Você está na página 1de 18

FUNÇÕES

ADMINISTRATIVAS
FUNÇÕES ADMINISTRATIVAS
Teoria Clássica
Prever, Organizar, Comandar, Coordenar e Controlar (Henry Fayol)

Teoria Neoclássica
Planejar, Organizar, Dirigir e Controlar (Willian Newman)
Planejar, Organizar, Liderar e Controlar (Peter Drucker)

Prever, Planejar, Implantar, Comandar, Coordenar e Controlar


(Nogueira de Faria)
FUNÇÕES ADMINISTRATIVAS
Quando considerados de forma separada,
planejamento, organização, direção e controle constituem
funções administrativas;

Quando tomados em conjunto, para o alcance de


objetivos, formam o processo administrativo.

Planejar e organizar representam aspectos mais


abstratos do processo administrador enquanto dirigir e
controlar caracterizam aspectos mais concretos.
O PROCESSO ADMINISTRATIVO
Significa uma seqüência de funções que se sucedem, uma
maneira sistemática de fazer as coisas

PLANEJAMENTO

ENTRADAS SAÍDAS
CONTROLE ORGANIZAÇÃO
INSUMOS RESULTADOS

DIREÇÃO

AMBIENTE EXTERNO
PLANEJAR

Significa que os administradores pensam


antecipadamente nos seus objetivos e ações, e
que seus atos são baseados em algum método,
plano, ou lógica, e não em palpites.

São os planos que dão à organização


seus objetivos e que definem o melhor
procedimento para alcançá-los.
PLANEJAR
Planejar é especificar os objetivos a serem
atingidos e decidir as ações apropriadas que devem
ser executadas para atingir esses objetivos. As
atividades de planejamento incluem a análise da
situação atual, a previsão de cenários futuros, a
determinação de objetivos e metas, a decisão sobre
os negócios que a empresa deverá se engajar, a
escolha das estratégias corporativas e a
determinação dos recursos e relacionamentos
internos e externos necessários para que a
empresa atenda aos objetivos propostos.
PLANEJAR

Características:

•É um processo permanente e contínuo.


•É sempre voltado para o futuro.
•Visa a racionalidade da tomada de decisões.
•Visa selecionar uma, entre várias alternativas.
•É uma técnica de alocação de recursos.
•É uma técnica de mudanças e inovações.
PLANEJAR

Processo seqüencial:

Desenvolve Elabora
Define
planos ou planos
objetivos AÇÃO
caminhos operacionais
básicos
alternativos detalhados
PLANEJAR
Indagações necessárias sobre os planos
 
O QUE deverá ser feito?
Esclarece e identifica as orientações dos escalões superiores que
servem como guias para os escalões inferiores. São as políticas as
diretrizes da organização.

POR QUE deve ser feito?


É uma pergunta para esclarecer a necessidade real do trabalho.

ONDE deverá ser feito?


Esta pergunta considera local e espaço e a centralização e
descentralização das atividades.

QUANDO deverá ser feito?


Esta pergunta considera o tempo requerido, o início e o término de
cada parte do trabalho.
PLANEJAR
Indagações necessárias sobre os planos
 
QUANTO deverá ser feito?
Esclarece os tipos e quantidades requeridas de materiais, insumos,
máquinas, equipamentos, pessoal, enfim, quais os recursos
necessários?

QUEM deverá fazer?


Esta pergunta considera a disponibilidade, a capacidade e a
experiência das pessoas envolvidas e necessárias para a execução do
trabalho planejado.

COMO deverá ser feito?


Esta pergunta considera os meios ou métodos propostos para a
realização do trabalho. No fundo, ela serve para avaliar a eficácia com
que as seis perguntas anteriores foram respondidas.
PLANEJAR
Tipos:

Planejamento Estratégico: é orientado a longo prazo,


aborda a empresa em sua totalidade, através de um
conteúdo genérico, sintético e abrangente.

Planejamento Tático: é menos genérico e mais detalhado,


sendo orientado a médio prazo. Sua amplitude aborda
cada unidade da empresa separadamente.

Planejamento Operacional: é orientado a curto prazo,


apresentando um conteúdo detalhado, específico e
analítico. Com amplitude microorientada, aborda cada
tarefa ou operação apenas.
ORGANIZAR
Distribuir Autoridade e Recursos
É o processo de arrumar e alocar o
trabalho, a autoridade e os recursos na
organização, criando a estrutura organizacional,
de modo que ela possa alcançar eficientemente
seus objetivos.

Objetivos diferentes requerem estruturas


diferentes. Assim os administradores devem
adequar a estrutura da organização aos seus
objetivos e recursos.
ORGANIZAR

Etapas da função de organização

Ajustar
Criar
Dividir o tarefas por
Listar o mecanismos
trabalho em unidades
trabalho de
tarefas organiza-
integração
cionais
DIRIGIR
Para que o planejamento e a organização
possam ser eficazes, precisam ser complementados
pela orientação a ser dada às pessoas por meio de
uma adequada comunicação, da habilidade de
liderança e da motivação.
No exercício da função de direção, os
administradores se limitam a conduzir as atividades
dos participantes internos, o que é um erro, pois além
dos empregados, fazem parte da empresa também, os
fornecedores, os consumidores e as agências
reguladoras.
DIRIGIR
O papel da direção

Variáveis Papel do Variáveis


A Organizacionais Administrador Humanas A
M M
B Integração B
Missão Habilidades
I Planejamento I
E Objetivos Atitudes E
N
Organização N
Estrutura Valores
T Direção T
E Tecnologia Necessidades E
Controle

A direção é a função administrativa que se refere ao


relacionamento interpessoal do administrador com seus subordinados.
CONTROLAR

É a verificação e comparação dos resultados


obtidos com os previstos no planejamento. É
restringir e regular os fatores administrativos de
modo que os projetos sejam completados
conforme previstos
Certificar-se de que os atos dos membros da
organização rumam aos objetivos estabelecidos.
CONTROLAR
O processo do controle
Padrões
(planejamento)

Desempenho

Comparação

Correção
SEQUÊNCIA IDEAL DAS
ATIVIDADES
PLANEJAR Lógica e Métodos

ORGANIZAR Distribuir Autoridade e


Recursos

LIDERAR Motivação

CONTROLAR Rumo

Interesses relacionados