Você está na página 1de 17

CURSO DE AUTODESK REVIT – MÓDULO I 1

AUTODESK REVIT®

Opções de importação e de vínculo

Quando você importa ou vincula arquivos para o projeto do Revit, é possível controlar diversos aspectos do
processo, como cores, camadas e posicionamento.

As seguintes opções se aplicam aos formatos de arquivos de CAD vinculados ou importados (nas caixas de
diálogo Importar CAD e Vincular CAD, que são exibidas ao clicar na guia Inserir painel Importar Importar
CAD, ou na guia Inserir painel Vincular Vincular CAD).

Opções de posicionamento também se aplicam a modelos Revit vinculados (quando você clica na guia Inserir
painel Vínculo Vínculo do Revit).

Opção Definição

Somente a vista Importa um desenho do CAD somente para a vista ativa e os elementos se comportam como
atual anotações. Por exemplo, você pode querer que um objeto do AutoCAD apareça somente em
uma vista de planta de piso no Revit e não em uma vista 3D. Esta opção não está disponível
se ao importar em uma vista 3D.

Se estiver usando o compartilhamento de trabalho, a importação pertencerá a um workset da


vista.

Se a opção não for selecionada, a operação de importação irá se comportar como um modelo
de geometria e estará disponível em todas as vistas.

Se estiver usando o compartilhamento de trabalho, a importação pertencerá a um workset do


modelo.

Nota: Se você estiver importando dados de um arquivo de CAD para usar na criação de uma
superfície topográfica, não selecione esta opção pois as informações 3D são necessárias
para criar a superfície topográfica.

Cores

Inverter Inverte as cores de todos os objetos de linha e texto do arquivo importado para as cores
específicas do Revit. As cores escuras de tornam mais claras e as cores claras, mais escuras.
Isto pode aprimorar a legibilidade quando o arquivo estiver no Revit. Esta opção é definida
por padrão.

Preservar Preserva as cores definidas no documento importado.

Preto e branco Importa o documento em preto e branco.

Camadas

Todas Importa ou vincula todas as camadas. As camadas que não são visíveis no vínculo são
desativadas na vista atual no Revit.
CURSO DE AUTODESK REVIT – MÓDULO I 2

Opção Definição

Visível Importa ou vincula somente as camadas visíveis.

Especificar Permite selecionar as camadas e os níveis a serem importados ou vinculados (na caixa de
diálogo que é exibida). As camadas não selecionadas são excluídas.

Se selecionar Visível ou Especificar e estiver vinculando o arquivo, quando for recarregar o


arquivo vinculado posteriormente, serão carregadas somente as camadas selecionadas ou
visíveis vinculadas originalmente. Quaisquer camadas não selecionadas ou não visíveis não
são vinculadas. Se mais tarde desejar que camadas omitidas sejam vinculadas, será
necessário excluir o vínculo e revincular o arquivo.

Dica: Se desejar poder exibir e ocultar camadas conforme necessário, é possível vincular a
todas as camadas e em seguida clicar na guia Vista painel Gráficos Visibilidade/Gráficos
para controlar a visibilidade de diferentes categorias em uma vista. Ou pode-se vincular todas
as camadas e, em seguida, consultar a importação e ocultar uma camada selecionada na
vista ativa.

Unidades de Define explicitamente a unidade de medida para geometria importada. Os valores são
importação Detectar automático, pés, polegadas, metro, decímetro, centímetro, milímetro e Fator de
personalização.

Se especificar Detecção automática para um arquivo do AutoCAD criado em Imperial


(inglesa), o arquivo será importado com pés e polegadas como unidades. Se o arquivo do
AutoCAD foi criado em métrica, o arquivo será importado para o Revit com milímetros como
unidades.

Para arquivos do MicroStation® DGN, o Revit usa a unidade especificada na configuração


de Unidades master. Unidades de pés, polegadas, metros, centímetros, decímetros e
milímetros, são todas suportadas. Se o arquivo DGN tem unidades personalizadas, então a
unidade no Revit padroniza para pés.

