Você está na página 1de 63

LIGHT DAY

PRESIDÊNCIA E RI
100% Integrada Light SESA
Distribuição | 28.012 GWh de 2ª mais complexa 78.005 km
mercado faturado (LTM)
concessão do Brasil de rede
Geração | 1,2 GW em ativos
Comercialização | 738 MWm (LTM) 4º maior sistema 72.238 km
subterrâneo aérea

LIGHT
reticulado do mundo
BRR Líquida 5.767 km
subterrânea
Aprox. R$10 bi: 3ª em receita do
2ª maior do Brasil fornecimento

S.A. PIB
Área de concessão concentrada
5ª em consumo
de energia
no estado do Rio de Janeiro:
2º maior do Brasil Light Energia
UHE
Fontes Nova 132 MW
População e PCH Lajes 18 MW
Capacidade UHE
2ª maior população do Brasil
instalada Nilo Peçanha 380 MW
UHE
Santa Branca UHE
Área de concessão 56 MW Pereira Passos 100 MW
concentrada
4,4 mm de clientes (6ª maior do Brasil)
RJ Rio
+11 mm de pessoas atendidas Paraíba
do Sul

Força de trabalho SP
UHE
12.024 empregados Ilha dos
4.700 próprios e 7.324 terceiros Pombos 187 MW
Guanhães (22 MW, 51% Light)
Paracambi (13 MW, 51% Light)
Belo Monte (280 MW, 2,5% Light)
TIME DE
EXECUTIVOS
Presidência e Relações com Investidores
Ana Marta Veloso
TOTALMENTE
COMPROMETIDOS
COM A ENTREGA
DE RESULTADOS
PARA A LIGHT
Diretoria de Diretoria Diretoria de Finanças Diretoria de Energia Diretoria de Gestão
Engenharia Comercial e Participações e Comercialização Empresarial

106 Marcus Pimenta Dalmer Souza Roberto Barroso Alessandra Amaral Claudio Bernardo
próprios

20
terceiros

Superintendência Superintendência Superintendência Ouvidoria Superintendência


de Relações com de Regulação de Auditoria, Riscos Aderson de Comunicação
Investidores Angela Gomes e Compliance Andrade Jr. Empresarial
Rodrigo Vilela Márcio Pitzer
REALIZAÇÕES
7 meses da nova gestão

Follow-on Liability management Desinvestimentos


Executado em 45 dias Redução efetiva do de ativos non-core
Captação de R$1,8 bi custo da dívida Renova...

Nova diretoria
Mix entre mercado e Turnaround da Novo Conselho
talentos internos Distribuidora de Administração
Perda, contingências e PMSO

Stock options
Aprovado em jul/19
Diretoria e parte dos
superintendentes
(4 anos + 1 ano @ R$20,54)
FOLLOW-ON Destaques Base acionária pulverizada
Alinhamento de longo prazo dos
JUL/19 executivos
Melhor Governança Corporativa
Aumento da liquidez das ações

ANTES DO FOLLOW-ON DEPOIS DO FOLLOW-ON

CEMIG BNDESPAR Demais acionistas

22,6% 6,3% 71,1%


CEMIG BNDESPAR Demais acionistas
49,99% 9,4% 40,6%

Light uma True Corporation


TURNAROUND
focado na atividade de distribuição

Combate Liability Desinvestimento


à perda management em ativos non-core

Controle e Controle e queda Cultura de


redução das do PMSO e empresa
contingências priorização do privada focada
CAPEX em resultados
TRANSFORMAÇÃO
CULTURAL Sinergia Pragmatismo Confiança Autonomia
Colaboração Determinação CORAGEM
Simplicidade Treinamento Excelência Alegria
Cultura interna de “senso de dono”,
com base na meritocracia, focada em Paixão pelo trabalho Resiliência
segurança, ética e resultados
sustentáveis INTEGRAÇÃO Foco no cliente

NOSSA VISÃO Ser a melhor empresa de energia do Brasil


UM NOVO CONSELHO
DE ADMINISTRAÇÃO Independência Profissionais Experiências
e agilidade de mercado complementares
REFLETINDO A ATUAL ESTRUTURA para tomada para impulsionar
ACIONÁRIA PULVERIZADA de decisões o turnaround
da Light

Antônio Junqueira Carlos Parcias Jr. Carlos Marcio Ferreira Patrícia Bentes

David Zylbersztajn Octávio Pereira Lopes Ivan Monteiro Ricardo Reisen Carlos Cruz
LIGHT DAY
DIRETORIA COMERCIAL
Diretoria Superintendência Superintendência de Recuperação
Comercial Comercial de Energia e Arrecadação
Dalmer Souza Rodrigo Raposo André Barata

Gerência de Faturamento Gerência de Recuperação de Energia AT/MT/BTI


Gerência de Grandes Clientes Gerência de Planejamento e Recuperação Energia
Gerência de Serviço ao Cliente Gerência de Planejamento de Recuperação de Receita
1.754 Gerência de Gestão de Litígios Gerência de Gestão Comercial
próprios Comerciais
Gerência Comercial Centro-Sul

