Você está na página 1de 1

Dados e benchmarks

As avaliações de saúde comunitárias normalmente usam tanto dados primários quanto


secundários para caracterizar a saúde da comunidade:
• Dados primários são coletados em primeira mão por meio de levantamentos,
sessões de audição, entrevistas e observações
• Dados secundários são coletados por outra entidade ou para outra finalidade
• Indicadores são dados secundários que foram analisados e podem ser usados para
comparar as taxas ou tendências de prioridade dos resultados na saúde e
determinantes da comunidade.

Análises de dados e indicadores fornecem informações descritivas sobre características


demográficas e socioeconômicas. Esses dados podem ser usados para monitorar o
progresso e determinar se as ações têm o efeito desejado. Eles também caracterizam
partes importantes do estado de saúde e determinantes da saúde, tais como
comportamentos, ambientes sociais e físicos e uso dos recursos de saúde.

Os indicadores de avaliação da saúde comunitária devem ser


• Metodologicamente adequados (válidos, confiáveis e coletados ao longo do tempo)
• Viáveis (disponíveis ou coletáveis)
• Significativos (relevantes, acionáveis e, de preferência, vinculados a intervenções
baseadas em evidências)
• Importantes (vinculados a cargas de doenças ou disparidades significativas na
comunidade alvo)

As jurisdições devem considerar o uso de dados e indicadores para os menores locais


geográficos possíveis (por exemplo, dados no âmbito de municípios, blocos de censo ou
códigos postais), para melhorar a identificação de lacunas e ativos locais.

AC Source: Esses materiais fazem parte do Domínio Público. Os recursos originais


podem ser encontrados em: https://www.cdc.gov/stltpublichealth/cha/data.html