Você está na página 1de 12

GUIA DE CURSO

ESTATÍSTICA
HISTÓRICO DA INSTITUIÇÃO
FMU / FIAM-FAAM

O Complexo Educacional FMU|FIAM-FAAM engloba o Centro Universitário das Faculdades


Metropolitanas Unidas (FMU) e o FIAM-FAAM Centro Universitário. Há 50 anos é referência na
qualidade de ensino e empregabilidade de seus alunos. Em 2014, passou a integrar a Laureate
International Universities, maior rede internacional de universidades do mundo, que conta com mais
de 70 instituições de ensino e mais de 1 milhão de alunos pelo mundo.
O Centro Universitário FMU tem como missão “Promover educação superior acessível e de excelência
para a formação de profissionais com valores éticos e competências destacadas para o Mundo do
Trabalho cada vez mais globalizado e competitivo e formar cidadãos comprometidos com a construção
de uma sociedade melhor e sustentável. ”
“Ser a maior e melhor IES no seu segmento, promovendo a Empregabilidade e a Inclusão Social”,
resume a sua visão.
Em 2017, conquistou 100 estrelas no Guia do Estudante da Editora Abril e teve 12 de seus cursos
ranqueados entre os cinco melhores de São Paulo pelo RUF – Ranking Universitário da Folha, tendo
destaque para o curso de Educação Física que conquistou o 1º lugar. Entre seus cursos mais
tradicionais e com nota máxima na avaliação do MEC está o programa de Direito, que conta com mais
de 500 egressos aprovados no 17º Exame Nacional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB),
superando a média de aprovação nacional.

SOBRE O CURSO

O curso de Estatística da FMU prepara o aluno para os reais desafios do mercado de trabalho, por meio
de um programa de ensino inovador. Durante os estudos, o estudante terá acesso a técnicas e
conceitos de matemática, lógica, simulação de dados, cálculo de riscos, desenvolvimento de modelos
matemáticos, pesquisas de mercado, mineração de dados, dentre outros conhecimentos da área.

OBJETIVO GERAL DO CURSO

O objetivo do curso de estatística é formar profissionais competentes para atuar nos mais diversos
setores da sociedade contextualizados, para tanto capacita os alunos para:

I – Abordar com proficiência os problemas usuais de sua área de atuação: coleta, organização e síntese
de dados, ajuste de modelos, com base em conhecimentos sólidos e atualizados;

II – Investigar e implementar soluções para problemas novos e interpretar criticamente novos


conhecimentos;

III – Assumir postura ética diante dos fatos.

IV -Em relação às suas inserções institucional, política, geográfica e social;

V – Condições objetivas de oferta e a vocação da estatística;


VI – Formas de implementação da interdisciplinaridade na estatística;

VII – Formas de integração entre teoria e prática;

VIII – Formas de avaliação do ensino e da aprendizagem;

IX – Formas de integração entre graduação e pós-graduação no campo da estatística;

X – Incentivo à investigação, como necessário prolongamento da atividade de ensino e como


instrumento para a iniciação científica. Para alcance destes objetivos o curso conta com um corpo
docente altamente qualificado, formado por professores mestres e doutores. Além disso, todo o
conteúdo do curso é atualizado de acordo com os avanços científicos da área, cumprindo com o
compromisso de oferecer uma formação efetiva e completa.

Diferenciais do Curso
Desde o início do curso, o aluno é incentivado a participar de atividades práticas e
extracurriculares, como palestras, estudos de caso, seminários, mesas redondas e simulações. O que
possibilita desenvolvimento das competências básicas para atuação no mercado de trabalho, conhecer
todas as possibilidades da profissão e vivenciar os reais desafios da sua futura carreira.

 Programa de Monitoria e cursos de Extensão, realizado pelos alunos matriculados em


semestres avançados para auxiliarem os alunos que apresentarem dificuldades de
aprendizagem.
 Atividades de recepção aos alunos, na primeira semana de aula, como: palestras e
confraternização entre alunos calouros e veteranos.
 Aulas em laboratório de informática, utilizados como recurso didático ou na maioria
das disciplinas específicas do curso para atender as demandas de uma sociedade que
necessita de constante mudança.
 Possibilidade de realizar estágio supervisionado na FMU prestando serviço de análise
de dados resultantes das avaliações institucionais.
 A matriz curricular conta com uma ampla base em matemática para fundamentar os
conceitos específicos das disciplinas específicas do curso.