Regionais
Gerência Comercial Leste
3.967 Gerência Comercial Oeste
terceiros
Gerência Comercial Baixada/Vale
EVOLUÇÃO DA

PERDA
TOTAL 12 meses,
GWh

9.739 9.737
8.529 8.827 9.153
8.189 8.392
8.004 8.004

26,72% 26,76%
25,42% 25,56% 25,51% 25,86% 25,97%
25,02% 24,80%

24,49% 25,76% 25,93% Gap


23,95%
22,00% 21,92% 22,72% 22,98% 23,15% 6,3 p.p.
20,62% 20,62% 20,62% 20,62%
19,89% 19,89% 19,62% 19,62% 19,62%

set/17 dez/17 mar/18 jun/18 set/18 dez/18 mar/19 jun/19 set/19


Perda Perda / Carga Fio (%) Patamar Regulatório Perda Total sem REN / Carga Fio (%)
ALAVANCAS
DO PLANO
Cortados e inativos Inspeções e
regularizações

Substituição de PLANO DE
medidores e Blindagem
regularização de REDUÇÃO DE PERDA de rede
clandestinos

Balanço Perda
energético
Foco na
administrativa
incorporação
de energia

Novas Iluminação
tecnologias Pública
Maior índice de acerto
Atualização do software de inteligência para definição
dos alvos de inspeção (revenue intelligence)
Acompanhamento real time das inspeções de campo
possibilitando correções quando necessário
(monitoramento, backoffice)
136 GWh | 1,4%
da perda da Light
Barra do Piraí
Três Rios
Volta Redonda

2,0% de perda Nova Iguaçu

% PERDA

/
na regional
Duque de Caxias
Belford Roxo
Vale do Paraíba 43,6%
TOTAL de perda na São João de Meriti

CARGA
regional
3.108 GWh | 31,9%
da perda da Light
Baixada
FIO Penha
Méier
(12 meses) Cascadura
37,2% Ilha do Governador
de perda na
9.737 GWh 25,93% Leste regional 2.507 GWh | 25,8%
da perda da Light
Perda total Perda total / Oeste
(set/19) Carga fio
916 GWh | 9,4%
da perda da Light
34,4% 11,6%
de perda na Centro Sul de perda na Zona Sul
7.174 GWh 46% regional regional Centro
Jacarepaguá Tijuca
Perda não-técnica em área possível
Bangu Barra da Tijuca
(set/19)
54% Campo Grande Recreio
Santa Cruz
em área de risco
3.070 GWh | 31,5%
da perda da Light
Principais Ofensores

BAIXADA
da Área Possível
Convencional: 137 mil Estimativa de
Perda total 3.108 GWh
Estoque
de cortados 273 mil APZ: 136 mil perda: 688 GWh
clientes
Perda total/Cfio 43,6%
31,9% da perda da Light Clandestinos: 55 mil Estimativa de
Clandestinos, alvos*
e inativos 187 mil Indícios: 103 mil
Inativos: 29 mil
perda: 274 GWh
1,1 milhão de clientes clientes

Convencional: 106 mil Estimativa de


Área de risco | 283 mil clientes
Faturamento pelo
mínimo e/ou estimativa 151 mil APZ: 45 mil perda: 254 GWh
clientes
Perda total 1.335 GWh
Perda total/Cfio 77,2%
Plano de Ação
Área possível | 817 mil clientes Dar sequência ao programa Realizar ações convencionais
para reduzir o estoque em clientes comerciais e
Perda total 1.773 GWh de cortados e recuperar residenciais com maior consumo
o mercado
Perda total/Cfio 26,6%
Realizar blindagem Reduzir o percentual de
de rede clientes faturados por
mínimo ou média
* Alvos são direcionadores de atividades de campo detectados de forma autônoma pelo sistema de
inteligência artificial da Light (ex: redução relevante do consumo histórico, consumo regular por
tempo prolongado e também denúncias de irregularidades e comentários dos leituristas)
Principais Ofensores

OESTE
da Área Possível
Clandestinos: 54 mil Estimativa de
Perda total 3.070 GWh
Clandestinos, alvos*
e inativos 380 mil Indícios: 289 mil
Inativos: 37 mil
perda: 648 GWh
clientes
Perda total/Cfio 34,4%
31,5% da perda da Light Convencional: 111 mil Estimativa de
Estoque
de cortados 146 mil APZ: 34 mil perda: 420 GWh
1 milhão de clientes clientes

Convencional: 159 mil Estimativa de


Área de risco | 143 mil clientes
Faturamento pelo
mínimo e/ou estimativa 201 mil APZ: 42 mil perda: 362 GWh
clientes
Perda total 958 GWh
Perda total/Cfio 82,5%
Plano de Ação
Área possível | 857 mil clientes Ações convencionais Reduzir o estoque Regularizar
inteligentes em clientes de cortados e condomínios
Perda total 2.112 GWh comerciais e residenciais recuperar o mercado clandestinos
28,3% com maior consumo
Perda total/Cfio
Reduzir o percentual
de clientes faturados Blindagem de
por mínimo ou média rede