Nota: Se importar um arquivo para um projeto com unidades opostas (por exemplo, um
arquivo com métrica para um projeto com Imperial), as unidades no projeto hospedeiro irão
prevalecer. Se o arquivo importado tiver uma unidade personalizada, selecione Fator de
personalização para Importar unidades. Isto ativa a caixa de texto adjacente à lista de seleção
para que seja possível inserir um valor de escala.

Por exemplo, o arquivo tem uma unidade denominada objeto, onde objeto é igual a dez
metros. Ao importar o arquivo, selecione Fator de personalização para Importar unidades e
especifique um valor de 10 na caixa de texto adjacente. Cada unidade do arquivo de origem
é agora igual a 10 metros no arquivo do Revit.

O valor aqui inserido é exibido na propriedade de tipo Fator de escala do símbolo de


importação.

Se as unidades forem conhecidas, será possível escolher Fator de personalização e inserir


um fator de escala. Isto pode aumentar ou diminuir o tamanho dos elementos importados no
Revit.

Posicionamento
CURSO DE AUTODESK REVIT – MÓDULO I 3

Opção Definição

Auto - Centro a O Revit coloca o centro da importação no centro do modelo do Revit. O centro do modelo é
Centro calculado ao encontrar o centro de uma caixa de vinculação em torno do modelo.

Se a maior parte do modelo do Revit não estiver visível, o ponto central pode não estar visível
na vista atual. Para tornar o ponto visível na vista atual, defina o zoom para Efetuar zoom na
vista para caber. Isto centraliza a vista no modelo do Revit.
Auto - Origem a O Revit coloca a origem da coordenada universal da importação na origem interna do projeto
Origem do Revit. Se o objeto importado foi desenhado com uma larga distância de sua origem, ele
pode ser exibido com uma larga distância do modelo. Para testar isto, defina o zoom para
Efetuar zoom na vista para caber.

Auto - Origem para Origem é o posicionamento padrão quando você insere um modelo do
Revit ou do arquivo de CAD. Se você alterar o padrão, a opção selecionada para
Posicionamento se torna o padrão para a sessão atual do Revit. O software lembra de uma
opção padrão para modelos do Revit e outra opção padrão para arquivos de CAD.
Auto - Por O Revit posiciona a geometria importada de acordo com sua posição em relação às
Coordenadas coordenadas compartilhadas entre os 2 arquivos.
Compartilhadas
Se não houver um sistema de coordenadas compartilhadas atual entre os arquivos, o Revit
lhe notificará e usará o posicionamento Auto - Centro a Centro.
Automático - Nota: Este recurso está disponível apenas para os estudantes e para os clientes da Autodesk
Ponto base do Maintenance and Desktop Subscription para as Versões do software Revit 2016.
projeto para
Ponto base do Somente vínculos do Revit: posiciona o vínculo RVT usando o Ponto base do projeto do
projeto modelo como o ponto de inserção e o alinha ao Ponto base do projeto no modelo hospedeiro.

Esta opção posiciona o arquivo vinculado inicialmente, mas não atualiza o posicionamento
se o Ponto base do projeto for alterado. Para reposicionar o vínculo RVT, selecione o modelo
vinculado na área de desenho, clique com o botão direito do mouse, e clique em Mover para
o ponto base do projeto.
Manual - A origem do documento importado é centralizado no cursor.
Origem

Manual - Ponto O ponto de referência do documento importado é centralizado no cursor. Use esta opção
Base somente para arquivos do AutoCAD que tenham um ponto de base definido.

Manual - Centro Define o cursor no centro da geometria importada. É possível arrastar a geometria importada
para a sua posição.

Colocar em Selecione o nível onde colocar o ponto de origem/referência.

Orientar para a Esta opção é útil se o Norte Verdadeiro e Norte do Projeto não estão alinhados no projeto do
vista Revit. Se o Norte Verdadeiro e Norte do Projeto estiverem definidos de forma idêntica no
projeto, então esta opção não afeta a forma com a qual a importação/vínculo está orientada.
O sistema de coordenadas universais (WCS) é utilizado para orientar o arquivo de CAD na
vista.
CURSO DE AUTODESK REVIT – MÓDULO I 4

Opção Definição

Se a vista atual for definida para o Norte Verdadeiro e este estiver rotacionado para fora do
Norte do Projeto, então limpe esta opção para alinhar o arquivo de CAD com o Norte
Verdadeiro. Se você selecionar esta opção, o arquivo de CAD irá alinhar com o Norte do
Projeto, independente da orientação da vista.