COMPETENCIAS DA ÁREA DE CONHECIMENTO E DO CURSO

Competências Gerais do Egresso da Área de Educação

ELABORAÇÃO DE PROJETOS EDUCACIONAIS - Elaborar, implantar e executar projetos educacionais


que contemplem a diversidade e as inter-relações das distintas esferas do social: cultural, ética,
estética, científica e tecnológica.

ENSINO E TECNOLOGIA - Utilizar as tecnologias educacionais nos processos didático-pedagógicos


oportunizando aprendizagens significativas.

3
GESTÃO DE SALA DE AULA - Gerir o tempo e os recursos em sala de aula visando a eficiência e os
resultados do processo de aprendizagem.

INVESTIGAÇÃO-AÇÃO - Investigar a sua prática docente, a realidade escolar e o contexto em que a


escola está inserida e propor ações tendo como suporte os fundamentos epistemológicos da Educação.

INCLUSÃO E DIVERSIDADE - Promover a inclusão do educando com necessidades físicas, cognitivas e


afetivas nas relações individuais e coletivas do contexto educacional, além das demais diversidades
existentes em nossa sociedade.

PÚBLICO ALVO

O campo de atuação do Bacharel em Estatística é amplo e repleto de oportunidades: poderá ingressar


na indústria, em hospitais e instituições de pesquisa na área da saúde; institutos de pesquisa em geral;
instituições financeiras, empresas de seguros; mercado financeiro; empresas de planejamento;
instituições de ensino; instituições públicas como IBGE, EMBRAPA, INEP, entre outras.

Para tanto, ao término do curso o aluno terá adquirido competência para: I – ter cultura científica: o
trabalho estatístico se inicia pela interação com outros profissionais e, dessa forma, o estatístico deve
estar habilitado a participar ativamente da discussão; para isso, precisa conhecer os fundamentos mais
gerais das áreas com as quais deverá colaborar; II – ter capacidade de expressão e de comunicação; III
– ter conhecimento das formas de planejamento de coleta de dados; IV – ter conhecimento das formas
de medição das variáveis de sua área de atuação e de organização e manipulação dos dados; V – saber
produzir sínteses numéricas e gráficas dos dados, através da construção de índices, mapas e gráficos;
VI – saber usar técnicas de análise e de modelagem estatística; VII – ser capaz de, a partir da análise
dos dados, sugerir mudanças em processos, políticas públicas, instituições etc.; VIII – possuir
capacidade crítica para analisar os conhecimentos adquiridos, assimilar novos conhecimentos
científicos e/ou tecnológicos, além de capacidade de trabalhar em equipe multidisciplinar; IX – ter
habilidades gerenciais.

DISCIPLINAS E EMENTÁRIO

ANÁLISE BAYESIANA DE DADOS


A disciplina introduz à probabilidade. Apresenta a inferência estatística. O Teorema de Bayes. A
inferência Bayesiana. Inferência frequentista. Inferência Bayesiana com errors Gaussiano. Regressão
linear. Regressão não linear. Método de matriz de Fisher. Teste de hipótese. Seleção de modelos.
Métodos numéricos.

ANÁLISE COMBINATÓRIA E PROBABILIDADE


Dedica-se à compreensão do pensamento combinatório e probabilístico. Explora o princípio
fundamental da contagem, arranjos, permutações e combinações, além de números binomiais,
distribuição binomial e probabilidade.

ANÁLISE DE REGRESSÃO
A disciplina aborda a análise de regressão linear simples. Análise de correlação. Extensões do modelo
linear simples: relações não lineares que se tornam lineares por transformação. Aplica a análise de
4
regressão simples não à séries temporais e números - índices. Regressão múltipla. Modelos de
econometria.

ANÁLISE DOS PROCESSOS ESTOCÁSTICOS


A disciplina foca o Processos Estocásticos. Cadeias de Markov. Teoria das Filas. Simulação. Modelagem
de dados em simulação. Validação e Verificação de Modelos. Geração de Números Aleatórios.
Simulação de Monte Carlo.

ANÁLISE ESTATÍSTICA
A disciplina aborda: testes de hipótese nula paramétrico e por reamostragem, verossimilhança
máxima, seleção de modelos e estatística Bayesiana. Aplicação de métodos de regressão linear, análise
variância e de dados categóricos a estudos de caso utilizando estas abordagens.