* Alvos são direcionadores de atividades de campo detectados de forma autônoma pelo sistema de
inteligência artificial da Light (ex: redução relevante do consumo histórico, consumo regular por
tempo prolongado e também denúncias de irregularidades e comentários dos leituristas)
Principais Ofensores

LESTE
da Área Possível
Clandestinos: 44 mil Estimativa de
Perda total 2.507 GWh
Clandestinos, alvos*
e inativos 335 mil Indícios: 268 mil
Inativos: 23 mil
perda: 544 GWh
clientes
Perda total/Cfio 37,2%
25,8% da perda da Light Convencional: 65 mil Estimativa de
Estoque
de cortados 81 mil APZ: 16 mil perda: 233 GWh
894 mil clientes clientes

Convencional: 114 mil Estimativa de


Área de risco | 194 mil clientes
Faturamento pelo
mínimo e/ou estimativa 130 mil APZ: 16 mil perda: 197 GWh
clientes
Perda total 1.035 GWh
Perda total/Cfio 88,3%
Plano de Ação
Área possível | 700 mil clientes Ações Reduzir o estoque Reduzir o
convencionais de cortados e percentual de
Perda total 1.472 GWh inteligentes em recuperar clientes
clientes comerciais o mercado faturados por
Perda total/Cfio 25,4% mínimo
e residenciais com
maior consumo ou média

* Alvos são direcionadores de atividades de campo detectados de forma autônoma pelo sistema de
inteligência artificial da Light (ex: redução relevante do consumo histórico, consumo regular por
tempo prolongado e também denúncias de irregularidades e comentários dos leituristas)
CENTRO Principais Ofensores
da Área Possível
SUL Estoque
de cortados 54 mil Convencional: 40 mil
APZ: 14 mil
Estimativa de
perda: 97 GWh
Perda total 916 GWh
clientes
Perda total/Cfio 11,6%
9,4% da perda da Light Convencional: 130 mil Estimativa de
Faturamento pelo
mínimo e/ou estimativa 154 mil APZ: 24 mil perda: 74 GWh
882 mil clientes clientes

Clandestinos: 20 mil Estimativa de


Área de risco | 101 mil clientes Clandestinos, alvos*
e inativos 50 mil Indícios: 26 mil
Inativos: 4 mil
perda: 65 GWh
clientes
Perda total 342 GWh
Perda total/Cfio 81,9%
Plano de Ação
Área possível | 781 mil clientes Reduzir o percentual de Ações convencionais
clientes faturados por mínimo inteligentes aliadas a
Perda total 574 GWh ou média (gestão para leitura tecnologias de medição
real e Capex em telemedição) individual e coletivas
Perda total/Cfio 6,9%
Regularizar condomínios Substituição de medidores antigos
clandestinos

* Alvos são direcionadores de atividades de campo detectados de forma autônoma pelo sistema de
inteligência artificial da Light (ex: redução relevante do consumo histórico, consumo regular por
tempo prolongado e também denúncias de irregularidades e comentários dos leituristas)
VALE DO Principais Ofensores
da Área Possível
PARAÍBA Estoque
de cortados 16 mil Convencional: 16 mil
APZ: 0
Estimativa de
perda: 17 GWh
Perda total 136 GWh
clientes
Perda total/Cfio 2,0%
1,4% da perda da Light Convencional: 65 mil Estimativa de
Faturamento pelo
mínimo e/ou estimativa 65 mil APZ: 0 perda: 15 GWh
468 mil clientes clientes

Clandestinos: 0,7 mil Estimativa de


Área de risco | 0 cliente Clandestinos, alvos*
e inativos 9 mil Indícios: 7 mil
Inativos: 1 mil
perda: 3 GWh
clientes
Perda total 0 GWh
Perda total/Cfio 0%
Plano de Ação
Área possível | 468 mil clientes Ações convencionais Inspeções para manutenção
inteligentes em clientes de clientes na formalidade
Perda total 136 GWh comerciais e residenciais
2,0% com maior consumo
Perda total/Cfio

* Alvos são direcionadores de atividades de campo detectados de forma autônoma pelo sistema de
inteligência artificial da Light (ex: redução relevante do consumo histórico, consumo regular por
tempo prolongado e também denúncias de irregularidades e comentários dos leituristas)
A T U A Ç Ã O N A
ÁREA POSSÍVEL
Perda total / Carga Fio (%)
29,2 29,3
30,7
25,9 26,7
21,1
16,8 17,3 17,4
13,6 13,7 13,9 14,8
12,2 12,2 12,6 12,6 12,7
8,2 8,7 8,9 9,5 9,7 9,8 9,9 9,9
7,7 7,8

Turnaround de distribuidoras
Perda total / Carga Fio (%)
29% 36%
29%
21%
17%
12%

2008 2013 2013 2019 2013 2019


DIVULGAÇÃO NA

MÍDIA
E APOIO DA POLÍCIA CIVIL
DIVULGAÇÃO NA

MÍDIA
E APOIO DA POLÍCIA CIVIL
BLINDAGEM
DE REDE
DESAFIOS AÇÕES
Investir em rede Alteração na topologia
blindada onde a medição de rede dificultando
já foi modernizada o acesso à rede BT