Nota: Os arquivos de CAD são sempre importados para a vista atual na direção superior da
vista. O arquivo de CAD é trazido para a vista assumindo que a vista atual seja uma vista de
topo.

Corrigir as Selecionado por padrão, esta opção automaticamente corrige linhas que estão ligeiramente
linhas que estão fora do eixo (menor do que 0,1 grau) e ajuda a evitar problemas com os elementos do Revit
ligeiramente gerados a partir destas linhas. Você pode optar por desmarcar essa opção ao
fora do eixo importar/vincular para plantas de terreno.

Importar ou vincular arquivos CAD

Você pode importar ou vincular dados de vetores de outros programas de CAD para um projeto do Revit.

Os formatos de CAD suportados incluem o AutoCAD (DWG e DXF), MicroStation® (DGN) e Trimble® SketchUp®
(SKP e DWG).

• Guia Inserir painel Importar (Importar CAD).


• Guia Inserir painel Vínculo (Vincular CAD)

Tópicos:

Sobre como importar ou vincular arquivos CAD


Se você tiver projetos existentes criados com outros softwares de CAD, é possível importar ou vincular os
mesmo com um projeto do Revit para usar como um ponto de partida para um modelo de construção.

Sobre a geometria importada


Ao importar um arquivo, o formato de arquivo importado pode dar suporte a diferentes qualidades de
geometria. Essas variações podem ter como causa o tipo do arquivo, as configurações de exportação para
o aplicativo de origem, e as configurações de importação do Revit.

Sobre a importação versus a vinculação para refexs


Antes de usar um arquivo DWG que contenha refexs, considere se você deveria importar ou vincular o
mesmo com um projeto do Revit.

Sobre como importar objetos ACIS


Os objetos ACIS descrevem sólidos ou superfícies recortadas. O Revit suporta a importação de objetos
ACIS contidos em arquivos DWG, DXF e SAT.

Sobre como importar arquivos do Sketchup


Você pode incorporar um projeto do Trimble® SketchUp® em um projeto do Revit para fornecer um ponto
inicial para o modelo de construção.
CURSO DE AUTODESK REVIT – MÓDULO I 5

Importar ou vincular arquivos CAD


Abra um projeto do Revit e use as ferramentas Importar CAD ou Vincular CAD para importar ou vincular
dados de vetores de outros programas de CAD.

Importar arquivos CAD usando o i-drop


O Revit dá suporte ao recurso arrastar-e-soltar i-drop® do Autodesk. Quando objetos i-drop são obtidos de
uma pagina da web com i-drop ativado, o Revit efetua o download do arquivo e o importa como se tivesse
sido obtido de um arquivo local.

Definir o dimensionamento para arquivos DWG e DXF importados


Para arquivos DWG e DXF importados, é possível especificar as unidades de medida para a geometria
importada, e definir um fator de escala para alcançar a escala apropriada para o projeto do Revit.

Definir espessuras de linha para arquivos DWG e DXF importados


Ao importar um arquivo DWG ou DXF, a cada camada do arquivo é atribuída uma espessura de linha
baseada nas configurações de número de caneta/espessura de linha.

Mapear fontes SHX do AutoCAD para fontes TrueType


Ao importar ou vincular desenhos do AutoCAD com um modelo do Revit, você pode mapear as fontes SHK
do AutoCAD SHX para fontes TrueType para que apareçam corretamente no Revit.

Especificar o nível base para a geometria importada


Ao importar a geometria importada em todas as vistas, será possível definir o nível base para a mesma e
especificar um deslocamento de altura daquele nível.

Explodir a geometria importada


Quando se importa um desenho no Revit, estão sendo importados todos os elementos, como blocos e
referências externas (refexs) do desenho. Eles estão todos contidos dentro de um elemento denominado
um símbolo de importação.

Mover uma importação específica da vista para o primeiro plano ou plano de fundo
Você pode mover símbolo de importação específico de vista entre o primeiro plano e o plano de fundo de
uma vista, com relação aos elementos do modelo na vista.

