS CAMPOS DE ATUAÇÃO DA TUTORIA?

Desse modo, o acompanhamento dos alunos pelo Tutor deve


prever, segundo Argüís4, três dimensões de orientação:

 Pessoal;

Foco da
Acadêmica;
 Profissional. Escola

4 O foco principal da Tutoria, tanto no Ensino Fundamental – Anos Iniciais e/ou Finais como no Ensino Médio, é a

orientação acadêmica, ainda que as outras dimensões não sejam negligenciadas.


QUAIS SÃO AS DEFINIÇÕES DA TUTORIA 5? 5
[Fonte: Caderno do Professor de Tutoria e Orientação de Estudos (2014), p. 7].

 A orientação Pessoal tem como objetivo proporcionar ao aluno


uma formação integral, que facilite ao aluno o autoconhecimento,
a ampliação do senso crítico, o desenvolvimento da autonomia e a
tomada de decisões de forma reflexiva.
 A orientação Acadêmica apoia o aluno por meio de temas e
conteúdos disciplinares, auxilia-o nas interações em sala de aula e
a superar dificuldades em relação à adoção e à consolidação de
hábitos de estudos.
 A orientação Profissional, por sua vez, apoia o aluno nas aulas
de Projeto Convivência e/ou de Vida, estimulando-o a identificar
suas habilidades pessoais para que faça a escolha acadêmica e
profissional de acordo com sua personalidade, suas aptidões e
QUAL O ‘PERFIL’ DO TUTOR?
Querer ajudar, com propósito Ter respeito.

Capacidade de empatia
decidido e com disponibilidade

Confidencialidade
Ter segurança no agir.
Merecer a confiança

Garantir a
Depositar confiança nas
possibilidades reais do outro Ser otimista e realista.

Ter atitude de acolhida aberta,


sem preconceitos. Ser exemplo de cidadania.
QUAIS AS ‘CARACTERÍSTICAS’ DO TUTOR?
Qualidades humanas  Empatia;
 Sociabilidade;
(O SER do Tutor)  Comunicabilidade;
 Maturidade intelectual e emocional.
Qualidades científicas
 Conhecimento sobre o Currículo, as questões que envolvem
(O SABER do Tutor) o mundo jovem, o mundo do trabalho, etc.
Qualidades técnicas
 Capacidade de motivação, orientação, planejamento e
(O SABER FAZER do Tutor) replanejamento.
O TUTOR NÃO É...

 O pai e/ou mãe do tutorado;


 Juiz das escolhas, dos valores e das decisões do tutorado, nem
da sua família;
 Terapeuta do tutorado;
 O melhor amigo/colega de classe;
 O Oráculo!
IMPORTANTE:

O diálogo do aluno com o Tutor em relação às questões


pessoais deve ser mantido em sigilo, a não ser em circunstâncias
que necessitem de encaminhamentos específicos, como no caso
da rede de proteção social. Nesse caso, o assunto deverá ser
levado para o Vice-diretor. Já as questões acadêmicas devem ser
divididas com a equipe docente, garantindo-se essa ação sempre
que necessário.
A ESCOLHA DO TUTOR:
ADMIRAÇÃO

AMIZADE CONFIANÇA

Feita pelo Aluno


INTERESSE
SEGURANÇA

...mas, EMPATIA
seguindo os passos do PPPs
RESPEITO

VÍNCULO
s
Cada aluno escolhe como seu Tutor o professor comPquem
P P
tem mais afinidade: a escolha do Tutor não está condicionada a
do de tutorados
uma indicação por parte dos profissionais. O número
o s
deve ser equilibrado entre os educadores,sconsiderando que
as
todos os profissionais designados TÊMp PERFIL para atuar na
tutoria.
oos
i n d
gu
, s e
as
.. .m
O Tutor, orientado pelo Vice-diretor, deverá fazer umP sregistro
das informações sobre o tutorado, dentre aquelas queP Pconsidere
do
fundamentais para auxiliar a equipe escolar a entender e ajudar
o s
o aluno no desenvolvimento de seu Projeto
s s de Convivência e/ou
de Vida. pa
s
o o
i n d
gu
, s e
as
.. .m
No horário do Tutor devem estar previstos tempo eP s
espaços
para o atendimento aos seus tutorados. P P
Os registros dos encontros precisam estar em dodia e
o s
s s
organizados; os encontros têm de ser sistematizados e ocorrer,
a que o aluno apresentar
p
conforme o horário definido e/ou sempre
uma demanda. os
o
i n d
gu
, s e
as
.. .m
TUTORIA – EFAI:

Nos Anos Iniciais, a Tutoria tem como objetivos acompanhar o


desenvolvimento das relações sociais de forma solidária e
promover a criação de uma dinâmica que proporcione autonomia
e sucesso escolar.

