Você está na página 1de 35

PADRÕES DE HERANÇA MENDELIANA

Mestranda:Meire Emiko Yokota

Johann Gregor Mendel
(1822 - 1884)

Monge agostiniano, seu mosteiro,em Brno na Austrália, era dedicado ao ensino de ciências e a pesquisa científica. Fez experimentos com ervilhas que cultivava em seu jardim. Seu trabalho apresentado em 1865, passou despercebido, sendo reconhecido somente 30 anos depois

Porque Mendel utilizou ervilhas? 
   



Por ser de fácil acesso. De fácil cultivo. Por ter um ciclo de vida curto. Podem ser autofecundadas ou polinização cruzada. Muitos descendentes. Visualização a olho nu.

Mendel estudou assim a ervilha Pisum sativum Observando sete caracteristicas extremas: .

1ª Lei de Mendel Para cada uma das características que escolheu. . Mendel obteve linhagens de plantas . que ele cultivou por dois anos para ter certeza de que eram puras.

Monoibridismo Cruzamento de plantas altas e plantas baixas. para investigar como a altura da planta era herdada .

Procedimento:    Removeu se as anteras de uma variedade. Aplicou-se o pólen de outra variedade na parte feminina da flor. . Plantou-se as sementes obtidas e observou os resultados. antes que seu pólen tivesse amadurecido.

os híbridos tinham a habilidade de produzir descendentes baixos embora fossem altos. Mendel contou que nasceram 3 plantas altas para 1 planta baixa. .Cruzamento de uma planta baixa com uma planta alta Geração parental=P P: Alta X Baixa F1:Somente Altas Autofecundação F2:Altas e Baixas Em F2 reaparece a característica baixa.

Observações de Mendel      Havia um par de fatores (genes) determinando a característica:alta (B) e baixa (b). . Fator herdavel= gene Um fator é dominante-B e outro fator é recessivo-b. Formas dominante e recessiva= alelos Durante a formação dos gametas. os fatores se segregam (se separam).

Conclusão P: BB X bb B F1: Autofecundação Os fatores se segregam produzindo gametas: b Bb (plantas altas. pois B é dominante) Bb X Bb Bb Bb Fecundação entre os gametas segregados F2: BB Bb Bb bb 3 Altas 1 Baixa .

Autofecundação de F2  A autofecundação de plantas baixas produzem somente plantas baixas. Bb X Bb BB Bb Bb bb 1 2 1  . pois são homozigotos recessivo-bb. A autofecundação de plantas altas produzem descendentes na proporção de 1:2:1.

.2ª Lei de Mendel Na 2ª Lei de Mendel. ele estuda duas ou mais características diferentes simultaneamente.

P: Amarela/Lisa X Verde/Rugosa BBRR X bbrr BR br (gametas) F1: Amarela/Lisa BbRr Autofecundação BbRr X BbRr BR Br bR br BR Br bR br(gametas) Deste cruzamento teremos 16 possibilidades .Cruzamento de uma planta amarela com sementes lisa e uma planta verde com sementes rugosas.

Brr) Verde e liso= 3:16 (nova combinação.Cruzamento diíbrido F2: Amarelo e liso= 9:16 (igual a parental. bbrr) .BR) Amarelo e rugoso=3:16 (nova combinação. bbR) Verde e rugoso= 1:16 (igual a parental.

Conclusão Os fatores para duas ou mais características segregam-se. distribuindo-se independentemente. .

Já que os genes no mesmo cromossomo em geral não se segregam independentemente. .Atualmente está lei pode ser enunciada da seguinte forma: ³Os alelos de genes localizados em diferentes pares de cromossomos homólogos segregam-se independentemente na formação dos gametas´. pois estão juntos no cromossomo.

Pontos importantes Os experimentos de Mendel estabeleceram três princípios genéticos básico:    Alguns alelos são dominantes e outros recessivos. Genes diferentes se distribuem independentemente. . Durante a formação dos gametas. alelos diferentes segregam uns dos outros.

.Padrões de Herança As características herdadas dos pais não se fundem. mas são herdadas como unidades discretas de informações que se mantêm íntegras ao longo das gerações.

Herança Monogênica São determinados por um alelo específico num único loco ou em ambos os membros de um par de cromossomos homólogos.  Herança Ligada ao sexo .podendo ser:  Herança autossômica Recessiva.  Herança autossômica Dominante.

.Heredograma É um método usado para o estudo da herança de uma característica a partir das Informações coletadas dos familiares.

com um alelo normal e outro mutante. .Herança autossômica Recessiva Nos heterozigotos. a metade da quantidade normal do produto gênico do alelo normal é suficiente para efetuar uma determinada função.

. Ocorre saltos em gerações. Pode ocorrer tanto em homens como em mulheres. Os genitores dos afetados normalmente são normais.Características      Pode ser transmitido de pai para filho (a).de mãe para filho (a). Aparece somente em homozigose.

Albinismo. Pai Nn X Nn Mãe nn Filhos: NN Nn Nn normal afetado . erro na enzima tirosinase. que transforma tirosina em melanina.

Herança autossômica Dominante Uma herança é dominante quando um fenótipo é expressado da mesma maneira em homozigotos e heterozigotos. .

Pode ocorrer tanto em homens como em mulheres. Ocorre em todas as gerações.de mãe para filho (a). . Afetados. Aparece em homozigoto e heterozigoto.geralmente possuem filhos afetados.Características      Pode ser transmitido de pai para filho (a).

causado por um gene que interfere no crescimento ósseo Pai Dd X dd Mãe Filhos: Dd dd Dd dd afetado normal afetado normal .Acondroplasia.

 Recessiva ligada ao X.  Dominante ligada ao X. .Herança Ligada ao Sexo Heranças determinadas por genes localizados nos cromossomos sexuais X e Y.  Herança restrita ao sexo Y.

. um tipo de raquitismo resistente a vitamina D.Herança dominante Ligada ao X Um fenótipo ligado ao X é descrito como dominante se ele se expressar regularmente em heterozigotos. Ex:Hipofosfatemia.

. Há mais mulheres afetadas( duas vezes mais).Critérios da herança dominante ligada ao X     Homem afetado -> todas as filhas afetadas e todos filhos normais. 100% de afetados. ou seja. Um homem afetado possui uma mãe afetada As mulheres homozigotas dominantes transmitem para todos os seus filhos e filhas.

As meninas só terão a característica se o pai também a tiver. .Herança recessiva ligada ao X O caráter é transmitido pelas mães aos filhos homens. Ex:Hemofilia e Daltonismo.

Há mais homens afetados que mulheres.Critério da herança recessiva ligada ao X     É transmitida por um homem afetado através de suas filhas (que são portadoras). o gene é sempre transmitido pela sua mãe. Os homens afetados geralmente têm filhos normais (de ambos os sexos). Então 50% dos netos homens serão afetados. especialmente se a mãe for normal. Para um homem. .

. só ocorrem nos indivíduos de sexo masculino e passam de geração a geração.Herança Holândrica ou Restrita ao sexo (Y) Genes holândricos são exclusivos do cromossomo Y. sempre pela linhagem masculina.

Exemplo: hipertricose auricular XhY afetado XHY normal . Só aparece em machos.Herança restrita ao sexo Y      Os genes estão localizados no cromossomo Y.

Genes influenciados pelo sexo Características determinadas por genes autossômicos. Se comportam como dominantes em um sexo e recessivo no outro. Exemplo: calvície .

. no sexo masculino. O alelo B domina b. No sexo feminino o alelo b domina B.Calvície Alelo B determina a calvície e o alelo b determina a persistência de cabelos.