Regularizar clientes Ações educativas


e recuperar mercado
Eficiência energética
(substituição de lâmpadas
DIAGNÓSTICO e geladeiras)
Rede elétrica vulnerável Cadastro de clientes
em áreas de telemedição na Tarifa Social
Perda alta
Dívida comercial elevada
Baixa presença
do Poder Público
Renda
moderada
SUBSTITUIÇÃO DE

MEDIDORES
Trifásicos Ponteiro
DIAGNÓSTICO  Medição incorreta nos meses mais  Medição incorreta por tempo de vida útil
quentes do ano  Consumo médio real (12 meses): 200 kWh
 Consumo médio real no verão: 500 kWh  Registro até 5,5% a menos com relação
 Registro até 25% a menos com relação ao consumo real
ao consumo real  Ocorrência em até 643 mil medidores,
 Ocorrência em até 160 mil medidores, localizados em áreas possíveis
localizados em áreas possíveis

PLANO  Troca de 58 mil medidores em 2020  Troca de 14 mil medidores em 2020


DE AÇÃO  Priorização das regionais de maior  Priorização das regionais de maior
retorno / incorporação de energia retorno / incorporação de energia

PRIMEIRAS  Localização: Regional Centro Sul  Localização: Regional Centro Sul


MEDIDAS  Medidores substituídos: +3 mil  Medidores substituídos: +1,6 mil
REGULARIZAÇÃO Vargem Grande

D E I N S TA L A Ç Õ E S

CLANDESTINAS
(Regionais Oeste e Centro Sul)

Utilizar o sistema de cadastro


da rede para identificar
construções sem rede
elétrica
Regularizar ligações
clandestinas em condomínios
e construções “irregulares”
Redução de perdas focando
na incorporação de energia
Melhoria na Gestão de Processos e Recursos
Acompanhamento dos serviços de campo por executivos e especialistas

REESTRUTURAÇÃO Melhor planejamento


para inspeções em campo
DO PROCESSO DE
INSPEÇÃO Qualificação das
equipes operacionais

DOS CLIENTES Primarização de 150 equipes


(30% da equipes de combate
a perda no varejo BT) até jan/20
Qualificação das equipes
Descentralização da gestão
da área comercial com a criação
Avaliação dos times de combate a perda
dos Centros de Gestão de Serviços
INVESTIMENTO
EM TECNOLOGIA
DE CONTROLE E MEDIÇÃO
PA R A O T I M I Z A Ç Ã O D O S Plataforma
mobile para
PROCESSOS COMERCIAIS registro online
dos serviços
Centros de Gestão de Serviços Roteirização e executados no
implantados nas 4 regionais monitoramento campo
pelo Routeasy
Demanda
mais concentrada
menos deslocamento

Sistema de
acompanhamento
e controle
em tempo
real no CGS
LIGHT DAY
DIRETORIA DE ENGENHARIA
Marcus Pimenta

Diretoria de Leonardo Brito Daniel Negreiros Sergio Ricardo


Engenharia
Superintendência Superintendência Superintendência de
de Distribuição de Alta Tensão Serviços de Campo
2.109
próprios Gerência de Engenharia e Gerência de Projeto Gerência de Operação do
Planejamento do Sistema e Construção AT Sistema
Gerência de Planejamento Gerência de Manutenção Gerência de Subterrâneo
1.936 da Manutenção e
Qualidade do Serviço
e Operação AT
Leste / Centro Sul Gerência Vale

Regional
terceiros Gerência de Tecnologia, Gerência de Manutenção Gerência Baixada
Medição e Automação e Operação AT Gerência Centro Sul
Oeste / Baixada / Vale
Gerência de Gestão e Gerência Leste
Excelência Operacional
Gerência Oeste
Turnaround DEC (12 meses, set/19)
na área de
Engenharia 9,07
8,99 8,88 8,73 8,54 8,39 8,23 8,14 8,02 7,84

18,54 12,35 12,59 11,44 9,07 7,76 8,4


2013 2014 2015 2016 2017 2018 9M19 2020 2021 2022

Meta Regulatória
Benefício com a
diminuição do DEC/FEC FEC (12 meses, set/19)
Redução da compensação
7,01
financeira e reconhecimento 6,87 6,64 6,44 6,09 6,05 5,73 5,4 5,25 4,81
no fator Xq
8,38 6,6 6,41 6 5,13 4,38 4,36
2013 2014 2015 2016 2017 2018 9M19 2020 2021 2022

Meta Regulatória
Volume de investimentos
da área de Engenharia estável

Estratégias
Investimentos estruturantes para atender a
grandes eventos
R$ mm

Investimentos no Plano de Resultados da Aneel,


556 incluindo redução do DEC/FEC
487
436 Continuidade do plano de modernização da rede
406 406 405
369 subterrânea

Expansão da rede de distribuição e fornecimento


de energia para novos clientes

Modernização e renovação dos ativos de alta


tensão

2013 2014 2015 2016 2017 2018 9M19


Mudança de cultura na área
de Engenharia
Escolha do melhor time: Pessoas com
brilho nos olhos e motivadas