Para esta Etapa de Ensino, o tutor deve estimular o


desenvolvimento cognitivo/linguístico e os multiletramentos,
entendendo que a fonte de conhecimento da criança são situações que
ela tem oportunidade de experimentar em seu dia a dia.
TUTORIA – EFAI:
Organograma ↓
Sugestão 1:
Foco: Formação da 2 professores por classe – cada
Carômetro um com 15 alunos cada,
Alfabetização e equipe e dos incluindo gestores – os alunos

Multiletramento alunos e Eleição têm a opção de escolher


apenas os 2 tutores
responsáveis pela classe/ano

Organização da Sugestão 2: Organização da Sugestão 1: Sugestão 2:


Professor com limite-mínimo
ALUNO encontros e registros organizados encontros e registros
em espaços diversificados da organizados dentro da classe – de 12 alunos, escolhidos
escola – se houver necessidade de se houver necessidade de livremente – entre as
PROTAGONISTA atendimento individual, deverá
ser realizado nos horários de
encontros individuais, a dupla
organiza-se internamente, para
classes/anos e/ou ciclos –
gestores com limite-mínimo
almoço e/ou intervalos o atendimento de 6 alunos
TUTORIA – EFAF E/OU EM:

O foco principal da Tutoria, tanto no EFAF e/ou EM, é a


orientação acadêmica, ainda que as outras dimensões não sejam
negligenciadas. Em síntese, o tutor é o educador responsável por
conduzir seu tutorado a vivenciar plenamente as atividades
escolares, a enfrentar possíveis dificuldades acadêmicas e a se
empenharEsse
para vencê-las. proporciona as condições necessárias para que o aluno se torne
acompanhamento
corresponsável pelo desenvolvimento do seu progresso acadêmico. Para que o tutor possa
apoiar seus alunos, ele deve considerar os princípios da Educação Interdimensional e da
Pedagogia da Presença, direcionando-os a ter como foco a construção do seus Projetos de
Convivência e/ou de Vida.
TUTORIA – EFAF E/OU EM:
Organograma ↓
Foco: Formação da
Carômetro
Protagonismo e equipe e dos
Corresponsabilidade alunos e Eleição

Organização:

ALUNO AUTÔNOMO, encontros e registros Sugestão:


organizados em espaços Professor com limite-mínimo
diversificados da escola – se de 16 alunos, escolhidos
SOLIDÁRIO E houver necessidade de
atendimento individual, deverá
livremente – entre as
classes/anos/séries – gestores
COMPETENTE ser realizado nos horários de
almoço e/ou intervalos
com limite-mínimo de 8 alunos
ATIVIDADE PRÁTICA – PROTAGONISMO SÊNIOR

Os professores agrupados em áreas de conhecimento e/ou disciplinas,


irão realizar o estudo formativo dos textos de apoio sobre a Parte
Diversificada do PEI – EFAI, EFAF e/ou EM, a saber:

a) Grupo 1: Tutoria – EFAI + Cenário 1 (anexo 1 – link);


b) Grupo 2: Tutoria – EFAF e/ou EM + Cenário 2 (anexo 2 – link);

Depois iremos socializar o estudo/atividades.


ENCAMINHAMENTOS DA TUTORIA – 2022:

• Iniciar até: 14 de Fevereiro


• Público-alvo: todos os alunos – EFAI + EFAF + EM;
• Tutores: Professores e Equipe Gestora;
• Nº Mínimo de tutorados: seguir os PPPs;
• Nº Máximo de tutorados: à critério da Equipe;
• Procedimento de Escolha do Tutor: seguir o PPP de Tutoria.
REFERÊNCIAS:

Nota: Todas as indicações de Passos e Subpassos do PPP – Tutoria, referem-se à última versão, disponível para

download em http://intranet.educacao.sp.gov.br/COPED/biblioteca/ensinointegral/.

Diretrizes do PEI – EFAI. Edição/versão 2022. Disponível para download


em: http://efape.educacao.sp.gov.br/ensinointegral/.

Diretrizes do PEI – EFAF e/ou EM. Edição/versão 2021. Disponível para


download em: http://efape.educacao.sp.gov.br/ensinointegral/.

Tutoria – EFAF e/ou EM. Edição/versão 2021. Disponível para download


Obrigado(a)!
Equipe Curricular
Programa Ensino Integral
ensinointegral@educacao.sp.gov.br

Você também pode gostar