Você está na página 1de 43
Provas Finais e Exames Equivalência à Frequência 2012 Alunos do 6º e 9º anos de escolaridade
Provas Finais e
Exames Equivalência à Frequência
2012
Alunos do 6º e 9º anos de escolaridade

Provas Finais de Ciclo Ensino

Provas Finais de Ciclo – Ensino

Básico

 
Provas Finais de Ciclo – Ensino Básico LÍNGUA PORTUGUESA E MATEMÁTICA;

LÍNGUA PORTUGUESA E

MATEMÁTICA;

 

Provas Finais dos 6º e 9º anos

Provas Finais dos 6º e 9º anos
Provas Finais dos 6º e 9º anos São admitidos todos os alunos exceto os que, após

São admitidos todos os alunos exceto os que, após a avaliação sumativa interna no final do 3.º período, tenham obtido:

Um conjunto de classificações na avaliação sumativa que já não lhes permita obter, após a realização das provas finais a Língua Portuguesa e Matemática, a menção de Aprovado.

 

Não são admitidos às Provas Finais de Ciclo nos 6.º e 9.º anos de escolaridade :

Não são admitidos às Provas Finais de Ciclo nos 6.º e 9.º anos de escolaridade :
 

Os alunos que, após a avaliação sumativa interna, no final do

3.ºperíodo, tenham obtido:

  • Classificação de frequência de nível1 simultaneamente nas disciplinas de Língua Portuguesa e de Matemática;

  • Classificação de frequência inferior a 3 em três disciplinas, desde que se verifique o seguinte:

- Nenhuma delas seja Língua Portuguesa ou Matemática;

- Apenas uma delas seja Língua Portuguesa ou Matemática e nela tenha obtido nível 1.

  • Classificação de frequência inferior a 3 em quatro disciplinas, exceto se duas delas forem Língua Portuguesa e Matemática e nelas tiverem obtido nível 2.

 
Exemplos: 1 Port e Mat 2 Port 2 Ing 2 CN 2 Mat 2 EV 2
Exemplos:
1 Port e Mat
2 Port
2
Ing
2
CN
2
Mat
2 EV
2 Por
2
Hist
2
Mat
2
Geo
2
Geo
2
Hist
2
Hist
2
Ing
2 Port ou Mat
1 LP ou Mat
2
Hist
2
CN
2 Ing
2
Hist
Não são ainda admitidos os alunos que ficarem excluídos por faltas.
Não Admitido
Admitido
Os alunos do ensino regular dos 6º e 9.º anos de escolaridade não necessitam de efetuar

Os alunos do ensino regular dos 6º e 9.º anos de

escolaridade não necessitam de efetuar inscrição para as

escolaridade não necessitam de efetuar inscrição para as

provas finais de Língua Portuguesa e de Matemática.

 

Elaboração das Provas

Elaboração das Provas A elaboração das provas finais é da responsabilidade do GAVE. As informações relativas
 

A elaboração das provas finais é da responsabilidade do GAVE.

As informações relativas às provas de Língua Portuguesa e de Matemática, emanadas do GAVE, estão afixadas no átrio da escola.

Ao alunos devem ler cuidadosamente estas informações e

registar os materiais que podem utilizar na realização das provas.

Atenção

Sempre que um aluno se apresente a exame com calculadora com funções diferentes das permitidas na Informação a máquina é retirada e o aluno realiza a prova sem máquina calculadora.