ANÁLISE MULTIVARIADA DE DADOS


Trata os métodos estatísticos que analisam simultaneamente múltiplas medidas em cada indivíduo ou
objeto sob investigação, sendo as principais técnicas: a análise de agrupamentos, a análise de
componentes principais e a análise fatorial, abordando os seus aspectos metodológicos e suas
aplicações.

ÁLGEBRA LINEAR
Apresenta conceitos de sistemas lineares, espaços vetoriais e determinantes. Analisa as
transformações lineares e dos conceitos de autovalores e autovetores, matrizes e suas aplicações em
outras áreas do conhecimento.

ANTROPOLOGIA E CULTURA BRASILEIRA


Trata da construção do conhecimento antropológico e o objeto da antropologia. Analisa a constituição
da sociedade brasileira em suas dimensões histórica, política e sociocultural; a diversidade da cultura
brasileira e o papel dos grupos indígena, africano e europeu na formação do Brasil. Enfatiza o papel
dos Direitos Humanos.

ATIVIDADES COMPLEMENTARES
Atividades práticas e/ou teóricas, relacionadas ao contexto do curso que contribuem na formação
profissional mais ampla do aluno, envolvendo alternativa ou simultaneamente, produção, pesquisa,
intercâmbio, visitas técnicas, participação em eventos e outras consideradas próprias ao curso.
BIOESTATÍSTICA
A disciplina foca as variáveis, tipos de variáveis, tabelas de freqüências e gráficos. Síntese numérica –
medidas de tendência central, variabilidade e posição. Caracterização estatística das variáveis –
variáveis aleatórias e suas distribuições de probabilidade. População e Amostra. Distribuição de
probabilidade – modelo binomial e modelo de Gauss. Obtenção de faixa de referência.

CONTROLE ESTATÍSTICO DE QUALIDADE


A disciplina introduz e desdobra os fundamentos de controle estatístico de processo. Gráficos de
controle por variáveis. Gráficos de controle por atributos. Capacidade de processo. Gráficos especiais
de controle. Planos de amostragem. Análise do sistema de medição. Melhoria da qualidade do
processo. Delineamento de experimentos.

COMPUTAÇÃO APLICADA

5
A disciplina aborda conceitos básicos sobre computadores, resolução de problemas e desenvolvimento
de algoritmos. Desenvolve programas com tipo de dados simples. Realiza modularização de programas
e tipos de dados compostos e programação com linguagem estruturada.

COMUNICAÇÃO
Estuda o processo comunicativo em diferentes contextos sociais. Discute o uso de elementos
linguísticos adequados às peculiaridades de cada tipo de texto e situação comunicativa. Identifica e
reflete sobre as estratégias linguístico-textuais em gêneros diversificados da oralidade e da escrita.

DESAFIOS CONTEMPORÂNEOS
Estuda temas relevantes da contemporaneidade como o processo de construção da cidadania e suas
respectivas interfaces com os direitos humanos, ética e diversidade. Analisa as interferências
antrópicas no meio ambiente e discute o desenvolvimento sustentável e o impacto das inovações
tecnológicas. Aborda ainda tendências e diretrizes sociopolíticas, e questões de responsabilidade
social e justiça.

EMPRENDEDORISMO
Apresenta a importância do empreendedorismo para o desenvolvimento, bem como os seus conceitos
de e evolução histórica. Descreve o empreendedorismo como competência sócio emocional e as
características do Comportamento Empreendedor como criatividade, empreendedorismo e inovação.
Demonstra a ação empreendedora nos âmbitos corporativo, social e na criação de Novos Negócios.

EQUAÇÕES ALGÉBRICAS
Discorre sobre álgebra e aritmética, álgebra e matemática, e a linguagem algébrica. Estuda números
complexos, polinômios, fatoração, radiciação e potenciação. Dedica-se à equações, suas propriedades
e resolução.

ESTATÍSTICA APLICADA À ECONOMIA


A disciplina aborda os elementos fundamentais de Estatística Descritiva. Modelos de precificação.
Modelos de Fraudes. Modelos para Dados Discretos Longitudinais. Modelos para Dados Binários
Multivariados na Presença de Covariáveis. Modelos de Múltiplos Riscos. Modelos de Riscos Estendidos.
Modelos de longa duração

ESTATÍSTICA DESCRITIVA
Estuda conceitos necessários à análise exploratória de dados, variáveis aleatórias discretas e contínuas,
análise bidimensional e distribuição de probabilidade. Explora a proposição de situações-problema
para construção da aprendizagem significativa.