Quebra de paradigmas

Motivação e liderança para vitória:


Comemoração de conquistas

Círculo virtuoso de melhoria contínua

Primarização com foco em aumento de


produtividade

Redução do Opex
Ranking de Qualidade

5º DEC 2º FEC
VISÃO FUTURA
Pessoas Clientes Acionistas Investimentos
Ambiente seguro, Satisfação e Plano estratégico Plano de Resultados da
saudável e feliz encantamento sustentável Distribuição (3º Ciclo)
Investimentos prudentes
Propósito e exemplo Bem-estar Eficiência Operacional com foco na redução de Opex

Redução das compensações


Mobilizar e Empatia Sinergia com a área
reconhecer: comercial para redução financeiras
Intensificação de ações
Meritocracia Cooperar para o de perda de planejamento e aplicação
desenvolvimento de sistemas de controle
Engajar parceiros socioeconômico com Potencialização do
compartilhando responsabilidade investimento Projetos da alta tensão
Plano de Renovação de Ativos
resultados ambiental
Visão única Geração de Valor Rede subterrânea
do negócio Modernização das redes, priorizando a
renovação de ativos
LIGHT DAY
D I R E T O R I A D E F I N A N Ç A S E D E PA R T I C I PA Ç Õ E S
DIRETORIA DE
FINANÇAS E DE
PARTICIPAÇÕES
81 funcionários Roberto Barroso

Eduardo Righi Gustavo Werneck Eduardo Coelho Luciano Molter

Superintendência de Superintendência Superintendência de Braslight


Controladoria e de Finanças Planejamento e
Participações Gestão
Gerência de Operações
Gerência de Financeiras e Seguros Gerência de
Contabilidade Planejamento Financeiro
Gerência de
Gerência Tesouraria
Tributária Gerência de Gestão
Orçamentária
Gerência de Base
de Remuneração
FOLLOW-ON Destaques R$1,8 bi de recursos para a Companhia

Alívio da pressão do alto endividamento


JUL/19
Redução da exposição a dívidas caras
refletindo num perfil de dívida mais saudável

Impactos positivos no rating da Companhia

Acesso mais rápido/amplo aos mercados de


capitais e aprimoramento na tomada de decisão

ANTES DO FOLLOW-ON DEPOIS DO FOLLOW-ON

CEMIG BNDESPAR Demais acionistas

22,6% 6,3% 71,1%


CEMIG BNDESPAR Demais acionistas
49,99% 9,4% 40,6%

Light uma True Corporation


Fortalecimento do Caixa com recursos do follow-on e reperfilamento
da dívida com iniciativas de pré-pagamento e novas captações

Amortização da Dívida Consolidada 3T19 Dívida Líquida e Dívida Líquida/ EBITDA


R$ mm R$ mm/X
3.359 Prazo médio
3,0 anos
8.244 7.989
2.052 6.541
1.717
1.339 1.409
3,70 3,69
742
428 3,00
155 56
Caixa 2019 2020 2021 2022 2023 2024 2025 2026 1T19 2T19 3T19

Ações de liability management

Resgate Término das Renegociação Resgate Emissão 17ª debêntures da


antecipado da operações com Citibank antecipado de Light Sesa (R$700 mm em
14ª debêntures de swap 35% dos bonds 3 séries)
da Light Sesa
1 R$500 mm | CDI + 1,50% | 3 anos

2 R$50 mm | CDI + 1,75% | 5 anos

3 R$150 mm | IPCA + 5,25% | 7 anos


Acompanhamento
da execução do orçamento
Opex Light Sesa
R$ mm Δ: -8,3% Capex Light (Consolidado)
Δ:+1,6%
R$ mm

Δ: +2,0%
238 799
773
744

602
220
218
216

208
204

1T18 1T19 2T18 2T19 3T18 3T19 2016 2017 2018 9M19
INÍCIO DOS

DESINVESTIMENTOS
D E AT I V O S N O N - C O R E C O M A V E N D A D A R E N O VA

% Light: 2,5%¹ Light: 17,2%


Capacidade instalada²: 280 MW Capacidade instalada²: 108 MW
PL (set/19)²: R$343,6 mm PL (set/19)²: -R$146,4 mm
OPERACIONAL Sem previsão de aportes adicionais

% Light: 51% (Cemig 49%) % Light: 51% (Cemig 49%)


Capacidade instalada²: 22 MW Capacidade instalada²: 13 MW
PL (set/19)²: R$140,5 mm PL (set/19)²: R$47,2 mm
OPERACIONAL Sem previsão de aportes adicionais OPERACIONAL Sem previsão de aportes adicionais

% Light: 51% (Cemig 49%) % Light: 51% (Cemig 49%)


PL (set/19)²: R$5,4 mm PL (set/19)²: R$9,3 mm
NÃO IMPLEMENTADA TI
CONTRATOS CANCELADOS

Nota
:1.Participação proporcional da Light em Belo Monte (25,5% de
participação na Amazônia Energia que detém 9,8% da Norte Energia)
2 Proporcional à participação da Light
VENDA DA RENOVA
STOP LOSS

