Você está na página 1de 11

Respiração aeróbia

Objectivos
-Identificar:
respiração aeróbia.
processos da respiração aeróbia.
diferentes vias metabólicas em função
do meio.
processos metabólicos utilizados no
fabrico, processamento e conservação
de alimentos.
-Comparar:

Meios de obtenção de matéria orgânica.

células eucarióticas e células


procarióticas.
rendimento energético da fermentação
A respiração aeróbia é a respiração que se
faz na presença de oxigénio.
os compostos orgânicos são oxidados
completamente, libertando energia e
originando compostos inorgânicos simples,
como o CO2 e H2O.
Corte da mitocôndria

In: Carrajola, C. et Al.. 2007 (b)

Os seres procariontes e os seres eucariontes


realizam a respiração celular aeróbia, mas as
fases deste processo ocorre em locais diferentes
nos dois tipos de células.
Apenas os seres eucariontes possuem um
organito celular, a mitocôndria.
desempenha funções muito importantes na
obtenção de energia por parte da célula.
Obtenção de matéria orgânica
Os seres autotróficos conseguem produzir a sua
matéria orgânica, recorrendo à fotossíntese ou
quimiossíntese.
Os seres heterotróficos, em que se incluem os
animais e os fungos, têm de retirar do meio o
alimento, recorrendo à ingestão ou absorção.
A matéria possui energia acumulada nas ligações
químicas estabelecidas entre os seus átomos.
As reacções envolvidas na transformação da
matéria para obtenção de energia são reacções
catabólicas.
Reacções catabólicas

Destas reacções é libertada energia – reacções


exergónicas – que é transferida para moléculas
de ADP, que se converterão em ATP, através da
absorção de energia – Reacções endergónicas.
Todas estas reacções são catalizadas por
enzimas.
Ocorrem em cadeia.

Estão integradas em vias metabólicas.


Permitem uma gradual libertação de energia.
Aerobiose - Anaerobiose
Presença de Ausência de oxigénio.
oxigénio.
Oxidação completa Produto final é
dos compostos matéria orgânica.
orgânicos.
Respiração aeróbia. Fermentação.
Glicólise
É comum aos dois processos catabólicos.
Ocorre no citoplasma.
Dá-se a formação do ácido pirúvico.
A glucose é activada pela energia de 2
ATP.
Saldo energético – 2 ATP
Processos da respiração aeróbia
Célula eucariótica.
Mitocôndria.
Degradação do ácido pirúvico.
Formação de acetil-coA.
Ciclo de Krebs ocorre na matriz mitocondrial.
Termina com a formação do ácido oxaloacético.
Possui como aceitador final dos electrões o
oxigénio.
Produtos finais: H2O, CO2 e energia sob a forma
de ATP.
Rendimento energético

Respiração aeróbia – 36 ou 38 ATP.


34% da energia da glucose.
Restante produz calor.

Fermentação – 2 ATP.
2% da energia da glucose.
Restante continua nos produtos
finais.
Processos metabólicos utilizados na
produção e conservação de alimentos.
Fermentação Iogurtes.
láctica:

Fermentação Vinho, pão, cerveja.


alcoólica:

Fermentação Vinagre.
acética: