Você está na página 1de 13

Matéria Orgânica

e
Oxigênio
Matéri a Orgâni ca e Oxi gênio

Oxigênio Dissolvido

oxigênio
• Fontes:
– Naturais:

OD
• atmosfera,
• algas,

dissolvido
– ETEs
• atmosfera
• aeração forçada
Matéri a Orgâni ca e Oxi gênio

Oxigênio Dissolvido
• Importância:

oxigênio
– Base para processos aeróbios:

OD
• águas naturais » manutenção da vida animal e vegetal,
• ETEs » indispensável p/ processos aeróbios,

dissolvido
» tóxico para bactérias metanogênicas,
• Parâmetro para estudos de autodepuração,
• Parâmetro para despejos (Decreto 8468)
• Parâmetro para classificação de águas naturais
(resolução CONAMA 20)
Matéri a Orgâni ca e Oxi gênio

Oxigênio Dissolvido

oxigênio
• Concentração de saturação
– depende da Patmosférica, temperatura e salinidade

dissolvido
OD
• Determinação:
– método eletrométrico » oxímetro,
– método químico » método de Winkler
modificado pela azida de sódio;
Matéri a Orgâni ca e Oxi gênio

Matéria Orgânica
• Fonte:

Matéria
– esgotos industriais e domésticos,
– poluição difusa
• Histórico:

Orgânica
– sólidos voláteis,
– DBO,
– DQO,
– Carbono orgânico total;
• Brasil ⇒ 47,8% sem esgotos sanitário
Matéri a Orgâni ca e Oxi gênio

Demanda Bioquímica de Oxigênio

DBO
• Demanda potencial de oxigênio dissolvido
que poderá ocorrer para a degradação

D
biológica da matéria orgânica presente na
água;

• Reprodução em laboratório, com condições


controladas, das reações naturais;
Matéri a Orgâni ca e Oxi gênio

DBO

DBO
• Importância:
– parâmetro de classificação

D
• águas naturais
– classe 1: até 3 mg/L
– classe 2: até 5 mg/L
– classe 3: até 10 mg/L
– parâmetro para estudo de auto-depuração
• esgotos
– parâmetro para projeto de ETEs
– base de controle operacional e eficiência em ETEs
– padrão de emissão: 60 mg/L ou mais de 80% de remoção;
Matéri a Orgâni ca e Oxi gênio

DBO

DBO
• Determinação:
– medida do oxigênio dissolvido na amostra antes

D
e depois de incubação por 5 dias a 20oC;

• Remoção
– sistemas biológicos anaeróbios,
– sistemas biológicos aeróbios,
– sistemas físico-químicos,
– combinação de sistemas;
Matéri a Orgâni ca e Oxi gênio

DBO

DBO
• Problemas:
– não homogeneidade das amostras,

D
– demora na obtenção de resultados,
– possibilidade de manipulação de resultados
• baixa quantidade de microrganismos,
• microrganismos não aclimatados,
• falta de nutrientes,
• diluições incorretas, etc.
Matéri a Orgâni ca e Oxi gênio

Demanda Química de Oxigênio

D
• Demanda de oxigênio dissolvido necessária

DQO
para a oxidação química, pelo dicromato de
potássio, da matéria orgânica presente na
água;
Matéri a Orgâni ca e Oxi gênio

DQO

D
• Importância:
– parâmetro de caracterização
• esgotos sanitários e industriais
– parâmetro para projeto de ETEs

DQO
– base de controle operacional e eficiência em ETEs
– em conjunto com DBO - biodegradabilidade da M.O.
• Problemas e vantagens:
– rápida obtenção dos resultados,
– menor interferência de partículas do esgoto,
– oxida alguns inorgânicos,
– não oxida piridina e alguns aromáticos;
Matéri a Orgâni ca e Oxi gênio

CARBONO ORGÂNICO TOTAL

TOC
• Quantificação do gás carbônico produzido
durante a queima de uma amostra de esgoto,

Carbono
com volume conhecido, em altas temperaturas
e com a presença de catalisadores;
• Vantagens e desvantagens:

Orgânico
– precisão para pequenas quantidades de MO,
– análise rápida,
– alto custo,

Total
– ainda pouco usada,
– alguns compostos orgânicos não se oxidam.

Você também pode gostar