Você está na página 1de 1

http://www.act.gov.pt/(pt-PT)/Itens/Faqs/Paginas/default.

aspx

1-A realizao de exames ou testes de despistagem da alcoolmia ou da presena de substncias psicoativas no organismo dos trabalhadores encontra a sua justificao na proteo da segurana do trabalhador e de terceiros (art. 19. do Cdigo do Trabalho) e situa-se no mbito da organizao da segurana e sade no trabalho da empresa (art. 15./10 e 73. da Lei n. 102/2009, de 10 de setembro). 2-A realizao de exames ou testes de despistagem da alcoolmia ou da presena de substncias psicoativas no organismo dos trabalhadores encontra a sua justificao na proteo da segurana do trabalhador e de terceiros (art. 19. do Cdigo do Trabalho) e situa-se no mbito da organizao da segurana e sade no trabalho da empresa (art. 15./10 e 73. da Lei n. 102/2009, de 10 de setembro). 3- Devem ser oferecidas garantias de que a atividade de controlo do consumo do lcool no executada de forma discriminatria ou arbitrria. A sua realizao apenas pode ocorrer sob solicitao e/ou responsabilidade do mdico do trabalho (art. 108./1/2, 107. e 103. da Lei n. 102/2009, de 10 de setembro). 4- A recolha e tratamento de dados na realizao de exames ou testes de despistagem da alcoolemia, ainda que de forma no automatizada, enquadram-se na definio da lei sobre a proteo de dados pessoais (art. 2. e 7. da Lei n. 67/98, de 16 de outubro), pelo que o seu tratamento objeto de autorizao pela CNPD Comisso Nacional de Proteo de Dados. 5- No legalmente possvel (art. 349. do Cdigo Civil) estabelecer uma presuno iniludvel, fazendo equivaler a recusa do trabalhador a teste positivo de presena do lcool no organismo. 6- Da eventualidade de deteo de situaes de presena de lcool no organismo poderem resultar consequncias disciplinares, pressupe o conhecimento, caso a caso, do trabalhador dessa possibilidade e que possam ser assegurados os direitos de defesa adequados (art. 329. e 353. e ss. do Cdigo do Trabalho), designadamente a possibilidade de contraprova fivel. 7- No podem resultar encargos de qualquer tipo para o trabalhador em resultado da execuo de medidas controlo do consumo do lcool e de substncias psicoativas no local de trabalho (art. 15./12 da Lei n. 102/2009, de 10 de setembro). 8- Os trabalhadores apenas esto obrigados realizao de exames e testes levados a cabo no mbito da empresa para a qual prestam o seu trabalho, no devendo obedincia a empresas ou entidades terceiras (art. 16. e 17./1-a) d) da Lei n. 102/2009, de 10 de setembro).