Opções de importação e de vínculo


Quando você importa ou vincula arquivos para o projeto do Revit, é possível controlar diversos aspectos do
processo, como cores, camadas e posicionamento.

Reposicionar um vínculo do Revit


Reposicionar um modelo do Revit vinculado depois que ele for inserido.

Vincular um arquivo de revisão DWF


Você pode exportar uma folha do Revit como um arquivo DWF, marcá-lo eletronicamente, usando um
software como o Autodesk Design Review, e então vincular a revisão de volta para o Revit para visualizar
as alterações desejadas no contexto do projeto.

Modificar uma revisão DWF


Se as revisões foram criadas no Design Review do Autodesk usando suas ferramentas de revisões, você
poderá modificar as propriedades Status e Notas no Revit. Este recurso permite que você adicione
informações à revisão ou mantenha informações sobre seu status.

Importar arquivos SketchUp


Para incorporar um projeto do Trimble® SketchUp®, importe o arquivo SKP em uma família do Revit. A
seguir, carregue a família em um projeto do Revit.
CURSO DE AUTODESK REVIT – MÓDULO I 6

Limitações dos dados do SketchUp importados no Revit


O Revit trata os dados importados do Trimble® SketchUp® como um grande bloco de geometria que resiste
à manipulação. No entanto, é possível alterar as configurações da camada do Trimble® SketchUp® para
aprimorar os resultados.

Camadas em arquivos vinculados e importados

Quando se importa ou vincula um arquivo CAD para um projeto do Revit, pode-se consultar, ocultar, excluir ou
alterar a exibição gráfica de camadas no arquivo.

• Modificar | guia <Nome do arquivo> painel Importar instância (Consulta).

Tópicos:

Consultar objetos nas camadas


Quando se importa ou vincula um arquivo para um projeto do Revit, é possível consultar o arquivo para
obter informações sobre seus objetos.

Ocultar camadas em arquivos de CAD


Ao ocultar camadas em um arquivo importado ou em um arquivo vinculado, as camadas ainda estarão
disponíveis para o projeto do Revit, mas não são exibidas nas vistas.

Excluir camadas em arquivos de CAD


Quando se exclui camadas em um arquivo importado ou em um arquivo vinculado, as camadas não mais
estarão disponíveis para o projeto do Revit. No entanto, eles ainda existem no arquivo CAD original.

Controlar sobreposições gráficas para arquivos vinculados


Quando você altera a exibição gráfica de camadas em um arquivo vinculado, é possível especificar se o
Revit preservará ou descartará as sobreposições gráficas.

Efetuar alterações globais na exibição gráfica de camadas


Quando se importa ou vincula um arquivo para um projeto do Revit, é possível controlar a exibição gráfica
das camadas do arquivo em todas as vistas.

Efetuar alterações específicas da vista na exibição gráfica de camadas


Quando você importa ou vincula um arquivo para um projeto do Revit, é possível controlar a exibição
gráfica de suas camadas em vistas individuais.

Vinculando arquivos do AutoCAD com um projeto

Você pode vincular arquivos do AutoCAD com um projeto para usar os desenhos como subjacências para as
vistas do projeto ou para colocar os desenhos nas folhas que deseja incluir no conjunto de documentação de
construção. Quaisquer alterações no arquivo do AutoCAD vinculado são exibidas no projeto do Revit.

• Guia Inserir painel Vínculo (Vincular CAD)

Por exemplo, a planta de piso a seguir mostra um arquivo vinculado que será usado como uma subjacência para
tracejar e criar paredes estruturais no Revit.
CURSO DE AUTODESK REVIT – MÓDULO I 7

Tópicos:

Sobre como vincular arquivos do AutoCAD


Para manter a conexão entre um arquivo do AutoCAD e um projeto do Revit, vincule o arquivo ao invés de
importá-lo.

Vincular um arquivo do AutoCAD


Vincula um arquivo do AutoCAD com um projeto do Revit quando você deseja manter a conexão entre o
arquivo e o projeto e, portanto, é possível utilizar o arquivo como uma subjacência ou inclui-lo no conjunto
de documentos de construção.

