Você está na página 1de 14

Encargos para

Empresas

Impostos de todas as
naturezas
Encargos Gerais
• ISS – Imposto Sobre Serviço de Qualquer Natureza – 2 a
5% do faturamento;
• COFINS - Contribuição para o Financiamento da
Seguridade Social (Federal) – 3% a 7,6%;
• CSLL - Contribuição Social Sobre o Lucro Líquido – 9%
• IRPJ – Imposto de Renda Sobre Pessoa Jurídica – 15% a
25%.
• PIS - Programa de Integração Social – 0,65%.
• IPI – Imposto Sobre Produtos Industrializados – Variável
sobre tipo de produto.
• ICMS - Imposto sobre Circulação de Mercadorias e
Prestação de Serviços – 17%.
• INSS – Instituto Nacional do Seguro Social (Previdência
Social) - Imposto sobre remuneração dos empregados -
37%
• FGTS – Fundo de Garantia por tempo de serviço – Imposto
sobre salário do empregado – 8%.
INSS

• O IN SS é responsá ve l p elo
pagamento d os benefíc io s:
• Aposentadoria;
• Salário-maternidade;
• Salário-família;
• Auxílio-doença;
• Auxílio-acidente;
• Pensão por morte.
FGTS
• Regr as para S aque
• Em caso de demissão sem justa causa:
• Apresentar Termo de Rescisão de Contrato de
Trabalho devidamente homologado junto ao
Sindicat o da Categor ia ou Min istério do
Trabalhado no caso de contrato de trabalho que
ultrapasse um ano de duração.
• Com demissão com justa causa:
• • O trabalhador somente terá direto de saque
passados 3 anos da demissão e se o mesmo não
contrair nenhum vínculo trabalhista celetista. Ou
seja, deverá passar por um período de três anos
fora do regime do FGTS. Além disso, após
completar os três anos, o trabalhador deverá
procurar a Caixa Econômica Federal somente a
partir do mês de seu próximo aniversário.
• Aquisição da casa própria:
FGTS
• • Caso o trabalhador tenha mais de dois anos de contribuição, pode usar
o saldo como complemento para compra/ de casa própria, caso o mesmo
ainda não possua casa própria.
• • O saldo também pode ser usado para aquisição de material para
construção.
• • É permitido, ainda, o uso do FGTS para amortização, liquidação ou
abatimento de parte de prestação de financiamento habitacional
contraído no âmbito do SFH ou com recursos do Fundo de Garantia.
• Por motivo de doença:
• • Trabalhadores que portem as doenças SIDA (Aids no Brasil) e Neoplasia
Maligna (Câncer) podem efetuar saque do saldo de sua conta vinculada.
Deverá o trabalhador comparecer à Caixa com o laudo histopatológico e
atestado médico no qual conste descrição e CID da doença, carimbo,
assinatura e CRM do médico responsável, além da CTPS. Também é
admitido o saque do FGTS quando o trabalhador ou qualquer de seus
dependentes estiver em estágio terminal de vida.Em caso de desastre
natural que resulte em decretação de calamidade pública ou situação de
emergência devidamente reconhecida pelo Governo Federal , também é
permitido o saque do FGTS, desde que autorizado por Lei.
• • O FGTS pode ser liberado, ainda, nos casos de aposentadoria,
falecimento e para trabalhadores com mais de 70 anos.
Abertura de Empresa

• 1º PA SSO - C onsulta de
Via bil id ade

• Antes de construir ou abrir qualquer


estabelecimento empresarial, deve-
se consultar a prefeitura de seu
município sobre a viabilidade do
negócio desejado, ou seja, se é
permitido desenvolver tal atividade
no endereço escolhido.
2º PASSO - Re gis tro
do Co ntrato So cia l e
CNP J
• Se a resposta da prefeitura for positiva, o
próximo passo será elaborar o contrato
social ou o Requerimento de Empresário e
registrá-lo na Junta Comercial do Estado
de Santa Catarina. Ao mesmo tempo
poderá ser dada entrada no CNPJ através
do Documento Básico de Entrada (DBE),
cujo software está disponível no site da
Receita Federal (www.jucesc.sc.gov.br).

Para a agilidade do processo, sugere-se o


auxílio de um contador, pois nesta etapa a
burocracia poderá atrasar o seu negócio.
3º PAS SO - A lvará
San itário

• Para algumas atividades


empresarias será exigido o
Alvará Sanitário, tais como:
atividades que envolvam
alimentos, saúde, meio
ambiente, etc, a lista completa
está disponível no site:
http://www.dvs.sc.gov.br.
4º PASSO - Insc riç ão
Est adual
• Após a liberação do contrato
social e do CNPJ, a empresa
deverá providenciar a inscrição
estadual na Secretaria da
Fazenda Estadual - SEF, mas
para isso, será necessário
contactar um contador
cadastrado na SEF, a fim do
preenchimento da FAC. Para
fazer este cadastro, deve-se
levar os seguintes documentos:
5º PASSO - Alva rá
Mu nicipal
• Após a liberação do contrato social e do
CNPJ, também, deverá providenciar o
registro da empresa na prefeitura
municipal para requerer o Alvará Municipal
de Funcionamento da empresa.
Com relação ao alvará de funcionamento,
cada município possui uma tabela de
preços. Logo, aconselha-se verificar na
central de atendimento ao contribuinte de
seu município. Assim que a empresa
possuir a inscrição municipal ela estará
apta para funcionar regularmente.

• Fonte SEBRAE / SC
6º PASSO – Re gist ro
em Sin dicatos
• Após Liberação da empresa em
todos os tramites legais
(federais, estaduais e
municipais), é importante a
filiação a algum sindicato
relacionado a área. Ex. ACII /
ACBAL e núcleos internos
nesses estabelecimentos.
Vantagens

• · Você será seu próprio patrão.


· Muito trabalho irá gerar mais
lucros para você.
· O lucro e o potencial de
crescimento são bem maiores.
· Um novo negócio é
emocionante devido aos riscos
que apresenta.
· Desafios constantes e
oportunidades de aprendizado.
Principais Razões para o
Fracasso
• As razões abaixo não são para assustar e sim para
alertar que esteja preparado para o caminho árduo que
irá trilhar. Subestimar a dificuldade em iniciar um
negócio é uma das grandes barreiras para o sucesso.
Entretanto, você poderá alcançar o sucesso se for
paciente, estiver preparado para muito trabalho e seguir
as etapas necessárias. Vejamos as principais razões de
fracasso:
· Falta de experiência.
· Falta de capital (dinheiro).
· Localização inadequada
· Gerenciamento de estoque ruim.
· Investimento demais em ativos fixos.
· Negociações de créditos mal feitos.
· Uso pessoal dos recursos financeiros da empresa.
· Crescimento não esperado.
· Concorrência
· Vendas baixas.
Dicas

• Ganhar Dinheiro com hobbies;


• Encontrar a localização ideal;
• Conhecer o mercado a fundo,
portanto atuar em uma área de
interesse;
• Contratar da maneira certa e
reter bons talentos.