FUNÇÕES DE VÁRIAS VARIÁVEIS REAIS


A disciplina aborda as funções reais de várias variáveis. Estuda os conceitos de limites e continuidades,
derivadas parciais e integrais duplas e triplas, domínio e gráficos de funções de duas variáveis, limite e
continuidade. Explora aplicações desses conceitos em várias áreas do conhecimento.

FUNÇÕES EXPONENCIAIS E TRIGONOMÉTRICAS


A disciplina estuda as funções exponenciais, logarítmicas e trigonométricas em diversas
representações. Discute a importância e as aplicações desses modelos em outras ciências ou áreas,
explorando situações-problema e construção da aprendizagem significativa.

FUNÇÕES POLINOMIAIS DE VARIÁVEL REAL

6
A disciplina aborda os conceitos relacionados ao conjunto dos números reais e das funções polinomiais
de uma variável real, e a derivada de funções reais de uma variável real. Realiza cálculos e explora suas
aplicações.

FUNDAMENTOS DA TEORIA DAS PROBABILIDADES


A disciplina foca em experimentos aleatórios e espaços amostrais. Fundamentos da probabilidade.
Probabilidade condicionada. Teorema da probabilidade total. Teorema de Bayes. Independência.
Variáveis aleatórias unidimensionais e bidimensionais discretas e contínuas.

INFERÊNCIA BAYESIANA
A disciplina calcula a probabilidade de cada hipótese, considerando-se os dados. Faz previsões de
acordo com as hipóteses. Pondera suas probabilidades. Aprendizagem é reduzida à inferência
probabilística.

INFERÊNCIA ESTATÍSTICA
Estuda estimadores, intervalo de confiança com variância conhecida ou não, intervalos de confiança
com variância desconhecida e amostra pequena, intervalos de confiança para proporção. Aborda ainda
testes de hipóteses de uma ou entre duas populações.

INTEGRAIS
A disciplina apresenta estudos sobre a origem das integrais, as técnicas de integração e discute a
relevância do cálculo integral em outras áreas do conhecimento e em diferentes contextos articulados.

INTRODUÇÃO AO BANCO DE DADOS PARA A ESTATÍSTICA


A disciplina aborda análise estatística de grandes bancos de dados. Tratamento de dados para os
processos de Data Mining. O Processo de descoberta de conhecimento em bancos de dados. Data
Mining, suas principais funcionalidades, técnicas e algoritmos. Classificação de Dados. Árvores de
Decisão. Regressão Logística. Segmentação e Análise de Cluster.

LABORATÓRIO DE ESTATÍSTICA APLICADA


Estuda as técnicas abordadas ou não durante o curso. Desenvolve a habilidade para identificar as
técnicas adequadas à análise de conjuntos de dados e suas possíveis limitações. Envolve a elaboração
de relatórios técnicos descrevendo as análises de problemas reais, além de apresentações desses
relatórios em diferentes formatos.

LABORATÓRIOS DE COMPUTAÇÃO E SIMULAÇÃO


A disciplina trata de aplicações especificas de simulação. Geração de números aleatórios. Problemas
de filas. Técnicas de redução de variância. Introdução a uma linguagem de simulação

LIMITES E DERIVADAS
Estuda o cálculo infinitesimal e suas origens históricas. Discorre sobre o conceito de derivada, técnicas
de derivações e suas aplicações na matemática e em outras ciências. Articula a fundamentação teórica
com a resolução de situações-problema do cotidiano.

MATEMÁTICA FINANCEIRA
Introduz os derivativos e o modelo binomial de precificação. Estuda a probabilidade em espaços finitos,
variáveis aleatórias, esperança, esperança condicional, Martingais e processos de Markov com
aplicações em finanças. Examina troca da medida, teorema de Radon-Nikodin, tempo de parada,
passeios aleatórios, princípio da reflexão e aplicações em finanças, além de modelos de taxas de juros.

7
METODOLOGIA CIENTÍFICA
A disciplina discute o conhecimento e o método científico. O enfoque recai nas etapas de pesquisa
científica e as normas de apresentação de trabalhos acadêmicos. Versa ainda sobre os gêneros textuais
científicos e aspectos éticos na pesquisa.