Localização do arquivo vinculado


Sempre que você abre um projeto que está vinculado com um arquivo, o Revit recupera a versão atual
salva do arquivo vinculado. O caminho para o arquivo vinculado é exibido na coluna Caminho salvo, da
caixa de diálogo Gerenciar vínculos.

Importando imagens

É possível importar imagens de raster para o projeto para usar como imagens de plano de fundo ou como auxílios
visuais necessários durante a criação de um modelo. Você também pode inserir imagens importadas em folhas.

• Guia Inserir painel Importar (Imagem)


• Guia Inserir painel Importar (Gerenciar imagens)
CURSO DE AUTODESK REVIT – MÓDULO I 8

Se você deseja colocar imagens em superfícies de um modelo de construção para a renderização (como placas,
pinturas e quadros), utilize decalques.

Tópicos nesta seção

Importar imagens
É possível importar imagens usando a ferramenta Imagem ou arrastando-as e soltando-as a partir do
Windows® Explorer. É possível importar imagens somente para vistas 2D.

Modificar imagens
Você pode modificar imagens importadas utilizando ferramentas (como Rotacionar e Copiar) na guia
Modificar imagens raster. Esta guia é exibida quando você seleciona uma imagem na área de desenho.

Sobre como gerenciar imagens


A caixa de diálogo Gerenciar imagens lista todas as imagens de raster no modelo, incluindo quaisquer
imagens renderizadas que você tenha salvo no modelo. Você também pode utilizar esta caixa de diálogo
para adicionar imagens para o modelo que deseja associar com elementos para fins de tabulação.

Melhores práticas: armazenar arquivos de imagem


Armazene os arquivos de imagens para projetar em uma localização.

Importando componentes de construção

Os componentes de construção manufaturados que são formatados como arquivos Autodesk Exchange (ADSK)
fornecem dados de projeto e conexão que podem ser utilizados para colocar com precisão o componente em um
projeto do Revit.

Estes componentes de construção pode ser projetados em aplicativos mecânicos, como o Autodesk® Inventor®,
e usados no Revit.

• Abrir (Componente de construção).

Tópicos:

Sobre arquivos ADSK de componentes de construção


Você pode importar os componentes de construção como arquivos Autodesk Exchange (ADSK), para
fornecer dados de projeto e conexão em um projeto do Revit.

Sobre como usar componentes de construção


Após abrir um componente de construção no Editor de família ou colocar um componente de construção em
um projeto, é possível utilizar suas informações para aprimorar o modelo de construção de diversas formas.

Melhores práticas: Componentes de construção


Ao trabalhar com componentes de construção, você pode tomar medidas para aprimorar os resultados no
Revit.

Adicionar um componente de construção em um projeto


Para adicionar um componente de construção em um projeto, faça o download de seu arquivo ADSK do
fabricante, abra-o no Revit e a carregue-o em um projeto.
CURSO DE AUTODESK REVIT – MÓDULO I 9

Unidades do projeto

Utilize esta referência para revisar as especificações para a verificação Unidades do projeto.

A verificação de unidades de projeto verifica os tipos de unidade de um projeto.

Visão geral

Descrição: Verifica os tipos de unidade de um projeto.

Critério de avaliação: Verifica os tipos de unidade de um projeto, também


tem uma opção para verificar o valor de
arredondamento para um tipo de unidade especificada.

Limitações: Somente é capaz de ler Unidades de projeto. Limitação


atual para localizar qualquer configuração de unidade,
cota, que tenha sido sobreposta ou alterada
(arredondamento).

Tipos de documentos: Todos

Filtros: Nenhum

Realce: Não

Guia Informações: Nenhum

Correção: Nenhum

Exemplos onde este modelo pode ser usado

• Verificar o valor de arredondamento do comprimento de tipo de unidade.


CURSO DE AUTODESK REVIT – MÓDULO I 10

Detalhes

Opções:

Opção Uso

Tipo de unidade do projeto Tipo de unidade no projeto.

Valores válidos: Nome válidos para as unidades.

Recuperar Recupera o valor válido para o tipo de unidade de


projeto selecionado do projeto.Também preenche o
valor de arredondamento atual.

Verificar valor de arredondamento Selecione para comparar o valor de arredondamento


no projeto.

