Você está na página 1de 10
TRADUÇÃO BRUNA BEBER
TRADUÇÃO BRUNA BEBER

TRADUÇÃO

BRUNA BEBER

O Gatola da Cartola © 2017 by Dr. Seuss Enterprises, L.P. The Cat in the Hat™ & © 1957, renovado em 1985. Dr. Seuss Enterprises, L.P. Todos os direitos reservados

Grafia atualizada segundo o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa de 1990, que entrou em vigor no Brasil em 2009.

Título original

the cat in the hat

Projeto gráfico

claudia warrak

Revisão

viviane t. mendes ana luiza couto

Tratamento de imagem

américo freiria

Composição

yumi saneshigue

Dados Internacionais de Catalogação na Publicação (cip) (Câmara Brasileira do Livro, sp, Brasil)

Seuss, Dr., 1904‑1991. O Gatola da Cartola / Dr. Seuss; tradução Bruna Beber. — 2 a ed. — São Paulo: Companhia das Letrinhas, 2017.

Título original: The Cat in the Hat. isbn 978‑85‑7406‑696‑7

1. Literatura infantojuvenil. I. Título.

15‑08393

cdd‑028.5

Índices para catálogo sistemático:

1. Literatura infantil

2. Literatura infantojuvenil

028.5

028.5

2017

Todos os direitos desta edição reservados à

EDITORA SCHWARCZ S.A.

Rua Bandeira Paulista, 702, cj. 32 04532‑002 — São Paulo — SP — Brasil Telefone: (11) 3707‑3500 www.companhiadasletrinhas.com.br www.blogdaletrinhas.com.br

A marca fsc ® é a garantia de que a ma‑ deira utilizada na fabricação do papel deste livro provém de florestas que foram gerenciadas de maneira ambientalmente correta, socialmente justa e economica‑ mente viável, além de outras fontes de origem controlada.

Esta obra foi composta em VAG Rounded e impressa pela RR Donnelley em ofsete sobre papel Alta Alvura da Suzano Papel e Celulose para a Editora Schwarcz em setembro de 2017

O sol não apareceu. Lá fora, que chuvarada. Então ficamos em casa, fazendo nadica de nada.

5

Ficamos eu e Sally, olhando tudo sem ver. Eu disse: — Ah, o que eu queria era ter o que fazer!

Estava muito frio e chovia lá fora. Como seria bom sair e jogar bola.

6 6

O jeito era ficar sentado, sentado, sentado,

sentado!

Mas qual é a graça? É chato ficar parado!

7 7

De repente, bum ! Um barulho alto! Que susto! bum ! Demos um salto. 9

De repente, bum! Um barulho alto! Que susto! bum! Demos um salto.

9 9

Olhamos! Era a pata do Gatola! Olhamos! E lá estava ele! O Gatola da Cartola! Ele disse:

— Levantem já daí, ora, ora!

— Eu sei que está frio e o sol não quer sair. Mas nada está perdido. Vamos nos divertir!

11 11

— Sei brincar de vários jogos — disse o Gatola.

— Sei até fazer mágica —

disse o Gatola da Cartola.

— Vamos lá, eu vou mostrar. Sei que a mamãe não vai se importar.

Só eu e Sally, de novo.

O que poderíamos falar?

Nossa mãe tinha saído

e não disse quando ia voltar.

12