Venda da participação da Light Energia Cessão de créditos da LightCom para o


na Renova para os acionistas CG I por R$1,00 com possibilidade de earn
fundadores (CG I) por R$1,00 out de 50% dos valores recebidos, agora
no âmbito da RJ da Renova

Pontos positivos

Evitou necessidade de Liberou a eventual Permite a Aproveitamento de


possíveis aportes de necessidade de Administração da Light crédito fiscal (IR/CS)
capital e demais perdas prestar mais avais e focar no turnaround na Light Energia e na
pelo futuro desafiador e fianças corporativas operacional da LightCom com efeito
incerto da Renova para a Renova distribuidora caixa, totalizando aprox.
R$150 mm
EXCLUSÃO
Efeitos no Balanço Patrimonial (R$ mm)
Tributos a recuperar- crédito de PIS/COFINS 6.169

DO ICMS
Valores a serem restituídos aos consumidores (3.573)
IR/CS diferidos (843)
PIS/COFINS diferidos (116)

DA BASE Patrimônio Líquido 1.637

DO PIS/COFINS Efeitos nas Demonstrações Financeiras


ROL
(R$ mm)

I M PA C TO U Recuperação de créditos de PIS/COFINS 3.670


Créditos de PIS/COFINS - a serem restituídos aos consumidores (2.584)
P O S I T I VA M E N T E
O S R E S U LTA D O S EBITDA 1.086
Resultado Financeiro
Receita Financeira 2.499 Efeito Líquido:
Receita Financeira - valor a ser restituído (1.037) R$1.461 mm
PIS/COFINS sobre Receita Financeira (68)

IR/CS (843)
Lucro Líquido 1.637

Considerações Decisão judicial: Parte dos créditos Parte Light (jan/02 a Critério de
constituição no para a Light e para ago/09): reconhecida ressarcimento
3T19 de créditos os seus clientes no resultado em discussão
de PIS/COFINS operacional e com a Aneel
a recuperar financeiro
LIGHT DAY
DIRETORIA DE ENERGIA E COMERCIALIZAÇÃO
D I R E TO R I A D E Diretora de Energia 221
ENERGIA E
e Comercialização próprios

COMERCIALIZAÇÃO 368
Alessandra Amaral
terceiros

LIGHTCom Superintendência de Superintendência


Superintendência de Mercado, Compra Usinas e Engenharia
Negócios de Energia de Energia e Gestão da Geração
da Geração Renato Osório
Cleber Mosquiara
Rafael Ferreira Gerência de Engenharia
Gerência de
Comercialização de Energia Gerência de Compra Gerência de
de Energia Manutenção de Usinas
Gerência de Gestão de Gerência de Gestão
Portfólio Gerência de
de Ativos Operação de Usinas
Gerência do
Empreendimento PCH Gerência de Gestão
Ambiental da Geração
Usinas e
Engenharia Plano de Segurança Impacto das
da Geração das Barragens alterações regulatórias
Vertedouro da UHE
Ilha dos Pombos Abertura do Mercado
Manutenção no
sistema de adução Separação de Lastro
Gestão da

LIGHT
Hedge hidrológico da UHE Nilo e Energia
Geração Peçanha
MRE e Garantias Físicas Implantação do preço

ENERGIA Renovação das


concessões (2026)
horário

LIGHT
Alteração no modelo
de formação de preços

COM
LightCom
Diversificação da carteira Revisão do MRE
Governança (Política
de gestão do risco) Processos de contratação
DESAFIOS e racionalização de
PRÓPRIOS E Ampliação do relacionamento encargos e subsídios
C O M P L E M E N TA R E S com o mercado

Mercado
e Compra
de Energia Redução do PMIX da Light
MODERNIZAÇÃO DO
SETOR ELÉTRICO Maior
participação Perda da
M U D A N Ç A S N A M AT R I Z de fontes
capacidade de
ELÉTRICA BRASILEIRA intermitentes
regularização
P E L O L A D O D A O F E R TA E
PELO LADO DA DEMANDA

Maior relevância Novas


de geração hidrelétricas Menor participação
fotovoltaica e operando a de usinas com
Importância de novas armazenamento MAIOR fio d’água reservatórios
tecnologias, como painéis
solares, Smart Grids, COMPLEXIDADE Barreiras ambientais
carros elétricos, baterias e DA OPERAÇÃO Esgotamento do potencial
IOT (Internet of Things) DO SIN

Atento às novas Consumidor Térmicas com o


tecnologias, busca o mais ativo importante papel:
produto mais “Prosumidor” despachabilidade Expansão da
adequado ao seu perfil termeletricidade
Quer participar, gerando ou Usinas a gás
escolhendo o seu provedor natural Biomassa
LIGHT
ENERGIA
P O RT F Ó L I O D E

GERAÇÃO
Potência GF Bruta Potência
Usinas Elevatórias
Instalada (MW) (MW médio) instalada (MW)
Fontes Nova 132 99
Santa Cecília 32
Nilo Peçanha 380 334
Pereira Passos 100 49 Vigário 88