Valor de arredondamento Valor de arredondamento para o tipo de unidade.


CURSO DE AUTODESK REVIT – MÓDULO I 11

Opções do relatório de aprovação/falha:

Valor(es):

Para acessar, clique com o botão direito do mouse no Editor de mensagens de êxito/falha e selecione
Inserir>>Valor.

Variável reportável Descrição

CheckName Nome da verificação.

CheckResult Resultado da verificação. Passou/Falhou

FilterSize Tamanho do filtro de seleção.

UnitType Tipo de unidade.

SingleValidUnit Unidade válida única para o tipo de unidade.

Arredondamento Valor de arredondamento atual do tipo de unidade.

DesiredRounding Valor de arredondamento desejado do tipo de unidade.

Tabela(s):

Para acessar, clique com o botão direito do mouse no Editor de mensagens de êxito/falha e selecione
Inserir>>Tabela.

Variável reportável Descrição

AllUnitTable Exibe todas as unidade para um projeto.

ValidUnitChoices Exibe somente as escolhas de unidade válidas.

Resultados

Após a verificação ter sido executada e se o critério falhar, será exibida uma mensagem de falha. Se o critério
passar, será exibida uma mensagem de aprovação.
CURSO DE AUTODESK REVIT – MÓDULO I 12

Definir unidades do projeto

Utilize a caixa de diálogo Unidades do projeto para definir unidades do projeto.

1. Clique na guia Gerenciar painel Configurações Unidades do projeto.


2. Na caixa de diálogo Unidades de projeto selecione a disciplina.
3. Clique no valor da coluna Formatar para alterar o valor de exibição para aquele tipo de unidade.

A caixa de diálogo Formatar é exibida.

4. Especifique unidades, se necessário.


5. Para Arredondamento, selecione um valor apropriado. Se selecionar Personalizado, insira um valor na
caixa de texto Incremento de arredondamento.
6. Para o símbolo Unidade, selecione uma opção apropriada na lista.
7. Opcionalmente selecione:
o Suprimir 0's à direita

Quando selecionado, os zeros à direita não são exibidos (por exemplo, 123.400 é exibido como
as 123.4).
CURSO DE AUTODESK REVIT – MÓDULO I 13

o Suprimir 0 pés

Quando selecionado, não é exibido o valor de pé 0, por exemplo, 0’ - 4” é exibido como 4”). Esta
opção está disponível para as unidades Comprimento e Inclinado.

o Exibir + para valores positivos


o Usar agrupamento de dígitos

Quando selecionada, a opção Símbolo decimal/agrupamento de dígitos na caixa de diálogo


Unidades do projeto é aplicada ao valor da unidade.

o Suprimir espaços

Quando selecionado, suprime os espaços em torno de pés e polegadas fracionais (por exemplo,
1’ - 2” é exibido como 1’-2”). Esta opção está disponível para as unidades Comprimento e
Inclinado.

8. Clique em OK.

Alterar a exibição decimal e o agrupamento de dígitos

Utilize a caixa de diálogo Unidades do projeto para alterar a exibição decimal e o agrupamento de dígitos

1. Clique na guia Gerenciar painel Configurações Unidades do projeto.


2. Na caixa de diálogo Unidades de projeto, selecione um valor na lista Símbolo decimal/agrupamento de
dígitos.
3. Na coluna Formatar, clique no botão para a unidade para a qual deseja usar esta configuração.
4. Na caixa de diálogo Formatar, selecione Usar agrupamento de dígitos.
5. Clique duas vezes em OK.

Especificar configurações da cota temporária

Você pode especificar e exibir a colocação de cotas temporárias no desenho.

Você pode selecionar cotas temporárias para:

• medir de linhas centrais de paredes, faces de paredes, centro do núcleo ou faces de núcleo
• medir de linhas centrais de porta e janela ou aberturas de porta e janela

Para especificar as configurações da cota temporária:

1. Clique na guia Gerenciar painel Configurações menu suspenso Configurações adicionais


(Cotas temporárias).
2. Na caixa de diálogo Propriedades da cota temporária, selecione as configurações apropriadas.
3. Clique em OK.

