Você está na página 1de 1

Chales Gabriel Seligman

Um renomado etnólogo que nasceu em Londres, Inglaterra em 24 de


dezembro de 1873 e morreu em Oxford, em 19 de setembro de 1940.
Seligman foi aceito em uma bolsa para estudar medicina em St.
Thomas, ganhando sua primeira qualificação em 1896 na idade de 23 anos,
quando ele recebeu a medalha de Bristowe em patologia.
Em 1898 ele se juntou a uma expedição da Universidade de Cambridge
ao estreito de Torres. A experiência levou-o a prosseguir os seus esforços no
campo da antropologia, com esse intuito fez mais viagem para Nova Guiné –
1904, Ceilão – 1906-1908, Sudão – 1909-1912 e 1921-1922.
Casou-se em 1905 com Brenda Zara Salaman, que além de acompanhar
o marido, contribuiu muito para as suas pesquisas, sobretudo, dos povos
aborigens.
Seligman foi nomeado para a cadeira de antropologia na Universidade
de Londres 1913-1934. De 1923-1925 foi presidente do (Royal Anthropology
Institute) e foi professor visitante de (Yale University) em 1938.
Sua obra os Melanésios da Bristish Nova Guiné (1910) continua ser
uma fonte básica. Cobrindo todos os aspectos importantes da vida tribal, que
formaram a base para os trabalhos, mais tarde, do britânico eminente
antropólogo Bronislaw Malinowski.

Fontes: www.britannica.com/EBched/topic
www.mnsu.edu/emuseum/information/biography/pqrst/seligman
_charles.html