 
 

Realização das provas finais

 
 
Realização das provas finais 2º CICLO Terça, 19 /06 Sexta, 22/06 Segunda, 25/06 Quarta, 27/06 Horas
 

2º CICLO

 
 

Terça, 19 /06

 

Sexta, 22/06

Segunda, 25/06

Quarta, 27/06

 
 

Horas

(1ªchamada)

(1ªchamada)

(2ªchamada)

(2ªchamada)

 

Escrita

90’

Escrita

90’

Escrita

90’

Escrita

90’

 

9h

Língua Portuguesa

Matemática

Língua Portuguesa

Matemática

 

3º CICLO

 
 

Segunda, 18 /06

Quinta, 21/06

Segunda, 25/06

Quarta, 27/06

 
 

Horas

(1ªchamada)

 

(1ªchamada)

(2ªchamada)

(2ªchamada)

 

Escrita

90’

,

Escrita

90’

Escrita

90’

Escrita

90’

 

9h

Língua Portuguesa

Matemática

Língua Portuguesa

Matemática

 
 

As provas tem tolerância de 30 minutos

 
 
 

Realização da prova

 
 
Realização da prova  A primeira chamada tem caráter obrigatório.  A segunda chamada destina-se apenas
 

A primeira chamada tem caráter obrigatório.

 

A

segunda

chamada

destina-se

apenas

a

situações

excecionais

devidamente comprovadas.

 

O encarregado de educação do aluno tem que apresentar a respetiva justificação à direção da escola, no prazo de dois dias úteis a contar da data de realização do exame da primeira chamada.

 

A não realização de uma das provas finais de ciclo implica,

automaticamente, a retenção do aluno no 6.º ou no 9.º ano de escolaridade.

 

Cotação das provas

Cotação das provas As provas finais de Língua Portuguesa e de Matemática são cotadas na escala

As provas finais de Língua Portuguesa e de Matemática são cotadas na escala de 0 a 100, sendo a classificação final da prova expressa na escala de níveis de 1 a 5, de acordo com a seguinte tabela:

Percentagem

Nível

0 a 19

1

20

a 49

2

50

a 69

3

70

a 89

4

90 a 100

5

Cotação das provas As provas finais de Língua Portuguesa e de Matemática são cotadas na escala
A classificação final a atribuir às disciplinas de Língua Portuguesa e de Matemática – 6º ano

A classificação final a atribuir às disciplinas de Língua Portuguesa e de Matemática 6º ano, é calculada de acordo com a seguinte fórmula arredondada às unidades:

CF =7,5Ci + 2,5Ce

10

em que:

CF classificação final; Ci classificação de frequência no final do 3.º período; Ce classificação de exame.

 
A classificação final a atribuir às disciplinas de Língua Portuguesa e de Matemática- 9º ano é

A classificação final a atribuir às disciplinas de Língua Portuguesa e de Matemática- 9º ano é calculada de acordo com a seguinte fórmula arredondada às unidades:

CF =7Ci + 3Ce

10

em que:

CF classificação final; Ci classificação de frequência no final do 3.º período; Ce classificação de exame.

 
Afixação das pautas finais referentes às classificações das 1ªs e 2ªs chamadas das provas finais de

Afixação das pautas finais referentes às classificações das 1ªs e 2ªs chamadas das provas finais de Língua Portuguesa e Matemática do 2º e 3º CEB

09 de Julho

 

Condições de aprovação

Condições de aprovação Nos 2.º e 3.º ciclos, o aluno não progride e obtém a menção
 

Nos 2.º e 3.º ciclos, o aluno não progride e obtém a menção de Não Aprovado(a) se:

a)Tiver obtido classificação inferior a 3 nas disciplinas de Língua Portuguesa e de Matemática;

b) Tiver obtido classificação inferior a 3 em quaisquer três disciplinas ou mais.

(A disciplina de Educação Moral e Religiosa não é considerada para efeitos de

progressão dos alunos)

 
 
 
Aspetos importantes a considerar na realização das provas
Aspetos importantes a considerar na realização das provas
 

Aspetos importantes

a considerar na

realização das provas

 

Pauta de chamada

Pauta de chamada  As pautas de chamada são afixadas com a antecedência de 48 horas
 
  • As pautas de chamada são afixadas com a antecedência

de 48 horas relativamente ao início das provas;

  • Das pautas consta o dia, a hora e a sala onde os alunos realizam o exame.