Editar formatos de unidade de legenda

Se você cria uma legenda com parâmetro de comprimento, volume, área, ângulo, número, moeda ou inclinação,
poderá formatar a aparência do parâmetro.

1. Na caixa de diálogo Editar legenda, selecione um comprimento ou parâmetro de área, como a área
Ambiente.
CURSO DE AUTODESK REVIT – MÓDULO I 14

2. Clique em . A caixa de diálogo Formatar é exibida.

A opção Usar configurações do projeto é selecionada por padrão. Isto significa que o valor é exibido de
acordo com a configuração Unidades do projeto.

3. Desmarque Usar as configurações do projeto.


4. No menu Unidades, selecione uma unidade apropriada.
5. No menu Arredondar, selecione um valor de casa decimal. Se você escolher Personalizado no menu,
insira um valor na caixa de texto Incremento de arredondamento.
6. Se aplicável, selecione um Sufixo de unidade no menu.
7. Selecione Suprimir 0 pés para ocultar zeros a direita em cotas, como 0' 6". Esta opção somente está
disponível para pés e polegadas fracionais
8. Clique em OK.

Níveis de detalhe

É possível definir o nível de detalhe para vistas recém criadas com base na escala da vista.

As escalas de vista são organizadas sob os cabeçalhos de nível de detalhe Baixa resolução, Resolução média
ou Alta resolução. Quando você cria uma nova vista em seu projeto e define sua escala de vista, seu nível de
detalhe será automaticamente definido de acordo com a organização na tabela.

Ao predefinir níveis de detalhe, você afeta a exibição da mesma geometria em diferentes escalas de vista.

É possível sobrepor o nível de detalhe a qualquer momento ao definir o parâmetro Nível de detalhe nas
propriedades da vista.
CURSO DE AUTODESK REVIT – MÓDULO I 15

Exemplo

Uma porta personalizada criada no Editor de família pode ser exibida de forma diferente em níveis de detalhe de
baixa resolução, resolução média e alta resolução.

Definir os valores da escala dos níveis de detalhe

Você pode definir valores de escala de nível de detalhe.

1. Clique na guia Gerenciar painel Configurações menu suspenso Configurações adicionais Nível
de detalhamento.

2. Clique em para mover os valores de escala para a direita ou clique em para mover níveis de
detalhe para a esquerda. Você não pode selecionar escalas individualmente; elas somente se movem na
ordem seqüencial.
3. Para retornar para as configurações originais, clique em Padrão.
CURSO DE AUTODESK REVIT – MÓDULO I 16

Especificar o nível de detalhe para uma vista

Utilize os seguintes métodos para especificar o nível de detalhe para uma vista.

Utilize um dos seguintes métodos:

• Clique em uma área vazia na vista. Na paleta Propriedades, em Nível de detalhe, selecione Baixa
resolução, Resolução Média ou Alta resolução.
• Na Barra de controle de vista, na parte inferior da área de desenho, clique no ícone Nível de detalhe e
selecione um opção.

Criar uma forma de elevação

Crie uma forma de elevação a partir de dois ou mais perfis 2D desenhadas em planos de trabalho separados.

Perfis podem ser abertos ou fechados ao se criar geometria elevada.

1. Desenhe um perfil fechado no plano de referência.


2. Selecione um plano de trabalho diferente.
3. Desenhe um novo perfil fechado.
4. Repita as etapas 2 a 3 enquanto mantém cada perfil em um único plano de trabalho.
5. Selecione todos os perfis.

6. Clique em Modificar | guia Linhas painel Forma (Criar forma).


CURSO DE AUTODESK REVIT – MÓDULO I 17

Níveis

Utilize a ferramenta Nível para definir uma altura vertical ou andares em uma construção. Cria-se um nível para
cada andar ou outra referência necessária da construção (por exemplo, primeiro andar, topo da parede ou parte
inferior da fundação).

Para posicionar os níveis, é preciso estar em uma vista de corte ou de elevação. Quando níveis são adicionados,
é possível criar uma vista plana associada.

Um nível é um plano horizontal finito que age como uma referência para elementos hospedados no nível, como
telhados, pisos e forros. É possível alterar a escala de extensão de um nível, para que não seja exibido em
determinadas vistas.

Fonte: http://help.autodesk.com/view/RVT/2016