Você está na página 1de 15

A CRISE DO FEUDALISMO

Um pouco de História... O
Feudalismo
• A partir do ano 1000, até cerca de 1150, o Feudalismo
entra em ascensão. O sistema define seus elementos
básicos. A exploração camponesa torna-se intensa,
concentrada em certas regiões super-povoadas,
deixando áreas extensas de espaços vazios. Surgem
novas técnicas de cultivo, novas formas de utilização
dos animais e das carroças. Porém, a partir do século
XI, também há um renascimento do comércio e um
aumento da circulação monetária, o que valoriza a
importância social das cidades e suas comunas;
• As Cruzadas, esboça-se uma abertura para o mundo,
quebrando-se o isolamento do feudo;
• Com o restabelecimento do comércio com o
Oriente próximo e o desenvolvimento das
grandes cidades, começam a ser minadas as
bases da organização feudal, na medida em
que aumenta a demanda de produtos agrícolas
para o abastecimento da população urbana;
• Isso eleva o preço dessas mercadorias,
permitindo aos camponeses maiores fundos
para a compra de sua liberdade;
• Ao mesmo tempo, a expansão do comércio e
da indústria cria novas oportunidades de
trabalho, atraindo os servos para as cidades.
• Esses acontecimentos, • Na Alemanha e na
aliados à formação dos Inglaterra, entretanto,
exércitos profissionais, à ele ainda permanece
insurreição camponesa, mais tempo,
contribuíram para o extinguindo-se
declínio do feudalismo totalmente na Europa
europeu; ocidental por volta de
• Na França, nos 1500. Em partes da
Países Baixos e na Itália Europa central e
, seu desaparecimento oriental, porém, alguns
começa a se manifestar remanescentes resistem
no final do século XIII. até meados do século
XIX.
A Crise do Feudalismo
• A Fome:

• A partir de 1300 , serias


e prolongaladas fases
de fome;
• Mudança climática e
saturação econômica;
Peste Negra
• A Peste negra foi a mais
extensa epidemia que
grassou durante a Idade
Média, tendo dizimado
cerca de 1/3 da
população da Europa.

• Era muito contagiosa,


transmitida através das
pulgas dos ratos
domésticos.
As guerras
• Os séculos XIV e XV
foram recheados de
conflitos;
• Guerras entre reinos,
lutas dinásticas,
insurreições
camponesas, revoltas
urbanas e banditismo
em larga escala
A Guerra dos 100 anos
• A expressão Guerra dos Cem Anos identifica uma
série de conflitos armados, registrados de forma
intermitente, durante o século XIV e o século XV,
envolvendo a França e a Inglaterra;
• A longa duração desse conflito explica-se pelo
grande poderio dos ingleses de um lado e a obstinada
resistência francesa do outro;
• Ela foi a primeira grande guerra européia que
provocou profundas transformações na vida
econômica, social e política da Europa Ocidental;
• A França foi apoiada pela Escócia, Boêmia, Castela e
Papado de Avignon;
• A Inglaterra teve por aliados os flamengos e alemães.

Interesses relacionados