MÉTODOS COMPUTACIONAIS
A disciplina aborda as características de algoritmos: notação e estrutura; computadores: instruções,
unidades básicas, programação em linguagem de máquina. Discute conceitos de linguagens
algorítmicas: expressões, comandos sequenciais, seletivos e repetitivos, bem como entrada e saída de
variáveis estruturadas.

PESQUISA OPERACIONAL
A disciplina enfoca a modelagem matemática presente na pesquisa operacional. Percorre desde
programação linear, algoritmo simplex, Solver (Excel), passando pela teoria da dualidade e análise de
sensibilidade, programação dinâmica, programação não-linear e modelos de otimização em Redes; e
chegando a análise de decisão e teoria dos jogos.

PROCESSOS ESTOCÁSTICOS
A disciplina aborda os processos Estocásticos. Cadeias de Markov Discretas. Cadeias de Markov
Contínuas. Introdução à Teoria das Filas.

TEORIA DAS PROBABILIDADES


A disciplina foca elementos de Análise Combinatória. Conceitos básicos de Probabilidade.
Probabilidade Condicional. Independência de eventos. Variáveis Aleatórias Discretas. Modelos
Discretos de Probabilidade: Esperança, Variância, Distribuição Binomial, de Poisson e Outras.
Introdução à Variável Aleatória Contínua: Distribuição Normal.

TÓPICOS AVANÇADOS EM INFERÊNCIA ESTATÍSTICA


A disciplina trata da formulação de um modelo estatístico. Métodos de Estimação. Propriedades dos
Estimadores. Intervalos de Confiança. Estatísticas Suficientes. Famílias exponenciais.

TRABALHO DE CONCLUSÁO DE CURSO


Elabora um projeto de pesquisa científico contendo: título, introdução, objetivo, metodologia,
cronograma de aplicação e bibliografia, fazer a revisão bibliográfica sobre o assunto e, apresentar os
resultados preliminares para uma banca.

TÓPICOS ESPECIAIS INTEGRADORES


Analisa os tópicos emergentes da educação e requisitos para a inserção do docente no mercado de
trabalho. Enfoca produção acadêmica organizada sob a forma de Ensaio sobre determinado tema,
problematizado à luz dos estudos e práticas relacionados à área.

ESTÁGIO SUPERVISIONADO I
ESTÁGIO SUPERVISIONADO II
OPTATIVA

8
FREQUÊNCIA

A avaliação do desempenho escolar, além do aproveitamento, abrange aspectos de frequência. A


Instituição adota como critério para aprovação a frequência mínima de 75% da carga horária total da
disciplina. O estudante que ultrapassar esse limite está automaticamente reprovado na disciplina. Nas
disciplinas e cursos a distância a frequência é apurada a partir da completude das atividades propostas
no ambiente de aprendizagem e seguem o mesmo critério para aprovação.

FACULDADE METROPOLITANAS UNIDAS

Você, estudante, é parte integrante da comunidade acadêmica da Faculdade Metropolitanas Unidas


e pode desfrutar de toda a infraestrutura que a Instituição oferece.

São diversos campi com instalações modernas, laboratórios de última geração, bibliotecas com acervo
abundante, além de outros diferenciais.

 Campus São Bernardo do Campo - Rua Marechal Deodoro, 1805 - Centro, São Bernardo do Campo –
SP.

 Campus Ponte Estaiada -Rua Ministro Nélson Hungria, 541 - Vila Tramontano, São Paulo - SP.

 Campus Itaim Bibi-R. Iguatemi, 306 - Itaim Bibi, São Paulo.

 Campus Ana Rosa - Rua Vergueiro, 2009 - Vila Mariana, São Paulo - SP.

 Campus Centro de Pós-Graduação -Rua Vergueiro, 107 - Liberdade, São Paulo - SP.

 Campus Vila Mariana I- Unidade FMU FAAM - Avenida Lins de Vasconcelos, 3406 - Vila Mariana, São
Paulo - SP.

 Campus Vila Mariana II - Rua Agostinho Rodrigues Filho, 201 - Vila Clementino, São Paulo - SP.

 Campus Santo Amaro - Av. Santo Amaro, 1239 - Vila Nova Conceição, São Paulo – SP.

 Campus Morumbi - Av. Morumbi, 501 - Morumbi, São Paulo – SP.

 Campus Liberdade - Avenida da Liberdade, 899 - Liberdade, São Paulo – SP.

9
10
11
12