Os alunos devem consultar as pautas e

verificar se o seu nome consta da lista.

 

Convocatória dos alunos

Convocatória dos alunos Os alunos devem apresentar-se no estabelecimento de ensino 30 minutos antes da hora
 

Os alunos devem apresentar-se no estabelecimento de ensino

30 minutos antes da hora marcada para o início da prova

(8:30).

A chamada faz-se às 8h.45 minutos, pela ordem constante nas

pautas de chamada. Os alunos devem estar junto das respetivas salas.

 

Atraso na comparência dos alunos às provas

Atraso na comparência dos alunos às provas  Não pode ultrapassar 15 minutos após a hora
 
  • Não pode ultrapassar 15 minutos após a hora do início da mesma (9h.15m);

  • A estes alunos não é concedido nenhum prolongamento

especial, pelo que terminam a prova ao mesmo tempo dos

restantes.

 

Identificação dos alunos

Identificação dos alunos Os alunos não podem prestar provas sem serem portadores do seu Cartão de

Os alunos não podem prestar provas sem serem portadores do seu Cartão de Cidadão/Bilhete de Identidade.

 
 
 
 Preenchimento do cabeçalho
 Preenchimento do cabeçalho
 

Preenchimento do cabeçalho

 

Realização das provas

Realização das provas 6.ºAno Nas provas de Língua Portuguesa e Matemática as respostas são dadas no
 

6.ºAno

Nas provas de Língua Portuguesa e Matemática as respostas são dadas no enunciado;

9.ºAno

Na prova de Língua Portuguesa as respostas são dadas em

folha de resposta;

Na prova de Matemática as respostas são dadas no enunciado.

 

Desistência de resolução da prova

Desistência de resolução da prova
 

Em caso de desistência de resolução da prova não deve ser escrita pelo aluno qualquer declaração formal de desistência, nem no papel da prova nem noutro suporte qualquer.

O aluno não pode abandonar a sala antes do fim do tempo regulamentar da prova.

 
 

Advertências aos alunos

Advertências aos alunos Na realização das provas de exame os alunos não podem ter junto de
 

Na realização das provas de exame os alunos não podem ter junto de si:

quaisquer suportes escritos não autorizados (exemplo: livros, cadernos, folhas);

quaisquer sistemas de comunicação móvel (computadores portáteis,

nem aparelhos de vídeo ou audio, incluindo telemóveis, bips, etc.).

Os objetos não estritamente necessários para a realização da prova devem ser colocados junto ao quadro/secretária do professor.

Qualquer telemóvel ou outro meio de comunicação móvel que seja

 

detetado na posse de um examinando, quer esteja ligado ou desligado, determina a anulação da prova pelo diretor do estabelecimento de ensino.

 

Advertências aos alunos

Advertências aos alunos  Não podem escrever comentários fora do contexto da prova , nem mesmo
 
  • Não podem escrever comentários fora do contexto da prova, nem mesmo referir que a matéria não foi lecionada;

  • Não podem escrever o seu nome em qualquer outro local da prova para além do cabeçalho;

  • As folhas de rascunho não são recolhidas, já que em caso algum podem ser objeto de classificação;

  • Não podem utilizar fita ou tinta corretora para correção de qualquer resposta.

  • A utilização do lápis só é permitida nas provas para as quais está

expressamente previsto.

  • Os alunos podem levar da sala as folhas de rascunho e o enunciado da prova, nos casos em que a prova não é realizada no respetivo enunciado.

 

Irregularidades

Irregularidades  A indicação no papel de prova de elementos susceptíveis de identificarem o examinando implica
 
  • A indicação no papel de prova de elementos susceptíveis de identificarem o examinando implica a anulação da prova pelo JNE.

  • A utilização de expressões despropositadas ou desrespeitosas no papel da prova de exame pode implicar a anulação da mesma por decisão do JNE.

  • Os procedimentos anteriormente referidos são adoptados sem prejuízo de ulterior procedimento criminal.

