Você está na página 1de 8

DANÇAS URBANAS:

o grafite no hip hop


• O grafite é uma linguagem artística, que aborda uma diversidade de temas, e se manifesta nos espaços
públicos urbanos, em paredes e muros. Os grafiteiros precisam de permissão das autoridades municipais
para usar as áreas públicas.
• A relação do grafite com o hip-hop começou como uma forma de demarcar territórios. No entanto, eles
transformaram-se, gradativamente, em uma expressão artística que dava voz à periferia, motivando
reflexões sobre as condições de vida nesses locais.
• O grafite é um dos pilares do hip-hop, bem como a dança (break), o DJ (disc jokey) e o MC (mestre de
cerimônia).
• A cultura hip-hop emergiu de um movimento que procurava minimizar as inúmeras disputas que eclodiram
entre as gangues nas periferias de Nova York, na década de 1970. Os jovens passaram a ser incentivados a
substituir as brigas por batalhas de dança. Foi com essa proposta que, aos poucos, o hip-hop começou a se
estruturar como movimento cultural e artístico.
• [...] Nesse escopo, os desenhos nos muros tornam-se uma forma de expressão dos jovens da época. As
gangues, antes envolvidas em disputas violentas, começaram a se transformar em grupo de dança e
grafitagem. Segundo Fochi (2007), alguns deles, além dessas práticas, criaram atividades educativas a fim de
dar suporte aos jovens, procurando garantir um futuro mais digno a eles.
• Assim como o break, o grafite foi fundamental para a ampliação do movimento hip-hop pelo
mundo. Os temas abordados estão relacionados, principalmente, com a vida a periferia e com as
barreiras que essa população enfrenta os espaços urbanos.
• Há diversos estilos e grupos de gafite:

FREETYLE

WILDSTYLE

3-D

THROW-UP
• FREETYLE ( estilo livre), que além de não seguir regras ou adotar
técnicas precisas, mistura vertentes e materiais;
• WILDSTYLE: (estilo selvagem), que usa setas, letras tortuosas e uma caligrafia quase indecifrável;
• 3-D: explora imagens realistas em três dimensões
• THROW-UP: emprega um desenho rápido e pouco elaborado
• O artista é conhecido como WRITER (escritor, autor) ou GRAFITEIRO.
A assinatura que deixa na obra é denominada TAG (etiqueta,
identificação).

• É importante ressaltar que o grafite surgiu da pichação, isto é, de


desenhos realizados em locais não autorizados. Com o seu
desenvolvimento, os grafiteiros passaram a pedir autorização do
poder público para realizar sua arte.

Você também pode gostar