Ilha dos Pombos 187 109 Total 120


Santa Branca 56 30
Lajes 18 15
Total 873 636

Continuidade do Plano de Segurança de Barragens


Desenvolvimento dos profissionais da área civil
Discussões sobre a Lei Federal e regulamentações vigentes
Reuniões e fóruns de discussão do GT da ABRAGE
Atuação integrada de diversas áreas da Companhia
Rápida resposta ao órgão regulador e ao poder público
Maior aproximação com prefeituras, Defesas Civil e comunidades do entorno das barragens
GSF: APROVAÇÃO DE PL
PODE ESTENDER A CONCESSÃO DA GERAÇÃO

Tema está sendo tratado Efeito


em duas instâncias econômico-
financeiro
Liminar Light (100% GSF) - Jul/2015
Ação judicial Light
Sentença 1ª instância Light (GSF = 95%) - Mai/2017
Judiciário Efeito DRE (Book de R$0)
Judicialização do setor: cerca de R$8 bi devido a liminares Efeito Caixa (Saída de R$645 mm)

PL 10.985/2018 & PL 209/2015: redação final aprovada na PL 10.985/18


Câmara e retorno ao Senado em razão de emenda - Jun/2019 PL 209/15
Legislativo
Efeito DRE (Book de +R$200 mm)
Tramitando em regime de urgência no Senado Efeito Caixa (Saída de R$645 mm)

Próximos Aprovação Sanção Regulamentação Adesão Possível extensão do


prazo de concessão
passos do Senado Presidencial pela Aneel dos agentes
Até 90 dias Até 60 dias
COMPRA DE ENERGIA E
SAZONALIZAÇÃO AUMENTARAM O
EBITDA DA LIGHT ENERGIA

GSF ponderado Compra de Energia¹ EBITDA


pela carga (%) (R$ mm) (R$ mm)

85,6 495 433

269 300
83,2 298 311
81,9

9M17 9M18 9M19 9M17 9M18 9M19 9M17 9M18 9M19

Criação de valor adotando uma estratégia acertada para mitigação da


exposição ao PLD com redução das despesas com compra de energia

¹ Inclui compra de energia no ACL e no Spot, além de encargos


COMERCIALIZAÇÃO
INTEGRADA À GERAÇÃO
Comercializadora pertencente a um grupo sólido, integrado,
com ativos de distribuição, geração e transmissão
Cerca de 85% da energia gerada pela Light
Energia é comercializada pela LightCom

Descontratação¹ (MWm, %)

21% 24% 35% 43% 53% 56% 79% 79%


111 125 184 222 277 292
412 412
418 396 342 294 246 229
110 110
2019 2020 2021 2022 2023 2024 2025 2026
Contratada Descontratada

¹Light Energia + LightCom


EVENTO
CLIENTES LIGHTCom
ENERGIA
COMPRA DE

DA LIGHT SESA
Portfólio
de contratos
Pmix com
Risco 29.212 MW

Hidrológico set/19 21,9% Garantia Física Contratação


R$
MWh
21,7% Norte Flu
set/19

20,2% Quantidade

15,9% Disponibilidade

15,8% Itaipu
3,0% Eletronuclear
set/19
REDUÇÃO
DO PMIX LIGHT
LIGHT
% Aquisição LEN A-6/2019

38,9

CEMIG 15,2
LEN A-4
74 MWm de 2023 a 2052 a
R$151,00/MWh COELBA 11,8

LEN A-6 CEMAR 9,0


449 MWm de 2025 a 2055 a
R$176,09/MWh
CELPA 8,8
62% da energia de Norte Flu
reposta com redução de preço
de 38% no volume contratado
CELPE 7,9
PMIX reduzido em aprox. 6%

Benefício para o Caixa, perdas e BOA VISTA 6,2


inadimplência

Recomposição do portfolio CEPISA 1,7

nos leilões previstos para


2020 (A-5), 2021 (A-4) e
2024 (A-1)
CEAL 0,6
LIGHT DAY
DIRETORIA DE GESTÃO EMPRESARIAL
DIRETORIA DE
GESTÃO Claudio Bernardo
Diretoria de Gestão

EMPRESARIAL
Empresarial próprios terceiros

Carlos Geraldo Jaqueline Luis Henrique Fernanda


Buonomo Rebouças Carrijo Lopes Amador
Superintendência Superintendência Superintendência Superintendência Superintendência
de Tecnologia e de Aquisição e de Recursos Jurídica Jurídica
Informação Logística Humanos Contencioso Corporativa e
Estratégica
Gerência de Infraestrutura Gerência Operações Gerência Desenvolvimento Gerência Jurídica e Gerência Jurídica
de TI Logísticas Organizacional Contencioso Cível Corporativa

Gerência de Gerência Materiais Gerência de Relações Gerência Jurídica e Gerência Jurídica


Sistemas Operacionais Trabalhistas e Sindicais Contencioso Geral Tributária

Gerência de Governança Gerência Processos e Gerência Segurança e Gerência Trabalhista


de TI Projetos Medicina do Trabalho

Gerência Materiais Gerência Remuneração


Corporativos e Serviços Benefícios e Folha de
Pagamento
Gerência Patrimônio e
Serviços Administrativos