 

Fraudes

Fraudes  Aos professores vigilantes compete suspender imediatamente as provas dos examinandos e de eventuais cúmplices
 
  • Aos professores vigilantes compete suspender imediatamente

as provas dos examinandos e de eventuais cúmplices que no decurso da realização da prova de exame cometam ou tentem cometer inequivocamente qualquer fraude, não podendo esses examinandos abandonar a sala até ao fim do tempo de

duração da prova;

A prova é anulada;

  • A suspeita de fraude levantada em qualquer fase do processo

de exames ou que venha a verificar-se posteriormente, implica

a interrupção da eventual eficácia dos documentos entretanto emitidos, e conduz à possível anulação da prova.

 
 
 
Exames de equivalência à frequência (EEF)
Exames de equivalência à frequência (EEF)
 

Exames de

equivalência à frequência (EEF)

 

Condições de admissão

Condições de admissão São admitidos aos exames de equivalência à frequência os alunos que:  Estejam
 

São admitidos aos exames de equivalência à frequência os alunos que:

  • Estejam no 6.º ano de escolaridade e, já com duas retenções ao longo do seu percurso escolar, não tenham obtido aprovação na avaliação sumativa final do 3.º período;

  • Tenham, nos 6.º ou 9.º anos de escolaridade, atingido os 15 anos até 31 de agosto, sem aprovação na avaliação sumativa interna final do 3.º período;

  • Frequentem os 2.º ou 3.º ciclos do ensino básico, tenham completado os 18 anos de idade e tenham anulado a matrícula até ao final da penúltima semana do 3.º período letivo.

 
 

Inscrições

Inscrições  Os alunos têm que se inscrever para exame, como autopropostos, nos dois dias úteis
 

Os alunos têm que se inscrever para exame, como autopropostos, nos dois dias úteis a seguir ao da afixação das pautas de avaliação do 3.º período.

Devem apresentar no ato de inscrição os seguintes documentos:

  • a) Boletim de Inscrição (fornecido pela secretaria);

  • b) Bilhete de Identidade/Cartão de Cidadão;

 
 Os candidatos atrás referidos realizam as provas em todas as disciplinas do ciclo na primeira
  • Os candidatos atrás referidos realizam as provas em todas as disciplinas do ciclo na primeira fase de exames;

  • Os alunos que mantenham vínculo de matricula até ao final do 3.º período realizam os exames de equivalência à frequência nas disciplinas em que não obtiveram aprovação.

  • Realizam o exame nacional de Matemática e Língua Portuguesa (Esta, com prova oral obrigatória, aberta à assistência pública).

 
Tipo de prova em cada disciplina e duração 2.º ciclo do ensino básico Disciplina Tipo de
Tipo de prova em cada disciplina e duração
2.º ciclo do ensino básico
Disciplina
Tipo de prova
Duração (minutos)
Inglês
História e Geografia de Portugal
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
Escrita e oral (a)
Escrita
..
.
.
90
.
90
Ciências da Natureza
.
Escrita
.
90
Educação Visual e Tecnológica
Educação Musical
Educação Física
Prática
.
120 + 30
.
Escrita
.
90
.
Prática
.
45
(a) As provas orais não deverão ultrapassar a duração de quinze minutos.

Tipo de prova em cada disciplina e duração

 
Tipo de prova em cada disciplina e duração 3.º ciclo do ensino básico Disciplina Tipo de

3.º ciclo do ensino básico

 

Disciplina

Tipo de prova

 

Duração(minutos)

Língua Estrangeira

Escrita e oral

 

.

90

Língua Estrangeira II

.Escrita e oral

 

.

90

Escrita

.

.

.

90

Geografia

Escrita

.

90

Ciências Naturais

Escrita

.

90

Físico

Escrita

.

90

Educação

Prática

.

90 + 30 de tolerância

Educação Tecnológica

Prática

.

120 + 30 de tolerância

ITIC …………………………………

..

Prática

.

90

TEA …………………………………. Prática

……….…

...

 

90 + 30 de tolerância

Educação Física

….Prática

 

.

45

(a) As provas orais não deverão ultrapassar a duração de quinze minutos.

 

Os alunos autopropostos devem consultar:

Os alunos autopropostos devem consultar:  o calendário de exames afixado no átrio, com o dia
 
  • o calendário de exames afixado no átrio, com o dia e

hora dos exames.

  • as matrizes/informação-exames de modo a

recolherem informações sobre as provas e materiais

necessários à sua realização.

as pautas de chamada para confirmarem se o seu

nome consta das mesmas (48h antes da data do

exame).

 

Não realização de provas …

Não realização de provas … A não realização de qualquer exame ou componente da prova de

A não realização de qualquer exame ou componente da prova de exame (ex. oral) implica a não atribuição de classificação nessa disciplina e consequentemente a não conclusão do ciclo de estudos.

 

Classificação

Classificação Nas disciplinas constituídas por duas provas (escrita e oral), a classificação de exame corresponde à

Nas disciplinas constituídas por duas provas (escrita e oral), a classificação de exame corresponde à média aritmética simples.

Percentagem

Nível

0 a 19

1

20

a 49

2

50

a 69

3

70

a 89

4

90 a 100

5

A classificação das provas orais e práticas, tal como nas provas escritas, é expressa na escala percentual de 0 a 100.

Classificação Nas disciplinas constituídas por duas provas (escrita e oral), a classificação de exame corresponde à

Resultados dos exames

Resultados dos exames Afixação das classificações dos exames de equivalência à frequência: 09 de Julho Alunos
 

Afixação das classificações dos exames de equivalência à frequência:

09 de Julho

Alunos autopropostos dos 2.º e 3.º ciclos podem realizar os EEF em todas as disciplinas onde não obtiveram aprovação na fase de junho/julho, desde que estes lhes permitam a conclusão de ciclo;

Na fase de setembro não há lugar à realização das provas finais das disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática;

 

Condições de aprovação

Condições de aprovação Nos 2.º e 3.º ciclos do ensino básico regular o aluno progride e
 

Nos 2.º e 3.º ciclos do ensino básico regular o aluno progride e obtém a menção de Aprovado se:

  • a) Não tiver obtido, simultaneamente, classificação inferior a 3 nas disciplinas de Língua Portuguesa e de Matemática;

(ex. 2 a LP e 2 a Mat. Não aprovado)

  • b) Não tiver obtido classificação inferior a 3 em três ou mais disciplinas.

(ex. 2 a LP; 2 a Hist; 2 a Inglês Não aprovado)

 
 

Inscrição na 2ª fase (Setembro)

 
 
Inscrição na 2ª fase (Setembro) Os alunos, fora da escolaridade obrigatória, que realizem provas finais e
 

Os alunos, fora da escolaridade obrigatória, que realizem provas finais e que após a sua realização fiquem na situação de não aprovados:

Candidatam-se aos EEF, na fase de setembro, nas disciplinas onde obtiveram classificação de frequência (Cf) inferior a nível 3, desde que aqueles lhes permitam condições de

aprovação e não tenham obtido classificação final (CF)

inferior

a

3

simultaneamente

nas

disciplinas

de

Língua

Portuguesa e de Matemática, na fase de junho/julho.

 

Inscrições para a fase de setembro

Inscrições para a fase de setembro Dias 10 e 11 de julho

Dias 10 e 11 de julho

 

Importante

Importante Os alunos devem ler todas as informações e avisos , que vão sendo afixadas no
 

Os alunos devem ler todas as informações e avisos, que vão sendo afixadas no placar da escola, relativas às provas finais e

exames de equivalência à frequência.

 
Agradecemos a vossa atenção! Secretariado de Exames, 2012

Agradecemos a vossa atenção!

Secretariado de Exames, 2012