Gerência de Gestão de
Fornecedores e
Monitoramento de Contratos
CULTURA DE
EMPRESA PRIVADA
Contexto mai/19 Processo de Estratégia RH Novo posicionamento
turnaround
Cultura organizacional
“REPRIVATIZAÇÃO”
desalinhada, Assegurar uma cultura
posicionamento “estatal” de resultados,
segurança e
meritocracia
Cultura de resultados e
meritocracia Fomentar um ambiente
Acidente zero
descontinuada de engajamento, Aqui a vida não se negocia
12 mil desenvolvimento
e alta performance Ética
Baixa performance pessoas para a superação Não toleramos jeitinhos
organizacional e
paternalismo justificados Companhia de donos
por “um clima positivo” Criar valor para os
Stakeholders: empresa Somos donos e assumimos resultados pessoalmente
sustentável e com
rentabilidade Alta performance
Parte da força de Superar é o nosso DNA
trabalho não engajada
para os desafios Execução com excelência
Qualidade e foco no cliente é com a gente

Modelo forte de gente e cultura


IMPLANTAÇÃO DE UMA
CULTURA
DE SUPORTE AO PLANO
DE TURNAROUND

Ações realizadas
Novo Jeito de Ser partindo da
Plano de Gente e Cultura: Certificação técnica das sinergia e integração entre as
4 pilares, 35 macroprocessos equipes próprias e terceiras áreas para um resultado coletivo
de combate às perdas
Agilidade na movimentação Time único com
da força de trabalho Otimização de estrutura, único propósito
lançamento de PDV e do
Renovação de 48% programa de Trainee
da liderança
| 78% heads Stock options
e revisão da política de Ser amelhor
Primarização Engenharia remuneração variável empresa de energia
e Combate a Perdas do Brasil
| 500 colaboradores Redução de 40% dos
índices de acidentes
Infraestrutura de Matriz de Risco elaborada em
TI ago/19: Estabelecer a sustentação
operacional dos sistemas legados
Preparação da Infraestrutura para
suportar as inovações e demandas
MODERNIZAÇÃO de negócio

DOS SISTEMAS
DE TI Sistemas Gestão
Empresarial SAP
Atender as demandas de melhoria
contínua dos processos de negócio
e manter a atualização técnica
para garantir um melhor
controle interno e aprimorar a
experiência com o cliente Sistemas de Gestão Grande volume de demandas
Comercial SAP evolutivas
Implantação de projetos de
inovação utilizando tecnologias de
mobilidade, data mining & analytics
(recuperação de crédito e serviços de
campo) e transformação digital
REDUÇÃO DE CONTINGÊNCIAS
JUDICIAIS

Objetivos Iniciativas

Redução no ingresso de novas


demandas judiciais 1 Maior sinergia e ambiente
colaborativo com a área comercial

Redução do estoque de processos


judiciais (aumento de encerramentos) 2 Capacitação para peritos judiciais
(parceria entre Light e TJRJ)
Maior quantidade de processos
submetidos à conciliação (acordos) Novo modelo de contratação e
3 melhoria no controle e fiscalização
Redução das provisões, do PMSO dos escritórios de advocacia
e das contingências

4 Melhoria dos subsídios para as


defesas da Companhia
MELHORIAS NOS PROCESSOS
INTERNOS JÁ MOSTRAM

RESULTADOS

Quantidade de processos JEC (mil) Redução de 9% na entrada


28,0 de novos processos no 3T19
25,0 em relação ao 2T19
23,6 23,2 24,2
21,6 21,8 22,1
20,1 20,9 Redução de 15% em
18,9
17,4 16,7 17,3 17,1 comparação ao 3T18
21 mil processos encerrados,
10% maior do que o registrado
no 2T19, decorrente do aumento
do número de acordos
Tempo médio de encerramento
3T18 4T18 1T19 2T19 3T19 dos processos JEC
# novos processos # processos encerrados # estoque é de 4 meses
NATUREZA DAS
NOVAS DEMANDAS

JUDICIAIS

Quantidade de demandas JEC (mil)


24
22
2,6 20
1,5 2,3
17 17 1,9 2,4
2,8
1,4 2,1 2,6 1,8
3,1 1,1 1,6 2,8
2,3 2,3 2,2 5,4
2,5 3,8
3,7
2,0 3,9 3,4
11,3 2,6
7,4 6,1 6,1
5,1
Condenação criminal de comerciante
3T18 4T18 1T19 2T19 3T19 por furto de energia
TOI Fatura Fornecimento Titularidade Suspensão Outros
GESTÃO DE MATERIAIS
E SERVIÇOS

Redução do estoque, Melhor aproveitamento de espaço físico Implantação de sistema mais eficiente
com otimização do nas instalações com consequente redução para controle de saída de materiais
uso de materiais de custos, melhoria da ambiência e para terceiros
integração das equipes

Alienação Redução de despesas


de imóveis para com transporte e
redução do Opex combustível

Georreferenciamento Redimensionamento
das áreas circunvizinhas da frota de veículos
às barragens de geração